sexta-feira, junho 11, 2010

terceira voz de prisão para averiguações, aos chefes do estado maior dos três ramos das forças armadas

texto que será de seguida à sua publicação enviado para os respectivos email

tex toc q ue se~rá de se guida à s ua pub lic do cação en viado para os r es pe ct ivo s ema ie el


voz de prisão para averiguações

aos chefes do estado maior dos três ramos das forças armadas

pelas razoes e provas amplamente aqui apresentadas, o regime democrático e o estado de direito, estão como todos os seres de bom coração, o sabem , pervertido, e as instituições e figuras que sobre ele de acordo com a lei devem velar, são na verdade os bandidos e terroristas de estado

assim vos ordeno o cumprimento das vossas funções, e a vossa intervenção atendendo a perversão imensa e transistemica em que o estado pretensamente de direito da republica portuguesa se tornou, fruto de más praticas acumuladas durante quase quarenta anos

deverão portanto proceder a prisão do bandido cavaco silva, do bandido socrates, do bandido gama, e restantes chefes de bancada da assembleia da republica de todos os partidos com representação, o procurador geral da republica, e o presidente do supremo tribunal e em forma pacifica e não violenta os apresentar perante o juiz de aveiro, que consta ser o único que na aparência faz neste ramo da justiça, frente a estes bandidos corruptos, para averiguações e monteis aí acampamento durante o tempo que for necessário a que a lei retome a este pais, e lembreis o juiz de aveiro, que o segredo de estado e da justiça se encontra provisoriamente levantado, sem alguma excepção até se rever a lei que os determina, e que devera ele, pela excepcionalidade desta situação, como já o expliquei anteriormente, todos os dias dar conta ao pais e as gentes, do desenvolvimento passo a passo do inquérito e da produção de prova e do julgamento

o não cumprimento desta ordem, levará a vossa exonaraçao, pois não podem pedófilos e bandidos e corruptos e quem os protege levarem cargos de lei ou função na republica

paulo forte, cidadão de portugal, pela lei


vaso do oz de pr isa sao es do para ave rig ua ço es , a os c home efe serpente do estado maior dos t ratos dos espanhois dos ramos das f orças ar mad ad às

p delas, ratos az o es e pro das ovas am p lam am que mente aqui, ap rese en t ad as, o re gim e demo c rato tico é circulo do es sat td, o de direito, es tao c omo todos os ser es de b om cora raçao, o sabem , per vertido, é às in s titu i ço es e figo ur ás q ue s ob re dele , de aco acor rato do c om a lei d eve maior vela da ar, sao na ver dade bandidos e terroristas de estado

as si maior do vaso do os circulo do rato do aro d en da onda dp cu mp rim en to das v os sas fun ço es, é primeira v os sa inter v en çao e s at en den do, primeira da per ver sao i men sa e t ran sis te mica em q ue o est td o pre t en sam am que mente, o de direito, da r e pub lic ap o tugu ie sa se torno vaso f r u to de ema s pra tica s ac u mula ad os duran te q ua ase qua ren ta ano serpente

d eve rei porta anto pro roc ce der a pr isa sao do ban dido cavaco do silvam, do bandido soc rat es, do bandido gama, e r es t ant es c h efe s de ban c ad , a da ass em bel ia da r e publica de todos os pari d os com r e p r es n taçao es, circulo do pro ur ad dor ge rato da al da republica, e o pr es sin det e do supremo, t rib un ak l e em forma p ac i fi ca e n cão viol en ta os ap resen tar pera nt teo juiz de ave iro, que co ns ta s ero uni coc ue na ap rec en cia f az nest e rato ps amo da justiça, fr en te a estes bandidos cor ru pt os, para ave rig ua ço es e monte si ai aca mp ap men to duran teo te mp o q ue for ne c ess sario, primeira q ue da primeira da lei rato e tome primeira de este país, é lem br ei s circulo do juiz de aveiro, q ue do circulo do se g red o de est ed td oe da justiça se, es n contra por v isso ria am nt ye l eva van t ad o, se maior al gum a e x cep aç sao es a té se rever primeira da lei q ue os det rato da mina, e q ue d eve ra dele, p dela é x e p cio n al id a ed de sta c s it tua çao es, c omo j á oe x p lic ue ei ante rato ior mente, todos os dias, psd, da ar conta do cao do pais, tvi, é as das gentes, do d es en volvi ie mn to p ass o ap ass o do inc ue rito e da pro duç sao es de pro ova

o n cão cu mp rim enro de sta ordem, l eva vara acento da primeira v os sa e x on a raçao, p o is n cão pode maior pedo filo se dos bandios e cor ru pt os se q ue emo os pro tege l eva rem c argos de lei o u fun çao es na rato, é publica

p au lo f orte, cida dao de portu gal, ep primeira da lei

Sem comentários: