sexta-feira, novembro 12, 2010

e então senhor dos satélites portugueses, e coisas e tais do timeu, ainda não me respondeu, pois o senhor trabalhou nos chips dos cartões multibanco, trazem eles a devida proporção, medida e que conta taxo eu sobre quem o conceito me roubou

é en tao s en hor dos sat elite s portu gueses, e co isa se tais do tim eu, a inda n ao me r es ponde u, p o iso sen hor t r aba bal h o un os chi ip  ps dos cartoes mul ti b bancos, t r az e maior deles,  a devi d por pro roç sao es, me dida é eq ue conta t ax o eu s ob r e que emo c on set ior me ro ub o u

me fiquei a recordar de um estranho recente clássico na rtp dos ladroes  protagonizado pela puta de serviço maria elisa, o senhor, o horus do Y dreams de olhos fechados e uma que me roubou o conceito do ecrãs sobre papel e outras superfícies, aquilo devia ser tipo para rir se não fosse de chorar, no final o senhor entornava um copo de agua no oriente simbolizado na pena do remo por debaixo da ponte nova, quem diria, talvez a testar a reacção do dito tot numa demonstração de física quântica aplicada, certamente,

por obséquio talvez queira explicar tão douta angular experiência

me fic ue ia reco rda rata de um est r anho recente c l ass sico na rtp dos kapa dos ladroes , pro ota g oni z ad o p dela, a  puta de serviço maria elisa circulo do sen hor, o horus do t dreams de o l h os fec h ad as e uma q ue me r o ub o u o c on ce it o do e c r as s ob re pap el e o ur as super rf if fi cie es, a aqui ilo de via ser t ipo para ri rato se n cao da fosse de c hor ar, no fina l o s en hor en not tn ava um cop pode dea agua no do oriente si mb o liza dona da pena do r emo por de ba e xo da ponte da nova, q ue maior da di da ria,aveiro, fac,  t alvez a t es tar a rea sao es do dito horus numa emo sn t raçao de fi sic a quantica ap lic ad, ce rta em nt e,
por ob sec qui  u io t alvez q ue ira e x lic a tao douto ang gular,  a é x per ien cia 

Sem comentários: