quarta-feira, janeiro 25, 2006

oh macacos e macaquinhos, bichos rastejantes e vis, baratas tontas e sei lá mais o quê que se acham grandes e sabedores e só fazem asneiras e depois é preciso arranjar um bode expiatório para os vossos erros de reles aprendizes que nem sabem o que fazem e depois saí continua asneira e asneirar, ou então por encomenda própria para alguém outro tentarem arruinar.

cinco minutos vos dou para que a chave, ou chaves que tem da minha casa, que vos permite entrar, mexer, dispor objectos, levar uns temporariamente, outros que aparecem e desparecem, para depois montar actos presecutórios e outros quejando que tais.

fungos no pão que eu como, e agora levam-me instrumentos que ninguém alheio deve tocar, que cairam do céu em meu caminho. Não brinquem comigo nem é comigo que estão brincando!!!

desta maneira obrigam-me a tornar um fascista tipo norte de itália onde agora já se pode matar em caso de ameaça absoluta. Welcome to the new world, onde a violência é tão grande e trás tantos assustados, que se reclama a possibilidade de matar. não são as pistolas meus meios, mas se for preciso arreganhar os dentos, vós mostrarei a todos um dragão e depois pensem se ele tem ou não tem substância.

E agora para alem de mexer remotamente em meus ficheiros, não sabendo de que forma os alteram, ainda os apagam. Só Tenho Uma Conclusão e Juizo Nesta Matéria, Vós Não Sois Meus Amigos e Assim os Vou Começar a ver e a tratar e já vos disse, venho ao inicio sempre de mão estendida.

não se pode entrar em casa alheia sem ser por convite do Dono e começar a fazer nem sabem bem o quê, nas vezes, tanto cegos são e pouca imaginação tem.

E depois voces montam-se na minha alma, na minha energia, quanto a energia é de cada um e a tentam chupar para uso próprio.

nunca me viram a fazer isso ou semelhante, esta é a Autoriedade com que Vos falo!!!

e três vezes rodopia a minha varinha invisivel e vós assente este chapéu.

.....
Oh Amada Deixa-me Falar
Como Me Cicuta a Tua Ausência
Já Morri mil Vezes
E Ainda Ninguém
Tocou Piano Em Meu Morrer

Oh Amada Deixa-Me Falar
De Como És Bela e Beleza
De Como Te Sinto Em MIm
De Como Dizes Não Há Separação

Ouco-te Antes de Ouvir
Leio-te Antes de Escrever
Peso-Te Antes de Pensar
Sinto-te Antes de Chegar
Ah Amada Mais Amada
de Novo Te Puseram a Pedra
E O Pau Em Nosso Caminho
Como Ousais Senhores
Como Ousais
Intrometer-Vos
Em Quem Se Ama
Em Quem Se Quer

Como Ousais Fechar
As Portas Ao Amor
Amor
Amado
Amante
Possante
Quando aqui Disse Minha Amada Que Era Meu de Direito Próprio a Chave, Ela é Tua Por Igual e Distinto Direito Mesmo Direito Próprio. Sem Ti Não a Conseguiria.


.....


Irmãos não vos quero deixar na ignorância
Não ficais abatidos como os outros
Que Nós Cremos Em Jesus
Nós Cremos Que Ele Morreu e Foi Resuscitado
E da Mesma Maneira Jesus os Levará com o Seu Filho

Pois Sob a Palavra do Senhor Nós Declaramos
: Atender o Regresso do Senhor, Não Desvaneceremos
Au Sinal Dado Pela Voz do Arcanjo ao Apelo de Deus
Unidos ao Cristo Ressuscitarão Primeiro
De Seguida, Nós Os Vivos, Que Ainda Aqui Estamos e Somos
Iremos ao Reencontro do Senhor

Então O Reino dos Céus Será Equivalente
A Dez Jovens Que Irão de Reencontro do Esposo

Cinco Dentre Eles Erão Insansatos
E Cinco Estavam Previsto
De Transportar O Óleo
Desde Que Os Que Prevem o Tivessem Trazido
Como o Esposo Tardava, Eles Se Foram Todos
No Meio da Noite Um Grito Fez-se Entender

Vejam O Esposo
E Todas as Jovens Filhas Acordaram e Se Prepararam
Os Insensatos Perguntaram aos Profetas, Dêem-no
E Os Profetas Responderam
Que isso não seria suficiente aos que O Comerciam

Enquanto foram comprar, o Esposo Chegou
Aquelas Bodas Ocorreram e a Porta Foi Fechada
Mais Tarde, Outras Jovens Filhas Chegaram à Hora
E Ele Lhes Respondeu: Amen, Isto Vos Digo, Não Vos Conheço
Venham Então, Pois Não Sabem Nem O DIa Nem a Hora

dois extractos livre de São Paulo e do Evangelo de São Mateus/
está o cofre aberto ou fechado, se o foi ou o é?
alguem sabe?
se sim onde está o Ouro?
a realidade somos de certa forma nós que a fazemos a partir das nossas percepções.
a verdadeira batalha, batalha neste plano.
na descodificação do que vem selecionado e formatado pelos medias, pelo ver em directo e por esse visto com o sentido do Amor Justo na Exacta Proporção das Coisas e dos Aconteceres, alterá-lo. tão dificil e tão simples quanto isto.

se somos Amor, Mais o Amor que é Verdade Se Torn, Acontece e Se Espalha.
be aware that someone take my alimentation unit of my telephone, and i dont have another line, the baterry runs away and if a take paper notes they also see them often if i d´ont care by myself.
não tenho acesso aos arquivos de 1 de 1 de 2006.


.....

Lembrai-vos Todos que Deus criou os Corpos Tambem para com eles ter prazer e que é cada um livre de fazer com ele o que quiser, desde que não magoe ninguém outro.
deve ser pela natureza do julgado, a investigação da morte de um Grande e Valoroso Homem, que tudo isto reflecte e a suspeita de eu o ter matado num especie de plano e combate astral por assim dizer e se isto são assuntos dos homens, não se passa em planos enquadráveis nas leis humanas e a averiguação, condenação e execução quando a há, tambem não se passa a olhos vistos.

quando parti para Ti minha Amada, chorei, porque meu coração sabia durante este tempo que algo não estava bem, só não sabia que era Teu Pai e de certa forma Meu. Chorei por Ti, Chorei por mim, chorei por Ele e por todos os justos que caem. Estes actos não se podem deixar passar, mas responder com violência à violência gera sempre mais violência, dificil equação para resolver.

.....

recebi as noticias e Expresso Meu Profundo Pesar, estava a pensar que fosse pior em número, pois pior e é sempre o pior quando alguém parte, basta um.

Meu Gentil Carinho, Meu Colo, Meu Reconhecer Aos Que Partem.

.....

vou ver a Arvore e levo mais pregos no bolso e martelo para ver se é caso de os usar.

....

quase não como nem durmo e agradeço as dicas de sobrevivência.

tambem me parece que temos mais um dia pela frente antes disto acabar, vejam onde se põem pois em meu ver é desse pôr que depende o resultado, mas isto sabe cada um em seu coração. em meu ver há uma guerra espiritual a decorrer, poi são muitas as energias psiquicas à solta, algumas delas encenadas, cuidado, para fazer crer, mantenham sempre o Coração calmo e limpo quanto se o pode ter nestas situações, é a Melhor Defesa e Ataque.

mas não me ponham só a mim os custos de sangue, o sangue é todo um mesmo, eu sem o saber já o sabia , pois apertasse-me o coração quando o sinto acontecer

pior será pensar que sou eu que o provoco e confundir-me com o inimigo. percebo vossas dúvidas, vossas estupefacções mas não tenho o tempo de vos explicar agora em detalhe.

continuo sem nada saber do meu filho.


Amen
quando ia partir para Ti, sabendo onde Estavas, surgiu um julgamento, de isto aquilo e aqueloutro feito aqui ao vivo.


Oh Amada, saí para a rua no tempo sem tempo onde ainda me encontro vagando aqui e acolá e o dia como os ultimos dias em tua presença nasceu com um suave alvo nevoeiro, desci a rua e de repente a rua não era mais aquela rua, uma outra rua numm outro tempo num outro lugar no mesmo lugar. quando percebi que a era a via sacra, ajoelhei em seu meio nas pedras da calçada pretas e veio-me o choro por todos os que sofrem as injustiças e são perseguidos, depois vou descendo a rua e voltei para o jardim e dei com a Senhora Muito Crescida de Cabelo Branco Prata que começou a falr comigo dizendo , vê estes dois cães, bem atrás de mim e assim era, dois rafeiro maltrapilhos como Ela Mesmo Se Apresentou, sujos e puidos em seus pelos, como eram Suas roupas, assim nos encontramos a cinco, os cais conversaram em silêncio porque tudo era paz imersa naquele movimento. disse-me ainda que os cães a seguiam para toda a parte e que depois atravessaria a ponte ao ir para oeiras, depois de andar no tapete rolante aereo que se estende entre as duas Alcantaras, a Terra e o Mar, como uma dupla ponte. Conversamos e disse-Lhe que era bom ter os cães por companhia e lá seguimos neste primeiro encontro de três que nessa manhã em tempo curto se deram, ela subindo, eu descendo cheguei ao jardim numa estranha e rara luz branca e Alva com reflexos azuis e a ponte entrava por o nevoeiro adentro, numa imagem de suspensão profunda daqueles que se manifestam quando as coisas todas se aquietam e o tempo deixa de ser tempo. ali fiquei a observar. os pássaros e as pombas se juntaram ao pé de mim, e por todo o lado, em cima das telhas do pálacio e duas se colocaram simétricas às nove e às três da Estrela.

A arvore do jardim que representa Senhora Dormindo se Encontra Dormindo, fui beijá-la e fiquei imerso por toda aquela imersão que acontecia, a ponte estranhamente suspensa enfiado no nevoeiro que vinha do sul.

depois olhei outra arvore ao longe, melhor será dizer que algo se me revelou pois em sua casca vi à distância qualquer coisa que pareciam pregos e quando me aproximei eras mesmo, pregos antigos que entretando levaram daqui de casa e por isso já não os mais os tenho e soube que os tinha de tirar e assim fiz, depois mostrei-os à Senhora que me disse que já não prestavam para nada e que seria melhor coloca-los de novo e assim fiz. quando tirei o primeiro escureu um liquido preto da arvore e eu na dúvida, porque precisa a arvore pregos, por que tenho eu que lhe cravar na minha irmã arvore, mas confirmei com a Senhora que me disse para o Fazer e Assim Fiz e alguns disso se aperceberam, como o guarda que está no palácio outros provavelmente já de lá os tiraram e assim os cabelos do chão da arvore devem se encontrar soltos outra vez. esta é minha explicação, quando acabar este por agora escrever, vou lá e levo martelo. no martelo está escrito ao de leve o nome santana em letras vermelhas. já estava, foi alguem que me deu um presente informativo tão ao de leve que eu demorei anos para o ver. vão lá e se não tiver pregos os ferrem de novo, e embora aquilo tenha sua certa ciência em seu cravar e número, a vontade de Amor que quem o fizer Levar, trás o Amor ao Mundo, para estancar as cobras de seus finos cabelos das mil confusões e intrigas, fica à direita a olhar o rio.

depois de um tempo muito grande lá subi de novo a rua quando meu olhar viu a pequena chave na mão, que entretanto quando me começaram a julgar e antes de o deiixar que o fizessem, foi de carro levá-la a um lado mais escondido, pois foi-me clara a imagem de um corpo a ser despedaçado a procura de uma mesma ou semelhante chave, por quem então para a esconder e não deixar cair em mãos alheias, nessa vez a engoliu.

o julgamento correu à moderna, e ao vivo e na net ena Palavra escrita e foi feito sobre ameaça de que se fugisse, morrerem duas pessoas que eu Amo e Protejo e Assim me dei à Verdade como registo. no final disseram-me para correr para minha amada, depois na viajem relambraram que a chave tinha que ir, voltei para trás a buscá-la, não a encontrei mas creio que alguém da Luz a encontrou, ou que Luz a fez encontrar. Ela é minha por direito e quero-a da volta. Malandros ou Amigoss. cheira-me mais aos segundos na Fé, mais aos primeiros que muitos que se fazem amigos, nas vezes o fazem para melhor fazer malandrice.

depois de voltar de novo a minha amada, fiquei parado no sitio onde se passou algo em 1999. Aveiras por analogia, Aveiro, ou a ver as eiras e aí toda uma confusão começou, mas é longa história e ficará para depois.

.....

um carro quando vai a uma garagem pode ser por outros usado para simular acidentes ou mesmo fazê-los e assim culpablizar outro.

recordo-me de outra vez a caminho do sul de noite, eu com essa namorada e meus olhos de gavião nocturno ver de repente na berma da estrada, algo que me pareceu um corpo. parei de imediato, fiz macha atrás e estava um senhor deitado com uma motorizada de 5occ ao lado dele. vi que ainda estava vivo. quando assim estava paarado chegou um outro carro branco com um casal e entretanto chamou-se a policia pelo telefone deles, porque nós não tinhamos telemoveis e eles tinham. era um tempo que ainda não havia muitos. depois de saber que a ambulância vinha a caminho, e visto que os outros se disponibilizaram para ficar e esperar, fomos nós embora. será que aquilo era tudo uma armadilha incriminatória? O acidentado não me pareceu, mas não lhe mexi porque a posição de seu corpo me dizia para não o fazer. será que combinaram os três depois dizer que teria sido eu, que o detectei, a atropelá-lo?

.....

vi meu blog num posto de gasolina, não aparecem links nenhuns
Ah Amada Amada, Muito Amada.

chocam-se teus ouvidos por dizer que faço com meu corpo o que me apetece.
não escutes as normalidades nem as normalizações, as mudanças na forma como se faz o prazer, fazem-se muito em função da relação, com os que estão mais perto.


....
creio que serei acusado de um acidente de automovel e de eventualmente ter criado dano a segundo ou terceiros.

.....

não sei se já o relatei aqui e agora não tenho tempo para ir verificar mas aí pelos meados de 90 e tais passou-se o que hoje penso ter sido mais uma tentativa de me provocar dano.

a minha namorada, que andava às vezes com o meu carro, com carta aprendida como depois descobri, uma vez bateu de leve arrancando o para choques de plástico da dianteira e assim com o bigode descaido me apareceu no escritório. depois de saber que nada de mal lhe tinha acontecido a ela e a outros, o carro foi a arranjar e ficou com os travões desafinados, isto é, virava em travagem funda e assim me depistei. como vi com meus próprios olhos, a pequena batida que soltou o guarda lamas e o pôs à banda, não afectou nenhum elemento estrututal da chassis ou dos semi eixos, ou de qualquer apoio que possa ter criado uma forma de travar mais de um lado de que outro. o carro foi reparado na honda do arieiro

.....


percebo-te amada quando dizes que não sabes que mais dizer, vem cá que te dou beijinhos que Te inspirem e Te faça Festas nos cabelos
my best hinch, the paradox solves whem both slip and them dream together.

a rosa ainda não feneceu por completo e enquanto há Vida e Viver, Há Esperança.

Alegria como Força do Amor É dificil de manter em estados de dor, mas dar por terminado o que ainda não bem começou, me parece estupidez maior, continua a parecer-me que Este É Combate Final, se a Luz O Perde, descerá Sobre a Terra as Trevas do Fim.

.....

Preciso de Ti, Minha Amada, da Tua companhia, quem me dera dar-Te lentos beijinhos por todo o lado sem lado, rir e sorrir contigo num dia de verão alegre e despreocupado.


.....


Como vos disse não sei o que se passou à volta no mundo, mas senti, num momento a mudança nos corações e agires das Gentes. Cheira-me que andam à solta muitas anomalias.

e minha Amada Se Estás Agora Acordada então vou eu Dormir, até que me venham buscar a ver se o sono e o sonho que ainda não tive contigo se cuida e se torna cuidado cuidadoso de cuidar.

deverei acordar com a policia a entrar. descobram o papel abandonado dobrado e com o pequeno tridente de Neptuno o Mar, pois estão lá os doze nomes dos que mal agem, mas sigam a Rosa negra e tudo o resto se encontrará

.....
certo a ideia do paradoxo
tudo se comunica se se estiver calmo para o entender e tudo vai falando e existem imensas coisas a tratar em seu caminho. um espelha o outro e é necessário ir resolvendo-as à medida do seu acontecer.

sobre o in e out, como se não há comunicação?

um in está para acontecer entre dois

.....


Recebi de Vós Muito Amor E Vos Trago Apreciação Por isso, chorei diversas vezes em pequenos borbotões, ao Sentir Vosso Amor e Creio Que O Sentem Tambem.

se a chave que não é chave não foi perdida, foi por Intervenção do Alto Achada, Sim ou Não.

Em Aveiras metade ou mais da lista foi recuperada por um país vizinho ao meu. O Tridente que lá Estava mesmo que Queimado NãoO Foi, pois Não Expressei Essa Vontade!

Cuidado Minha Amada, Nem Tudo o que é parece, nem tudo que acontece é o que se pensa acontecer
ataques infomáticos acontecem à medida em que se publica, espero que fiquem registados por alguém como defesa e conhecimento das origens,

não cheguei ontem a minha amada, mas estive perto


lá no mar ao luar, que a Lua desce no Céu hoje à noite, sobre o farol encontrar.

não é no farol, mas rima com lena.
apareceu, um ratinho que quando me viu se escondeu entre dois canos verticais numa fachada de um prédio e ali ficou muito, muito quietinho.

.....

unica noticia que ouvi de raspão, já a ONU, disse o que importaria ter para resolver os problemas no mundo.

façam favor de ver quanto dá em média a cada um, vejam se é possivel, ser suportado por uma média dos cidadãos, quanto uma média é. somando percentagens sobre valor de rendimento per capita reais, país a país.
não adianta Ter o Manto Sem O Encontro. passavam muitos na estrada de ambos os lados, quem apoia e quem tenta como de costume destruir. Malditos Sejam Todos Os Actos Malditos, Que Retornem a Eles Antes Mesmo de Serem Feitos!!!
isto é um paradoxo sério e a brincar, os cinzeiros dos cafés são mutio belos o vento sobre um belo
som. chama minha amada, chamo e chama por Ti, Sempre!

Juro-Te Eterno Amor, Mais e Mais Uma Vez, o resto são batatinhas e grelos grelhados.
neste estar aqui e ali num mesmo tempo sem tempo, pois ele de facto não existe, vos pedia que vossos apoios fossem um bocadinho mais directos e esclarecedores. se tal vos for possivel
Chorei por Ti amada quando ia ter contigo, depois de penso que com sucesso recolhida a chave que ela como sabes não é material, pois pareceu-me que teu pai foi mesmo morto. perçebo o que nos liga, sendo tambem parte, O Amor Que Eu Lhe Tinha.

o livro foi destruido por razões várias e agora tenho que esperar que a memória volte. aconteceu parar numa estação de auto estrada em aveiras onde estive muito tempo, depois caminhei par Ti e só consegui andar às voltas.

estou de novo em lisboa, depois de confirmar outras coisas e parto. penso que às 5h me virão prender. nem faço ideia por que será, mas sinto-aa
breves imagens da ascenção.
tudo é cruzado entre o alto e o baixo.
a operação é feita simbolicamente por analogia
é preciso ir devagar e com calma e sem estar drogado

nas quatro fontes há uma arvore que não é só feita de madeira e que surge.
a Senhora apareceu com dois cães que conversaram como o meu e Ela comigo e deixou a chave.

a chave tem um simbolo gravado, um circulo, um recta traçada de certa maneira na maneira certa.

o manto apareceu e tem-se mantido, mas faltará ou não a luz suficiente para o manter até à União

a União é em meu ver Urgente
confirma-se a existência de 13 nomes internacionalmente organizados chegando inclusive a matar outros, cuja chave encontrei e perdi, pois estou drogado com lapsus de memória. irei lembrando-me.

o principe negro é o que foi afastado do grupo bilbem com qualqeur coisa, que isto está assim de memória. conta que ela volte, mas agora tenho que me ir. depois informarei.


estou neste momento completamente fora do que ocorreu no mundo nas ultimas horas desde que aqui postei. probematico, tenho esparsos reflexos e torna-se muito mais complicado juntar imagens. quem as tem que as faça

no meu entender o manto continua. o encontro com minha Amada é urgente.
1999. aveiras, escultura, largada ou fugida do touro?
que mais se passou nesta data? alguém sabe.

.....

ainda por cima tive um julgamento até as 5h. meninos e meninas , uma coisa de cada vez, porque eu não fugo, posso me esconder, e voces já o provaram, portanto escolham melhores alturas que isto está muito quente. Ok!!!
não é souto moura, mas adelino salvato, se é este o nome do procurador adjunto sobre quem recai a minha suspeita devem saber somar o resto dos afectos .
a chave está perdida ou guardada

a rosa vai fenecendo

parece-me que encontro no dia sugerido será tarde

andei de um lado para o outro na autoestrada, controlam a mente com base na droga, anuncios, cartazes e luzes de automoveis com disposições hipnóticas e geradores de estados semelhantes a
hipnoses. nada de novo, se não houvesse esta droga por baixo ou por cima
a chave foi achada na rua depois do Encontro com a Senhora. a rua do borja é a av. da cruxificação, doze candieiros, igreja do Sucesso e Triunfo.

os pregos foram mexidos
drogaram-me com qualquer coisa de violenta, mais que uma trip e ainda não estou completamente focado, vai e vem e estou com lapsos de memória

terça-feira, janeiro 24, 2006

espero que esta escrita lámiré, curta e rápida vos dê uma ideia da violência e da sua constante expressão no que eram os dias de alguns nesse tempo e relembrando que as estruturas eram organizadas e que portanto maior responsabilidade tem quem nelas desempenha esses cargos, falando obviamente de estruturas que se forma vericalmente e em piramide, onde um ou pouco no topo controlam muitos que pouca ou nada liberdade de pensar e exprimir, tinham.

tenho vindo a ver as diveras alcateias a aproximarem-se de mim e portanto o caminho é como sempre ir para a frente subindo a parada.

nos últimos textos, as referências explicitas estenderam-se a nomes de partidos , ps, cds, pp e psd que são os que sempre me preseguem, porque lhes faço frente e eles são muitos e se estendem pelos aparelhos todos e mais alguns e assim perseguem paulatinamente e de forma constante os que elegem para abater. o que é o meu caso, por quem sou, pelo sangue que corre em mim. e esses meninos, não tão meninos assim, industriados pelo conhecimento de seus pais me faziam então de tudo, como sempre tentaram.

e depois pus-me no papel de Procurador, dizendo que o que temos bem como o sistema policial e judiciário não funciona bem e porque tenho a certeza pelo que o Pai me deu a Ver, que a questão do rapto das crianças e a utilização da carne e sangue tem como é característico nesta situação usos e fins que já descrevi em posts anteriores.

portanto, olé, olé, venham cá, e cá estão para ver se a gente clarifica isto, mas muita atenção a duas coisas, a primeira é que eu estou sózinho com o que sou, sob o Manto do Pai e depois não tenho estrutura de investigação, nem dectetives, o que me limita como é óbvio a minha capacidade de recolha de elementos e sua confirmação, e se bem por um lado, no sentido em que não gosto de ser policia, mas muita atenção, provar de prova provada daquela que se pode levar a tribunal, dificil é, o que me proponho é contar como sempre a verdade e esperar que ela vos faça sentido, sabendo eu que para mim só fará, quando tiver informações complementares, que alguns de alguns grupos e agrupamentos tem, mas que espero vir a ter.

eu sabia que aquela forma elaborada para não revelar os grupos que intervem neste processo, pois visto muitos deles serem secretos e outros nem grupos verdadeiramente são, era na altura para todos mais benéficos. Mas agora pia mais fino, pois o jornal deixado dobrado no chão da rua de meu prédio tinha a face do procurador, com o titulo, presente de souto moura ou algo assim, mas que assim indicava como o facto de ele se encontar cuidadosamente dobrado da forma e jeito que estava e o seu dizer, era claro para mim a mensagem.

e chegados aqui meus amigos vamos ter que chamar as coisas pelos seus nomes, no sitios onde eles são visiveis, pois á minha volta desde o ano passado anda tudo, desde os monárquicos, aos republicanos, as diferentes ordens e associações secretas, aos olhos do cidadão comum.

e de repente começa a perseguição e agora estou aqui a fazer a minha defesa, suprema ironia.
eu não estou a fazer defesa, estou a dizer como vejo as coisas.

preciso de ter resposta a esta primeira questão, agora sou eu e espero-a e não a tenho.

Não deixa de ser significativo quando eu lanço este desafio pedindo às diversas forças politicas que digam claramente se querem paz ou guerra, que em vez da resposta, lançem eles o ataque, supostamente entregue pelo souto moura. apertei-lhes os calos e eles dão patada e tentam fazer de mim culpado de que qualquer coisa que nem sei ainda bem se tratar e estamos por assim dizer entre grupos que operam de acordo com a sua vontade, organizados e por vezes com codígos que variam eles mesmo dentro de organizações similares, mesmo quando são predominantemente singulares e alguns irão até a execução fora de qualquer processo normal e judicial, que tambem como sabemos não é assim nas vezes tão normal como isso.

chamo aqui por conveniência a um dos grupos AA, ou BB, ou CC.

se souto moura não for AA , então oferece um presente aos AA, sacudindo desta forma a agua do seu capote, se o capote for dele e só dele, como que dizendo eles que tratem dele.

se souto moura for dos AA, então acreditará e estará convicto no que me acusa sem acusar como procurador da republica, mas dando não sei o quê de informação aos AAs.

por outro lado ainda, o jornal se para mim é claro recado e indicação, poderia não ser aceite num tribunal normal.

e ainda existe uma outra possibilidade que me foi sondada via internet relativa a um grupo que se aprensenta como uma especie de pele e que colocava a questão de ter um traidor infiltrado entre eles e pelo que deles li, assim me fez sentido tambem, pois segundo eles relatavam, coisas estranhas se passavem, como um membro que passava num determinado país, ou de lá saia aparecia um surto de gripe das aves. recordo-me particularmente desta pois aponta para uma velha suspeita que se manifestou por exemplo quando do aparecimento da sida, de que o virus teria sido fabricada e olhando o mapa dos paises de alto e no geral não me parece uma normal progressão de epidemia, é demasiado errático para o parecer e talvez ser.

provocação de epidemias, rapto de crianças, organização de tensões sociais são hoje fenomenos organizados globalmente, por diversos que pressupoem uma organização montada, sendo isto mais evidente relativamente ao deseparecimento dos meninos e das dificuldades do aparecimento dos corpos, que aponta para que eles sejam utilizados. da mesma forma recordo que as bombas que tem rebentado, são acompanhadas por uma preparaçãode violêncie em outro paises e tenho uma forte intuição desde sempre que o caso a que se chamou de arrastão foi gatilho e engatilhado nas de Londres, pois como sabemos o medo pega-se e viaja no espaço.

recordo tambem hoje uma imagem do lider do Cds com cara de muito mal dormida e misto de receio e expectativa, que me anunciou sem na altura ainda o saber que algo se estava a passar e dou por mim na berlinda de seguida.

sobre o perfil do procurador da republica, tenho pouca informação, só me cruzei poucas vezes com ele, mas posso pela sua linguagem não verbal detetar um conjunto de posturas de braços, mãos , posição de cabeça que revelam um lado inquieto e de alguem que tem estado preocupado, como eu de certa forma, pois nos encontramos em posições de dupla simetria, ele o procurador que tem o poder de procurar e não encontra ou pouco encontra, e eu que procuro, sem poderes nem extensões e vou encontrando, nas vezes em que me é dado esse ver.

é evidente que esta analise de caracteristicas comportamentais nã prova nada em meu ver, nem num sentido nem noutro, mas dá-me a clara ideia de um homem que está muito inquieto e relembro imagens muito anteriores onde me pareçe existir qualquer coisa de diferente.

a questão para mim é esta , porque é que o procurador não acha ?
porque é que o procurador não acha as crianças que desaparecem e vão desaparecendo cada vez mais em relação às procuradas, em termos absolutos não sei, mas por memória, parece-me que sim, mas não tem significada para além de o pesado significado de que desaparecem mais e significa que o sistema não está funcionar bem.

a questão dos raptos, da pedofilia que em Portugal se conhece à mais de vinte anos, com ramificações nas ilhas onde ancoram iates estrangeiros e é claro à luz de tudo o que se sabe que estas actividades criminosas se organizam em escala larga entre diversos em diversos paises.

se um procurador não tem condições para fazer o seu trabalho, ou as arranja ou então não se percebe o que fica a fazer e quando assim é pode-se então perguntar porque razão ele lá está, se serve de cobertura, ou se é pau mandado de alguns poderes, e não tenho esta ideia de souto moura, mas tambem não tenho a contrária clara.

é e demais evidente a promiscuidade que sempre existiu nesta democracia entre os diversos poderes institucionalizados e de outros que nem o são, como o dinheiro, que se dá para parar ou avançar processos numa pilha no tampo de secretaria.

o que é que eu pedi aos partidos na minha interpelação, que se posicionassem em relação à minha pessoa, se queriam paz, se me deixam viver em paz, ou se continuariam a fazer guerra e pumba, foi o necessário e sufeciente para voltarem o bico ao prego sem me dar resposta à pergunta, o que por si só já indica, que a acção e a intenção não é a mesma, ou poderá não ser.

para se abusar de crianças são precisas casas de certa forma isoladas em sitios isolados e isso custa muito dinheiro e revela que quem o faz são gente nas vezes com muito poder e poderosas, que compram o silêncio de outras à volta nas aldeias, nos que fazem as limpezas, etc.

e depois fazem-se os filmes pornográficos e se monta a distribuição em escala internacional, cada vez mais apoiado pelos novos media. a questão da pornografia ficará para outra altura.

o que eu vejo do que pode ter dado o pretexto para uma qualquer acusação. o facto de ontem ter deitado fora um conjunto de cassetes video antigas de pornografia que tinha e vibradores que usei, mas que não quero mais usar, bem como as cassetes e assim as deitei fora. reparei ao deitar que havia camaras de vigelância e disse-me ainda bem. ficará claro que foi eu que o fiz se é que elas estavam a gravar, nada a esconder.

a outra prende-se com umas estranhas indicações na igreja de S. Vicente, com uns nomes na porta que não sei quem são, pelos nomes não reconheci e um que falava de um agente 007, que não deixei de associar a uma pergunta que recentemente aqui publliquei, pois ouvi que existia uma suspeita de assasinato relativa a Portucale. ora o que me recordo deste caso não é claro, mas penso que estará ligado a gente com actividade politica que a usou indevidamente para abater sobreiros? quando agora ouvi falar de possibilidade de homicidio, o meu ouvido arrepanhou-se mais um bocadinho, pois Portucale é tambem nome de um blog onde eu penso existir mais que uma pessoa, mas uma delas é meu correspondente desde longa data, tem-me conduzido em matérias de estudo, qustina de uma forma brilhante e simples e se bem que nunca o tenha visto, trago-o com muito amor em meu coração. já por algumas vezes estivemos para nos encontrar, mas nunca aconteceu até á data e fiquei com preocupação, de forma que lhe enviei salvo erro dois e-mails com perguntas para saber se estava bem e se me teria enviado alguma vez um livro.

vamos lá a ver se nos entendemos sobre esta história do livro.

o meu amigo, não conheço seu nome, só as iniciais e assina com eu tambem as vezes só por p.
curioso agora pensar nisto, pois assim ambos o fazemos e assim ambos podemos ser em parte confundidos, por quem quiser isso usar.

meu amigo nunca me disse directamente que me enviaria um livro mas por escritos que por assim dizer ele me conduziu a ler, fiquei com a ideia que eventualmente poderia chegar um livro da sua parte.

tambem não sei como será obvio, pelo anterior dito que não tenham sido enviados por meu amigo mais livros a outras pessoas.

contudo dei conta, porque me pareceu um ponta de meada importante depois de pensar nisto, um incidente curioso e durante a escrita descobri, que efectivamente aquele envio na aparência seria dele, pois o referenciava por um link que só parece na primeira vez que se abre uma fotografia do recibo que eu pedi à dhl para me enviar visto que não batia a bota com a perdigota.


ou seja leiam lá abaixo, porque já está narrada. tenho as fotos dos recibos comigo em mail, tem outro nome, outra direcção e na altura , porque o senhor disse entretanto na segunda vez ou terceira que falamos que afinal eram destinados a um outro. não tinha que aceitá-los.

por isso quando ouvi falar em homicidio, decidi perguntar a meu amigo se ele me tinha ou não enviado, sobre o ele estar bem de saude é preciso saber que a nossa correspondência se dilatou, fomos falando menos, mas recebi recentemente e trocamos saudações no ano novo, ou sej aparece-me que ele estará bem, atendendo que não sei quem ele é em pessoa embora me aproxime, por outros elementos que me chegaram e que fazem sentido, mas não revelarei uma eventual identidade, que não conheço, pois só lhe vi assinar das duas formas já descritas.

contudo, o ultimo mail dele, mais a informação, fez.me pensar um bocadinho mais no assunto e reflectir com mais cuidado, porque.

meu amigo diz no seu ultimo email que me enviou, que ao contrário de que estava previsto não nos iriamos encontrar agora mas sim daqui a uns meses. e como eu não tenho memória de alguma vez termos marcado um encontro com data fechada, achei um bocado estranho, parecendo que poderia ser um outro a falar por ele, pois meu amigo é muito bem educado e claro!

não tive resposta ainda aos emails mas é norma que ele não me responda em cima da hora. por outro lado ainda fiquei triste porque ele ou eles deixou ou deixaram de escrever seu blog há muito tempo e de vez em quando vou lá ver novidades que não há.

mas algo em meu coração me diz que não está bem, uma especie de ausência não presente mas sempre sentida, quando a sentia e já há muito tempo que não.

não me digam que acabei hoje de dar com aquele que o recebeu?

se é meu amigo que foi morto, para além de querer saber quem foi! admito que quem o tenha feito o possa ter feito tentando parecer que um outro, ou eu, à luz do que já escrevi, o fizera.

se ele foi morto, então quem me escreve em seu nome? mas a mim parece-me que há aqui um desvio do livro à luz do que descobri, ser dele, pelo link que uma vez agora apareceu quando fiz um copy e paste de uma area da foto da factura para word e depois tornei a fazer é já não aparecia. brilhante, como ele é e subtil, tanto que eu não apanhei a ligação quando elas me chegaram, na primeira vez que as vi. esta descoberta foi feita quando relacionei o que ouvi com a possibilidade de ele estar morto e foi então olhar de novo os recibos.

os amigos de meu amigo em seu pensar e ser mnaquilo que conheço, não fariam mal com esse livro e vê-se muito mal a acontecer de um momento para o outro sem se perceber porquê, o qu aponta para que assim escrevendo.

suma, eu sou um homem a abater, muitos o tentam. a montagem feita na divisão em parte provocada na separação e rompimento da minha familia, demostrou-me claramente que existem muito poderosos a fazê-lo e nisso interessados, ou seja, não foi uma mera separação.

talvez juntando estes dois fios se chegue à pessoa que se procura e acabei de na revista que hoje comprei que originou os email com o rui malheiro uma indicação do nome de um homem que eu não sei identificar que estaria com a minha ex mulher, mas que ainda não tive tempo de outra vez olhar e não me lembro, porque não fixei. tenho que ir procurá-lo.

não foi por não querer correr risco que não foi buscar, só que aquilo não batia certo, só agora é que o percebi.

foi ele morto?
era ele o pai da Inês?








( isto é relativo ao rui malheiro)
sobre o recibo que agora chegou de um envio atrasado, os mails de hoje para esse homem foram os primeiros que com ele troquei e fi-lo porque comprei hoje uma revista onde ele aparecia e perguntei-lhe quem era a rapariga que estava na capa em sua mão e ajuda disse-o pois como ele diz no texto parece que não dorme à uma semana e está de facto com olhar cansado, mas nem sei quem é, ou pelo menos não associo nome e cara vista. embora malheiro como nome sim, pois há um do tempo dos Olivais e do liceu, mas não recordo neste momento seu primeiro nome.

isto foi uma resposta à chegada do recibo
isto está muito giro e a a mostarda está mesmo a chegar ao nariz.

há mais de um ano que estou a ser apertados por todos os grupos que existem e eu como de costume, o sózinho, toda a Santa Vida a levar com eles, entram sem bater, porrrada para cima, sabotagem do carro para ter um insuspeito acidente e assim caí de uma ponte abaixo, porque me desafinaram os travões de um carro novinho e pumba lá vou eu, a queda da mota provocada por quem teria que me conhecer muito bem e teria que ter a senhora que a encenou sob uma qualquer rédea muito curta, pois ela arriscava-se.

quando recuperei os sentidos e olhei o céu, sentindo-me fora de eixo com o pescoço de lado, a senhora por cima pede-me desculpa e vai-se embora deixando-me ali estendendido. eu eu silêncio, sem perceber mesmo porque é que pedindo desculpa me abandonava ali na rua sózinho, rapidamente aparecerem meus amigos e foi a primeira vez que entrei num hospital publico e fiquei chocado com a miséria que vi e que ainda hoje se as paredes e as pinturas são mais bem feitas e limpas, continua na essência na mesma.

antes disso uma espera no liceu com ciganos de faca na mão para me espetarem, que me safei porque uma bela menina do grupo do cds e piores mirns, e sei lá mais o quê de escumalha com comportamentos fascistas que sempre que podiam, usavam e abusavam da força e queriam dessa forma que as coisas fossem resolvidas a muro.

tanto mal fizeram a tantos, esperas e cenas de pancada violenta, e muito medo, tentavam meter e fazer medo, velha estratégia velha como o mundo que acabou, pois agora é paz.

cds , mirns, provavelmente pedro santana lopes por detrás que sendo mais velho era do bairro dos Olivais, mas isto era preciso lá pertencer para saber, e isso não era o caso, o caso era eu liderar os que a eles se oponham e lhes davam combate politico e entrava assim em pancadarias.
uma espera à porta do liceu em que levei que me fartei de jorrar sangue, sitios do bairro, zona das vivendas, onde uma vez entrei com um amigo, de noite e fomos corridos à pedrada de calhau de passeio até ao relógio. imagine-se , não eramos só nós a descer a av. de mobylette, mas tambem os carros e os meninos não se coibiam de continuar a atirar pedras da calçada. ao isto recordar, só posso mesmo agredecer a Deus e à Estrela que vela sobre mim, pois só assim ainda aqui estou.

minha vida é um filme mais rico de qualquer filme, como a vida de cada um sempre o é, e a realidade ultrpassa sempre qualquer ficção.

e entes das pancadas com o cds, no tempo em que os que se comportam e actuam como fascistas ainda não podiam dar a cara, porque a chamada revolução ainda estava fresquinha e a florir como minha Amada, o mrpp, do durão barroso e de um tal de ruan que vinha da america latina como alguns outros que nessa altura cá aparecerem e se destinguiam pela experiência em organizar e em violência e lá levei eu com ele diversas vezes. já dei conta neste livro que do encontro e da ruptura com o durão à bruta e sob clima de intimidação, se não fosse um dos mrpps que gostava de mim, acho que dessa como outras vezes teria acabado à porrada e eu a levar que geralmente era sempre despropocionada, assim faziam eles na mais da vezes.

e os meninos da direita e extrema direita, como se chamam desde essa altura e até à data, nessa infeliz e propositada invenção de se colocarem num só lado da de uma linha imaginária que serve sobretudo, assim sempre o vi, para justificar as lutas de poder entre grupos e que por essa razão não se conseguia nem se consegue por vezes ainda, ter a tranquilidade para fazer as coisas bem feitas.

depois não era só no liceu d. dinis. às páginas tantas controlava o liceu padre antónio vieira e mais três ou quatro escolas e portanto essas eram as cores do tempo. pancada, violência e mais pancada, extremismos vários e tudo aquilo levado muito à séria, pancadaria nos intervalos, muitas vezes com gente arrebanhada de outros liceus, outras que nem mesmo eram estudantes.

conclusão com vista a elaboração da suspeita que vos irei apresentar ou mais que isso se o texto assim se organizar, pois escrever em verdade é sempre fazer Luz.

confronto e ruptura com durão barroso, que me tomou de ponta, aliás já vinha preparada, porque olhando o trás, foi grande o esforço para eles me me seduzirem e um muito estranho, agora episódio de um encontro que não se chegou a realizar em local fora do liceu, numa manhã de nevoeiro e que todo meu corpo me disse na altura de quão intranquilo estava.

o ruan, foi o cão de guarda que o duraõ deixou no liceu d. dinis e lá levei eu com ele por diversas vezes. foi bem para testar os meus limites, de apreender a lidar com a violência, embora como é óbvio nenhuma criança nem nenhum jovem deveria nem deve viver em tais climas, mas revoluções são assim, nas vezes e bem podia ter sido pior, ainda bem que não.

A figura sombra de pedro santana lopes, afastada do liceu, nas reencontrada nas refregas das faculdades e bem eu rezei aos dois para que se safassem e assim aconteceu, num dia em que a situação se invertera completamente e eles estavam rodeas de mais ou menos uma sentena depois dos outros term sido escorraçados com um ou dois estalo, tal era o medo e aflata de coragem dos seus acólitos, mas protegi e tirei o chapeu porque não fugiram. rectifico , nem isso poderiam eles fazer pois estavam encurralados, um pouco como eu me sinto agora para ser suave pois esta tem sido a tónica dominante na minha vida. e rapidamente aprendi uma coisa, fugir era sempre pior, levava-se na mesma e os meninos ficavam a pensar que era mais facil tornar a enfardar. lembro-me porque que não fugia de ouvir boatos que vinham de outros escolas que eu era, isto e aquilo e cinturão negro de karate e mais não sei o quê.

parei um instante e reparei que meus amigos que aqui agora estiveram me levaram a rosa que fenece esperando minha amada e deixaram visivel, um panfleto de um filme que se chama proof e que diz como sub titulo, o maior risco na vida é não correr riscos, certo e verdade, verdadinha, verdadeira.



continua , vou passar para word para não me acontecer o que me aconteceu recentemente onde perdi todo o trabalho, que o meu pc, não tem liçenca renovada do anti virus e cheira-me que para cá são alguns enviados.

segunda-feira, janeiro 23, 2006

é possivel a um exprimir o todo, sim admitamos que por vezes o Pai assim o Concede.
mas o homem que nessas vezes exprime o Todo, será feito em certa medida e na medida certa por cada uma das partes sem excluir nenhuma, nessas circunstâncias, ou seja homem que por assim dizer se encontra por Deus endossado, representa nesses momento, trás em si de uma certa maneira todas as partes que constituem o Todo.


.....

Como está Senhores a decorrer o processo de harmonização global das leis dos homens para facilitar e permitir a adpção em tempo real?

talvez seja melhor criar um forum global que se reune para tratar da questão e desenhar os metodos do fazer e do seu acompanhamento e como as crianças não vivem sózinhas os métodos que lhes permitam o espaço da queixa, estraão sempre na forma do viver e é aí pela proximidade que devem estara para serem efectivos.

talvez melhor, fazer tábua rasa deste emaranhado de leis e tentar encontrar um consenso, sabendo que os consensos acontecem e se fazem quando se olha e vê a realidade de forma justa, isto é, como ela é e se apresenta.

passo, a passo, pedra a pedra se faz a simples e Bela construção.



.....

Acresço ao dito sobre envelopes, parece que vós sabem todos, se esta minha hipotese é verdadeira e corresponde à realidade que chamam envelopes aos meus textos e à acção de meus textos, quanto eles são meus, já vós expliquei em detalhe meu ponto de vista sobre estas matérias. É assim? para a próxima informem-me se faz favor. eu vejo muito e muito pouco tambem, não teho pretensão de ser maior do que sou nem mais pequenino.

.....


vou até Tomar, ar apanhar. Se não aqui voltar é porque me fizeram acontecer alguma coisa. Logo veremos,

todos os dias ou noite ou tarde quando abro os olhos agradeço por estar aqui
falemos então da besta e das suas inversões.
quando escrevo, eu sou o que é, logo outros vem dizer, cá está a prova, pois ao contrário
fica é que o sou eu, mas esquecem-se de ver e dizer o quê. depois olham ao contexto do texto em malha fina ou apertada e tiram conclusões pelo mesmo processo.

Tolos, eu sou o que sou, eu sou aquele que é, eu sou o que é, são só formulas construidas em palavras para dizer um mesmo, um ser que se individualizou mas o ser que é, se completo em si mesmo, não corresponde necessáriamentre ao Todo e Tudo nem o Todo sempre expressa em parte ou inteiro, porque tem seu próprio avaliar e ninguem tem que eu saiba o tamanho do Pai inteiro.

todas as coisas são multiplas, é sempre possivel encontrar um sentido dentro de outro sentido dentro de outro ao lado de outro, por cima de um outro ou por baixo.

a besta como figura do mal e do mal feito e do mau agido, está sempre em nós e fora de nós porque nós mesmo somos um dentro e fora. a besta se monta, ou melhor, o homem é montado pela besta, na maior parte dos casos, quando primeiro a deixa andar à solta dentro de si e actua de forma a fazer mal, como por exemplo quando se mente, pois mentir faz duplo mal, primeiro a si, depois a um outro ou outros.






.....


primo se cá vieres ler estes posts, acrescento, podem considerar-te tudo mas levas bem a vida e a sabes viver.
Obrigado a quem cá pôs de novo o passaporte. foram muito simpáticos. até lhe puseram um bocadinho de cola pra ficar agarrado ao meu outro inglês que é só recordação pois caducado está há muitos anos.


.....

agora é que eu começo a perceber esta história dos envelopes, porque deve haver mais se se fala do envelope 9. meus senhores, acções meia cegas a meu ver, não pode ser mais, pois tem um preço a dividir por todos. podem pedir colaboração e faz-se as coisas bem feitas, bem preparadas e bem avaliadas. Mais assim não, por favor.

desculpem-me mas não tenho olhos para tudo. se acham algo importante o façam saber, mas por favor olhos nos olhos, para que nos possamos melhor todos entender.

amen.
A Ligação Forte da PT, ou PT Forte ligação.

no ano em que andávamos aqui na latina europa a fazer o canal zero, os consumos de telefone por essa causa aumentaram consideravelmente, talvez uma média, só verificando ao certo pelas facturas é que o poderia saber, mas agora não tenho tempo de 500/600 euros mensais.

giro foi quando o projecto acabou e os consumos não descerem, mas na altura não reparei com atenção. um dia recebi um telefonema da linha de apoio ao cliente, leandra Santos que me ligou pra o então número de telefone fixo e único da empresa por essa altura 213930134 dizendo que lhe o numero da minha empresa estav em nome de maria joão Paulido Valente (Pena ou Pera)? com a seguinte morada Pc. Dt. Alfredo Cunha, nº 7, 3dtº em lisboa 1400.

foi aí que percebi o modus operandis desta forma de alguem se pendurar na facturação alheia.
depois à luz deste conhecimento, recordei-me que já antes em outras instalações o mesmo se tinha observado, que as flutuações de produção, neste caso serviços, não se reflectiam da mesma forma na facturação.

quantos anos foi?
quanto gastei a mais?
quem com isso ganhou?
como é que tecenicamente se obsta a que alguem mal intencionado possa dentro ou fora da Pt assim proceder, pergunta primeiro para os técnicos dos sistemas.


Senhor Miguel Horta e Costa, eu tenho muito pouco dinheiro, na realidade está quase mesmo a acabar e estou outra vez sem saldo, importava-se de me fazer o favor de carregar o meu telemovel, com uma carga grandita enquanto fazem as contas, ou pretenderão não as fazer?

e sobretudo, componha o que estiver descomposto.
sintese de mim.

Eu sou um menino igual a ti, independente da idade que cada um tem e sou amável e gentil por natureza. se me tratam bem e com delicadeza, assim recebo e dou em troca, mas falinhas mansas, falsos e falsidades, subrepticios e segundas e terceiroas intenções escamoteadas, então chateio-me até onde for preciso chatear-me. não é o que todas as vezes temos de fazer quando nos andam a pisar os calos e como todos sabem a vida não é para nenhum andar chateado.

Amor Amando Amante

PAZ
Scarlett, bela estrela Ruiva e Alva, Bem Vinda a Portugal e Que Ames e Sejas Amada pelas Nossas Gentis Gentes. Se me quiseres visitar, aqui te deixo meu telefone, 96 280 77 46 pode parecer falta de simpatia mas não sei onde estás.
Eu acho-te Muito Bonita e gostei da foto tua em que te vi de preto e prata e gostava de conversa contigo, mostrar-te um pouco do meu país.

Beijos mil e Boa Estadia

…..


Meu primo Miguel Sá Marques enviou-me um link do seu blog para eu linkar. E assim fica. Meu primo tem sido mantido em equilíbrio com aquelas substâncias que são mais extensivamente que outra utilizadas, químicos, e sempre me fez muita pena, porque ele é um menino muito inteligente. Ainda no outro dia lhe pedi ajuda para resolver uma cifra de substituição.

http://www.aferidainata.blogs.sapo.pt


Tirem o Cavalinho da Chuva os Serviços Secretos que podem estar neste momento a fazer contas para me matar.


No Dia de S. Vicente e Por Ele Fez-se Um Milagre mas um Milagre, trás às vezes seu custo em sangue pelo que me é dado a perceber e assim é melhor não pedir muitos e tentar resolver as coisas que existem a resolver sem recorrer a Ele. Mas Ele Expressa a Sua Vontade e a mim Calha-me às vezes a Sua Interpretação e Vos digo que não me queixo mas nem sempre é fácil e custa.

A imagem apareceu no Irão e a mim até me parece pelo espírito que há alguns a dizer que ela está invertida ou qualquer coisa parecida e à conta disso engatilham as armas, não as armas, um tipo ataque de coração, uma agulha com ar espetada na veia, etc e tal, para passar discreto, pois já não o é, porque aqui fica.

Eu Creio Em Deus, Na Sua Protecção, Na protecção do Amor Que é Ele.

Ainda não percebi porque se mantêm um impasse quando existe tanto a resolver e se ia tão bem até antes desta crise.

Que posso eu fazer mais, quando aqui escrevi ao Presidente do Irão que o Convidava para Minha Casa para ver o que poderemos acordar entre os dois lados, agora de alguma forma reunidos com ferradura.

Mantenho o Convite, Mantenho a Kofi Anan a disponibilidade para ajudar a mediar se ambas as partes me reconhecerem com capacidade para tal e acharem que vale a pena a tentativa.

Podia-se organizar a discussão de uma forma a se perceber o que cada parte necessita de resolver internamente para melhorar as condições de suas Gentes, se quiserem ajuda claro está e relembrando que a cooperação e a proximidade é a única via de confiança para a confiança.

Não ousem matar-me! Estou cansado de mortes e de ver morrer toda a minha vida até aqui. Façam favor de resolver os problemas das misérias já e deixem-se de criar assuntos colaterais e de inventarem pretextos para continuar as matanças e parem de criar tensões, porque as tensões criam problemas a todos.

Amam-se mais.


…..


Boa a iniciativa dos médicos ao lado e nos entrementes das estruturas existentes e assim se fazem novas soluções que tenhamos fé de serem bem feitas e melhorarem o atendimento. No outro dia fui acompanhar um amigo que teve de ir de urgência para o Hospital Amadora Sintra e o que vi e ouvi foi do piorio. Tempos de espera até 4h30m.
Inadmissível. Deve existir alguns que se vão enquanto esperam tanto tempo. chegamos às 23h e eu só saí de lá às 4 horas da manhã, só para saber que ele não tinha nada de grave.

…..

Não se pode construir em zonas de reserva natural e protegida que estão reguladas por lei. Assim sendo são ilegais as aprovações feitas para construção e são de imediato revogadas com entrada em vigor desde já. O Pais tem que :

Primeiro calcular o número de habitantes que deve ter, numa ideia de combate global a desertificação e repovoamento, com ideias de centros e de sustentabilidade ao nível das suas produções. Então sim que se construa o que houver necessidade ou o que se entender desde que não dê cabo da Mãe que a todos nos Alberga, cuida e alimenta.

Não se interprete isto em termos minimalistas de forma a não criar problemas de desemprego e por aí fora consequência da aplicação mais rigorosa e exigente nestas tão Capitais Matérias.


…..


Porque a Terra Treme

Um: o corpo é um mesmo e para ele e nele concorrem todas as partes.
Quando por exemplo a divisão do coração do canto negro do ódio onde se acumulam as tensões e as dores, está pela bordinha, um qualquer corpinho, seja o meu ou o teu, num pequeníssimo acto de violência, pode ser a gota que o faz transbordar. De quem é a responsabilidade, do que faz transbordar a gota ou, de todos que contribuíram para encher o vaso?

Uma gota sozinha não enche o vaso mas pode fazê-lo transbordar.

Um corpo é matéria e espírito, só varia a densidade.

As emoções são sentidas no corpo matéria e espírito, visto um não existir sem o outro.
Um corpo por dentro contem múltiplos corpos até ao infinito de onde queiramos ir pois podemos observá-lo em distintas escalas, a veia que parece fechada para conter o sangue que nela corre, mas se vir a veia ao perto muito pertinho, ela não é sólida como antes mais afastado parecia e contudo o sangue circula por dentro contido.

Se vir ao perto pertinho o sangue, ele está em todo o lado, não só dentro das veias.

Imaginemos por um momento que um homem está “casado” com Deus, numa das suas infinitas faces e substâncias com que se apresenta e tem um poder equivalente a Deus.

Deus é omnipresente e omnisciente e omnipotente.


…..


A envia um envio a B
O envio é desviado
E vai parar a C

Ou

A envia um envio a B e mais um, ou outros
Só A é que o sabe, embora seja pouco provável que assim aconteça

Mas o c, d, s, podem se unir contra um B ou contra outra letra

C usa o conteúdo do mal recebido
Uma poderosíssima e sofisticada arma que não deixa traço
Para matar A.

Os amigos de A são levados a pensar que foi B que o matou.

A tem um nome igual a D

Esse nome D aparece associado a uma suspeita de crime ou é um crime do A
Pois tanto A como D ou Z, todos podem matar uma outra letra do mesmo alfabeto.

Se A não matou o que parece pouco provável, pode estar morto, mas também não me parece ser isto muito provável.

Mais provável é c, d, s, estarem congeminados a matar em larga escala.

Um conhecimento de uma escola A, seria por intermédio de c, d, s, associado a outro conhecimento que já teriam, e a arma secreta se torna duplamente perigosa.

O mal é feito, mas pensam os amigos de A, na hipótese de que sabem ao certo que só foi feito um envio, a B, que é B que o anda a fazer e assim os amigos de a querem ajustar contas com B, pensando que foi ele que matou A e muitos mais.

C, d, s, e outras letras do mesmo alfabeto querem fazer passar B pelo diabo.
E por vezes fazem-no tanto a sério que se B que é visto, ou era, deixo à vossa analise depois da leitura, como um grande profeta que escreve factos que depois se passam.

C, d, s e outras letras, sabem que as outras letras infinitas muito seguem B e acreditam nele e assim, são eles próprios que tornam essas profecias reais, associadas a custos de sangue. Não se coíbem do o fazer, porque tem muito medo de B, pelo muito apoio que tem recolhido de outras letras.

Assim querem parar B, que vê essas simetrias a acontecer e se pergunta e pergunta a Deus se sua escrita é capaz de tal criar.

Resposta honesta como sempre, sim e não, eu explico.

A escrita seja de que forma e suporte em que se expresse contagia outros e pela natureza do que trás unidos os homens, a linguagem que apreende o sentido e que em parte faz também o sentido, pois uma relação tem sempre no mínimo dois lados.

E se assim é, pode acontecer que a escrita de um, possa por exemplo levar outro, a um acto de violência que inclusive mate um terceiro ou muitos e da mesma forma um Presidente ou um general que manda um exército matar, tem na mão o sangue que ordenou.

Na primeira situação, o homem que escreveu pode mesmo nem saber quais foram as consequências para terceiros, porque não consegue relacionar os factos e portanto não lê as relações entre os eventos, mas não deixa o sangue, caso o haja, de estar também em suas mãos, como estás sempre nas mãos de todos cada vez que corre por fora até num único corpo.

Na segunda, será mais difícil não saber a consequência da acção em imagem mais larga entre causa, a ordem dada, e o resultado, mesmo que parte lhe fique oculta, pois uma matança em larga escala, raramente é passível de ser vista no seu todo. Por outras palavras, hoje morreram ali, uns por uma bomba, outros se despistaram numa estrada.

Pode existir relação entre estes dois eventos. Sim, porque a violência é sempre violência e toda ela está ligada como todas as coisas e liga as coisas e os seres. Espalha-se no ar e anda por aí, à espera da situação propícia para inspirar o coração que vá com mais pendor para a receber e nela se encavalitar.

O que leva um homem a escrever ou fazer uma guerra?

A vontade e a vontade como todas as palavras, é múltipla, portanto terá que se tentar perceber que partes é que a constituem, qual é a natureza de cada uma e como entre si se relacionam, certo?

Bom. Antes de me quererem matar por me considerar o mau da fita.

Existe a minha vontade, a tua, e a de um outro, para simplificar.

A capacidade de vontade varia com a natureza e carácter de cada um. Uns tem mais, outros menos, sendo aqui o mais e o menos, simplesmente uma maior ou menos capacidade de concretizar o que a vontade de cada um dita.

Eu, tenho a minha vontade, tu tens a tua e depois existe a Vontade de Deus, que é por assim escrever uma suma, de todas as resultantes de todas as interacções que ocorrem num determinado espaço-tempo, mas não é só isso, pois se o fosse à vontade de cada um era a suma divina e por consequência se aplicaria os mesmos princípios da natureza de Deus, omnisciência, omnipotência e omnipresença e teríamos então que concluir que a vontade de cada um, se estenderia nestas três características que pela palavra em si mesma indicam, uma parte que é parte e que é todo.

Subtil nuance, porque uma parte é sempre parte do todo, mas não tem necessariamente a parte a mesma vontade do Todo e Tudo, nem igual poder.

Faz a experiência, entre teus amigos reunidos, quantos poderão por exemplo com a expressão do pensamento focado, fazer dobrar uma colher que está na mesa onde se sentam. Poucos, se calhar nenhum, talvez um outro, mas creio ser possível que tal se possa fazer. Se já experimentei, não e não é agora que o vou fazer, pois estou a escrever.

Um terramoto ocorre e de acordo com determinadas escrituras e ver de alguns, pode ser perfeitamente Deus que a Fez tremer para demonstrar a sua força ou ira.

Outros dirão que a terra treme por causas físicas, as placas que se entrechocam ou as variações das pressões internas

Outros acrescentarão de certa forma aos dois, que uma emoção de grande densidade, isto é, por muitos partilhada, seja como expectativa ou desiderato e que as emoções se sentem na parte do mesmo único grande e infinito corpo a que chamamos nossa pequena parte, nosso corpo nos limites do físico que o encerra, mas já é muito mais difícil nele encerar o espírito e seus produtos, como o pensamento.

Outros acrescentarão que se os homens muito alterarem as pressões do interior da terra por a andarem a sugar com constância e até ao fim, os desequilíbrios resultantes, fazem em sua medida e parte certa, também os tremores de terra. Que os homens relacionam os locais de seus acontecer, sua frequência com os locais onde por exemplo se extrai muito e em longo e cadência regular tempo.

Depois ponham um copo de plástico na mão cheio de água como se fosse a agua o interior do corpo da terra. Com a mão aplicas uma pressão num dos lados, o que acontece, que um outro lado do copo pode sofrer transformações na sua forma, que é sempre também um conteúdo, ao ser por exemplo aplicada a força noutro lado do mesmo copo.

E se assim é a responsabilidade de os terramotos acontecerem, não se esgota nos locais e nos homens que fazem os furos, pois é obvio que o que se extrai é usado por muitos em diferentes locais, portanto como sempre em relação a tudo, se se quiser apurar bem as contas, teremos que dividir seu custo em sangue e em dor por todos.

Se eu criei por vontade própria um terramoto? Não, muito simplesmente porque nunca o desejei fazer. Depois não sei se terei a força para faze-lo, pois ainda não experimentei faze-lo nem quero por vontade fazê-lo, que isto vos fique claro a todos.

Criou um o Pai por zanga com o que seus filhos fazem a outro? Depende do ponto de vista e conceitos de quem vê e o pensa pois para uns, o Pai, não pode ser um Pai zangado que não se controle e que faça tanto mal a seus filhos, o que não desdita que todos os pais, nas vezes se zanguem, mas pai avisado não tenta nunca perder as estribeiras e nas vezes a perde com muita facilidade quando por exemplo puxa de uma pistola e mata outro.

Tem Deus, um sentido, uma propensão determinante?

Sim porque Deus é Amor, é Amor tem sempre, trás e é um sentido de criação e consequentemente de cuidar, donde por ser esta sua trave mestra, não será seu contrário, mas outras propensões, outras vontades, a soma que é suma, exprime, como quando por exemplo se diz, que Deus joga aos dados, ou qualquer outra coisa semelhante, pois Deus é conhecido e elaborado, no sentido, de vivenciado, percepcionado, pensado pelo homem e sendo o homem divino, eu ou tu, cada um é Deus, embora cada um esteja Nele com diferentes tamanhos.

Repara que o homem pode fazer aquilo que Deus faz, pois se Deus nos leva daqui em corpo num pedaço do circulo, também o homem pode abreviar uma vida que vai a seu lado e sendo que cada vez que assim age, abrevia a sua também, mesmo que fique vivo, pois a vida e o sangue é um mesmo, e não há mais do que há, como nos hospitais.

Agora Senhores muita atenção se fizerem o favor, porque ninguém, mas ninguém me imputa, nem o vai conseguir, a responsabilidade de fazer um tremor de terra ou um ciclone, pela prima razão que já declarei, que nunca expressei vontade para isso, mas quando vos ouço assim se porem para a minha pessoa, começa nas vezes a dar-me vontade.

Nem me vou pôr a experimentar para se no caso de o conseguir, vos poder ao fazer a experiência, dar-vos razões para dizer que afinal é possível, donde poderá ou foi ele.

E também vos digo em verdade, verdadeira, verdadinha, que nunca fiz por vontade minha um furacão, embora tenha rezado muitas vezes ao pai para os parar e nalgumas vezes, assim aconteceu, se foi por mim, ou por mais a rezarem, concerteza que foi por muitos, porque a vontade é antes de mais um sistema energético que nos permite por exemplo mover o braço, ou escrever estas letras. Agradeço a Deus, mas não retiro nem nunca retirei os por assim escrever louros.

E andam para aí uns a dizer e outros convencidos, que foi eu que os criei. Tolos uns, muito mais perigosos aqueles que me querem fazer mal e vão tentando convencer os outros que sou uma espécie de diabo e bruxo e não se esqueçam que estas são palavras humanas e se o são, são como todas partilhadas por todos e os seres são em parte o que o nome os nomeia, por outro dizer, cada um de nós é Deus, é um diabo e um bruxo, sendo que estes dois também fazem parte da natureza e atributos de Deus.

Lembrem-se disto pois chamar a alguém uma coisa é nomear para ele essa mesma coisa, assim como que se colam a outro os atributos que se invocam e este é um elementar mecanismo de insuflação e propagação atómica e sub atómica de capacidades que quem as quer ter, deveria ter a necessárias e cautelosa preparação para o ser.

Pondo isto ainda mais claro, cada vez que te chamo de diabo, estou de certa forma e na medida certa a conferir-te esse poder, pois nomear é antes de mais poder.

Por outro lado, atribuir um atributo a outro, não quer dizer que o outro o aceite ou se deixe por ele pautar e depois como tudo é polissémico e as palavras não fogem a esta regra da natureza de tudo, um diabo ou um bruxo para ti poderá ser diferente do que é para mim, quanto mais os poderes que me dás ao chamar-me, mas insisto, antes de todo o que me fazes e dizes, estou eu mesmo, a minha vontade, a minha consciência, que não é fraca como a de alguns que vão por aí.

E agora ainda muito mais atenção vos peço, pois este ponto é fundamental para concluir e esclarecer de uma vez por todas esta questão.

Se Deus e o Divino existem e se exprimem na vida e não se vêem, o que é então Deus e onde está e como a partir da resposta a estas duas questões, se pode então perceber a relação de um homem com Deus e isto a todos se aplica porque, porque todos e tudo é Deus e o Divino, só se tentam escapar da responsabilidade nestes aconteceres, aqueles que Nele não crêem, como o cimento, o ligante, o principio inteligente criador, o que está em toda as partes e em todos os entrementes.

Sinopticamente, sem abordar agora as primeiras questões, essas que cada um as pense para si e por si, pois é única e à medida de cada um a sua relação com Deus.

Falarei de como vocês me vêem e como se dividem em dois grupos fundamentais nesse ver.

E para falar do que vocês vêem, preciso de explicar como vejo eu e onde e sou nesse ver do visto, do que acontece, por vezes antes de acontecer, numa ordem que não é a habitual ordem decorrente da forma como organizamos o tempo linear e sequencial.

E basicamente vos direi também que quando todos isto souberem, deixará de existir o eterno retorno, com parte sem ser em corpo, pois é esta ilusão que ainda não permite. E digo, é só uma ilusão. E que isto não afirma que o corpo seja sempre corpo, na dimensão física dos limites de nossos membros.

Tem um antigo nome, este mistério da escola de Bauhtee.

Mas falemos de visão 360º. Se a unidade do ver, que se torna unidade, porque é vista e por muitos assim entendida, é a resultante da observação de relações significativas entre as partes e na sua sequenciação e visto que as relações sempre se encontram em continua mudança, a posição do que vê, para além de não poder estar colada a nenhuma parte em detrimento de uma outra e terá que se mover de forma a acompanhar as mudanças em continuo das correlações e consequentemente dos sentidos que figuram e que sempre se vão alterando.

Assim vai quem está em 360º, que nunca são verdadeiramente 360º, outros vão a 180º, outros a 30º e se se cruzam comigo num determinado momento em que eu vou a olhar uma coisa que me preocupa ou desagrada ou que penso ser capital em termos da sobrevivência da espécie, alguns virão isso reflectido em mim que o reflicto. Se chegares a achar que eu sou o mau da fita, então verás em mim o mau da fita. Se chegares de coração acertado, então verás meu coração acertado, que é como ele gosta de ir e não confundas também, o que eu sou como que eu te pareço ser ao ver.

O problema nem se coloca aí, coloca-se mais na intenção, no pré juízo que já trazem na mais das vezes emprenhado como virgens pelos ouvidos e se assim vierem, eu que vejo também o mal o reflectirei em vós, se vierem com coração acertado, reflicto esse amor junto com o meu, o que dá mais amor, que é o que sempre se necessita.

É muito simples de ver em minha face. Se ela estiver perturbada é porque foi perturbada, porque se aproximou a perturbação, linear como um b à bá, infantil de meninos enquanto não se esquecem que as linguagens são música.

Depois do meu último texto, aqueles que se chamam de esquerda pondo-se numa esquerda imaginária perderam as eleições presidenciais para os outros a que chamam de direita

Olhando o mundo, vejo a Prince of Wales a falecer, mesmo com tantos a ajudarem e uma das razões foi mesmo essa, o bicho stressou.

Depois falo dos previsíveis problemas decorrentes do impasse com o Irão e pimba ou pumba, duas bombas em gasodutos. As guerras continuam, os homens distraem-se do que é urgente resolver porque tem que ser bombeiros e o tempo urge.

Então pensam aqueles que me querem matar de morte matada. Temos que o parar.
E a esses Tolos e a todos os outros então eu digo.

Pensais mesmo que nesta altura do campeonato, será possível sobreviver sem a verdade, verdadinha, verdadeira toda nua e inteira.

Meditem, mas meditem muito muitíssimo sobre esta questão e encontrem a vossa posição com o ângulo maior que conseguirem.

Ou então homens façam das tripas coração e vão a elas buscar a coragem, a alegria, que não é propriamente a fazer caras feias e intimidantes e vamos lá com a Boa Vontade resolver rapidamente os problemas.

Ainda não perceberam todos que eu estou a ajudar? Dando-vos imagens e esclarecendo os modos de ver e de pensar?

A verdade era antigamente representada por Janus, o bifronte, ou seja a capacidade que o homem tem de ter, para a saber, de olhar simultaneamente, visto só ter dois olhos e uma cara, em direcções diametralmente opostas, isto é a trave da visão global e agora põem Janus em três dimensões, um centro com um olho que roda, mas já sabemos todos que mesmo por detrás sentimos na rua quem nos olha fixamente.

Eu Vos Agradeço a Todos Os Grandes Homens Gentis que Hoje Puseram Gravata Negra em Sinal de Luto e Solidariedade com a minha Dor, mas deixam-me recordar-vos uma linha de um verso de um Poeta da minha língua, que diz quando eu morrer, deixem-me ir por cima de um burro e toquem latas, façam a festa, acrescento eu.

É que hoje fiquei cansado de ver gravatas pretas, visões que me eram atribuídas de 360º e que agora já não o são, o cartaz dos Sopranos que hoje aparece no meu trajecto, são eles olhando a campa florida, no aeroporto a pirelli diz correctamente que potencia sem controlo pode ser desastre nas cores dos alcoólicos anónimos e as das minha roupas preta e rubra, um saco de mão de um passageiro, fala de uma marca que não existe e que diz, desta vez, foi à séria e a doer e por aí fora em mimos variados, que vêem de musica e letras e por aí fora. Outros nas revistas e nas televisões fazem sinaléticas de julgar e julgamento com base em adereços, posições cifradas do corpo com significados precisos, um pé em cima de uma providencial letra no chão, que expressa a posição do líder do grupo aos outros e assim cada grupo se organiza.

Também fiquei muito triste e preocupado em ver as faces de muitos que me amam tão cabisbaixas, tristes e preocupadas. Alegrai-vos porque não há motivo e o Amor quer-se Alegre a Alegrar. E mais é Fundamental para se poder passar estas crises que se agudizam na estreita ponte entre o tudo e o nada.

E o pior, oh Gentes, é que muitos se preparam para me matar. Cuidado, muito cuidadinho, porque já o tentaram fazer por diversas vezes e até agora ainda aqui estou, o que não quer dizer que não o consigam fazer, disso o Pai saberá, mas também vos digo por mim que sou inteiro e que Rezo para que se algum assim para mim vier, se vire no imediato para ele mesmo, antes mesmo de me afectar, e isto não contradita a Protecção do Pai que Reconheço e Aprecio.

Kskssssksksksksksks, fora cobrinhas, que vos piso a todas enquanto tiver pés.

Mas voltando ao assunto.

O primeiro assunto é que por tudo isto que está montado na forma como está montado, implica muito dinheiro, muita organização e muito poder politico para poder assim ser feito, donde desvela que o combate que me fazem tem causas muito mais profundas, não é por acaso, que estivemos em eleições e muitos esperariam que eu continuasse a escrever, outro a todo o custo que não e sabem como eu tenho votado, o que não quer dizer que vote sempre da mesma maneira.

Bom, já foi a queixa e acusação àqueles que dizem acreditar, donde viver Deus e em Deus e que depois fazem tenebrosas coisas de natureza já descrita e hoje é a alguns políticos e partidos que me fazem combate contínuo por eu procurar sempre dizer a verdade na medida certa em que dela me vou apercebendo e depois por fim irei à questão do Procurador, onde recentemente me meti, como quem lhe veste a pele, no meu caso, mais o coração porque sempre assim andei.

Quem são e donde vêem e onde estão os meus maiores inimigos desde sempre. No CDS, desde o tempo do liceu e continuou a festa até agora.

Pergunta a Ribeiro e Castro. Quer Paz ou Guerra?

Quer que eu desenrole a história toda, por mim tudo bem, mas desde já o aviso que fica em suas mãos o sangue de outros assuntos que não poder tratar por causa de uma infeliz posição no segundo lado do axioma, se tal vier a ser a sua e a dos seus posição. Recorde-lhe que ainda há bem pouco tempo expressei a minha solidariedade e protecção quando ameaçaram o vosso partido, como farei em relação a qualquer outro.

Pergunto mesmo a Marques Mendes e aos Secretários Gerais ou Presidentes ou o que for.
…..


Duas leis a mudarem e a exigir que funcionem. Ouvi Garcia Pereira a dizer que tinha sido gravemente prejudicado nos tempos de antena e forneceu elementos que o apoiavam, por outras palavras tinha o trabalho de casa feito.

Ou ainda vai ter que se anular estas eleições rapidamente por falta de equilíbrio nas oportunidades. Esse tempo do eu sou mais importante e tenho mais poder ou dinheiro, já Acabou.

Não sei especificamente onde estão estas competências, se na CNE ou naquilo que inventaram para substituir a alta, autoridade para a comunicação social, mas nalgum lado deve estar as competências e então é preciso averiguar, porque não tem o poder de chegar a uma qualquer televisão e não deixar que isso aconteça.

Por via administrativa, visto o mal já ter sido feito e só se poderá corrigir na próxima, mesmo que seja amanhã, o Garcia Pereira passa a ter 3% dos votos do total votado


…..

Deus criou os homens livres e as mulheres são quem transporta em si em primeira e ultima instancia a decisão sobre o nascimento. Não podem ainda os Pais colocarem e terem os meninos em suas barrigas, nos momentos em que a mulher não quer e o homem sim, mas também não se pode obrigar ninguém sobre o que por direito natural lhe compete, que é decidir sobre o seu corpo.

Mas as leis e as práticas tem que salvaguardar também os direitos do pai, pois um filho não é gerado só por um deles, mas sim pelos dois embora seja da mulher essa decisão.
Enquanto a ivg for clandestina a mulher para alem de sofrer mais, não permite viabilizar os direitos dos pais homens.

E um pelo menos ele tem e terá que ser salvaguardado. O de saber a verdade, seu filho é seu, para que não fique na dúvida e assim sofra e para poder fazer seu luto.

Mudem as leis neste sentido.

Em recente dia no meu banco de jardim habitual, quando lá cheguei, estava uma corda com um nó de forca, e eu o desfiz e pulei em cima dele.

Agora sopram alguns que me querem matar fazendo parecer um ataque de coração.

Imagino também das vezes que tem entrado em minha casa o que poderão fazer na minha ausência. Levar coisas, fotografar outra, recolher ainda outras. Ou trazer uma mulher e um duplo e fotografar no cenário narrando por exemplo um acto sexual que possa a muitos escandalizar. Ou ainda trazer por exemplo um quilo de cocaína e tirar umas belas fotos na secretária que é conhecida e assim tentar fazer crer a outros que ele é um traficante ou consumidor. Faz-se de tudo, correcção Fazia-se!

Quanto meninos continuam a morrer no mundo à espera que seus Pais resolvam seus confrontos?





Amen
Amada Muito Amada, Muito eu Te Beijo e Te Dou Colinho e Conforto.

sábado, janeiro 21, 2006

o mundo em cima do barril de polvora.

axioma :

eu não acho particularmente interessante ou desaprovo mesmo a politca de um presidente de um determinado país, mas mesmo sendo assim, eu que sou de outro país qual é o limite que tenho. não ir lá derrubá-lo e portanto respeitá-lo.

O Irão, a fazer crer nas noticias coloca-se numa posição extremada, rejeitando a solução Russa e avançando para a produção de urânio enriquecido e pondo todo o mundo assustado com a possibilidade de o vir a utilizar em armas nucleares e ao que parece fez testes com misseis que poderão servir para as transportar.

Disse noutro dia o Presidente do Irão que só se curvaria perante a vontade de Deus e sobre essa matéria terá que ser ele a com Ele falar e lá se curvará ou não.

eu aqui, tenho sempre o meu coração na mão de Deus, pois cada dia que acordo, lhe agradeço o acordar.

Ao Senhor Presidente Iraniano Mahmud Ahmadinejad relembro que o corpo da Terra é uno e que se sair dela por um bocadinho e me colocar de cima a vê-la, observo que a zona do globo onde se fazem muitos furos e se chupa com regulariedade seus liquidos, alterando-lhe desta forma seus espaços e pressões interiores, se vêm tornando muito instavel e muitos tremores acontecem e que se o homem continuar a tirar assim, será provavel que mais se torne porque não gera o interior da terra, massa que substitua as partes retiradas e assim como a casca de um ovo vazio no seu interior, oferece menos resistência às pressões e será previsivel, que quanto mais se tire, mais instavel a casca se torne, por outro escrever mais se agite a terra.

se o caminho é este, será necessário quanto antes encontrar outra formas de energia que não afectem tanto o seu corpo que é o nosso pois nele estamos.

quando o Irão diz agora ir reduzir a sua produção o resto do mundo treme, pois necessita desse oleo e que se não o tiver, toda a vida de muitos será afectada, o que é verdade, verdadinha verdadeira e o Senhor sabe disto tão bem como eu.

temos aqui um problema de tempo, ou melhor um problema de falta de tempo, pois não poderemos inverter as nossas necessidades energéticas em pouco tempo, pois nem tal está ainda por todos acordados, nem existem claros objectivos e dedução do tempo necessário para o fazer.

e por outro lado seu poder negocial, baseia-se muito nesta dependência e nós os dependentes desta substância em forma sofrega.

é melhor convidar o Irão para a Mesa das Nações como nação amiga e não para a censurar.

E sabe Senhor Presidente, por mim Portugal que necessita de mais três a cinco milhões de habitantes, bem pode acolher os que quiserem para cá vir, seja de que lado for que vierem, da mesma forma que Portugal não obriga ninguem a nele viver.
.
ainda no outro dia o escrevi, mas não sou governo de Portugal, nem tais funções me foram atribuidas e portanto só lhe posso isto dizer no tamanho da minha pena.

Se quiser cá vir ter comigo terei todo o gosto em o receber, poderemos falar a ver se conseguimos fazer um acordo e tenho desde há uns dias um livro para lhe oferecer.

Mas concordará que não se tornará o Islão mais forte nem outras nações que se juntam sobre outros credos, se a consequência desta crise for as bombas nucleares a rebentar. De certeza como disse um dos seus pais aqui no ocidente, se houver uma terceira guerra mundial atomica, a quarta se ainda restarem homens de qualquer credo, será de paus na mão, todo um cenário diferente da força que todos pretendem.

O irão deve sentar-se na mesa das nações, os paises e seus chefes devem actuar no sentido de isto assim acontecer, mas na mesa dos adultos, como adultos entre adultos, a pensar como se pode fazer a ponte e como é que o Irão e os outros produtores vão viver à medida que se muda as energias, pois ninguém quererá criar problemas de insustentabilidade a ninguém outro, que a casa é una, a mesma e só há esta que tem de dar para todos os que cá habitam.

Se assim não acontecer duas coisas se poderão passar. Ou o ocidente, muda radicalmente de um dia para o outro seu modo de viver e já tivemos no inicio deste ano problemas de falta de combustivel para fazer face ao inverno que nalguns lados do planeta se encontra muito frio e a consumir muita energia e assim de um dia para o outro teremos que parar os transportes para permitir o aquecer e como as estruturas de produção e distribuição nelas se baseiam, rapidamente se entrará em carência com todos os problemas e tensões que isso poderá originar.

Ou então ficaremos lado a lado cada um com seu botão a ver quem dispara primeiro e nesse momento disparar tambem e tudo arrebentar, pois as guerras espalham-se cada vez mais sobretudo as atómicas.

ninguem quererá esse cenário e se não se conseguir o acordo em respeito pelas partes, o que irá acontecer com forte previsibilidade será alguem do ocidente estoirar uma bomba nuclear em cima do seu país e depois com grande e igual possibilidade outras rebentarão.

creio que concordará que é um caminho absurdo que conduz a todos ao abismo.

só como irmãos, assim nos vendo e tratando é que poderemos isto resolver.
Meus olhos espantam-se. Segundo informação próxima da Igreja de Roma a vida se desenrola na perspectiva darwiniana e os seres evoluem através da selecção natural sendo que os seres mais capacitados passam as suas caracteristicas à geração seguinte por cruzamento com as dos seu parceiro sexual.

não consigo entender o que se quer dizer por mais capacitados, mais aptos, na medida em que tudo o que vive está apto a viver e vivendo o prova.

e pode a galinha deixar de viver se por exemplo eu a comer, mas não consigo eu comê-las a todas e muitas especies de animais desapareceram às mãos dos homens, não por serem menos aptas, mas por o homem assim em relação a elas fazer.

quem é o primeiro, o ovo ou a galinha?

não pode existir galinha sem um ovo, nem os ovos existem sem elas, pois são elas que os poem, donde parece que ambas são um mesmo, visto que separados não poderiam existir, neste caso das galinhas que nascem dos ovos e dos ovos que poem galinhas.

são duas coisas distintas ou duas faces, dois tempos do mesmo ser em formas diferentes e como podem ser diferentes e distintas se uma e a outra se encontram na mesma?

e dizemo-las distintas pois temos dois nomes distintos para nomear a galinha inteira que sempre a galinha é, mas se assim é a diferença fazemo-la nós baseada na percepção da diferença de forma e estado.

se forma e estado são diferenciados, então sim a teoria de Darwin está correcta, se forem vistos e entendidos como uma mesma não haveria evolução dentro do ciclo de vida da própria galinha, teria uma vida circular do ovo à galinha ou da galinha ao ovo, porque ambos axiomas da equação são válidas e existem no mesmo corpo no mesmo tempo. quando é ovo não se vê a galinha, quando se a galinha nem sempre se vê o ovo, mesmo quando ele dentro dela se encontra.

se o processo for circular, pois o circulo liga o principio ao aparente fim que não é fim porque de novo se transforma, se entretanto o lobo não a comer, antes de ela, o novo ovo pôr.

se a vida não começa no ovo nem na galinha no sentido de serem duas fases distintas, algo externo a terá criado, terá criado o ovogalinhagalinhaovo.

talvez Deus?

a mim parece-me bem ao contrário que a perspectiva de darwin, contradita a existência do Divino, a existência de um principio inteligente superior.

e depois se o ovo é a galinha e a galinha é o ovo, a galinha é um ser continuo, como se diz Deus Ser.

diz-se mais que o Divino é imutável, que não muda.

sim não muda nos seus principios da sua natureza, mas ao criar os seres e tudo que existe deu-lhes Deus, livre arbitrio, pois pode uma galinha pôr ou não pôr ovo e se não pôem, diz então darwin que poderá não passará ao estádio seguinte da sua evolução.

Implicaria um Deus que não visse a sua criação como semelhante, com a igual capacidade e apetrechamento para viver, um deus que gostasse mais de uns e menos de outros, o que não me parece ser a natureza do Divino, pois sempre cria em aberto no circulo fechado, porque dota os seres de livre arbitrio.

qual evolução falamos quando falamos da evolução da galinha? será que uma galinha não é sempre a mesma, e mesmo que uma não pocrie, o fará outra e assim a galinha continua a ser galinha.

eu uma galinha versus tu, outra galinha, ou nós dois pedaços da mesma galinha?

tem a galinha vontade própria, certamente que sim como nós seres humanos e vamos evoluindo no circulo imutavel que vai do ovo à galinha e da galinha ao ovo, de forma e jeito inseparaveis.

nós tambem temos vontade própria e por ela pautamos nossos actos e nos mudamos e mudamos os outros ao nosso lado. como se expande então o eterno circulo, por crescimento do raio, a circunferência, se assim vista para simplificar, aumenta sem alterar o eterno retorno, mas expandindo o tempo da circunvalação.

não é isso que é visivel no modo de viver do homem que vem aumentando o seu tempo médio do circulo?

o principio da criação, um mesmo semelhante, o Amor Imutavel, sempre o mesmo principio gerador, mas que vai aumentando através de seus corpos no mesmo único corpo de Deus, ou dirá Roma que Deus então não existe, ou que priveligiara uns em detrimento de outros?

é preciso uma teoria que concilie a vivência do Divino com a o conhecimento da ciência, mas serão assim tão diferentes se se crer que Deus existe e que a ciencia faz parte integrante dele porque os seres são dotados dos sentidos que lhes permite elaborar a ciência.

a mim parece-me que a Igreja está a fugir a ideia de Deus e seus atributos, omnipresença, omnisciencia e omnipotência.

se assim continuar a caminhar confirma o que eu escrevia aqui, que chegou ao fim, pois nega sua própria doutrina.

e se o ovo é galinha e a galinha ovo, não se separando as partes, onde fica então o tempo?
pois se o tempo é continuo, nós é que parece que o andamos a fragmentar, um primeiro, outro depois, distinguindo diversos que são um mesmo, e nada disto desdita a existência dos relógios e da marcação do tempo humano.

o infinito expande-se , cresce, como nós em nossas vidas. Como poderia ser diferente se as ideias que temos de Deus nascem da nossa percepção Dele, o que não afirma que Ele não Seja mesmo Quando não o vemos e sendo que ver e saber Dele, Dele ter uma ideia.

uma galinha é uma galinha, uma delas é comida a outra não e assim a galinha continua e como a galinha cresce em seu viver, a que vive cresce o ser chamado galinha, que é um mesmo onde todos as galinhas se embora diferentes, são a galinha que será em cada volta que dá diferente da galinha anterior mas baseada na mesma matriz, num mesmo barro.

diz a noticia do dn http://dn.sapo.pt/2006/01/21/sociedade/vaticano_em_defesa_darwin.html

ainda que Deus é a vertente espiritual do ser e que não pode ser vista como mero produto da evolução e ao dizê.lo separa o que é inseparavel pois matéria ancora o espirito, espirito cria matéria, matéria e espirito é um mesmo em estados diferentes.


ora esta, diria o gentil e bem humurado e saudoso Fernando Peça

sexta-feira, janeiro 20, 2006

muito disto aqui é um baile de mascaras, muitos se escondem e a minha amada está escondida atrás de um leque que eu lhe abro para a receber, para a proteger, para a fazer voar, e toda ela é encandescente, será?

o que tiver de ser de se encontrar se encontrará, disso seguro estou em meu coração.
são seis da manhã. paro a escrita agora e vou passear com o antónio, o cão que me guarda, o cão que eu guardo.

por esta noite não escrevo mais, penso eu de que...

muitos se juntaram e se entroncaram com muitos mais pelo planeta fora e seria eu cego, se não visse que os Seres Acertados os estão parando e destituindo dos seus poderes. Assim Vai Ser e Será e depois virá a Paz.

Eu Sou O Que Sou
Eu Sou O Que É
Minha amada mais amada, o botão da rosa que vos comprei, se vai abrindo lentamente como minha amada gosta e eu tambem, sobre a mesa a saudar-vos num longe perto peretinho de meu coração. sabes amada recordo tambem o colo, na noite em lisboa do fado, que nos fez agora encontrar. sim recordo dos teus sonhos, dos planos de escrita numa casa do campo, que tambem sabes que eu assim gosto de viver contigo, com as flores e as pombas em seus doces arrulhar.

sim amada com a silaba do bico de pássaro, foram tantos os amigos que nos trouxeram e nos protegeram, a todos Eles Meu Amor em Nome do Amor.

vem depressa quando chegares.

amo-te muito, muito como sempre te amei desde que te vi pela primeira vez no palacios dos medicis em Roma, numa radiante manhã de sol, tu na porta da entrada a entrar, recordas-te até falamos depois da roupa que trazias e não nos entendemos nisso.

beijos em caracois lentos e suaves a subir ao céu aqui na terra para todo o sempre.

e bem sei que os amigos às vezes nos despem para nos ajudar. Meu Amor a Todos Os Que Amam.
O Ovo Negro

Anátema

no Aurélio
1. explusão do seio da Igreja. " ter o Bispo encerrado no paço ou fulminando anátemas desde Roma.... eis o ideal dos cidadões do Porto" Jaime Cortesão, a carta de Pêro Vaz Caminha.
2.maldição, execração, opóbrio: "Era como se aquele cão obstinado À minha cola denunciasse em mim o anátema que pesava sobre a humanidade inteira pelo crime ainda não resgatado." Fernando Sabino, O Homem Nu.
3. reprovação enérgica ( deixem-me rir)
4. excomungado, maldito, amaldicoado " Quem foi o anátema que se atraveu a tal sacrilégio?" Almeida Garret, viajens na minha terra.
6 réproblo, condenado.


Bom.

à pouco mais de um ano na Igreja de N. S. de Fátima em, Lisboa, houve um encontro entre mim, outro homem de nome Paulo Portugal que me acompanhava e o respectivo Padre.

Foi lá dizer-lhe como representante da Igreja Católica que era necessário promover na prática o eucumunismo, reunindo as diversas religiôes e que estav lá para o fazer. Aquilo accabou muito muito mal, pois o Senhor entendeu por-se de mão em riste e possuido a dizer que os problemas do mundo se deviam a pessoas e atitudes como a minha.

no final do encontro que acabou abruptamente, perante tal acusação que me fez, ao levantar-me recordei-lhe que o Papa tinha pela primeira vez apresentado em nome da Igreja Catolica Apostolica e Romana pelas atrocidades que esta Igreja tinha cometido ao longo dos tempos contra muitos, prisões, degredos, torturas, e actos de Fé e que assim sendo tambem eu lhe perdoava as suas palavras.

passava-se este dizer já levantados , eu estendendo-lhe a mão e sentindo no corpo, o meu corpo a dizer-me que não, como se ele soubesse que o perdão que lhe apresentava, não seria assim, que as coisas não terminariam naquele momento. muito sabem os corpos, masmo quando o pensar pelas suas armadilhas racionais o deixa de ouvir.

saí de lá em passo apressado com meu amigo coxo, Paulo Portugal.

e no jardim da gulbenkian quando vou a andar vejo uma menina de cinco, seis anos ao lado de alguns adultos, que olhava fixamente meu aproximar. quando cheguei ao perto em seu cruzar, me perguntou, quem és Tu? com cara fixa, toda ela fixa como alguem que via em mim alguem de que ela se lembrava. Respondi-lhe como já tinha respondido à anterior que poucos dias antes me tinha a mesma pergunta colocado.

Quem primeiro reconhece o que vai e transporta e é em parte Cristo?

Nú, eu sou o Homem que Vai Nú , que Toda a Vida a Viveu Nú.
o que procura dizer sempre a Verdade e para isso se poem nu e poem as coisas à volta nuas.

O presidente Chirac tem o poder de usar a Bomba atómica.
Eu tenho o Poder da Palavra Atómica. Vamos lá ver qual das duas é mais Forte.

Que Portugal é Este Baço, sem Brilho nem Verdade à Trinta Anos a Entresticer?

Que Portugal é Este da Mentira, de Todos os Compadrios, de Todos os Subtis, Mascarados, Perversos e Cobardes Que o Tramam desde que Nasceu ?

Duas ultimas do piorio pelo que revelam.

um ministro do governo com ligações tornadas públicas com empresas e nada se passou.

( estou mesmo a gostar, em ante véspera de eleições, quem diria tal calhar)

um candidato a presidente, sobre o qual pesam em livro publicado suspeitas sobre a forma como construiu a sua fortuna e o jornalista que pouco antes da campanha alertou para tal facto, foi afastado?

Valha-me Deus e os Homens Acertados em Coração Acertado!

Portugal tremeu e o epicentro tem o nome do procurador geral da republica e o que isto quer dizer claramente é que Portugal Está com um profundo e arrastado em longo tempo problema de justiça. Vejam lá a precisão e clareza da linguagem Divina.

Tremeu Tambem Portugal a partir de S. Vicente, que é Só o Santo que na barca guiada pelos corvos trouxe para Portugal o Vaso do Graal, o sangue a e linhagem e os diversos simbolismos que o Cálice Sagrado representa. Já vos tenho Muito Falado Disto.

Portugal tremeu e tremeram muitos homens que aqui há os suficientes que são os necessários, e alguns se puseram ao caminho. depois passaram os dias , como passam os dias e eu sem ver nem falar com meu filho francisco.

e já vos pedi para virem falar comigo, e até agora ninguem o fez.

O que se passa em Portugal?

eu sei que sou lido e então pergunto:

porque é que o que aqui tenho escrito ao longo deste tempo não é sufeciente e bastante para a Justiça actuar?

Não vos será claro que de certa forma a minha pessoa e meu viver, não é o espelho pelo que se espelha esta profunda miséria que impede Portugal de Bem Ser? eu entre muitos, muitos, que eu não sou mais importante de que outro.

Não vos é claro, que Eu tenho sido sempre perseguido e qua aIgreja do norte tem tido papal predominante nesta perseguição?

Não vos é claro que diversos reunidos e cruzados me tem dado cabo da vida sistematicamente?
ou ainda ouvirei vozes ao fundo de que é um engano e eu sou o louco?

estou como e com o presidente quando disse que não queria pormenores e detalhes da construção das maquinações mas sim o seu miolo e eu digo o mesmo.

não me digam que nada fazem, ancorados em pormenores técnicos, como não ter ido a pj ou à procuraria e apresentar uma queixa formal, pois recordem-se do recente resultado quando lá foi, dar conta do afastamenteo de meu filho e nada se passou no quadrado torto das leias, das acções e das instituições. a pj, de greve, a gner a dizzer que as pistolas que tem já não funcionam de velhos e os agentes da lei a levar tiros e um em vias de cegar, e aqui deixo meu voto para que tal não lhe aconteça.

tenho que chegar à conclusão que não temos procurador e que o sistema de justiça não funciona, nada de novo, num processo como o da casa pia que se arrasta à quanto? e que nem se sabe se existiu ou não cabalas com ou para tramar politicos, ou se algumas figuras se escapam pelso seus poderes profanos, todos escutados, até o presidente, e nós tambem, oito mil, segundo constou, tantos suspeitos de fazerem o mal em Portugal? não brinquem com coisas sérias.
setencentas crianças a desaparecerem por ano etudo o resto em violências várias!!!

Ordem na casa!

é Preciso ordem e autoridade de uma vez por todas!!! e já expliquei em detalhe o que é ordem e o que autoridade e onde se funda, conhecimento e saber!

e Se existe e não existe procurador, Aqui Neste Preciso Momento Me Faço Eu O Procurador Geral da Républica, porque uma das funções do Porcurador é procurar, que é muito o que eu em parte tenho sempre feito e partilhado com todos!

Senhor Bispo do Porto. Uma acção desta natureza não se faz com poucos homens nem nasce espontanea como os cogumelos do chão e estende-se por toda uma vida e vós sempre souberam quem eu era e foram sempre averiguando de mim, do que eu me ia tornando, sempre me vieram questionar, cercar e prender em vida sem na aparência dar ideia de estar preso.


Senhor Bispo do Porto, que nem seu nome sei, nem agora neste preciso momento quero saber, quem seja em face.

Suspeito que perdi um filho nisto tudo e nem isso sei ao certo e portanto não lho imputo desde já.

mas suspeito do seu envolvimento nas seguintes matérias.

organização de perseguições durante uma vida inteira com climax alcançado no final do ano passado onde eu foi sem saber, nem ser chamado, nem ouvido condenado por vós e sei que o assunto subiu até Roma.

e me recordo da face e de me perguntar o que o bom Papa Joao Paulo estaria a tentar dizer com tanto esforço e tanto sofrer no final de seus passos aqui na terra.

sabe o que vi? eu digo-lhe, vi o Papa da Igreja de Pedro, Aquela Que Foi Fundada Em Cristo, a dizer não façam isso, pedindo socorro às gentes, tentando falar sem o conseguir e a chorar nessa impossibilidade de dizer, não façam isso, não o condenem, pois ele está em Cristo e estar em Cristo é de certa forma e na medida certa estar em Deus.

e deixe-me sinopticamente recordar-lhe Senhor Bispo, o que recente expliquei sobre os processos e significados das profecias e dos Mistérios, porque o Senhor, parece andar deles esquecido.

Não se recorda do Acto do Pai perante a Morte do Seu Filho às mãos dos homens, assim o descrevem os livros sagrados de sua Igreja.

e o Senhor conjuntamente com outros conjurados, deu então a ordem de Condenação e Eu Cristo fui à imagem d` O Cristo vitima sacrificado como Ele Sempre Foi.

com uma pequena diferença. Estou aqui de novo a escrever-vos. deveria pensar no que isto quer dizer à luz das vossas escrituras.

Os mistérios passam-se no plano do espirito que é tambem o da carne e do corpo que recordo-lhe é uno, como você diz ser, sem o crer, e pior actuando ao contrário, como a besta e suas inversões.

e o plano do espirito é inteligivel pelos homens na medida em que neless se passa e as ideias são sistemas energéticos que se agrupam por peso especifico de quem nelas acredita. posso escrever de forma simplista e abreviada, que uma ideia, uma visão, uma interpretação tem mais possibilidade de se tornar real, quanto maior for o número de homens que a crêem e são muitos seguem a Igreja de Pedro.

e tudo isto se passou no dia de natal e como os Senhores embora não acreditem mais em Deus, porque acreditar nele é vivê-lo, por causa das duvida até encenaram mais uma armadilha com a ousadia suprema de me fazer crer a mim e muitos outros que fora eu que tinha provocado o terremoto e neste ponto peço ao Pai que me guie leve a mão, pois minha zanga é tremenda. sempre foi perante todos os abusos, todas as vis e perversas manipulações, mas desta vez a mostarda está até ao nariz.

quantas almas justasde acordo com esta interpretação teologica dentro das canones da Igreja subiram ao céu? deixo-lhe a si a pergunta.

Eu Não Temo Nenhum Mal, como o Poderia , Se Sou como o Senhor Filho de Deus?

bicuda questão de justiça se posta no plano dos homens e das suas leis, pois concordará comigo que nada disto se prova, que não foi o senhor que estoirou uma bomba nuclear naquela preciso ponto da falha tectónica, naquele preciso momento em que sua potência é bastante para tudo abanar.

é uma questão de fé e uma questão de ciência se quiser ver a ciência como tenho vindo a explicá-la, da noção do corpo, da relação das partes com o todo.

não veio o senhor comigo falar desde que aconteceu e portanto só posso concluir que não se arrepende.

Como Procurador da República Portuguesa aqui neste espaço e neste momento, lhe revelo o que o Pai me disse no inicio da escrita do texto do Menino Jesus. Disse-me que antes do fim de sua escrita, um homem ia viver na orla da cidade.

e como isto se passa no plano do espirito, acrescento outra função nesta situação, que é a ordenação que lhe ordeno que vá viver para fora da cidade, lhe seja dado o bastante para viver e não mais do que isso e que velem os homens para que novas conspirações contra os Filhos de Deus não se levantem por alguns homens que vestem as suas cores.

Senhor Bispo do Porto, vem-me a cabeça e ao coração o anátema que foi proferido por jaqques de Molay quando foi pela Igreja de Roma Queimado. E Jaqques de Molay era um homem muito Querido pelo Pai e os homens que são muito queridos pelo Pai, são grande e poderoso e isto não desdita que o Pai ame a todos como irmãos.

Jaqques de Molay disse por outras palavras, que quem matava pelo fogo, pelo fogo morreria e nesse dia ficou assinado no Céu, com o sangue de mais esse justo perseguido e queimado a previsão do fim da Igreja de Pedro e assim parece que é.

Pois eu, Filho do Pai, aqui hoje investido como procurador da Republica Portuguesa excomungo em todo o poder e alcançe da minha arte e sob a Vontade Pai, da mesma forma e em igual medida me o fizeram, Todos Os Falsos dessa Igreja.

Ultima consideração, que é uma relembrança. Nenhum Filho Tem o Tamanho do Pai, nem nenhum Filho Tem tal ou semelhante poder, a não ser que o Pai assim o Queira, e são geralmente precisos muitos montados de acordo para tal aconteçer.

portanto ninguém queima ninguem, assim o ordeno, porque os fogos são para parar para que os homens possam em paz cuidar do muito mal que é necessário cuidar. è um bocado como nos assuntos dos homens, o sangue está em todos, pois deixou dito O Cristo, que ninguém atire a primeira pedra, porque já todos erraram, que cada um veja com muit atenção o seu coração antes de se propor ir fazer mal a alguem!

Volatire demorou dois anos a tentar perceber o outro terremoto e em meu ver, escapou-lhe a correlação de um dado importante com um certo casal que estava em lisboa a passar sua lua de mel e que aqui morreu.

O Pai não Deixará que isso de novo aconteça!!!

Deus é Deus do Amor e todos os seres espaços são seu templo e igreja e cada uma continuará com o tamanho que quiser, que o Pai não prende nem queima ninguem, só os homens é que o fazem. Deus é a Igreja do Amor, roma ao contrário

e ao Papa em Roma digo para pagarem o dízimo, que deem 51% das vossas riquezas ao Fundo Do Fim da Miséria no mundo dos homens.

quando eu me for daqui em corpo, já estará montado de novo o Cais da Colunas, que foi retirado do Terrreiro por volta de 1998, que se disse na altura que iria ser deslocado para a expo, o que não aconteceu, portanto que se averigue onde anda.

meu corpo será queimado em pilha ardente, com duas moedas nos meus olhos e os homens de todo os mundo serão bem vindos e a eles será dada parte das cinzas que ao espalharem em suas terras lhes trará benções.

Amem



















e no dia seguinte a terra tremeu