sexta-feira, maio 21, 2010

Acusação contra diversos do estado portugues , da classe politica e à pt


uma das folhas da manha do roubo feito pela pt, cuja historia mais uma vez abordo em detalhe no vídeo abaixo com comentário sobre mais esta fantasia da ar, cujo objectivo para alem do branqueamento pretende desviar a resposabilidade na matança dos polacos

uma das fo l h as da manha do roubo feito pela pt, cu j a da onda da historia, hi s top ria ma si uma v e zorro ab o r dó em d eta al he no v de io ab a i x o com cm o e n t ar io s ob re mais e sta da fan t as ia da ar, cu jo ob ject iv o para al lem do branqueamento pre t en de d e via ra ar r es posa bil id ad e na mat ança es dos pol aco s

branqueamento, branquinho, uma das ilustres putas da tal comissão de ar e vento, que dizia no fim de semana, coitadinho que tinha feito mil e quinhentos quilómetros numa viagem lisboa porto, a fazer prova que é louco, ou aldrabão

br anque am en to do branquinho, uma das ik l u t r es putas da t al co miss sao de ar e eve do v en to, q ue di z ia no fi made ria de se mana coita ad din ho q ue da tinha, feito, mi le quin h en t os k i l om w e t ros nu ma via ge m l is boa, é porto, a f az e r pro da ova q ue é louco, o ual d r ab do bao,

e
quem é essa puta que se diz presidente da tal comissão, que deus o mandatou para ter poderes de decidir por si mesmo, o que uma comissão vê ou não vê

q ue mé dessa puta que se diz presidente da tal comissão, co miss asa são, q ue de us o man dat o u para teresa pod der es de dec id i rato rp por si me sm o, o quadrado da ue uma co miss sao vaso do, e, o un cão vaso do, e

video

Acusação contra diversos do estado português , da classe politica e à pt


Ac cu usa ac sao es contra di ver s os do est ad português , d a c l ase politica e à pt


acusação de terrorismo de estado a cavaco silva, por banditismo, por incumprimento constante e consciente da lei , e roubo e cobertura de abuso infantis


ac usa sao es de te rr o r i smo de estado, primeira dea de cavaco silva, por ban d is mo por inc um pr im en to co ns t ante e co ns cien te da lei e ro ub oe c ob e rata da tura de ab s u cao in f an t is


acusaçao a todos os partidos politicos e assembleia da republica e comissao de inquerito sobre a pt por terrorismo de estado e cobertura de actos de terrorismo mundial, como a matança dos polacos


ac usa çao es a de todos os partidos pol i toc toco serpente, é assembleia da republica , é co misso a de inq ue rito s ob re a pt por terrorismo de estado e co b e r tura de ac t os de terrorismo mundial, c omo a mat ança es d os pol aco s


toco é a morte da portuguesa no Brasil


e contas com a pt, que por mês chegaram a rondar na altura os setecentos contos, ou seja roubo de milhares de contos ao longo de anos, se não mesmo de décadas, sendo que este processo demonstra como sempre o disse e aqui escrevi, que o sistema de roubo certamente foi aplicado a muitos mais, individuais e empresas


é contas com ad, primeira da pt, q ue por m ês che g ram a ronda r na al tura os set en centos contos, o u seja ro ub o de mil h ares de c on t os ao l ongo de ano s , se n cão me sm o, o do mesmo, de dec ad as, s en doque ue de este pro roc c esso demo sn t ra c omo sempre circulo di s se e a qui es c rato e vi, q ue o sis t ema de ero ro ub o ce rta e m n te f oi ap lic cado, br a mu it os mais, in di v id ua ise se das empresas


acusação à câmara municipal de Lisboa por cobertura de actos de terror, por continuada ausência de resposta contraria às leis, por actos de corrupção e cobertura da corrupção urbanística


ac usa º cão da primeira da câmara, mun cip do ip da al de k lis boa por co b e r tura de actos de terror, por c on tin ua ad a asue en cia de r es posta c on tar raia a lei, por actos de cor rp + u s a o es, é co be r tura d acor rup são es ur av ban is tica

acusação contra procuradoria pelas mesmas razoes e por todas as outra aqui constantes neste Livro da Vida, actos de bandidagem vários

ac usa sao es do contra ap por cura dor ia p ela s das mesmas, r azo es é por todas às de outra aqui, co ns t ant es nest e L i v ro da V i d a, a c t os de ban dida dage ge maior v ar i os

interpelação e acusação a passos coelho

inter rp dela ac sao es, é ac usa sao es primeira do p ass os do coelho

acusação a paulo portas por implicação na morte de um jovem, em dia recente numa historia tremendamente mal contada num barco de visitas guiadas

ac usa sao es primeira de paulo portas por inp lic caçao na am o rte de um jovem, em dia rec en te nu ma hi s tor ia t r emenda dam am , a que mente, m al c on t ad a n u m bar co de v isi sitas gui ad as


acusaçao ao tribunal de trabalho por roubo, mandado

ac usa sao cao t rib un al de t r aba bal l ho por ro ub o, man do ad o


acusação à pt de acordo com o apresentado em forma oral

acusação à pt onda do de acord o com o pap r e sw n a td o em forma o rato al


acusação a todos os da classe politica, judicial e judiciários e outro com funções no estado português pela continuação do roubo e tortura de meu filho

ac u s a sao es cao primeira de todos os da classe pol i tca, ju di c al e ju di car ia, é outro com fun ço es no es td o portugues p dela, c on tin ua sao es do ro ub o e torm da tura de me u fil ho
ainda portanto, a queda que lhe fizeram nas canárias

Sem comentários: