terça-feira, maio 18, 2010

acusaçao ao dn e aos politicos a quem se vergam nestes actos de terrorismo de estado

ac usa çao es do cao do dn, é primeira os pol it toco sa q ue maior se ver g am nest es ac ato s de te rr ori s m o de est ad o




http://dn.sapo.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=1572733

mais uma prova de como o dn é instrumento de terrorismo de estado e serve aos diversos partidos para a troca de almas nos negócios entre os culpados de cada parte, a que chamam lei e na qual a lei como em verdade e por letra esta acordada, é em constância a todos sonegada

mais, fr, uma pro da ova dec omo do circulo do dn, é , is n t ru men t o de te rr o rato is mode e ts sado ad circulo, é se rato ps vaso, e, a os di ver s os p art id os para da primeria da cruz roca de almas, nós negocio serpente s en t re os cu l pados dec ad a p arte, a q ue c ham am lei e n a q ual kapa a l ei c omo em verd e ad e é pro letra e sta aco rda d a, é em co ns tan cia s one gada primeira de todos

copia na integra da publcaçao on line

co pi ad na inte g rata ad a pub l cia sao es on line, primeiro ine

A moção de censura ao Governo apresentada pelo PCP será discutida no Parlamento na próxima sexta feira de manhã, anunciou hoje a representante da conferência de líderes parlamentares, Celeste Correia.

O PCP entregará a iniciativa ao presidente da Assembleia da República, Jaime Gama, hoje às 15:00.

Para a próxima sexta feira estava prevista a realização de um debate quinzenal com o primeiro ministro, que fica assim sem efeito, decorrendo o próximo debate a 04 de Junho, com abertura do BE.

A apresentação de uma moção de censura ao Governo foi anunciada segunda feira pelo secretário geral comunista, Jerónimo de Sousa, após uma reunião do Comité Central do partido.

a manha como poderão ver se estabelece entre a fot, que diz, as mãos que puxam os cordelinhos, da marionete, do mario soares net, a que desagua nos restauradores, ou seja ligada ao palácio foz, sede de diversos roubos de propriedade intelectual e industrial aqui denunciados e cobertos tantos pela policia, como pelos tribunais e pelos governos e oposição, mais, a redacção do primeiro paragrafo em seu final, pois diz de uma reunião e grupos parlamentares, e depois de seguida, sem separação, ou indicação do porque, e do cargo, celeste correia

primeira da manha c omo pode der ra ove rato ps se e stab e le ce en t rea primeira f ot, quadrado da ue di zorro, ás das mao serpente q ue p ux am os cor de linhos, camas, da ma mario nete, do mario soares net, primeira q ue d es agua nós, r es taura ad dor es, o vaso do seja liga da gada cao pal cio f oz, da sede de diversos roubos de por rp pr rie ie dd ad e in tele c tua al e indu st ria al a qui den c un iad os, é a coberta s o t ant os p ela pol ica, c omo p elos tribunais si e p elo s governos, é o ps oi sao espanhola, mais, a red aç sao es do pime iro para g r f x cao em s eu fina al, p o is di zorro de uma r eu ni a º o de g rup os p ar la em n t ares es, e d e posi de se guida, se maior serpente da separação, o vaso indica çº cao do por q ue, é doc argo, da celeste, cds, cor reia do ia

ou seja se trata, aqui de uma denuncia, sem na realidade terem os tomates para apresentar a queixa e acusação em forma frontal, na medida que falamos de crimes de sangue e de mortes em grupo , e elevados para alem de crimes outros diversos, ou seja ainda, se prova como todos, os grupos parlamentares, que estão fora da lei, como aqui o provei, não se interessam na verdade da justiça, mas sim no que podem ganhar politicamente com estas guerras , ou safar , ou vingar ataques que alguns deles, devera a ser a margarida, visto ser a ultima aqui mencionada, terão recebido de outros

sous, dine h rio, dos dinheiros, é j a se t rata, a qui de uma den un cia, se mna rea l id ad e te rem os tom at es para ap rese en tar prime ria da queixa, é ac usa sao es em forma fr on t al, na me dida q ue fal amo sd e dec rim crimes es de sangue é demo rtes em g rupo , e dele eva ad os para al lem de c rim es outros diversos, o vaso do seja a inda, se pro ova c omo todos, os g rup os p ar la emn t ares, q ue es tao for ad da primeria da lei, c omo a qui o pro ove ei, n cao da se inte r es sam na verde ad e da justiça, mas si maior do no q ue pode maior mg gan do homem da ar poli ti cam mne com e stas das guerras , o u s af ar , o u vin gara at y a q ue s q ue al gun s deles, d eve vera, ss, a puta do soares, a se ra mar a g a rui id a, vi s to sera u l t ima a qui men cio n ad a, terao rec e b i d o de outros

ainda no contexto alargado e recente, se liga este fio, da celeste, ex puta que se dizia ministra da justiça, do cds, a relação com espanha e ao rajoy, e portanto a marca em mim e no meu filho feita nas canárias, para alem do roubo e acto de tortura dele , depois

a inda no da contexto, c on tex to, ala rato gado e rec en te, se da liga de este fi do io, da celeste, é x puta q ue se di zorro do ia da ministra da justiça, do cds, pr ie mr ia da relação com espanha, é cão rajoy, é porta, cds, anto da prime ria am marca em mim e no meu filho, feita, nas c ana ria s, para al lem do ro ub oe acto de tor ur ad dele , d ep o is

mas de que merda vos sois feitos políticos de merda, nesta terra onde trazem a justiça a todos vergada, que merda sois, a tentarem assim resolver crimes de matança, e matança larga, façam favor de respeitar a lei como ela é, que isto são acusações gravíssimas, e nem pensem por um instante que se iram a elas eximir

mas de q ue ne rda v os s o is feitos poli toco s de merda, nest a terra onda t rato ps aze ema primeira da justiça, a primeira a todos vergada, q ue mer da s o is, a t en tar rem ass si m r e sol ver c rim es de matança, é matança l arga, f aca cm am f avo rato de r es p ei it ra priemria lei c omo dela, é, q ue is to sao ac usa ço es g rato ps av iss simas, é ne maior mp pen se maior por um ins t ante q ue se iram primeira ed delas é x i mir

o padrão de madeira, que remete para as traficâncias que andaram a afazer em minha casa e nas colunas bang e olusfen, que será detalhado em breve, aqui, e também remete para a matança na madeira, pois um dos implicados nestas manhas aqui m casa, é o neves, cujo mandante esta também por detrás da matança dos polacos na russia, como em dias recente a mim se desvelou, me diz ainda por soma, a celeste, a dos cordelinhos, da tentativa de me matarem, em dois mil e cinco, que passou por instalação cá em casa

o pad ad ra do circulo 101 da madeira, q ue rem teresa rp do para às das traficâncias q ue anda ram a af az e rem min homem da primeira da casa, é n as col una s b ang e ol us f en, q ue se ra d eta ala h ad o em br eve, a qui, e eta tam am tambem reme teresa para da primeira mat ança es na madeira, p o is um do si mp lic cados nest as das manhas aqui em casa, é circulo do neves, cu jo man dante e sta tam am tambem por det ra serpente da matança dos polacos na russia, c omo em di dias, az rec e nte primeira mim se d es velo elo lou, me di za inda por s oma, a c dele, este, a dos cor de linhos, da t en tat iva~, de me mat arem, em do is mi le c inc o, q ue p ass o u por in s t ala sao es ca em casa

curiosamente, estava eu esta tarde comprando fio para as colunas em campo de ourique, quando a puta mor terrorista de estado pedófilo e ladrão e assassino, socrates, aparecia na sic noticias, a falar dos colunistas e depois da moção de censura do pcp

cu uri rio sam am que mente, estav europeu desta, tara de co mp rato ps ando fi do circulo do para ás das co l una s em cam pode de o ur i q ue, qua ando da primeira puta mor terrorista de estado pedo filo ela ad rata do cao, é ass as sino do socrates, ap ar e cia na sic not ti cia sa f al ar dos co l uni st as se d ep o is da m o çao es de c en sura, a do p cp



Sem comentários: