quinta-feira, junho 17, 2010

a ti, amada, amadinha

video

1 6 0 6 1 04 6 ,0 MB (4 8.2 93.4 2 0 b y t es)

fofinha, estava assim como noite durante o dia, imagina que estamos os dois deitados nos braços um do outro a conversar, vês as estrelas, no céu...

e te digo, amada, o amor entre dois seres que se amam , é refugio e nao pode nunca ser refugio no sentido de substituir pelos meus abraços, a tua própria vida, o teu destino, quanto dois em um, e o teu fazer, pois só assim andaras sempre mais feliz e contente e depois amada, quanto aos medos, sabes bem porque sempre contigo tudo o que trago no coração falo, que muitos dos problemas dos amantes são criados por terceiros, conheces a minha historia, bem o suficiente, para saber que não tem sido pêra doce neste campo, por quem sou, por quem és, mas é preciso confiança, e atenção, como a tudo o que fazemos na vida, sabes o que me dizia o espeirto em dia reente, que nós tínhamos lutado contra tantos obstaculos de outros pelo nosso amor, que merecemos estar juntos e sabes eu acho que o universo assim torce por nós também

Sem comentários: