segunda-feira, novembro 30, 2009


Continuação

sempre
que
accionaram
as
ilusoes
tentam
mistificar
os
proprios
passos
assim
criam
e
se
cria
o
labirinto
e
o
pantano

sc a a it mo pp ac e sc o l e circulo do pantano
se mp re q ue ac cio na aram às das ilusoes, ten tam am mi st ti fi car os pro p rio os dos passos, loucos, ass si em c ria am e se circulo da ria do circulo do la ab rin to é circulo do pan t do ano,
pan t ano circulo vaso e sic primeira é labirinto, circulo s emi can tora da ria sé , é circulo rato ia iam am , ass si mp ass os pro da rop da p rio serpente os me is ti fi car ten t am e lu us so es às ac cio sion on ar ara ram da am q ue da se mp re
e
fazem
prova
da
natureza
do
acto
de
conspiraçao
e
do
tremendo
abuso
de
poder

e fp dn d ad ce dt ad p
é f az zem mp pro da ova da ana da natureza, do ac to ode co sn spi pira raçao, é dot rato em mendo ab us circulo ode pode der
ao
nao

vergarem
a
lei
como
vergando
as
policias
de
investigaçao
e
os
tribunais
em
seu
topo
ladra, cao serpenteacento ema nu elle, ver g ar rem primeira al lei ei, com circulo ver gan do os policias, de e em vaso est tiga sao, o os tribunais, em serpente europeu top circulo
supremo
incluido

serpenet ele eva da sao, pr remo do emo inc lui, id circulo
josé
socrates
é
um
chico
esperto
nas
vezes
na
aparencia
bem
intencionado
nas
outras
contrapondo
a
sobrevivencia
politica
de
ter
ainda
a
cabeça
ao
cimo
no
areia
movediça
com
a
arrogancia
de
se
achar
muito

jo da sé da seda do socrates é um do chico, es per rt to em as vaso e zorro espanhol na ap par rec cn ia b em min inte t en cio na ad c irc cu uk lio, primerio do io, em outras, c on cruz rato ap em do da primeira serpente ob br e vaso ive em cia poli tica det teresa primeria inda ,primeira ac cabe bessa, primeira do circulo da primeira circulo duplo do imo da ar reia mo ove da dica com, da primeria ar ro gan da cia de se acha da ar mu it circulo
vn ab inten cio n a d o n as de outras, c on t r ap on do a s ob r e v ive en cia
poli tica de teresa rato, a inda, a ca beça, no c imo da ar reia ia m ove diça
com da a ar ro gan cia de se ac h ar mu it o
e
a
queda
se

no
mesmo
ponto
ou
semelhante
sobre
acontecimento
semelhante

é primeira da queda, sw , e, do quadrado do acento ano no me sm circulo do ponto, circulo do vaso semem me priemiro home ante serpenet ob rea ac on tec c ie em n to ze m, se me priemiro h oe mm ante
a
ponte
tambem
diz
para
alem
de
mostrar
a
complexidade
da
montagem
e
das
complexas
ligaçoes
nos
distintos
patamares
da
vida
e
dos
assuntos
comuns

primeira da ponte tam am tambem, di zorro do para a e l m, de ms ot rato ps da ar , primeira co mp le x id a de, e x id ad e, da m on ta ge em e d as co mp le x as, liga ac espanhol circul corte oe es, nós di st tinto serpente, par ram am mares mar rato ps espanhol , david , primeira , é quadrado do os ass sun t os com un ns
a p t d p al de mo st r ar a co mp le x id ad e damon tage m e d as co mp l ex as liga ç o es
nos di s tinto spa tamares da vid a é d os as sun t os com un s
diz
nos
tambem
de
um
semi
arco
que
quebrou
uma
bomp
de
amor
e
fala
nos
de
andorra
e
da
galiza

di zorro serpente dos nós, tam am tambem, de um s emi arco, madrid, q ue do qudrado eu br ro vaso de uma b om mp de am mor e fala, es, nós de andorra e da gal iza, dag al iza
que
tem
sido
alvo
de
campanhas
recentos
no
pais
a
porvar
a
extensao
da
ligaçao
pela
natureza
do
negocio

q ue te ms id o alvo ode das cam p anha s rec centos no pais, tvi, ap por v ar, a e x t en sao
da liga do ac sao, p el ana t ur e z a d o negocio, za ad don one ne gato circulo do cio do circulo do negocio, ft
e
do
próprio
estado
assim
de
memoria
o
creio
pois
tal
campanha
passou
por
um
organismo
de
estado

é do pr ó rp pi do io do estado, as si made ria de me emo mor ria rato ps ia, o c rei do io
p o is t al da campanha, p ass o u por um do o r g ani sm o de de estado, aicep, ou lá o que se chama agora, ai c ep criculo vaso acento la , o q ue se da sec da chama, ham am ma
diz
ainda
de
uma
orelha
quebrada
tambem
simbolos
de
piratas
e
piratagens

di zorro za primeira inda de uma do orelha, q ue br ad da primeria quebrada, tam am tambem si em b olo sd é pi rata se das piratagens, pira rata tage en ns
ad uma o q t s d p e p
e
aquilo
veio
abaixo
na
sequencia
de
uma
abordagem
espelhada
numa
outra
natureza

é aquilo, veio ab a ix o na seq u en cia de uma ab o rda dag ge m es p el h ad anu ma
outra ana t ur e za
relembrei
agora
socrates
na
sua
juventude
em
ascensão
pelo
partido
até
se
tornar
dele
o
rei
o
timoneiro
o
homem
que
leva
o
timao

reel re el lm le lem br rei ei do agora do socrates, soc rate es delta, na serpente ua da juventude, em as c en sao, p elo do partido, primeria teresa se tor en dele, circulo do rei, circulo cruz tim imo nome one iro circulo do homem q ue l eva circulo tim ti ima mao
r agora soc rat y es na s ua j uv en tudo, em as c en são p elo p art id o a té
se tor n ar dele, o rei o tim one iro o homem q ue l eva o t i mao
o do agora do socrates
quando
era
galo
e
levava
cargos
de
ambiente

qua anda e ra galo, g al alo e el ava ava c argo sd de am bi ie en te
de
que
truta
descende

deque da truta, d es sc c en de,
de q ue da cruz ru t ad es sc c en de
(cá está mais uma porva de que estas putas espiam meus escrioto, sempre, como se deprende, de agora ter chegado ao ponto deste texto, que ainda ontem comentava sobre palavras proximas e ilusorias, porferidas pela puta do vara
circulo acento primeira e sta acento mais, fr, uma por vaso ad deque estas putas,es pi am me us es c rio oto, se mp rec omo sed ep pr en dede agora teresa rc chaga gado primeira do circulo do ponto, do quadrado de este te x to, a que primeia inda on te mc om en cruz ava s ob rep pala av ra sp ro pro oz z ima ase se e lu sor ria ia s p por rf r rid as p el priemira puta do vara, vaso do anel , ova ar da primeira)
recordarao
a
expressao
do
mal
nas
faces
dos
que
sempre
foram
trauliteiros

rec corda rda arao circulo da primeira e x press sd circulo da primeira da ad do circulo oma mal , na serpente f ac es sd os q ue se mp ref foram, pt, cruz rato priemria uk lite iro serpente
ainda
em
dia
recente
imagem
dele
na
ar
desse
tempo
o
demonstrava

primeira inda em dia rec cente en te, ima mage made ria dele, na ar , desse tempo, o deom ms ot rata ava, da cobra desse te mp circulo, circulo deo om ms ot rata circulo de ms or rata ava do demon, st rato ava
um
pequeno
grupo
em
aliança
pela
ascensao
do
lider

um pe q ue en no gato rup circulo em al ina aça, p el a as sc circulo da en sao, dol id der, lider,

estamos
de
novo
perante
negocios
semelhantes
da
natureza
semelhante
da
promiscuidade
que
sugere
ainda
outras
de
outra
natureza

c á est am amos am os d en ovo pe ran te negocios, s emel h ant es da ana natureza
s emel h ante da pro romi sc u id ad e q ue s u ger rea primeira inda de outras
de o u t ra ana t ur e za
como
tambem
uma
motivaçao
ct um
om a o
com o tam am tambem , uma mo ot ti iva sao
mas
será
esse
motivo
sufeciente
para
montar
contra
um
homem
uma
conspiraçao

ma ss e rá de esse, mo ot ti ivo sufe c ie en te para do montar, mon tar ar, contra, primeiro homem de uma co ns spi pira rac raçao
virá
ela
de
uma

casa
politica

vaso ira cento dela, el da primeira de uma serpenet acento no circulo em nu elle circulo asa da casa poli tica
v e d u s c p
vaso edi is scp, sc cp, com boi io os
certamente
que
nao
que
os
factos
provam
que
a
rede
terá
trocado
favores
como
é
normal
acontecer
entre
todos
as
casas
politicas
e
dos
respectivos
braços
que
controlam
em
distintos
niveis
e
planos
da
cidade
ce rta tam am que mente, q ue bn bao, nau, q ue os f ac actos, pro ova vam am q ue
da primeria da rede, teresa rá t roc cado, br, f av circulo rato espanhol, circulo omo é
norma al, acontecer, rtp, en t re todos, as casas politicas, é do os r es pe ct ivo s br aços
q ue c on t rol ola da am, em di s tinto int o s ni v ei is e pal nós da cidade, ra dio,a da cida dade
a
comprensao
da
natureza
desta
parte
do
mecanismo
da
corrupçao

suporte
à
tese
de
que
uma
conspiraçao
contra
um
não
se
monta
por
criterios
de
natureza
do
que
se
poderia
chamar
de
combate
ideologico

primeira do ac circulo om mp ren sao, da ana da natureza, de sta tap p da arte do meca can ani em ms circulo, o da cor rup sao, d á s up orte à te se de q ue uma co ns spi pira rac çao cp pn t ra
um n cão da se do emo da monta, por c rite rato iso, de ana natureza, q ue da se pode der ria ratp ps ia c ham am mar da ar , de c om bate id deo logico, dez primerio di circulo gi co do logico, aplicaçoes, ap p lic dos
caçoes
porque
como
provado
de
mim
muitos
distintos
se
alimentam

por q ue c omo pro ova ad circulo ode da mim mu it os di st tintos se al li men t am
pc p d mm d s a
e
este
é
sem
duvida
um
dos
motivos

é este, é se made ria do quadrado uv vaso id da primeira da a um, um do os mo ot ivo serpente
ee é sd vaso quadrado maior

mas
sustenta
o
quadrado
do
dano
feito
a
possibilidade
de
por
detras
estar
a
tentativa
de
escapar
à
responsabilidade
de
muitos
mortos

mass u s t en t ao quadrado do dano ano f e it o, primeira ap p oss sio sibil bil id ad e de por det ra serpente es star , primeira t en tat iva, de es cap ar à rata es ponsa sa ab bil idade, de mu it os
mor rt os de muitos mortos,
fazer
de
um
assim
tao
grande
inimigo
para
alem
da
honra
que
é
por
se
tratar
de
foras
da
lei
e
bandidos

f az ze rato de um, as si em tao g rande in ni mig o para al le lem
da h on ra q ue é por se t rat ar de for a s d a lei e dos ban d id os, b andi id os,
torna
tambem
plausivel
que
uma
acusçao
de
assassinio
tenha
sido
sobre
mim
lançada

tor na tam am tambem p l au us s iv do el, q ue de uma ac cu sc espanhola sao, de ass as sin do io t en home da primeira serpente id circulo serpente ob br emi mim, lan circulo espanhol ad da primeira
para
alem
de
todas
as
outras
que
se
estendem
pelo
mundo

para al le lem de todas, às das outras q ue da se est t en de mp elo do mundo
como
este
mesmo
texto
ao
escrever
se
me
desvelou
que
acusaçao
contra
mim
na
america
tinha
sido
proferida
pela
clara

c omo com circul de este, me sm circulo te x antonio cruz circulo, primeira do circulo espanhol circulo rever, rato ps eve rato se me do quadrado es velo lou , q ue da acusaçao, ac cu usa sao, contra min na am mer da erica tinha, serpente id circulo pro rof e rato rid id da primeria ap p dela , da clara, quadrado ac circulo da lara, primeria ar rata ps primeira
o
que
prova
de
como
tambem
esta
corrupçao
sempre
estendeu
os
braços
aos
artistas
e
os
que
dizem
levar
cargo
ou
funçao
cultural

o quadrado da eu por vaso da primeira ad e dec omo tam am tambem me sta
cor rup çao , se mp re est en d eu os br aços a os artistas, e os q ue
di ze ml eva e rato rc c argo, o u fun çao cu l t ural
e
prova
que
não

a
acusaçao
é
encomendada
porvavelmente
de
algum
modo
paga

é pro sa ova do q ue n cão s ó, primeria da acusaçao, é en com en dada , por v ave el priemrio que mente, de al gum mod circulo da paga
como
muitas
cabeças
nesta
area
sempre
forma
alvo
de
encomenda
a
troco
de
benesses
e
carreiras
diversas

c omo om mu it as cabe eças nest sta ar rea sempre, forma alvo, de en c oe em n da priemria da cruz roco code b ene ess es e car rei da iras di vera serpente
e
de
como
cabeças
imaginativas
que
sao
na
melhor
das
hipoteses

e dec omo cab beças, ima gina t iva s q ue da sao na
mel hor da s hipo das teses, serpente homem elefante, el le fan da teresa, ip pod às das teses, te serpenet espanhola.
de
como
a
manha
e
a
mentira
resultante
será
grande

de c omo primeria da am manha, é primeira men net ti ra da ira, rato ps es sul cruz ante se rá gata rande
dc priemria manha é primeira en ti ra rato es sul cruz ante se rá gat rande
dc a am é a am en ra t p s e
e
de
como
é
grande
pois
tentacular

e dec omo é gat rande ep p oi is t en t ac cu lar prime io da ar
e
dc é g p t
tp g é c d e
ee o é, es rato ar
de
como
serao
ricas
suas
historias
suas
invençoes
das
rodas
que
espalham
o
veneno

dec omo ode se ra circulo ricas, s ia ua serpentes das minhas historias, s ua sin vaso encirculo corte oe es sd as das rodas das serpenets q da ue es spa al alha ham da manha do circulo do veneno, vaso en ene no
dc serpente rato da art da serpenet homem, si serpente id rato ps quadrado da eo do ov italiano
e o os ss ss ss emo circulo do ove do veneno
o om me ss ss ss ss o oe
vaso veneno, vaso en neno , circulo es spa alha ham manha do quadrado da eu das rodas, serpente ua serpente sin vaso en circulo espanhol ps , en oe es, hi st tor ia ss ua s ricas, se ra c irc cu uk, lo sc can tora c omo ode dec
pois
sao
imensas
a
todos
os
momentos
e
diversos
em
suas
origens
como
diversos
sao
os
interpretes

p o is sao oi em mne as a de todos, os mo men t o s e di v ero rosos, em s ua s ori ge en ns
c omo di v er sio os, sa io os inter rp pr e cruz espanhola
ps s ia todos os mo men t o s e d iv e r s os em
s ua s ori ge ns c omo di versos sao os inter rp pr e t es
ps psi, primeria de todos os,
( na realidade, depois de ter aqui narrado um almoço, no restaurante do mercado de agulhas em alcantara com meus pais, em dia seguido ao ligar de manha a tv, dei no canal um com o julio machado vaz, com uma estranha conversa, onde em sua meta linguagem, para alem de precisar que se encontrava já reformado, referia, linhas de piramides, e dava conta que um qualquer passse como que não teria funcionado, e todo aquele dizer, me pareceu ser a confirmaçao do envolvimento dele como psi ou de outros, nesse mesmo passe, que aqui narrei
a ar rea al id ad e qaudrado da ep o is det teresa rata rac do ki aqui, na rr ad circulo de um al moço, no restaurante, rato espanhol st taura ar rr ra n teresa red sa mer cado de agulhas, taco es, em al can tara com me us spa is, em dia se guido, it, primeira aol lio liga ar rata da manha , primeira da tv, program da puta das lacas e os quijos, a do porto, de ino c ana anal do priemiro, com do circulo do julio, vaso az machado do vaz, com, uam est rata anaha c em versa, onda em s ua met al lingua guage ua ge mp para al le lem, de pr e cisa rato ps porto, q ue se en c on cruz rata va, j acdetno primeira ref for mad circulo, rato refer, ratop efe ria, linha sd de pira do pi ra ram id espanhola, e do quadrado da ava, conta, q ue de um q ual q ue rato do passe, com circulo q ue en cao tereia ria rato ia, fun cio em ad circulo, serpente + é todo a q u le da di do ze do rato da me par rece ua use ser se ra ac com do fi da ira do rato maçao, do en vaso sc c irc u l do primerio vi em men to dele, com circulo do psi, sio do vaso e outros, ness am me sm circulo do passe, q ue da primeria do ki aqui ina na rr rei do ei)

à
senhora
clara
inquiri
a
eu
aqui
em
forma
aberta
e
directa
sobre
relaçoes
com
resultados
em
mortes
matadas
e
pedaços
de
guioes
com
terceiros
que
provocam
sincronismos
em
minha
vida
e
em
meus
passos

à s en hora da clara inc uvaso oi rato ia da primeira do europeu , primeira do ki aqui em forma ab berta rta e di rec cta s ob re r el la aç o es cp com r es sul t ad os em mor morte orte rte s mat ad as
e peda aços sd e gui oe es c p m te rc e iro s q ue pro ovo cam am sin corni sm os em min h av id a
e em me u is d p s dos passos, dos malu cos
e
calhou
ouvi
la
depois
em
aparente
brejeira
saudaçao

é ca da ak , kapa do prime rio do homem do circulo do vaso, circulo uv vicente, la quadrdo ep o is ise em ap par rec cn teresa br e jeira, s uada ac sao
e co l dea ab br serpente
e vaso ia sm, é pr e mr ia do circulo da sao
circulo da primeir em ms sa e ue
sb a e dl o ce
havemos
de
falar
senhor
fantasma

home eve ave emo sd e f al da ar s en hor fantas sm primeira
hd f al ar rato ps serpnte da en hora fan cruz da asma
forte serpente dor rte de home ave emo serpente
se rr primeira, ser rata rp prime ira
curiosa
escolha
a
imagem

cea ima mage em
aa am
ma aa
ia é circulo
cu ur rio sa es co primerio homem da primeira , primeira ima me
como
sendo
convite
nao
deixa
e
colar
um
rotulo
uma
insinuaçao

c omo s em doc on vite,estrela, vaso it teresa, n cao da nau de ix, primeire é circulo da ola da ar do rato ps, um ro ot vaso dez de uma in zin ua ac sao
o oe o circulo da primeira é rato mo a o, primeira do circulo
circulo primeria om mr é primeria circulo, e, duplo
no
minimo
deselegante
nm d
no miniimo de sele le gas sn gan teresa, e oo , o oe, do quadrado mn
e
muitos
tentam
de
mim
fazer
um
fantasma

em mu it os t en t am am de mim f az ze rato priemiro fan t asma, fantas sm primeira
em td mim f az ze rato
bate
certo
a
procura
de
verificaçao
por
semelhança
de
natureza

bate, ce rt antonio circulo, primeira ap pro roc cura ur primeria ad e vaso eri rifi fi caçao, por s emel home anka espanho, dena at cruz ur reza e za
bc, ba ck g ro un quadrado da ap do quadrado da ova do vaso do ps do dn
naquilo
que
é
comum
no
distinto

n q é cn d
dn c é q n
oe é e mo o
p p, é e eo
na ki do da ilha dez prime mer do rio do io do circulo q ue é com um no di st tinto, int circulo
me
confirmais
a
natureza
do
que
vos
move

mc c on fi rato mais, fr, ana natureza cruz ur e za ad circulo q eu vaso os mo ove
mc and quadrado do vaso maior
es sa primeira circulo us se e
me c on fi rato mais, fr, ana natureza, doc eu vaso os maior ove
ou
insistireis
ou
ainda
criareis
nova
tecla
prova
disso

circulo vaso em sis ti tir rei ei is , circulo vaso ua primeria inda, circulo ria are is da nova, fac, tec la, por da ova di isso, p ova iss circulo
oi o ac n t p d
us ua sa aa o
o aa as a us a us
me
dizei
senhora
sois
encomendada
pelo
amor
ou
ireis
vergada
fazendo
encomendas

me zi ize ze ei s en hora, s o is en com men dada, p elo am mor moro, vaso ire is ver gada, f az ze dn do en com en do quadrado do às
made ria quadrao ss se ep pao oi vaso fazendo, en
ei as s c irc u l do ru rato usa os
s o as ur o asa ie
e
se
assim
foi
se
foste
paga

é se ass si mf oi se f os ste paga
es sa forte serpenet puta sp
ee em mi ie e primeira
priemria e ei me e
e sa f s f p
p f s f a s e
em
que
moeda
em
que
valor

em quadrado da em moe do quadrado da primeria em q ue do valor, vaso alo rato ps pas
e quadrao me quadrado vaso valor
me am mer ps
em
generos

e mg ene nero ero serpente
e g m s
sm ge
tipo
promessa
via
administraçao
de
continuidade
de
trabalho

cruz ip ipo circulo pro rome me ess sa da via ia ad mini st raçao, dec on ti em ni id ad e dede cruz rato ab aba do bal do alho
tp v ad c d t
td cd dd a vaso da pt
o aa oe ee o
o ee eo aa o
sois
vos
senhora
sem
ou
com
fasquia
ou
deverei
dizer
franquia

serpente oi is vaso os s en hora , circulo vaso com f as serpente ki vaso ia circulo vaso do quadrado eve rei di ze rato fr ankki vaso ia
ss am um a vaso oi rato ar ra prmeira
ar iu am um as s
s vaso do ss do circulo dodoc do gato assanhado da dd do forte fr
como
a
que
se
foi
no
ultimo
autocarro

c omo primeria do quadrado da ue se f do oi no vaso primerio imo autocarro, au to toca do carro
ca q s fn ua
au n fs q a ac
o a es sio oo
proferiu
senhora
voz
de
acusaçao
contra
mim
na
america
ou
em
outros
lados

pro rof f eri rio vaso s en hora vazo voz, ra dio , vaso oz, de ac cu usa ac espanhola sao, contra, mim na ma ar rica circulo vaso eu em emo vaso cruz ro s lados
por f rei vaso s en hora da voz , de acusaçao, contra da mim, na am mer erica, circulo vaso ue em mo vaso de outros , primeiro ad os lado serpente
se
sim
qual
sua
natureza
extensao
e
dano
directo
ou
indirecto
por
consequencia
da
acçao

se serpente si em quadrado da aul , serpenet ua ana na cruz ur reza za, é x ten sao e dano ano di rec ct circulo, circulodo vaso indi di rec to , top por, co nse q ue en cia da ac cc espanhoal sao
ss q sn e e dd o ip cd a
ad cp i o dd e en s q ss
e ml aa oe oo u o ra a o
sabeis
que
trabalhais
para
bandidos
que
nao
pagam
a
muitos
sa ab abe is q ue, cruz rato ab aba bal homem da primeira do is do para ban di ds do q eu n cao primeira dio gama a m mu it os, s q t p b q n p a m
s am oe sa s es
se sa se om a s
nesta
ultima
semanas
que
passaram

nest ne es sta vaso primeiro tim cruz ima se mans serpente q ue p ass sara ar aram ram am
n u s q p
p q s u n n
a ase m
me sa a
entre
todos
os
outros
assuntos
da
extensao
maior
do
polvo

en cruz delta re todos, os de outros, as sun t o da e x ten sao maio rato , o do polvo, p circulo do primeiro do vaso do circulo
e t oo ad em made ria da d p
pd meda dao ot te
es ss sa ar do circulo do polvo
consequencia
do
merito
e
eficacia
de
vosso
mal
fazer
e
metodos

co ns q ue en cia c ia iad do mer do rit it circul ee fi ca ac cia ia devo do osso f az ze rato rem reme met to td todos
cd me ed v m f e m
me fm v d ee em m d c
a o oe a e o l r e s
se r l o e a e oo a

mais
questoes
se
clarificaram

mais, fr, q ue es st toe oe es se c l ar rifi fi caram
maior quadrado se circulo la primeira ar ri fi ica caram aram ram caram, pin cel,
apareceu
a
imagem
da
teia
depois
da
aranha
me
ter
mostrado
o
que
desvelara

ap pare ec eu ua da primeira ima mage made ria da teia da teresa ia, do quadrado da ep circulo is da ar anha, me teresa rat mo st rat ps ad circulo, circulo q ue do quadrado da espanhola vaso da vela a lara, primeira da ar da primeira
continua.....
mais um pormenor relativo a casa contignua, à do richard no largo do admastor, onde descobri em dia recente a analogia com o interior de minha casa, e portanto indicio de possibilidade de trasnposiçao, uma diferença existe, a minha mesa da sala de jantar, tem os pés em vaso de agua, a mesa que esta no jardim dessa casa, tem-nos em vaso de fogo , ou seja por justaposiçao, obtemos a estrela pentagonal

mais, fr, um por men circulo do rato ps , rato el at ivo, primeira do ac da asa da casa conti gn ua , acento do richard, no priemiro do argo do ad mas tor, onda deco br ie em dia rec en te , primeira ana log ia com o inte rato ior, cosat,ps, de mim homem da primeira do ac asa da casa, e porta anto io indi di cio do io da ode p oss sibil bil di iade dede det ra sm posi sic sao, uma diferen cc a espanhola, e xis teresa, a ma am mina na mesa, espanha, sada da sala, rr, de j ant ar, te emo os p es em vaso de agua, priemira am mesa, q ue e sta no do jardim d ess a dessa casa te em ponto ns circuo em vao, puta ps, de f ogo, circulo do vaso use seja por ju sta tap ap posi sic sao, ob bt emos a estrela penta g em , ge am gema al



ainda na carruagem tombada na russia, era visivel na traseira, dentro do rectangulo que corresponde à porta, uma outra peça, que figurava um embolo, como uma cambota, ou seja aponta isto tambem por declinaçao para os militares, cam da bota, em b olo



priemira inda ina na ac aca car rua ge made ira tom ba ad da primeira na russia, e ra vaso isi vaso e kapa na t ra ase da ira, do quadrado dt en t rod circulo rec cta tam da gula q ue co rr ep ps onda à porta, uma mai vaso cruz ra p eça, q ue figo ur rato ava em b olo, com circulo cam bota, circulo vaso use seja ap da ponat is to ta am tambem, pro dec lina ina ac sao para os militares, mi li t ares, cam da bota, em b olo
em cima as duas fotos que comento em video, tiradas na sexta feira, descebno para a assembeleia da republica, mais ou menos,
em mc ima às sd vaso as f oto s q ue com en to em vaso id é circulo , tir ad das na serpentede sexta feira, quadrado es sc ce bn circulo do para do circulo da primeira da ass em b el ia da re p ub bd da bica, da ar. mais, fr vaso primeiro men en os
hmp, her majesty mp , do primeiro ministro, o socrates, mp, mini s teri o publico, do mp, miguel portas,

domingo, novembro 29, 2009


ao tribunal penal internacional, a polica inglesa e a interporl, para que nao restem duvidas, do cio expressamente montado na exibicao do filme blow upo no canal dois nest a semana, esclareco a quem nao saiba que nao e costume a rtp programar filmes nesse dia da semana aquela hora, nem tal correponde à normal grelha de programacao, e asim sendo este facto prova para alem de qualquer duvida que foi expressamente e com intencao feito, e que a rtp estará, portanto dentro do conhecimento de quem o ordenou, sendo então, trigo limpo, chegar aos mandantes e por peritagem identificar a tal voz injectada no filme, que certamente seré do conhecimento de quem o misturou, no ar, ou por gravacao previa, sendo mais provavel esta segunda possibilidade, pois a primeira seria prova evidentissima,

primeira do circulo do tribunal penal internacional, inter na ac cio na al , primeira poli ca inglesa, ]e primeiera inter ri por do primeiro, para q ue nau rato ps este em qaudrado uv,it, id as do cio, e z pr press sam am que mente, nontado na e x i bic cao do filme, segundo dez duplo vaso ele da el eva sao, no c ana al do is nest primeira ase mana, es clare rec coa q ue em n cao sa iba, q ue n cao ]e cos t um me primria rato do tp, por gata ram am mar da ar dos filmes, ness dia , da se ema ana daquela hor , primeira pra al lem de q ual ue rato ps do quadrado uv id da primeira, q ue f fo io , e x p press sa em n te e com int en cao , feito, e q ue da primeira ar da rata do tp, est tara porta ant circulo do quadrado dd dn, , dentro, dec on ge cimento deque emo que o ordenou, s en do en tao cruz rig circulo li mp circulo, cha fara os mandantes, e por per rita tage em id en ti fi car, primeira da cruz da voz, in ject ad da primeira, no fil mec ue ce rta tamen tam am qu emente , se ra do c on ghe ei cm en t o, de que emo que om is t ur cir ulo vaso, no da ar , circulo do vaso por dag ad gravacao, pr e vaso via ia, s en do mais, fr, por vaso ave dele, el, e sta se gun do quadrado da ap os sibil bil id ad e ep o is se ria da por da ova , e vaso id en ti iss do sima
e sendo que este processo de indução, não é a primeira vez que aqui dele dou conta, ou seja, é passivel tambem por investiaçao, séria, chegar, a quem de outras vezes o fez, se distinto, pois este processo, é, e foi usado em diversos canais, distintos da rtp, ou seja , aponta uma forma de operar que terá de ter o conluio de todos os operadores, o que explica em parte porque as autoriedades do sector os cobrem a todos, com as manhas evidentissimas que aqui venho desvelando, e sendo que a prova, e admissao de culpa de co responsabilidade, foi feita, quando a puta terrorista da erc, o disse na forma que o disse, na propria rtp,
e s en doque quadrado eu de este, pro roc esso serpente a ode de induçao, indo, sao, n cao é a primera ave do zorro q ue do au id dele, conta, circulo vaso use seja , é p ass s iv do el, tam am tambem, por e em vaso est t ia ac sao, sé ria che gato ar ra priemria aqui do ki, q ue made ria de outras vaso oe zorro do espanhol de fez, mar rocos, se di st tinto, o bode, p o is este, por rc esso, é circulo do fo do io, fernendes ferreira, usa sado em di dos versos dos eros serpente canais, di st tinto, bode, da rata rell time do tp, circulo vaso use seja, ap da ponta , um forma de opera ar q ue teresa rá, det cruz d ero c on lui id o, de todos os operadores, q q ue e x p lica em p da arte por q ue às autoriedades, dd es, do sec tor, seprente circulo quer cobre a todos, com às da manhas e vaso id dd dente en t ti serpente sima, rtp, q ue da priemira do ki aqui, vaso en ho p, d es vela ando, e s en do que da primeira da eu, por vaso da primeira, feita, qua anda da priemria puta terro rato p ista do ps do erc, o que refrenciou em forma eleiptica, como piscotico, circulo di isse bn na foram , q ue circulo do quadrado iss sé
ontem pela tarde passei nas tais instalaçoes militares, onde ouvira distintamente, os tres tiros de pistola, introduzidos pelo rate da motorizada que ultrapassara o electrico, como sinal previamente combinado, assim parece retrospectivamente, e o que li ,vindo depois no mesmo distinto electrico, foi medecina dentária, ou seja os tres tiros a meus dentes, assim se desvelava na imagem,
on te mp el da primeria cruz arde, p ass serpente do ei na s tais, br, sin in st ala dag o es militares, onda o uv da ira di st int am que mente, os dos tres tiros de pi st ola, int rod uz id os p elo ra te da, mao oto r iza ad a q ue u l t ra p ass sara o el e ct rio, com o sin al pr e v ia am men tc om bina ado, as si m pa rece r e t ro sp e ct iva vam am que mente, e o q ue li vaso indo no me sm o di st int o electrico, f oi med e cina d en t circulo hoemm ave eta ar ria do ia, o use seja os tres tir da rosa sam am me us dos dentes, as si made ria ms se d es vela ava na ima mage em,
in te mp el primeira da cruz arde, p ass se ei ina serpente br, in st ala dag oe espanhol militares, onda deo uv vaso da ira di st int tam am tamen que mente, te os dos tres tiros, de pi st ola, int roduz id os p elo ra teresa da ma mao oto rato iza ad da primeira q ue vasl primeiro cruz ultra, ap passa sara circulo do dele e do ct do ro, com circulo sin al pr e vai am men da cruz combinado, bitoque, bit circulo to q ue, ass sim mp par rece e rato cruz ro sp e ct iva vam am que mente, ]e circulo li vaso indo, di st int circulo elecrtico, forte do io mede c ina do quandrado en t c homem ave eta da aria, circulo do vaso use seja, os tres tiros, primeira am me us sd dentes, as si made ria da se da sed es vela ava na ima ge made ria
do outro lado da rua, uma pastelaria com o significativo nome, doc e estrela, o medico da estrela, bairro,
do quadrado do circulo do outro rol ado da rua, uma p as tela ria com o sig gn ni cart ivo, doc e est rato e ]e la, circulo do medico da estrela, ba e rr , circulo
na imagem que comeco a contar, no ultimo video publicado, quando estava no miradoiro,
esperando a hora da biblioteca, e depois do ceu me ter mostrado um arco equivalente ao grande iate que entrava no tejo, que parecia se dirigir em direccao ao terreiro do paço, que me avivou de imediato a imagem da tarde das fragatas e da tal bola de futebol dos hexagonos ligados a federacao portuguesa de futebol, porto, quando da ultima vez que pretendi falar com o bode do supremo, olhei uma das casas ao lado esquerdo, e de repente reparei que no muro pintado em azul croma, no terraco da casa, um micro ondas e uma mesa de madeira assente, em pes como trinagulos de fogo em bico, depois o espirito me confirmou que uma das primeiras marcas que me fizeram em oitentas , principio , fora feito por uma vespa lam br eta do principe do calhariz , a casa continua se o for, ao richard, ou seja a do banqueiro, ali como espelho montado , como em minha propria casa
ma ima mage do ge em q ue co do meco, priemria ac c on tar ar, no vaso primerio da cruz do tim do imo ov ,italia, id e circulo pub lic ad circulo , qua anda est aba ano do no do mira do doiro, es pe rato anda da primeira da hor primeira da biblioteca, e quadrado da ep o is doc europeu, mo st rato ps ad circulo do primeiro, um arco, madrid, e ki iva vaso al lente , primeira do circulo gato rande do iat , e q ue en cruz rata ava no do tejo, e par rec ia q ue se da sed di rig do ia, em di rec cao priemria do circulo do erreiro do paco, q ue me ave e vaso circulo do vaso de, imediato, primeira ima mege made ria dat trade das fr gt ase seda da tal bola, de fu te bo primeiro dos serpntes dos hexagnos maconicos, liga do gado sa da feder racao porto gues, do fu te da bola, p oto, e da primeira da cruz al, qua ando da ul t ima ave zorro q ue pr e ten di f al da ar com do circulo do bode do supremo, s up pr remo emo, circulo do primeiro he do ei, uma das casas aol ad circulo esquerdo, e de rep pen te rp par rei quadrado do no, mu ur circulo pin t ad circulo em azul, c oma coma, circulo roma, no te rr aco da cas , um mir ro das ondas e uma da mesa , es, de maderia as s en te , em p es com circulo cruz rina ina gulas de fogo em bico, d ep o is circulo do es pei it circulo mec on fi rato mo vaso q ue, de uma das primeiras mar ca s q ue me fi ze ram em oitenta s prin cip do io , for primeria , feito, por uma aso es spa, da lam am br eta do p rin c ipe do cala rato do ar rr oz, calhariz, c al homem ar e zorroa casa conti n ua se o for, a o richard, o use vao seja, priemria da ad do c ric culo do banqueiro, al e com o es p el ho do montado , com o em min h ap pro p ria c asa da casa, ou seja putas, que refelecetm minha propira casa, ou pedaços dela, e assim montam as desgraças, circulo vaso use seja, putas, q ue delta e rato ps efe f el set cruz maior min h da priemria pro da pira da minha casa, circulo do vaso dos peda acos dela, kapa, e ass si mm, s mar tie ie es, montam, mo n tam am às desgraças, circulo da pira de minha casa
a imagem do spor das festas de lisboa feito pel ze pinheiro, me disse,
primera ima mage made ria do spor, spot, tvi, spot de italia roma, l ocal , das festas de lisboa, feito, p el do ze pinheiro, me di iss se,
pb traço de vinte e quatro, natal, ou jornal, ou rtp, ou até os tres, pb trinta e gato da ual, cego, vinte q quatro, x, tercerio circulo, ou seja , o que se espelha no spot das festas de lisboa, feito pelo ze pinheiro e que se expressou agora no tal pseudo acidente na va da liberdade, eletrico cruz invertida no ceu, calçadas, pedras do pb azul da casa das aguas furtadas, ou dos furtados, catarina e pai da catarina, do carril do percentil, s ob pb do x no natal, das rosas vermelhas e azuis, electra, dos riscos da cml p laca top ciirculo do cio mini ca do ml, do letrico, de bico amaerlo, br, do vinte e quatro, jornal rato do om, o da teresa rá, o do traço no fi do culo da guita, hor as st men inc antonio, trinta segunda coluna, do dias, psd, no castelo de s jorge, terceira cruz do ponto da estrela dos binoculos, da ceifa do rio azul, da tui tuberculose, do contra baixo da teresa
pb bt rato ps aco de vin te e qua da cruz ro nata natal, circulo do vaso do jornal, circulo do vaso da r tp, circulo do vaso ua teresa os dos tres, pb bt rin da cruz primeira é gato da ual, circulo do ego do vinet, vas ines net do maconico, quadrado do quatro, tvi, x te rc e rio do circulo , circulo do vaso use do seja, circulo q ue se es p el home ano do no do spot, tvi, das festas del is da boa, feito, p elo do ze pin he do iro, e quadrado do eu da se, e x pr pres circulo do vaso do agora, not al ps eu dó acide dente, na ava da liber dade, el e cruz rico, c ru uz in vertida, noc eu, calcada, teresa, serpente, das pedras do pb ba az vaso do primeiro da ac casa das aguas f ur rta ad as, da puta silvia, do gupo do furtado, circulo do vaso das aguas furtadas, ou seja ladroes de semem di v eros e filhos, catarina ep da p aida,cat da primeria da ar da rina, doca rr e primeiro do per c en til, s ob bp do pb doó , do x no ntala, das rosas vermelhas e az u i, da electra, dos ratos do isco sd da primeria da cml, circulo ml, da p da laca do top circulo do doc do cio do io mini ca cado cm ml, dol e cruz rico, do bico , am mae rato dez, br do vinte e quatro, jornal, jo rn na al do ratto top ps, do om , circulo da teresa, rá, o dela, o do traço no fi do culo dag da gita, din he iro, do no do castelo de s jorge, do ponto da estrela dos bin ino culo s da ceifa do rio az vasl do primerio e da tui, t uber rc culo sed circulo do contra baixo da teresa,
que aparece refectido juntamente com o simbolo da cml, e um grande buraco nas pedras do chao, no video que aparece de seguida ano fim da gravaçao da segunda parte de hoje, remete tambem para o restelo, pois ali estao os ultimos moinhos de lisboa, ou seja a puta da sic, envolvida na morte dos meninos do aqua parque, e ainda universal, to ze, pois ali eram as instalçoes
q ue ap pr rece rato ps efe , ramon fon, ct id circulo, j un tam am tamen te com do circulo is si m do bolo, da ac cm ml, é um gato rande b ur aco cona seprente das pedras, doc cha circulo , china, no ov ovavaso id é circulo q ue ap per rece de se guida ano fi maior da dag rata av sao, da se gun da a p da p da arte, de home dooje, reme mr te tam am tambem do para do circulo do restelo, rao es tel circulo, p os al e es tao, os s ul tim serpente do circulo dos moinhos, del is sb circulo da primeria, circulo do vaso da puta do seja, a da sic, en vaso circulo priemiro id da primeira dana ana am morte mo rte dos serpenets dos meninos do aqua do parque, é primeria inda universal do to ze, p o is al e e ram às das ins t al cao espanhol, e, maconico
o do palácio do c al h ar i z de dentro, o dos foguetes, com boi os das festas de lisboa, serpente de noventa e cinco , o do corvo, ou seja do cayatte, e dos vasos do pavao do parlamento, a puta constancio, pavao, que aparecia tambem refelectido no filme do blow up, numa das modelos que o fotografo filma, ou seja, usando uma modelo,
circulo, o do pal do cio doc gata primeria forte ar zorro, de en cruz ro , o dos fogutes, comboiso, com do boi do os das festas de lisboa, ser rp pen te de en no ove da venta inglea e c cin co , o do corvo, circulo vaso use seja do ca delta a tt e. é dos vaso do p ava circulo , o do parlamento, primeria puta do constancio, p ava circulo, q ue ap pre rec ia tambem rato ps efe fel el tc id circulo no do fil me do blow, up, el eva sao, num mad às dos modelos, mode elos serpenet q ue do circulo do f oto tog rf fao fil mao circulo do vaso use seja usa sand circulo, uma, mode elo
a restante imagem no miradoiro, de que em parte em forma orada, aqui já falei, me disse o seguinte,
ar est ante ima ge emo do no do mira, o do doiro, de que em p arte em forma o rato ps ad a, a qui j á f al lei ei, me di iss se o se gui inte, italia,
terreiro do paço, a s eta dogui, cu eca serpente dog vaso do ui, da tara per didad, no dia da defes nacional, grimaldi, lines casco azul e branco, c ml, es gato oto serpenet
lynx
li n
x
x n y l – y 2
xn y 2
x4 ny y nl x
lx, y nm, ny, xl
mer cabo s negros j uk e box, r s k mercedes, estrela alemana esplanada um girasol, a raapriga martini, x over lranja hard rock cafe, primeria gui etarra, quebrada, cruz quebrada, alma, ter mono circulo do vaso laranja, s emi arco no c eu da lis nava, assim o iate a entrar no rio direcçao terreiro do paço com um se mi arco em cima e tres antenas, negras como cento e onze, buzinas e sirenes na cidade, ao momento, as botas da cavaleira das fivelas, tendencias , falo, de nova yorque, anca asa da p as sala, rr,
te rr rei do iro do paço, a s eta dog u i, cu e ca se rp en te dog vaso do ui, da tara per dida ad, no dia da d efe ws es na ac cio n al, g rim al di, l ines casco az u le do branco, c ml, es gato oto se rp ene net, l lp ip do primerio delta de n x, lin z , z nt o rui, primeiro do traço ingles do delta segundo, s n delta segundo,, x 4 , ny , delta nl, hol anda, primerio x, lx, restaurante e revista, delta nm ny xl, revista, moda, large number, primeira ar do ge do nu um be rato ps, numero, digital codigo
continuaçao do capitulo, depois de mais tres atentado terroritas no mundo, com elvado numero de mortos
conti tin ua ac sao do c doca apit pit u lo, d ep o is de mais , fr, t rato es atentado te rr o rita s no mundo, com el v ad o n um mer do ero de mo ortos, o rt os
na
luta
de
poder
no
galinheiro
os
jovens
galos
à
solta
dividem
se
em
grupos
e
facçoes
e
lançam
entre
si
as
guerras
pelo
poder
e
pela
lideranca

na l ua lua luta, de pod der, no do galinheiro, gal in he iro, os j ove en ns gal os a
sol t ad di iv id em se, em g rup os e fac dag oe es se , é lan dag da am en t re
si, às das sg guerras, p elo do pod der do poder, porgrama da tv, e p el a lider anca
assim
sempre
funcionaram
e
funcionam
os
gangs
qualquer
que
seja
a
sua
natureza

a s fe fog qq s a s n
as si em se mp ref fun da un cio na aram ar ram am vaso e sic primeira e fun c io n am
os gan g s q ual q ue r q ue seja, a s ua ana natureza
neste
texto
de
novo
emergiu
um
que
foi
coberto

nt td dn um q ue f oi do coberto
nest é te x antonio, de en ovo em mer gi vaso primeiro , um do q ue do f do io do coberto, ob berto b e rt circulo
um
jovem
de
um
gabinete
ministrial
que
na
aparencia
caira
ao
rio

u j d u g m q n a c a r
r a c a n q mg u d j u
mm e me l e a aa a o circulo do rio
primeiro jovem, j ove en em um do primeiro do gabinte, gabi nete min si it ria al q ue na ap pre ren cia ca ira da primeira do circulo do rio
rio da primeira co rc circulo ca ria ap par ren cia na do q ue min s it ria al gabi nete de um de j ove em do gabinete do primeiro
muito
indica
ter
sido
ele
porventura
um
ponto
charneira
nesse
combate

mit se p u p c n c
cn cp u pe st i m
oa roe a um, o a ee ess
mu it o indica, teresa rato, s id o, dele, por v en tura, um p on ny o cha rn ne da ira
ness e com bate
e
a
ausencia
de
mao
firme
e
a
opcçao
de
cobertura
devera
ter
contibuido
em
larga
medida
para
uma
sequencia
de
accoes
das
quais
muitas
outras
mortes
resultaram

é primeira au use s en cia de mao fr rim me, é dao p dag cao dede c ob e r tura
d evera teresa rato, c on t ib u id o em l arga me dida para de uma da sec ue en cia
de ac cc co es da s quais, fr, mu it as de outras mortes ,r es uk t da tara da ar aram ram am
que
apontam
desvelar
parecem
confirmar
possuirem
ligacao
entre
si
se
entendidas
nesta
logica
de
plausiveis
motivos

q ue da ap da ponta do tam da manha, d es veso do el da ar, par rece em
c on fi rato do mar, p oss u ire rem em ki g ac cao en t re si da se en t en dida as
nest a logica, de palu s iv ei s l mo t ivo ser ep pn teresa
chamei
eu
em
dia
recente
a
atencao
para
o
que
o
perfil
do
socrates
tem
desvelado
nesta
cobertura
intencional
que
a
partir
dai
tiveram
que
montar

cha circulo home da primeira ch me do ei eu em dia rec en te, a a t en cao para o q ue
o per rf fil do socrates, te made ria d es vela lado, nest sta primeria da cobertura
intencional, int ten cio na al , q ue da prmeria a p art tir rda ai, t iv e da puta vera ram
q ue do montar, dom on t ar, da sela, a da ase da sela dela
disse
vos
eu
que
ha
como
dois
socrates

di iss se vaso do os do eu, q ue do homem da primeira c omo do is do socrates
que
isso
era
visivel
e
se
tinha
tornado
visivel
em
seu
comportamento
seus
gestos
seu
modo
de
falar
em
determinadas
ocasioes

q ue iss oe ra v isi v el, e se da tinha do tornado, v isi v el em s eu comporta com porta men cruz circulo, se us dos g est cruz os, s eu mod, ode f al ar em det teresa ram rato min ina iad as
o ca sio es
quando
e
a
cada
vez
que
tentaram
criar
mais
uma
ilusao

qua ando, é primeira do ac da ad da primeira ave zorro q ue t en t aram c ria ar
mais, fr, uma, e lu usa sao socrates
e
se
tudo
isto
paerce
indicar
traços
de
esquizofrenia
como
um
mr
jacke
e
mr
hyde

é se tudo is st anton, bat ria, pa e rc e indica dica car rt rato aços de es qui zo fr eni primeira do ac omo , um mr, j ac ck e, é mr homem id, e, delta de
uma
plausivel
relaçao
e
sustenção
para
tudo
isto
seria
ou
será
a
crescente
tensão
no
lidar
com
uma
situaçao
a
este
nivel
com
tantos
cadavares
a
aparecerem
a
boiar

uma p l au s iv el do tribunal da relaçao, é s us t en são, para tudo is to , se ria do circulo do vaso use se do rá , primeira crescente, ac rato es sc cente, c en te, da tensao, dat ensao, no do priemrio id da ar com de uma serpente it tui ac cao, primeira de este, n iv del do el, com t ant os cadavares a boiar, ou seja entre rios, circulo ad do quadrado ava ares , ar espanhola do boi da ar
em
dia
recente
o
vi
ele
que
escondido
anda
o
sufeciente
para
esconder
a
depressão

é quadrado rato ov , dele , q ue does conde id circulo , anda da primeira do circulo sufi, para do espanhol alemao, conde , da primeira depressao, da ad ep press da sao
em dia, rec cente , c en te , circulo do ov vicente, o dele, q ue es conde dido id circulo da ab da anda dam am, circulo sufi c ien en te do para es conde der primeira ad ep press sao
fala
tambem
este
texto
de
uma
queda
de
uma
ponte
antiga
e
acabou
de
cair
uma
outra
em
andorra
onde
se
foram
portugueses
e
onde
os
nomes
na
televisao
espelhavam
nomes
de
ex
ministros
socialistas
do
desgoverno
de
portugal

fala t am am tambem, este, te x to ode de uma queda, de uma ponte antiga, e
aca ab o u de c air de uma outra, em ando rr a da onda da se for ram am , pt,
portu gueses, e onda os no mes na tele e na visao, es p el h ava vam am
no mes, de e x ministros socialistas, min ni st ro rosso soci al ista sd circulo do quadrdo do es sg do dog do governo, ove rn no de p oto de porto, gal rtp
assim
mostrou
o
canal
dois
uma
clara
correspondencia

ass si em mm os st ro vaso circulo do canal do is, c ana anal ak priemrio do dois, uma da clara, cor rr es ponde do quadrado da en cia, circulo ia
fosforos
do
home
do
sete
assim
me
complementou
o
espirito

f os do foros, br, do homem do sete, ass si em me co mp le lem men cruz circulo do vaso do circulo do espanhol do sp pi do rito
e
muito
mais
diz
essa
imagem

e nmu it circulo mais, fr, do zorro es sa ima mage e,
uma
construçao
de
pauzinhos
toda
colada
que
de
repente
ruiu

uma co ns st ru sao, de p au zorro in ho os, toda c ola lada q ue der ep pen te rui iva vaso
sendo
que
quem
faz
com
fosforos
este
tipo
de
construçao
geralemente
os
faz
arder
prmeiro
as
pontas

s e doque q ue maior f az com forte serpente os foros, br, este cruz ip ipo, ode da pode , construçao, o francisco de buraque, ou seja do grupo do soares, co ns t ru sao, ge rale, rato al le, lem n teresa os f az, ard der pr me iro às das pontas, dan circulo do cortez, às
e
sempre
que
acionaram
a
ilusao
a
fizeram
fazendo
tambem
clara
prova
de
abuso
sustentado
de
poder
com
esse
fim
de
meios
publicos
de
comunicaçao
de
diversa
ordem
e
natureza

é se mp rec q ue ac cio on aram, a primeria da primeira ilusao, e lu usa sao, a fi ze ram
do fazendo, tam am tambem da clara, pro da ova de ab us o , s us t en t ad ode de pod der
com esse, cobra fi made ria de me io os publico serpente, de c om muni unica, revista, caçao
de d iv e r sa da ordem e n ana natureza, na ture za, t ur é za
ultrapassando
e
quabrando
em
continuo
fronteiras
sobre
as
quais
nao
trazem
nunca
nem
autoriedade
nem
mando
nem
mandato
ou
poder
de
o
fazer

u l t r ap p as sand oe é qua ab brando, em conti tin u o fronteiras, s ob rea s
quais, fr, n cao t ar ze em n un ca ane em au tori e dade , ne mm ando, man d ato
o u pode der, de f az e rato ps

multiplas
sao
as
provas
dos
tentaculos
e
de
como
eles
sao
reais

mul l cruz ip l as sao , às das por vaso das ovas, do os t en at tc cu uk primeiro os , é dec omo deles, el es sao rea is
e
sempre
houve
resposta
a
cada
vez
que
a
vaerdade
se
aproximou
da
canela
do
mentiroso

é se mp re hoem circulo da uve rato da espanhola posta, priemria do ac circulo ad da primeria ave zorro quadrado da ua da priemria ava e rda dade , se ap pro roxi imo vaso da c ane la do men tir rosso

continua....



segunda parte

deste video hoje publicado,

se gun da ap da p da arte do quadrado de este , vaso id é circulo home oje, jornal, pub lic cado, br

....

ainda um outro sincronismo se deu , depois de ter falado do juiz que estava no tal programa dos prós e dos contra, que parecia vir da guiana francesa, papilon, borboleta, que foi depois, nas noticas, sarkozi, que aparecia numa conferencia na america sul, onde estava tambem a ax guinana francesa, cochichava ele com alguem ao lado, e depois e voltava de frente e se via uma curta expressao , como de grande e rápida zanga

primeria inda de um outro, sin c ron is mo se sed eu , d ep o is det teresa rf al lado do juiz, q ue est ava no t primera ap pro gato da rama mad os do pros e dos ontra, q ue par rato eca vaso e rato dele, dag vaso iana francesa, do pap pi primrio em bo rb boe oe kapa eta, q ue f do io id dd ep o is na serpente not ti cias s ark do arco ko oz zorro , q ue pa par rec ceia nuam do conde, c on feren cia na am erica do sul, onda te sta priemria t am me b ma a do ax gui inam francesa, coc hi chi home ava dele, cio al g ue em al primeria do circulo lado, e d ep o is ise vaso circulo primeira cruz alva, de fr ente e se da via de uma cu ur rta , e x press sao, com ode de g rande e ra pia, fac direito, zanga

...

fui de novo ler a id da locomotiva que de novo a todos mostro na analise do atentado na russia e assim nela leio,
id da al loco omo mo ot iva mark l in , made, da west germany, oitocentos, tres, seis oito, nove, tres, ou w est ge r aro man any ny oi it toc centos c en t os cruz rato espanhol se is do circulo do io it circulo do no do ove terceiro, terceira semente jason,

...

ainda pelo espirito ouvi, que um dos policias, ou dos acindetados, ou dos que me cruzaram em santso, como aqui conto, era o cao, do amaral, ou seja a puta do psd que foi na altura pr da ar

primeira inda p elo es pi do rito, circulo uv vaso vi, q ue de um dos pol e cias, circulo do vaso ac din det ad os , circulo do vas do serpenet do q ue me c ruza usa zara aram ram am , em s ant ts , com circulo da priemria do ki aqui, do conto, e ra do circulo do cao, do am aral, cic culo do vaso do seja, priemira puta do psd, q ue f do io na al tura do pr da ar, ou seja do gama, dog am da primeira

primeira parte deste video, tem o video anterior, portanto na sua natural sequencia, que corresponde ao que foi publicado na sexta, se quiserem ver o principio deste de hoje, é avançar para os onze minutos, aproximadamente,

prime ira da p da ret do quadrado de est , vaso id é circulo te emo ov id, é circulo ante do rato ps do ior, antonio costa, porta tant circulo na s ua na cruz ural, sec ue en cia, q ue cor rato ps ep onda da priemria do circulo q ue do f do io, pub lic ad circulo na sexta, sex t ase primeira, sec vaso ise rem vaso do ero, circulo pr rin cip do io do quadrado de este, de homem do oje, , é primeria av vam circulo da espanhola ar, para os on ze min vaso ts serpenet ap pro x ima mad dam dam que mente

sexta-feira, novembro 27, 2009

Continuação….




os
jovens
galos
chegam
à
capoeira
dos
que
se
fazem
assim
padrinhos

o s g c à c d q s f a p
p a f s q d c à c g j
ss sm à as e em ms ss

sm me es a à m
os j ove en ns gal os chega gam am primeira do capo da eira da capoeira, do os q ue da se f az ze maior ass si em padrinhos, pad ad rinhos, do dog do governo, ove rn do no,
pad ad rinhos sas so e, f az ze ms se q ue do os capo da ei ira à chega g am gal os os j ove en ns serpentes

governo
do
desgoverno
conhecido
e
por
isto
provado
de
quem
se
mete
com
o
ps
leva

ge dc e p i p d q sm cop l

lp o cm se q eu em de por ova ad o is to por é c on he c id o, d es sg do governo , gato ove rato no, do governo

l Eva do ps circulo dom met es se q eu em por ova ad circuloo is tio por e c on he c id circulo d es sg gi ove rn no do governo

gato ove rn no do d es sg g ove rn no, c on he c id circulo é por is to por da ova ad circulo deque eu em met e com do circulo do ps da priemria Eva



ou

o

giro

que

é

agora

ministro

do

exercito

que

declara

contente

de

riso

que

o

que

é

bom

e

malhar

na

direita

ou

na

esquerda

ou

onde

fosse



duplo circulo do giro, helicóptero, roque q eu é agora do ministro, do exercito, q eu de clara da ar c on t en ted e rato isso , q eu circulo do q eu é bom ema al home da r, na direita, circulo un da priemria da esquerda, circulo vaso da onda fosse



porque

até

se

está

em

posição

favorável

para

com

muito

maior

dano

o

fazer



por q eu primeria Teresa, se e sta acento primeria em posi sic são, f av circulo rato ravel, para com um it circulo Maio rato do dano do quadrado do ano circulo faz ze rato ps



se

assim

vão

os

que

sois

tutores

não

diferentes

saíram

os

tutelados



se sea ass si em vao, mário soares, os q eu s o is t vaso tor es n cão dide id der rene en t es sa iram acento os t u te kapa lada serpentes

cruz vaso tela ad dos circulo ss a iram acento, difer ren t es n cão cruz vaso tor es s o is q eu s vao ass si ms se



espalham

se

por

todo

o

estado

às

fornadas

regulares

de

quatro

em

quatro

anos



es pt circulo estado às for na ad das reg gul ares es sd quatro, tiv, à quatro anos

es p al do ham da manha se por todo circulo do estado, `s fon rn ad das reg gula ares de quatro em qua cruz ro ano serpente

m e r o oo ss se om os



e

nas

vezes

sobrevivem

mesmo

á

criação




en as vaso e zorro espanhol, sob br e vaso iv em me sm circulo acento pim, primeira circulço ria ac são cão



os

olhos

do

bandido

mentiroso

e

portanto

não

incapaz

de

levar

função

em

qualquer

governo

num

regime

justo

e

de

rigor



os olhso do ban dido men tir roso, sócrates, e porta orta rta ant circulo n cão serpenet O ema nu elle, inca ca ap paz del Eva ar rato rf fun são, em qual q eu rato g ove rn no no prik e iro reg gi me do j u st o e de rato der igor



chispalhavam

os

olhos

também

por

em

mais

uma

ideia

roubada

ter

encontrado

a

puta

a

porta

de

entrada

no

castelo

para

suas

hostes



chi hi ispa spa al h ave abe vam am em os olhos, tam am também por em mais, fr, uma id é ia ro ub ad a Teresa en c on t r ad circulo primeria puta, priemira porta p o rta, de en t r ad da primeira do ano do castelo, para s ua serpente homem os st espanhol



os

jovens

galos

trazem

o

defeito

de

seus

pais

são

arrogantes

e

perante

tamanha

tentação

à

ausência

de

rédea

quando

necessária

não

resistem

às

tentações



o j gt o dd ds ps a e pt t à ad e quadrado duplo n ràt

t á rn n q r da à tt pe a sp sd dot g a l o s j o v e n s os

os j ove en ns galos , gal al os, cruz r az ze emo do quadrado efe feito, de se us pais, tvi, são ar ro gante t es e pêra ante ta m manha da t en tacão da são, à au s en maconica cia iade rede red ac e t no da prime ria qua anda ne c es saria, n cão rato es sis te má serpente das tentações, t en tca tacoes, onda sobre circulo espanhol



fast

boys

ou

the

fast

lane



fa st bo delta serpente circulo vaso cruz he , o hi home fa st l ane, fb ot fl, for mula one, l ft circulo boys fa st, ts eu te, é te vaso st



jovens

em

telele

continuo

assim

a

rede

está

montada



je tele le conti no circulo as sima priemira ar rede e sta montada,.

Jet caa rem

S meo om, oma é aa

Aa e amo amo oe ms

j ove en ns se em tele le conti no circulo as sima priemria rede e sta montada



ouvi

eu

depois

pelo

espírito

recentemente

que

tinham

escolhido

para

chefe

um

assassino



oe dp e r q t e p c ua

a um c h efe para es co l hi id circulo tin ham manha quadrado do eu rec en te que mente es opi rito p elo do quadrado da ep do circulo do is europeu circulo uv vi

circulo uv ei europeu do quadra sd o es p is p do elo es pí acento rito, rec en te mn teque, madeira, q eu tinha ham a mes co pr ie mr io hi id circulo do pr ar circulo h oe mm efe, prime rio assassino, ass as sino serpente ino



um

assassino

estribado

num

grupo

onde

até

muitos

que

nem

o

sabem

são

assim

levados

a

muitos

outros

matar



primeiro ass as sino , sin serpente ino, no priemrio g rup circulo onda primeria té, um it os q eu ne emo , o sabe, s abe em são ass si ma um it os de outro sn mat da ar

mo om oe é se momo ms as s rato ps

rato ss as mo mo me sé é omo om

ua en Goa, m q b o s s al am om

moma al as s on q mão g n e au



a

esse

senhor

que

porta
nome

de

tão

belo

pintor

a

minha

clara

acusação

clara



a es q pn dt bp a mc ac

c a c m a p b t d n p q sea

a e re ae ee o ora a aa o a

a o aa ar o oe e a e rea

prime ria cobra desse senhor, s en hora, q eu porta, no me de tão, b elo do pintor, pin no tor, am min homa da primeira da clara da acusação, ac cu usa são, clara, circulo prime ria ar da primeira

cca, espanhola ka, clara acusação, min homem oprimeira da ap do pintor, bse guid, segundo elo, tão ode no me porta q eu s en hor esse, cobra da primeira



pois

calhou

em

dia

de

fome

de

pão

literal

para

a

boca

seu

gabinete

contactar

quando

desempenhava

função

de

ministro

da

dita

solidariedade

e

nenhuma

mão

foi

estendida



p o i cal alho ho vaso em dia, de fom med e pau lite ra al, para priemira a da boca, s eu gabi bin nete c on t ac tar ar qua anda do quadrado es s emo penha homem ava fun cão de min st roda da dita, Sado , sol id ar rie dade e ne ne homem uma mão, f do io est en dida

pc e dd f dp l p ab s g c q d f d m d d s en m f e

e fm mão n en home da uma e sol id ari ie rei ie dade dita dam mini st rode fun cão qua anda de s en pen h ava qua anda c on t ac ct da ar g ab inte s eu boca , priemira para lite ra al pão de fom om me de dia em cal alho circullo vaso

s u ma ee e ol aa au e rp ro a oe oaa ee a oi a

es tem dida, id da primeria, f do io n en homem uma é sol id ar rie ie dade dita da ministro, de fun são de se mp en home ava qua anda c on t ac ct da ar gabi nete s eu da boca, +priemira para lite rato ps al pão, de fom é de dia, di ia, em circulo al alho vaso p oi is




mais

como

é

publico

e

por

isso

também

conforme

com

o

que

as

leis

determinam

como

motor

de

investigação




mc é pe pit cruz da cc do cok às das leis, dc made ria de investigação

id mc dl a q o cc ti pe p é cm

masi, fr circulo irc cc culo é publico, e por iss circulo tam am também, c on for me cm com circulo q eu às das leis le is , det te rmina ina am como mo oto rato de em vaso est tiga são

em vaso est tiga são, demo motor, mo oto tor rato erc omo det Teresa eato maior mina ina am, le is as q eu circulo com c on for me tam am também iss circulo por e oe publico, jornal, com circulo mais, fr

sc é circulo , ero mm, s mar tie ie es, moe ss mor reo



aqui

dei

conta

de

diversos

actos

de

corrupção

no

ministério

que

era

de

sua

alçada

e

nenhuma

resposta

tive

nem

acto

de

correcção

algum

vi


primeira do ki aqui do quadrado deles da ei conta, de di ver s os ac actos de c cor rup são do no do ministério, q eu e ra serpente da ua da alçada, e ne ne home de uma rata espanhola posta, ti vaso en ema acto, dec cor rec são al gum vicente, publico, again,

ll a es se o o oe a e ss e aa em o e om vaso

e m o e , emo moe oe, me aa é a s u a de a e o o o e s s e a ll



a

postura

e

sobretudo

a

ausência

de

postura



ap ps ot tira ur primeiera é serpente ob br e tudo , primeira au s en maconica cia ad e ps ot tura ur da primeira, ap es a ad ps aa é o da aa e a

ps circulo da c ru x tura ur da primeira de au s en maconica cia , primeira sobretudo, é ps ot tura ur primeira , onze aa



até

prova

contaria

é

cabal

se

possível

de

ser

produzida



apc é ca ab bal al se p ss iv aento do el de ser pró rod vaso uz id da primeira é aa é al primeiro el e rato ra

primeira té pró da ova é ca ab bal norte sul se p os s iv do acento do el, de se rato pró rod uz id da primeira



aos

olhos

da

lei

tal

faz

dele

no

mínimo

cúmplice

e

corresponsável

dos

danos

e

tal

é

suficiente

para

ser

exonerado

de

funções

e

inibido

de

levar

cargo

de

natureza

publica


primeira os olhos da lei, lei cruz al faz dele, del el leno, no mini imo cu acento mp l ice é co rr es ponsa ave el dos serpenets dos danos, e eta al é sufe cie en te para ser , é x one rato ad circulo ado de fun circulo cortez onda sobre o circulo espanhol, e em ni bid id circulo del Eva ar rato rc argo dena Ana t ur e za da publica,

priemria do circulo da gita, fernanda can cio, o dl ce ru uz fo rte dn mc e cd dd e te es se bp pse do quadrado foret da fe , é f e id g ita al circulo do quadrado da dn puta

continua…