segunda-feira, dezembro 06, 2010

à amada tori amos, segunda parte de tres

à mad ad da primeira da tor ia am amos , se da gun da ap da pura, arte, de cruz espanhola

querida tori amos, aqui em forma separada e junta o final desta longa carta que é a ultima entrada sobre estes assuntos, depois a concluirei,

quadrado da ue da rid id a tor ia am mo os aqui em forma sep zorro rata ad da primeria, é jun t cao fina al desta, primeiro do angulo da ong da primeira ca rta q ue é primeira da aul do tim da en t r ad a s ob re este s ass un cruz os

logo a ter de novo encontrado, em imagem e voz na rede, como aqui lhe narrei, em dia seguinte no metro do rato, ps, uma indução montada, na gare de cima, ao chegar aos portões onde se validam os cartões, um escutado projecto por um qualquer ritual destas bestas associada a dois rabos, assim uso a palavra pois foi assim que a pronunciaram pelo espírito, em forma de pergunta, gosta do meu rabo, eu olhei a rapariga à frente, e reparei então que as calças e a cores, eram próximas às suas no clip e de alguma forma as formas também, ao lado uma outra em tons cinza , tipo calças de treino, estava encostada a uma das maquinas, num gesto que tinha em si um preposito, pois ninguém para ali

lo gata primeira da teresa , de n vaso circulo en c on t rato do ado, em ima mag é me da voz, ra dio, na rede, circulo omo aqui, primeiro rol he na rata rr rei, é maior do do dia seguinte, rtp, a puta , o no metro do rato, o do ps, uma da indu sao es montada, na garra rede dec ima, cao che gato da ar primeira ara do os porto espanhol, da onda da se v al id do quadrado do dam da am os c art circulo da puta do espanhol, um es cu t ad o por ject circulo do por, um do dupla do uadrado da aul ue rato do rit ua al de stas destas bestas, ass soci , sic, ad da prime ik rata da ad circulo do is dos rabos, as si mu serpente co circulo da primeira , p al av ra p o is fo do oi as si maior q ue da primeira porn un cia aram p do elo es pei rito, em forma de per gun da cruz primeira, gato do circulo do sta do me eu vaso do rabo, eu o l he ia da primiera ra pa riga a fr en te, é rato epa rei en tao quadrad am ue ás c alças, é primeira cor espanhol, e ram por x ima sas s ua sn no circulo do primerio ip do pede, de al gum primeira da forma , às das formas tam am tambem, cao primeiro da ad de uma outra em to da ns c in za , t ipo c alças de t reino, est ava en c on sta da primeira da , a uma, a das ma quinas, n um g est circulo q ue da tinha em si, um pre ep d puta do os vaso da it circulo, puta oi is da de ninguem , av, para ali, super mer do cado

este passe no metro do rato, tem uma razão de ser se lido com uma outra imagem da capa do publico, no dia da greve geral, pela justaposição das duas personagens nas três entradas que corresponde aos pilares das das maquinas de validação de bilhetes, imagem aqui abordada em pormenor de seu acontecer , a imagem da capa com a entrada do metro da avenida, um fantasma a passar, o pavilhão carlos lopes ao fundo, e a linha dos judeus pelo aristides , ex cônsul português que tantos na segunda guerra salvou ao conceder vistos, e a leitura cumulativa parece ser então uma armadilha, pois se entenderia então, em justa posição das duas imagens que o rabo das calças de treino era o o vaso do x, nas suas perinhas, de uma seta que vinha do pilar da direita da imagem, ou seja, da esquerda em posição real, estando a menina no meio das duas colunas do templo, e sendo que o perfume da imagem da capa do publico, remetera obviamente para londres, ou seja, como se confirma na faca do paragrafo anterior, este passe foi preparado também pela rede da voz, com outras de outros órgãos de informação, pois tanto aparece, tvi com sic e grupo publico

este passe no metro do rato, ou seja , pare tambem indicar , o ps serpenet, na russia, moscovo, te maior, uma rata aza circulo de ser, da se lido, cinema a chegar à estrela, com uma , de outra rai imagem da ca pado do jornal, publico, no do dia da dag rata vaso da geral, puta dela, just tap posi sic sao espanhola ,. das duas persona ge en da ns nas t ratas es en da crucificaçao, da rda serpente quadrado da ue do x , cor rato ps do espanhol ponde dea primeira os pi ila ares, das serpente das ma quinas de eva da al id do aç da sao do espanhol, do bo da bic do circulo do homem da cruz espanhola, ima ge maqui ab co da rata dada, em por men co circulo do rato de serpente do europeu aco nt , tecer , a imagem, a image, carro, ad da primeira da capa com da primeira da en t rata ad dado do metro, da v en nid id da primeira,um fantas ma da primeira mad ad da primeira p as serpente da ar, a dp aro do p av ilha circulo do car rolo serpente do lopes cao, ao fundo, é primeira da linha, ad os jud eu sp elo ari st id es , é x c on sul portu gues q ue tnt do os na segunda dag da guerra, serpente alvo vaso do cao c on cede rato dos vistos, é a primeia da lei it da tura cu mula da cruz iva pa rece ser en tao uma arma mad da di da ilha, p o is da se en t en der ia en tao, em just tap posi sic sao das duas da sima , as da imagen, q ue do circulo do rabo da sc alças de t rato do ein, e ra dp ova do vaso do x, na serpenet ss, ps, s ua serpnete pe das rinhas, é uma serpente eta quadrado da ue da vina hd cor rc ilo da pilar, home de melo, a da direita da ima ge mu do seja , da es qaudrado da urda em posi sic sao es do real, madrid, mad ad rid , est ando da primeira mr do io da menina no me io das duas , co luna sd circulo do te mp primeiro co es , é s en doque do circulo da cc, per rf um meda da imagem da ca pado publico, reme teresa ra ob via am, mente , para londres, o vaso do seja, circulo do omo da se, confirma , n faca do para do rag rf fao ante rato do iro de este, pa sw da se f oi pr epa rato do ado tam am tambem , p ela, a da rede da voz, com de outras de outros orgaos de in for maçao, p o is t ant o ap ar ee tvi com da sic, é gato do rupo do publico, manuel fernandes, outro ex mrpp

mais curioso, rica, explicita e extensa, esta imagem se torna, pelo local que as bestas escolheram para a encenar, na condicionante de saberem que eu uso essa paragem, e portanto como acabei de explicar em voz em pormenor, através do controlo de meus passes, preparam então estas aparições e estes cios de merda, pois no metro do rato, um pormenor se liga a morte também de sa carneiro,

mais , fr, cu rato da iso seda do soda da rica, é x puta primeiro da cita, é x ten sa, desta, a da imagem , se torn primeria da ap da puta do elo do primeiro ocal quadrado da am da ue às das betas, espanhol co primerio, he ram do para da primeira da encenaçao, en c en da ar, na conde di do cio nante, de saber , rem quadrado da ue europeu do us circulo, a dessa, do para da rage da me da porta , cds, nt circulo doc circulo omo aca be do ei ide, é x puta lic da ar em vaso do oz da ra di circulo da voz, em por men doc circulo do irc uk lodo do rato do psr, at rt circulo do av do espanhol, o do controlo de meus passes, pre par ram am en ato , estas das ap ari ço espanhol, é estes cios de merda, p o is no do metro do rato, um per mne neo rato ps da se da liga da primeira da morte tambem, dea serpente do carneiro, ex icep administrador do tempo da expo

pois uma estátua equivalente a de sa carneiro no antigo largo do areeiro, em lisboa, uma cabeça cortada, ali se encontra também, ou seja parte deste grupo esta relacionado com a morte de sá carneiro também e simbolicamente com o casal arpad e esposa, vieira da silva, ps, que nos diz ainda de uma relaçao com o território francês

puta do circulo do is , uma est do cao da cruz primeira , eq do vaso do iva lente da primeira, dea serpente caren do iro do doiro, no do antigo, o l argo do arieiro, queda de entre rios, tambem, em lis boa, se maior da cab da beça ali, super mer cado, se en contra tam am tambem, o vaso do seja da puta da arte deste, gato rupo é sta rato, ps, dela , o do ac cio n ado com da primeira do damo da morte de sá caren eiro tam am tambem, sá carmeiro, cadeirinha, almeida, aqui na rua, é si mb o lic cam caa am que mente, com do circulo do ca da sal ar rp do pad da ad, é es posa do vieira da silva, ps, quadrado da ue nós da manha, di zorro da inda, uma de uma relaçao, tribunal, com do circulo do terri it tori circulol 190, me cede serpente taxi, o do 101 do frances

vieira das ilva do ps, ex ministro da solidariedade, e a agora de outra coisa qualquer desta mentira infernal, é um terrorita de estado e um merdas completo, pois foi o tal que quando neste anos trouxe fome e ao gabinte dele me dirigi, não só não me resolveu nada como a lei o garante, como cobre ao longo de anos todos os passes relatados na perseguiçao sistematica que me fazem a mim e a minhas empresa no ambito da teia do estado dominio da segurança social, ou seja é tambem para alem de pedofilo, um corrupto, portanto está a ver, bela tori amos, de merdas como estes, só mesmo se pode esperar a morte deles e depressa!!!!!

vaso do ie da ira da s el v ado do circulo do ps, é x ministro da solidariedade, é primeira do agora deo de outra, co isa q ual q ue rato ps , a de sta da mentira infernal, é um te rr o rita de estado, é um merdas co mp le top puta do oi is fo io do tal passe, q ue qua n dó nest e an s t rio ux e fom, e é cao do gabinte dele, g ab inte dele, me di rig gi, n cão s ó n cão da me r es solveu n ad a c omo do cobre, pt, cao p l on gode anos todos os passes, rea al t ad os na perse gui sao es q ue me f az ema primeira mim, é primeira da min home às da empresa, no am bit circulo, o da teia do estado do mini circulo da segurança social, serpente circulo da onda da cia primeiro, o vaso do seja é eta tam am tambem para al lem mde pedofilo, um cor rup pt o, porta , cds, nt circulo e stá ave rato rb dela, a da tor i am os, de merdas c omo est es, serpente ó do mesmo da se da pode es pera rata, a primeira da mo rte morte, del es e d e press a!!!!!

continua...

Sem comentários: