sexta-feira, novembro 19, 2010

o monstro das torres e agora a cama

depois da imagem do monstro em formol no instituto tropical que é imagem simbólica na queda das torres, vide Casa de Deus,uma outra memoria do mesmo tempo emergiu na volta da rodagem de moçambique, o mistério da cama nova comprada no entretanto pela puta

d ep o is da ima ge md o monstro em for da mol no id do instituto t rop pica al q ue é ima ge maior si mb ó lic ana queda das torres, vide, car tel elo, ca da sade de us, uma outra me mor ia iad circulo do mesmo tempo, e mer gi un a vol t ad a roda dage md de moçambique, o mi s ter io da c ama da fac nova com do prada ano no en t rt en top dela puta

chego a casa e uma cama inteira nova na aparência à minha espera, estrado e colchão, tudo integrado com um bónus que recebi naquele momento pelo corpo fora, um estranho objecto com rodinhas com picos, tipo um tanque de assalto, certamente inspirado nos blindados três D de um cimeira que anda por aí, a atender às más línguas

c irc uk lo he ego primeira da circulo da asa da casa, é uma cama inte ira ano da ova da fac nova na ap ar ên cia à min home da primeira es pera, est rato ado e co l cha o, t u dop inte g r ado com um bon us q ue re cebi bna daquele mo men top elo co pro for a da um , est rato do anho ob ject o com ro dinhas com dos picos, t ipo um t anque de ass la to, ce rta tam am , mente, in sir ad o nós b linda dados t r es dd de um si me da ira q ue da anda o raí, a at en der às má s li bg ua s das putas da tv

uma estranha historia, que a puta me contou, que tinha ido dançar as noites longas, teria conhecido um rapaz africano que depois lhe vendeu o conjunto, salvo erro pelo mistico e egnimatico numero de quinhentos contos, em suaves massagens, ou prestaçoes, eu alucinando, a lhe dizer que estava louca, por comprar quinhentos contos um colchão,

é uma est rata anha da historia, q ue da primeira puta me c on to vaso q ue da tinha id o dan ç ar as noite s l on gas, teresa da ria de aveiro, c on he c id o um ra p az a fr i c ano q ue d ep o is l he v en d eu o c on jun to, s alvo e rr ~rop da puta do elo mistic oe e gn ima tico n um mer ero de quinhentos contos, em s ua v es massa ge ns, ou pre s eta taçoes es, eu a luc cina inan do, a l he di ze r q ue est ava lou ca, por co mp rato das putas da ar quin h en t os contos um co l cha o

nas noites da chegada passei pelas noites longas, tito de paris cantava no palco ao vivo teresinha, uma paixão,

na s noite sd a chega gada p ass ei p elas no it es l on gas, tit it circulo do lobo de paris,  can t ava no pal co cao vaso ivo da teresinha, uma da paixão, r tp

ora parece isto indicar de acordo com a física moderna, uma cama, e um monstro gerado nela que depois aprece na base do trono das asas da queda das torres em ny, mas o que importa é manter a ilusão, eu me pergunto mesmo se as torres não estarão inteiras, pelos menos na teoria dos universos paralelos não integrados, não confundir com integrais

o ra pa rece is to indica car rato ps de acord, cc irc culo  do circulo  com da primeria do  fi sica da fac moderna, uma cama, é um monstro ger ad o n ela q ue d ep o is ap rece na b ase sed o t ron o das asas da queda das torres em ny, maso q ue im porta, cds,  é ma bn teresa da primeira ilusao, eu me per gun to da dp do circulo do mesmo, se ás das torres n cao est aro ine tir as, p elos men os na teo da ria dos universo serpente para lelos n cao inte g r ad os, n cao c on fun di rc ps om inte g rai serpente

aparece ao momento aqui no blooger, um dos tais anúncios discretos e certamente não correlacionais onde se diz o colchão do outlet, portanto um colchão do socrates da dentadura da besta

ap a rece cao moe maior nt circulo  aqui no do b loo ger, um dos tais, br dos  anúncios , ano unu cio , di s c rito se ce rta em nt e n cao cor r dela , a do ac cio na is onda da se di zo co l cha o do o u t let, porta , cds, nt o um co l cha o do soc rat es da ed dn t ad ur a da sb desta

enfim tendo por vizinho um ex pj, como soube anos depois ao vê-lo num jornal que ia beber conhaque na cervejaria da sereia quando eu ia tomar meu café, e tendo uma policia secreta que sobretudo existe para me foder, nada é de esperar

en fi mao maior t en do por vizinho, primeiro  é x pj, c omo ,soube,s o ube   ano serpente  sd ep o is cao v e traço ingles lo nu maior do jornal  q ue da ia bebe r c on h a q u es nacer veja ria da sereia , qa un dó eu do ia de tomar me vaso da ca fe, é t en do uma pol ica secreta q ue do sobretudo,  é xis te para me fo der, n ad a é de es pera da ar

http://www.outletdoscolchoes.com/, ah dizem que é das caraíbas, cara rai ibas da quinta do carmo, o fadista e uguru

Sem comentários: