quinta-feira, junho 22, 2006

Ah Bela Senhora Ruiva das Estrelas, Tirais-me de meu Cuidado e Cuidar por Um Breve Instante para a Saudar e nem cuidados eu tenho e em Cuidar e Cuidado de Amor a Trago eu em Mim desde Ido Tempo, sem Tempo.

Sei que Estais na Cidade que Habito e Venho Aqui Vos Saudar.
Sei-O porque o Coração Assim mo diz e mo Mostra e me Faz Sentir, Pois sua Chegada Trouxe uma Forte Brisa do Amor Que Também a mim me Trás Enlaçado em Seu Nobre Bem Querer

Ah Bela Senhora Ruiva das Estrelas, Vós Sois Senhora da Boa Aventurança, Vós Sois Senhora da Boa Vontade Entre Os Seres, Vós Sois Embaixadora de Todos Os Meninos do Uno Mundo, Vós Sois Pelo Espirito do Coração Mãe de Todos e Muitos Trazeis em Alcance de Vossa Mão O Cuidar e eu Pelo Nobre Coração, Vos Saudo, Vos Velo e a Levo em Vela Toda Aberta do Amor Sem Fim e Grande da Grandeza do Uni Verso e Mais Além.

E Hoje Vi-vos num Hospital com Uma Criança em Vosso Colo de Seu Quente Abraçar e por isso Lhe Fado A Seu Passar, que Vossos Passos Aqui Sejam Sempre Leves da Leveza do Amor, Que as Rosas Lhe Surjam Sempre Ao Seu Andar, Que Os Irmãos Pássaros Sempre a Acompanhem, Que das Suas Mãos Sempre Evole o Quente Amor Aconchego Aconchegante em Seu Dar e Seu Receber, Que Ambos São Um Mesmo, O Mesmo.

Ah Bela Senhora Ruiva das Estrela Que Estrela É No Firmamentto de Todo o Céu Sempre Casado com a Terra e as Estrelas São Como Mapas Que Nos Guiam.

Ah Bela Senhora Ruiva das Estrelas Que Vós Sois O Caminho, o Caminhante e o Caminhar e as Estrela que vemos à noite no Céu São a Mesma Que Bate em Seu Peito e a Luz Guia os Passos e Tudo Fala na Linguagem Visívil ao Verdadeiro Ver e Muito eu a Oiço e Tambem eu Lhe Digo Obrigado, Mil Vezes Obrigado, pelo Seu Ser, Existir e Andar.

Ah Bela Senhora Ruiva das Estrelas, Sempre ao Seu Servir, ao Seu Dispor. Se Precisar de Algo Que Seja, É Só Pedir, eu Por Mim a Guardo, a Velo e a Respiro Em Amor pois Vos Trago em Amor, Senhora.

Vossa Graça, É a dos Irmãos Gatos e Vosso Nome é de certa forma e jeito seu falar.

Mia Ferrow
Bem Haja Quem Bem Aje
Lhe Dou minha Benção e Lhe Voto Amor

Disse em dia Recente Um Outro Cavaleiro das Estrelas de Sua Graça Kofi Annam que precisa o Mundo, perdoai-me mas não me recordo em exacto, qualquer coisa na casa das poucos centenas de biliões para resolver o que há a resolver no Mundo para que o Povo Pequenino não morra mais à fome e pelas misérias várias e ainda ontem soube que o custo que o País onde Habita teve com esta ultima guerra parece ser superior ao que necessita o Cuidado.

Que o Espirito a Todos Inspire o Bom e o Belo Investir para Que o Paraíso Se Faça Onde Ele Sempre Esteve, Aqui na Terra. Que A Luz Guie Todos os Seres da Boa Vontade, para que amanhã quando ler-mos histórias aos nossos filhos, elas possam começem assim.

Era um vez num tempo que foi de trevas onde os homens andavam esquecidos da Luz e de Si Mesmos e depois passou quando do Céu um dia Caiu Sem Cair Uma Estrela…

Eu me recordo pequenino nas férias grandes no Algarve meu pai a ler-me ao adormecer os Dois Castores, que foi um livro que me ensinou do Amor e da Irmandade de Todos Os Seres que Habitam o Uni Verso e da Força Poderosa do Amor.

Ah Senhora Ruiva das Estrelas, minha casa não tem portas para Si.

Ontem Fui Ver Pelo Fio que Me Ofereceu uma Jovem Menina Amada, o Belíssimo Filme de Abel Ferrara, Maria Madalena e estava meu espirito tão distraido com tantos assuntos que só pela noite alta dei conta de toda a sua Luz em Toda a Sua Bela Extensão, depois passei no S. Luís, não tinha convite mas deixaram-me entrar e depois foi dançar um bocadinho e cumprimentei em breve uma Jovem Bela Senhora Que Vestia Vermelho e que Era Muito Próxima de Si, assim mo disse o Coração.






Ah Amada Mais Amada, deves estar por muito perto, pois muitos são os pardais que me acompanham. Publico em Breve minhas Palavras para Ti . Está um Belo Dia de Sol e Calor, agora vou levar o jantar a casa de um amigo que não tem de comer e o curioso é que parte da comida que vou levar foi-me tambem ela dada, assim é sempre o Amor, assim Sempre eu Te Quero