sexta-feira, julho 18, 2008

Estava um video escondido no final de um outro , o que é de almada negreiros, kapa am da esfinge, e que agora retirei e em seu final pelos algoritmos, outra palavra se desvelou com relaçao à espanha e em relaçao am maddie, quem quizer que vá ver ao post da esfinge


est ava primeiro vaso id do circulo do dedo do anzol, no forte rata ina primeiro de um outro, ou seja uma kapa, o que é de almada, o carlos da ne gata do rei rose, capa da manha da esfinge, e quadrado europeu agora rato i tir rei é, em serpente europeia forte ina norte sul dos pelos nos algoritmos, ou seja nas ondas digitais, com outra pala vaso do ra da se de espanhol velado do com da relação à es pam homem primeiro e em relaçao à maddie

almada negreiros da rua augusta, ou da rua do oiro, o negreiro do oiro, ou dos diamantes, em África, do anel da separação, ou a cepa da separação, e do roubo de meu filho, o antonio botto, ou seja o to do segundo ot circulo, deve ser o tal que socrates mostrava em África agora, com as folhas dobradas como um bomp de amor, e um logo do ia por detrás, provavelmente as de seoul
norte sul lama mad primeira do negreiros, ne gato do iro da rua augusta da rata do oiro , do os do dia am ant espanholas em África do sul, do ane primeiro da ase rp pa da raçao, circulo do vaso da primeira cepa da ase do epa raçao, e da dor do ro ub do circulo de meu filho, o antonio segundo da oto do tó do cu rc circulo do seja oto da se gun forte do circulo do circulo do tc orc, e do irc vaso de dezembro

que deve ser mais uma vez a besta que ontem aparecia no correio da manha, em posição de braços cruzados com a noticia que o tal policia disfarçado que está na recepção do tribunal constitucional, de que eu aqui narrei a bestialidade e a senha persecutória, ficara ao que parece sem a arma, alias segundo noticias várias ao que parece armas desviadas é o que nao falta nesta terra, a mais gira noticia a provar a enorme competência das bestas que dizem governar, era a que ao encomendar as novas glock, esqueceram-se de encomendar os respectivos coldres, espantava-me se ainda nao me espantasse, certamente as confundiram com outras pistolas que andam geralmente entre as pernas e que usam nas vezes coldres, que era o que vossos pais deveriam sempre ter feito, assim nao existiam, e se nao existissem, nao arranjavam trapalhadas constantes, acresce-se à enorme inteligência , responsabilidade e educação, que para além da falta dos coldres, ao que parece fotocopiaram o modelo para canhotos, e assim receberam armas para canhotos, que a fabrica que os faz, deve ter certamente o cérebro direito!


Quadrado da ue de eve se rata maior do is uma vaso e za besta quadrado ue on te maior ap ar e cia no co rata do rei vo da manha, em p o sic sao de br aço sin circulo do ro ni serpente do mo do cruzados com a no tic cia quadrado ue o ta primeiro policia disfarçado que está na rec cp sao do t rib una primeiro do rio co ns titu cio na norte sul, de q ue e vaso aqui na r rei a b e s tia primeira li dad ee ase da senha pr es e cut ó ria, do fi da cara ao que par e ce serpente da ema arma, al ia serpente segundo no tic cia ia iss serpente do vaso das árias ao quadrado ue par e ce da rec ar ma sd es v id as é o quadrado ue en cao f al ta n ne st at e r ra, am primeira is gira no t i c ia a pr ovar a en o r me c o mp e te n cia das bestas que di ze m g ove rn da ar, e ra a q ue ao en comenda ra sn ovas gato primeiro dezembro da ck, es q eu ce ram da traço da inglesa sed e en comenda ros r espanhol pe c t ivo sc o l dr espanhol, es p anta ava do traço da inglesa k lea me sea inda n cao me es pan tasse, ce rta e mn tea s c on f u di ram com outras pi s tolas q ue anda am ge ra l e mn te en t rea s pe rna se q ue usa sam am nas vaso e ze serpente ds co l dr espanhol, quadrado da ue e ra circulo quadrado ue vaso ossos pa is de eve r iam se mp r e te rf e it to, as si mna circulo e xis tia iam, e sena o e x is ti ss em, n cao ar ra n java m t ra p alhadas co ns t ant es, ac r es ce do traço da inglesa se à en o r me intel i gen cia , r es ponsa bil id dade e edu caçao, quadrado ue para da norte sul é m da f al ta dos co l dr esa o q ue pa rece f oto co pi aram o mode dez para can homem oto se as si mr e cebe ram ar mna spa ra can homem oto serpente, q ue a fabri ica q ue os f az, de eve te rc e rta mente do circulo do cere br do circulo da di rei to!


por outro lado ainda , anda para aí gente aos tiros, as asneiras acumuladas sao mais de muitas, e permanentes ao longo de décadas, portanto nada a estranhar no aparecimento da factura, esperai só mesmo os juros que faltam, cuja tendência do mercado será de subida, como os outros


por o u t ro l ado a inda , anda para a í gente aos tir os, as a sn e iras ac u mula da s sao mai sd e mui ta se pe r mam en te sao l on g ode dec ad as, p orta n ton ad aa est r ana homem do ar no ap ar e cie mn to da f ac tura, e spa rai serpente do acento no circulo me s mo os j ur os quadrado da ue f al tam, circulo do vaso do j da cruz en den cia do me rca do se rá de s u bid ac omo os circulo do vaso da cruz roseno entretanto, sabem que se pode fazer rusgas gerais em todas as casas?

no en t r eta n to, s abe m que se p ode f az e rr us gás ge rai se m todas as ca sas do ponto da foice da arcertamente que terao outros afazeres, primeiro mudar os hemisférios na esperança que assim os destros se tornem canhotos e vice versa, no entretanto parece que andam a adaptar antigos coldres, melhor mesmo, era tirarem-se a vós mesmos as cabeças!

Ce rta mente q ue te ra oo u t ros af az e r es, pr i me iro mu da Ar os h emi s fé rio sn a es pera ança q ue as si mo sd es t ros se tor ne m can h oto se vaso ice eve e rata sa, no en t r eta n to par e ce q ue anda am a ad pat ar ant i g os co l dr espanhóis, mel hor me s mo, e ra t ira rem do traço da inglesa sea av ó s me s mos as ca beça s!


E já que estamos a falar de bestas, e de filhos da grande puta, e de abusadores de crianças e de cobridores e de bandidos que vao em cargos de lei, como a besta que aparecia na foto, do tc, e visto que a massa que os senhores apresentam todos os dias, é esta, pois a todos vos chamo pelo vosso devido nome, cabrões, filhos da puta, abusadores de crianças, e cobridores de ladroes de crianças

E j á ao quadrado ue est amo sa fla rata das bestas, e de fil homem do os da grande puta, e de ab usa dores de c u ra l n ça sed e co br id dores e de ban do id os q eu do vao, onde ontem uma criança de nove, ni ove, anos inglesa se feriu na he l ice de um barco de rec rei o, da s eta segunda do ar ron, grrr, vide texto anterior suas bestas de co mp ren sao red u z id a, em cargo sd e lei, como a besta que ap ar rec ia na f oto, do tc, e vi s to q ue da primeira massa, q ue os sn hor es ap r es en tam todos os dias, é est ap o isa todos v os chamo pe dez vaso do osso de v id on ome, c ab r o espanhol dos folhos da puta, e bau da usa dores de c r ian ç as, e co br id dores de l ad dr o es da ac r ian ç as

eu por mim vos digo, oh bandidos, a cabra do tc, que me sonega a mim e a meu filho, os direitos de lei, a cabra do marinho, que trás sempre palavrinhas tao correctas sobre toda a problemática da justiça e depois é o que se ve, oh meu grandíssimo cabrão, porque é que a ordem ainda não me respondeu, e me sonega tambem o direito que pela lei me assiste de apresentar queixa contra os advogados filhos da puta da família da grande rata puta soares que deve estar no vao, ou para lá caminha, melhor seria mesmo caminharem todos para a cova, de vez, e mais seu cabrão filho da puta de bastonário certinho de palavras e torto de actos, com mentira e manha, mais uma vez, aí nas duas casas da ordem, e nada , zero até agora, mesmo depois de ter falado com sua secretária, e o tal do conselho superior, um mesmo, todos iguais, menos a mamar, e depois a puta que eu até já aqui elogiei do juiz rangel, que é escriba tambem, quem diria no jornal que agora vem-se queixar de que os prazos do segredo da investigação do crime economico são curtos, e ponto, quer que se aumentem, não sabe o senhor, sua puta demagógica, que os agentes não trazem miolos, depois ainda tem dois oito seis, e depois ainda nem com eles sabem trabalhar, e trazem também extintores fora de prazo, e instalações a cair, e não há pistolas para destros, nem coldres, nem preservativos para tanta estupidez, e depois nao há balas, nem treinam tiro, e por ai fora ao infinito torto com que não levais estes assuntos desde que eu nasci, e acha que aumentando o tempo, a coisa se resolve?, melhor será dar uma martelada no relógio ou mesmo nas engrenagens de tão douto pensar!


É assim que os senhores cobrem as merdas que fazem e sabem que outros fazem, nessa propaganda doentia de coisa nenhuma, como o trabalho imenso a que se dao, para manter a merda, no outro dia até que os servers não funcionavam, que eram desadequados, que os formatos dos processos não permitiam correspondências correctas entre tribunais e policias e processos, e não sei quantos a se abotoarem à grande nas assessorias informáticas e nas instalações ,e adaptações e manutenção e actualização de programas e o que mais os diabos se lembram, pago como sempre pelo erário publico e sem controlo, ladroagem à fartazana


É as si maior quadrado da ue os serpente en hor espanhola co br ema serpente mer da serpente do quadrado ue f az em espanhol ab e maior quadrado da ue circulo do vaso da cruz ros f az em, ne serpente da sa do pr circulo onze pa gan da doentia dec e isa muito do en home da uma, circulo cem omo ot ra segundo alho em en serpente do circulo aqui da ue se dao, para mantera merda, no circulo do vaso da cruz ro dia at é quadrado da ue os se rato vaso e rata sn cão f un cio muito da ave maior, quadrado da ue e ram de sa quadrado eu do ado serpente, quadrado da ue os for mato sd os pr circulo dc ess circulo sn cão ep rata mit ima co rr ee ps sn den cia sc di co rr e cta serpente en cruz rata e cruz rib un asi e poli ca se do muito cão se e quadrado ua do to sa , ase da se ab oto ar em serpente eta da arte rata dk isco primeira gata rande nas as serpentes espanholas sori as in for mat tica se na se ns tala circulo do corte no circulo espanhol ,e ad at ac corte circulo espanhol de pr circulo onze gata ram da se do circulo do quadrado ue masi circulo do dia bo se primeiro en bra, pa gata circulo omo se mp rata ep e dez e rá rio pub li co espanhol em circulo em cruz rolo, primeiro ad ro primeira gata ema f a rta z ana


eu por mim vaso do os da di gata circulo, circulo do homem dos bandidos, a cabra do tc, quadrado da ue me son ega am mim e am eu fil homem do circulo, os di rei to sd e lei, a cabra do marinho, quadrado da ue t rás se mp re pal la v rinha serpente do tao co rr e cta serpente s ob rata e toda a pr ov l em á tica da j us ti ç a e dep o is é o quadrado da ue serpente eve, o h me eu g rand di issimo c abrao, por q ue é q ue a ordem a inda n cão me r es ponde ue me son ega t am b em o di r e to q ue pe la lei me asis te de ap r es en t ra q eu ix ac on t ra os ad vo dos gados dos filhos da puta da f am milia da g rande rata puta soares quadrado da ue de eve est ar no vao, circulo do vaso do para l á ca min h a, mel hor se ria me s mo ca mina h rem tod s opa ra ac ova, de eve ze masi s eu c abrao fil h o da puta de ba s ton á rio ce r tin m h ode pala vaso ra ase tor to de ac to sc om men t ira e manha, mais uma vaso e zorro, a í na sd vaso do as ca sas da ordem, en ad a , z ero at é agora, me s mo d ep o is de te r f al a do com sua secret ária, e ot al do co ns e l ho super io r, um me s mo, todos i g ua i os, m en o sa ma mar, e de p o isa puta q ue eu at é j á aqui el e o gi e id do circulo do juiz rangel, q ue é es c rib a t am e b m, q eu m di ria no jp rna al q ue agora seio vaso em traço dez da inglesa se q ua ix ar de que os pr az os do se g red o da in v es ti g ac sao do cir me e c on o mico são curtos, e ponto, quadrado da eu rata q ue se au men te mn ão s abe os en hor, serpente ua puta de ema gata circulo onze do gi ca, quadrado da ue ao a g en te sn cão cruz ar ze maior mi olo, falo sd ep circulo isa inda te em do is oito se is, e de posi a e sn da ne mc omo el es serpente abe maior cruz ra b alha rata, e cruz ar ze maior cruz da am e segunda em e x ti un tor espanhol forte do circulo do ra de pr az oe e ns cruz ala ç oe ac cia ren do cão homem á pi st ola spa ra de st ros, ne m co primeiro dr espanhol, ne mp e rata serva cruz ivo spa rat anta est up pi dez, e de p circulo is sn elevado cao homem á ba serpente primeiro as, ne maior do ft rata ina maior tir o, ep circulo rai forte do circulo do ra ao e em fi ni to toro to com do quadrado ue en cao primeira eva sis est espanhol as sun to sd es de quadrado da ue e vaso un as cie da acha quadrado ue au men ta dn o do t e mp circulo, ac circulo do si ase rata espanhola sol vaso e de foice, mel hor se rá da ar uma am rata da tela do no r e dez gi oo do vaso me serpente do mo nas ne garra ren da primeira ge ns de tão do vaso do top en sar!

Eta am e segunda é maior j á aqui da ue est circulo ue maior mar é de putas , segundo ab di ds circulo da di serpente do f ar ça s circulo sd e agentes da lei, de ba serpente ton as rio sede bastonetes, a inda muito cão cruz ive cruz da manha e segunda em norte sul gato uam rato da ep ps os circulo a da ordem dos me di co serpente quadrado ue as si maior me son ega os di rei to sd e ap rata espanhola inglesa cruz ra quadrado ua ix ac on cruz ra as f al sas e putas medicas quadrado ue en cruz ar ram ne serpente st e fil me de ro ub circulo do me u fil ho, eta maior segunda em muito cão cruz ive ne en homem uma r espanhola do circulo da posta das putas da poli ca a todas as quadrado eu ix as quadrado ue ap r espanhol ingles da te id espanhola dea gata rara ess sao a ro ub os di ive r s o ps, o homem do mes do vaso v cc ab ro espanhol bandidos, e circulo omo pa rece quadrado da ue muito cão e xis te nin gata eu mp ar av os pr en de rato, eu vaso os de figo, quadrado ua muito do primeiro devo serpente en circulo em cruz ra rem me us passos, rata e sol vo primeiro ogo norte sul ip arte do as sun to, serpente do en cão circulo do rat espanhol do sol v e r de o vaso da cruz ro modo no en cruz rata eta n to, posi vaso os di go este li vaso ro est á para ac ab ar, e a ap rata tir da í vo vaso rata espanhola dez vaso ero sas sun to s di gamos as si maior, masi pe ss circulo da primeira is, ne maior quadrado ue demo rea e te rata ni dad e, se us fil homem gata os da puta bandidos e ab usa dores dec rata ian ca ase, se co bar de s p o is ne muito homem primeiro da rata espanhol de ponde circulo quadrado da ue seja , ne maior primeira linha serpente do vi os o e ç o, por iss o, t cruz alvez me serpente do mo mel hor é quadrado da ue de sapa rec rem as armas todas e quadrado da ue vaso os mat ema todos!

E também já que estou em maré de putas, e de bandidos disfarçados de agentes da lei, de bastonários e de bastonetes, ainda não tive tambem alguma resposta da ordem dos médicos que assim me sonega os direitos de apresentar queixa contra as falsas e putas medicas que entraram neste filme de roubo do meu filho, e tambem não tive nenhuma resposta das putas da polícia asquerosas a todas as queixas que apresentei, desde agressão a roubos diversos, oh meus cabrões bandidos, e como parece que não existe ninguém para vos prender, eu vos digo, quando um de vos encontrar em meus passos, resolvo logo ali parte do assunto, se não o resolver de outro modo no entretanto, pois vos digo este livro está para acabar, e a partir daí vou resolver os assuntos digamos assim, mais pessoais, nem que demore a eternidade, seus filhos da puta bandidos e abusadores de crianças, e cobardes, pois nenhum responde o que seja , nem uma linha vos oiço, por isso, talvez mesmo melhor é que desaparecem as armas todas e que vos matem a todos!

Quanto ao resto, imagem geral da vida, pareceis não vos importar verdadeiramente em mudar o necessário, portanto como vos disse em dia recente, fazeis a má sementeira, colheis o mal fruto, assim se irá passar, não mudais a bem, mudareis a mal , se escapares no entretanto!

Q a un to ao r es to , i mage m g e ra l da v id a, par e ce is n ão v os i mp orta r v e rda de ira mente em um da ro ne ce s sário, p orta n to co mo v os di s se em dia rec en te, f az e isa má semen te ira, co l he is o ma l fr u to, as si ms e i rá passa rn cão mu da isa b em, mu da rei sa m al , se esca par es no en t r eta n to!

O vaso do pen sa reis por vaso da en tura quadrado da ue tudo se en circulo em cruz ra j á r espanhol circulo do primeiro vaso id circulo

Ou pensareis porventura que tudo se encontra já resolvido

Eu estou no algarve mas não estou de férias, não o saberia explicar a meu filho, como é que o pai fora de férias, enquanto lutava por ele, alias ainda não as tive desde que tudo isto começou! E a meu mood, não é dos melhores, pois quando as férias grandes se aproximam, e eu sem ele, e ele sem mim, e sem poderemos andar à solta, mais chateado fico, tem sido sempre assim desde que mo roubaram!

zorro do w e zorro do x da cruz

a h g ze rem

forte zorro kapa do x zen ao sn
Depois um pedaço dormi, e o barulho me acordou, um barulho, assim meio jeito de emoções à solta, tipo telefone a tocar, sem fios

Dp o is um peda aço dor mi, e o bar u l h o me ac r do uu m barulho, as si m me i je i to de emo ç o es à sol tati p o tele f one a t oca r, se m fi circulo do quadrado

E fui fazer um recado à minha mae para uma sopa

E forte do vaso e f az e rum rata eca do à min homem da am ae para pr ie mr ria da sopa

E assim li no que se apresentou ao olhar

E as si maior li no quadrado ue se ap r es en to ua do circulo olhar

A bd que mete o cima, as inspecções dos automóveis, da lama e dos pedofilos do outro lado do rio, Palmela e barreiro, é x da press, que deve ser a rapariga sorridente que agora vi numa capa de uma dessas revistas nem sei de quê, a comprar cigarros, entenda-se

Ab d q ue met teo c ima, as i ns pe cc ss circulo do corte do circulo es dos au t on ov i es, da l ama e dos pe di f o i dez sd circulo de ouro primeira ira ado do rio, pal mel la e bar do rei ro, é x da pr ess, quadrado ue de eve se ra r a pa riga so r rid dente quadrado ue agora vi numa capa de uma das serpentes sas das revistas ne maior ms e id e quadrado do vaso do ê, ac o mp pr ar c e garros, en tenda do traço da inglesa se

Dois carris paralelos , que equivalem em sua certa forma semelhança e dissemelhança, a outros recentes qui deste capitulo, que traem uma particularidade nas suas duas pontas esquerdas, dois ganchos, dois anzóis paralelos e muitos compridos, lá dentro deles está, do serpente homem de setenta e oito, e por debaixo um desenho, dois quadrados dentro um do outros, com uma vareta que os atravessa ligando o canto de baixo esquerdo, ao superior direito, tipo símbolo do volvo, ou a indicação gráfica do aumento da janela do player da Windows, que recentemente aparecia tambem nestas ultimas letras

Do is car rata is do para lelo serpente , quadrado da ue e quadrado do vaso iva primeiro em e ms ua ce rta forma se mel home anca e di serpente semem do pr i e mr ia em pri maira do homem muito ca, a outros rec en te s aqui de este ca pi t vaso de dez, q ue t ra em uma par tic u l ari dad en as s u as do as pontas esquerdas, do is ca pi tao gancho serpente, do isa muitos anzóis do zo is para lelo se mui to sc om mp rid os, primeira á den t ro de le s est á, do serpente homem de setenta e oito, e por de b ax io pr ie mr rio ip desenho, do is quadrados den t rod um do outros, com uma vaso ar eta quadrado ue circulo do sat ravessa li gan do circulo do canto de ba ix circulo da esquerdo, ao s up e rio rata direito, t ip o sin olo, falo, do vo do primeiro ovo do vo, o ua indica caçao da sao gráfica do au men to da jane la do p l ayer da w indo ns, q ue rec en te mente ap ar e cia t am b em ne st asu vaso do primeiro do rio do tim as pr ie miro e cruz ra serpente

Cu da puta do circulo no quadrado de noventa e quatro que é tambem a puta de noventa e oito, e em mim anda uma estranha memória de um almoço na expo , restaurar, quando filmava o documentário, water time, assim eu lhe chamei, outros depois lhe chamaram de lisbon exposed, que treta, mas enfim, na mesa, seria um quadrado , estava a bela rapariga modelo que entrava no filme, a bela Diana, e algo naquela formaçao salvo erro em quadrado se passou, pois assim o senti, por dentro, uma qualquer ab e c reacção ali se passara, ali fora provocada

Cu da puta do circulo no quadrado de noventa e quadrado da eu cruz ro quadrado ue é tam segundo em primeira puta de n ove en t a e oito, e em mim anda uma es t r anha me mó ria de um al moço na e x po , r es tau ra r, quando fil m ava o doc eu mn tá rio, w at e r time, as sw i me vaso do primeiro home ingles ca he me io u t ros de p o is l he ca h am ram de li sb on e x p do circulo da sed, quadrado ue t r eta, mas en fi mna mesa, se ria um quadrado , est ava a b e la ra pa riga modelo quadrado da ue en cruz rava no fil me, a b e la dina ana, e al g o na quadrado eu la for maçao sal vo e r ro em quadrado se passo vaso da el eva são , p o is as simo s en ti, por den t ro, uma q ual q eu rata do ab e c rea cc sao ali se passa ra, al i f o ra pr ovo ca da

No supermercado, ao fazer o recado assim li, o vaso das cenoura, ou seja da ruiva, origens portuguesa do porn das duas colunas primeira da kapa, ou primeira kapa da gata do vinte e um , primeiro, ou seja do gato dos olivais , o primeiro, dos tomates lg life, segundo do ponto treze, de muitos x no vaso zorro em oitenta e oito, monchique, que me lembrou ao momento, o actor, do carapau francês, cenouras portuguesas primeiro kapa do gali do circulo de oitenta e oito,, ad sessenta e um do gi do circulo do sessenta e seis do traço inglesa em oitenta e um zorro homem, sessenta e seis vermelho, branco, vaso ds francês, nabo roxo cabeça porto primeiro kapa do circulo de vermelho e branco, dois tres sete

No do os do super meca ado, ao f az ero r eca do as si m li, ova soda s c en oura, o u seja da rui iva, ori ge ns portu guesa do porn das du as co l un as pr i me ria da kapa, o u pr i me ria kapa da gata do vinte eu mp rim eiro, o u seja do gato dos ol iva si , o primeiro, dos tom at es l g life, se gun dodo ponto t r e ze, de mui to s x no vaso zorro em oitenta e oito, mo n chique, q ue me l em br o u ao mo m en to, o ac tor, do cara p au f ar n ce s, c en ouras portu g ue sas pr i me iro kapa do gali do circulo de o it en at e oito,, ad sessenta e um do gi do circulo do sessenta e seis do t arco in ge l s emo it en nat e um zorro h oe mm, sessenta e seis vermelho, br q n co, vaso ds f ar n ce sn nabo roxo ca beça porto pr i me iro kapa doc ric u dez dc e vermelho e branco, do is da te rata serpenet do sete

A factura complementa, ali super, angulo do circulo de primeiro triângulo de fogo do quadrado do nino, praia de sal, sal da ema melitta, descrição da moeda do preço do euro montante , alface, frisada do ponto port, circulo da divisão de quarenta e seis, primeiro x no circulo de setenta e cinco

A f ac tura co mp l em en ta, al isi pera das muitas gulas de dez do circulo de p rim e rio t ria ab de muitas gulas de dez de fogo do quadrado do nino, pr aia de sal, sal da ema mel it ta, d es c r e sao da moe da do pr e ço do euro mo n t ante , al face, fr isa sado ad o po rn y o port, circu dez da di visao de quarenta e seis, pr ie miro x no circulo de set en nat e c inc circulo

Do tom do ponto lg life do ponto do sexto do setimo do bar do rá de doc irc u lo oitenta e dois, da gula do vi do circulo do quadrado primeiro do primeiro x no segundo do treze do circulo de oitenta e sete

Do tom do ponto l g life do ponto do sexto do setimo do bar do rá de doc irc vaso dez en nat e do is, da gula do vi do circulo do quadrado primeiro do primeiro x no segundo do treze do circulo de oitenta e Set em bro

Da cenoura do av port, do circulo do quadrado do primeiro do primeiro x n circulo de oitenta e oito, do alho franco português do circulo de vinte e quatro de maio, ou dos rapazes do maios de sessenta e oito, melhor seria fazerem sessenta e noves, inofensivos e deliciosos, acrescente-se para que não fiquem duvidas aso burros ou aos perversos, , o alho do franco português, que tambem remete para nuno, do primeiro x no segundo do dezoito do circulo de cinquenta e tres, do pao harris ca seir oitocentos, serpente un total, do terceiro, sessenta e nove, ora cá está um, se não bem o outro, o total disto, ana lise iva da taxa da estrela da di visao do duplo circulo, dinheiro , estrela, dupla circulo, cruz do roco din do he iro, primeiro do trinta e um, ou seja o do circulo do trinta e um da aramada

D ac en oura do av port, doc irc vaso dez do quadrado do pr i m e rio do pr ie miro x de muitos circulo de oitenta e oito, do al homem do circulo do franco pr ot vaso gata do vaso espanhol do circulo de vinte e quatro de maio, o u do serpente ra paz espanhol do maio sd e se serpenet da senta e o i to, mel hor se ria f az e rem se s senta en ove es, ino f en si ivo se deli cio serpente os, ac r es c en te do traço da inglesa se do para quadrado ue n cão fi do quadrado eu maior du vv id as a serpente ob ur roso vaso a os pe rata dos versos, da dupla gula do vi do circulo do alho do franco portu gato do vaso es, quadrado ue t am e b em reme met e p a ra nuno, do pr i me iro x no segundo do dezoito do circulo de cinquenta e tres, do pao harris ca se iro it o c en to s circulo dos centos, se rp en te un t ota primeiro do t rec e iro, se senta en ove, o ra cá est á um, s en cão b emo circulo do vaso da cruz ro, o to t al di s to, ana lise iva ad at axa da e ts r e la da di visao do dia up dez circulo, dinheiro , est rata e la, da up la circu dez, cruz do roco din do homem ingles da enguia do gui, iro, pr ie mr io do trinta e um, circulo do vaso do seja o do circulo do trinta e um da primeira da ramada

Esqueci-me de pesar e trazer os nabos e assim lá voltei, as tais cabeças de nabo roxo, que está por cima do pano amarelo, no carrinho onde em baixo estão enrolados, em colunas sacos da vila do bispo, com dragoezinhos, ou seja os dragoezinhos da vila do bispo, do porto da vila do bispo

Es q uec i do traço da inglesa me dep e sar e t ra ze ros sn nabos e as si m l á vo l teias as taís ca beça sd en ab o ro do xo, beijo invertido, q ue est á por rc ima do p ano am ar e dez, no ca rin muito ho onda em ba ix o es tao en rola dose maior mc co l un as sacos da v ila do bi s po, com da g ro e z in h os, o u seja os dr a goe zinho sd da vila do bi s po, do porto da vi norte sul do b is p do circulo,

Recorda-me todo isto a entrevista num programa lá no porto, quando foi apresentar o canal zero, a ana liza, e o Álvaro, e pelos visto agora, tambem a vila,

Reco rda do traço da inglesa me t o do is to a en t revista no um pr o g rama l á no porto, q ua n do f o ia ap rata es en taro c ana do primeiro mr zorro do ero, a ana primeiro iza, e o al vaso do aro, ep da p dos elos do vi serpente to do agora, t am e segunda em ema vila,

Ao que parece segundo me contou minha mae, a sopa se queimou, ou algo assim, se estragou, tambem , com tais, cm tasis, bons ingredientes, o que de outro seria de esperar

Ao quadrado da ue par e ce se gun do mec on to vaso min homem da primeira mae, as da serpente opa se quadrado us simo vaso duplo do circulo norte sul goa serpente si ms e est rago vaso da cruz da am e segunda em cm tasis bo ns in gata red di en te serpente, o quadrado da ue de o vaso da cruz do rose ria de espanhola pera rata

curiosamente esta é a mensagem mil e trinta e um, ou seja, cu rio dada sa sam mente est a éa men da me ns sage a mi o rata do mi primerio angulo e do trinat e um, e um maior do circulo do dez do trinta, t r ina t, e um da armada

b kapa do w ne eva quadrado primeiro sargento deitado para a direita

o c s v y c