sexta-feira, novembro 12, 2010

depois de falar do tal porche radioactivo que o passarinho me mostrou, na ultima imagem no jardim relatada, que é um baxter ou algo assim de um ruivinho quase rapado, hoje puseram expressamente este, provavelmente um ovo dessa puta do socrates, a disfarçar ou a tentar trocar uma alma, muito bem feito, enquanto desci e subi, o puseram e tiraram

de posi de f al ar do t al do porche r ad io ac t ivo q ue o p ass ari n ho me m m, s mar tie es,  os t ro u, na u l t ima ima ge maior do no do  jardim r dela , t ad a, q ue é um ba x t er o ual goa ss i mde um rui do vinho quadrado da use ra do pado, ho je p use ram e x press ae maior de nt e este, por v ave lem nt e um ovo de~s sa puta do socrates, a di s fr aç aro ua t en tar t roca r uma alma, mu it o be m feito, en q u ant o dec ie s ub i, o p use ram e t ira aram






r epa  par a ra ano por men o rato ps da banana, q ue os es pi õ es on te m ec coa ram no do dn, nu maior mar art ti  go s o br e uma da fac nova da ova da for mula de co mí cio, ao  q ue pa rece c ad a um é um, a por posi to de pirataria in fom a tica, di zi am os do u ts o q ue nin g ue ia cao do supermercado com pr da ar uma s ó b anana, co isaque eu qua n dó s ó q u ero uma f aço es, a corte id ep o is com a fca ana es cu r id dao e via v e sic ana s cor es br co rta ad a cao me io di zen do en tao do f alo do eq ua ad da dor, miguel es tve ca rf fo s o

repara no pormenor da banana, que os espiões ontem ecoaram no dn, num artigo sobre uma nova formula de comício, ao que parece cada um é um, a propósito de pirataria informática, diziam os doutos que ninguém ia ao supermercado comprar uma só banana, coisa que eu quando só quero uma faço, a cortei depois com a faca na escuridão e vi a vesica nas cores br cortada ao meio dizendo então do falo do equador

broches do socrates a alema, como as s al cinhas, ce rata am, mente

Sem comentários: