domingo, novembro 07, 2010

fofinha, a casa está limpinha se quiseres chegar, vais acha la agradável,

para quem ande distraído, a estanha ressonância deste vulcão http://news.yahoo.com/s/ap/as_indonesia_disasters, que ontem no ultimo texto mencionei, relaciona-se com a imagem de um dos últimos oráculos, anterior aos dois que ontem vos contei, o da faca mauori, na garagem dos automóveis antigos, aqui ao lado, relacionado com a puta do jaime gama, que nesse sonho, me aprecia a pedir os documentos como terroristas que é, depois de eu ter salvo mais uma avião que trazia uma bomba, e que se relaciona também como disse com a matança da bhutto,

ou seja a imagem para mi é clara e sem duvida, por todo o mal que me fazem e fazem a meu filho, essa puta, o gama, me terá acusado, como sempre uma profunda ironia

os que andaram a brincar aos deuzinhos, quando as línguas de fogo os envolveram, e que dela fizeram mal uso, por mim podem lhes cortar a cabeça a todos dessas bestas do ps, que são terroristas bandidos e pedófilos

a liçao de fisica à monica belluci, bush e a matança da katrina

a l liç sao es de fi sic a à m oni ca be bel ll vaso si, bush é primeira  matança da kat rina
ontem depois de publicar o ultimo dos dois vídeos, fiz uma coisa que não fazia há muito tempo, digitalizei o endereço do yahoo, pois algo em mi me disse para o ir ver

on te m d e p o is de pub lic aro ultimo, o dos dois v id deo serpente , fi zorro de uma co isa da ue n cao f az ia home do acento da primeira há muito tempo, di gita lize io en der e sao es do y a home da dp, p o is a l g o em mime di s se para do circulo 101 é rato,  ove rato  
nos destaques, o bush, com cara de pesar olhando o chão, nele cliquei como cliquei em outras noticias, como de um home que aparentemente fora electrocutado, e no qual senti a imagem da antena culatra das torres, e ainda na bela marion, que ali estava no destaque das belas, bem como da jolie aqui abaixo narrado

nós d est a q u es, circulo do bush, com cd da cara de pesa rato o l home  and dp do cha circulo, china,  nele cliq ue e c omo cliq vaso ei em outras not ti cia serpente , c omo mode um do home que ap a ren te maior nt e for a ele c t roc vaso do dó, e no quadrado da ual  s en ti a ima ge md da primeira antena cu la t ra das torres, é a inda na b dela mai eron, q ue ali , al gato rato ave m est ava no do destaque , a das belas, be mc omo da jolie a qui aqui,  aba do xo na rr ad o

na marion, num endereço daqueles que nunca mais acabam e por isso não passível e aqui transcrever sem desformatar o blog, logo apareceu um texto de aparente comentários que pareciam espelhar a rapariga que vira no majong, assim em estilo meio provocador como chamei aos macaquinhos, como se fossem eles os autores, ou seja como se o grupo fosse então dos yahoo e nao dos googles, a primeira parte do endereço declina ainda no curioso nome, el proyecto matriz dos gi das iles es do word press com do vinte do oitenta e ito, av infante santo automóveis,  e londres, circulo da estrela da marion circulo ot til illa ard do príncipe do ps, ou seja de uma rapariga assim parecida com a marion

na marion, n um en der e ço es d au deles,  quadrado do segunda da ue n unc a mais, fr,  aca bam e por iss circulo  n cao p ass iv el e a q u y it ra sn c reve rato ps  se md es da onda for mat ra do circulo do blog, l ogo ap a receu um tex t o de ap ar en te com  en tar io s q ue par e cia am es p el homem da ar a ra pa tiga q ue vaso da ira no maj da ong, as si maior em est ilo meo oi da onda vaso do provocador,  pro ova co dr c omo chama ar a os macaquinhos, c omo da se fosse maior  deles , os au o t ratos  es da spa, o vaso do seja c omo da seo g rupo fs s se en tao do s y a h oo e n cao do s g oo g l es, a primeira p arte do en der e sao es dec lina a inda no cu rio s o no me, el pro y e c to da matriz dos gi das iles es do word press com do vinte do oitenta e ito, av infante s ant o ay tom oi es e l on d es, c irc culo da estrela da marion circulo ot til illa ard do pr inc ipe pedo do ps, ou seja de uam ra pa riga as si maior  par e cia ad a com dama primeira da marion provavelmente da relação da margarida alvarez visto aparecer também nas fotos a ana hartley, da arte do risco do car da dina da al, do sete qaudrado da From Princess Diary to mayor hottie, who would have thought? Get Smart and The Devil Wears Prada put her into my radar. Now she's on my list.assim dizia a le gan da anda, legenda

o tal tomas furacão também aparecia de novo pelas bandas da republica dominicana atingido ao que parece o fustigado haithi,

o t al do tomas fur raçao tam eb maior ap ar e cia de n ovo p delas , das ban d as da republica do mini cana a tin gido cao q ue pa rece do circulo do fu s tiga gado home da primeira da it do hi,

http://news.yahoo.com/s/ap/tropical_weather 

e ainda estranhas ressonâncias

http://news.yahoo.com/s/ap/as_indonesia_disasters

e depois, ou melhor bem antes, ...

http://news.yahoo.com/s/yblog_upshot/20101105/pl_yblog_upshot/former-president-bush-calls-katrina-photo-a-huge-mistake


e depois bush, num texto com dois ecos precisos a imagem do últimos dois vídeos aqui publicados, primeiro uma referencia ao sistema de coordenadas, se bem que as letras pareçam ser outras como eu próprio citava da arbitrariedade da notação, no exemplo em palavra, como o dará

é d ep o is do bush, nu prime rio  tex t o com dois,  eé cos pre ciso sa ima ge md o u l t imo sd dos dois v id deos a qui aqui  pub li cados, prime rio uma referen cia ao sis t ema de cor dena ad as, se beque às das letras par rec cam am ser de outras c omo europeu  pro rop p rio cit ava da ar bite ari ed ad e da do ano do taçao, no e x e mp lo em pal av ra c omo do circulo lobo do quadrado da ara

o segundo eco também subtil, como sempre, digno de uma cobra, e leve como uma pomba, é a precisa imagem que aparece na noticia, que espelha os três da imagem também aqui publicada em foto e em video, da tal lição de física a bela monica belluci, que remete ainda como sabeis para a casa branca, com o clinton, e para o tal espelho que aqui com a monica calle, ao que parece fizeram

circulo do  segundo,  é co tam am tambem , s ub da bt do til, c omo sempre, dig gn node uma cobra, e l eve c omo de uma p o mba, é a pre da cisa ima ge maior  q ue ap a rece na do ano da not ti cia, q ue es p dela , dela homem primeira do os dos tres da ima ge maior do tam am tambem , qui pub lic ad a em fo to e em v id deo, da t al li sao es de fi sic ad da prime ria da  bela monica be ll luci, q ue reme te a inda c omo s abe is para da primeira da casa branca, com do circulo do clinton, é para do circulo do t al es p el hoque aqui com a monica calle , cao q ue pa rece fi se do ram

estamos então a falar de cem mil mortos, se bem me recordo

continua...



dois pequenos oraculos em dois sonhos seguidos

do is pec eu nós dos o rac culos em dois s on h os se guidos, it

o primeiro foi assim, uma rapariga africana, e eu parece que chegava a um aeroporto, em são tome e príncipe, onde nunca estive, mas que se liga sempre na minha memoria a cacau e a café,  estava assim como num tipo de aeroporto com janelas altas e vidradas que também poderia ser um centro comercial, e me sentava numa mesa a comer um hambúrguer , tipo mac donalds, olhava em frente e via por debaixo do que aprecia ser uma escada com uma fonte, uma rapariga ruiva , verdadeira que parecia ser uma sereia, pois a agua lhe caia em cima, chorava, ou parecia chorar, era como se alguém africano me dissesse dessa ruiva de um dor, que provocara nesse pais ou na imagem de esse pais,

c irc uk lodo do circulo do prime rio f oi ass si maior de uma rapariga africana, e eu par ee q ue chega ava da a um do aero rop do porto, em sao tome e pr inc ipe, onda n unc a es teve, masque da se da liga sempre, rena min home da primeira me mor ia primeira  cac au é a pri e mr ia  ca fe,  est ava as si mc omo nu maior t ipo pode aero pr ot com jane l as al t as e v id r ad as q ue eta tam am tambem pode da ria ser um cen t r co mer cia l, e me  s en t ava nu ma da mesa a co mer um ham bug e rato ,  t ipo mac dona l sol homem ava em fr en te é via por de ba e xo doque ue ap rec ia ser uma esca da com uma da fon te, uma ra pa riga ru iva , verd ad e ira q ue par e cia ser uma se rei a, p o isa g ua l he c aia em c ima, cho r ava, ou par e cia c h r ar, e ra c omo da se al gume africano me di ss esse de s sa dessa ruiva de um dor, que por v o cara nesse do pais, tvi,  o un da primeira  ima ge mde de esse pais

depois ou antes vira essa bela que aqui narrara em video

o segundo me aprece ser relacionado com a morte do senhor da krichner, pois se passava no terreiro do paço em lisboa, que acabra de entra num comentario sobre a estatua que vira na imagem dessa morte no dn com uma senhora ao lado com um cartaz

circulo do segundo da me ap rece ser rato dela , o do ac cio n ado com do damo da morte do senhor da krichner, p o is da se p assa vaso  ano no terreiro do paço, paco, es,  em lis boa, q ue aca ab ra de en t rato da do ano primeiro  com en tar io s ob rea priemira  es tatu a q ue vaso da ira rana ana ima ge maior dessa cobra da morte,  no dn com uma s en hor a cao lado com de um do cartaz, do joao lopes, sic, programa, assim se esclarece masi esta induçao rem, que filhos da puta sois, as si maior da se esc clare rece massi desta da indu sao es das induçoes rem, q ue dos filhos da puta serpente do circulo do is,

estava no terreiro do paço em lisboa, e de repente se punha um grande nevoeiro, de tal forma que eu me sentava pois nada conseguia ver, curiosamente, o padrao do chao, os losangulos que fizeram na vinda do papa a esse local, e que aqui comentei, os vi depois no yahoo, numa carta de nascimento da angelina jolie, assim com as constelações como um mapa em perspectiva e assim os relacionei com o terreiro

es tva no da teresa r rei do iro do paço em lisboa, e de r ep en te da se p da unha um g rande ne evo eiro, de t al forma q ue eu da me s en t ava p o is n ad a c on se gui ave r, c ur io sam am, mente, circulo do padrao doc homem cao, os lo s ang gulas primeiro do os q ue fi ze ram na vaso da in dd circulo do papa,  primeira desse cobra  l ocal, leque a qui aqui,  co men tei, os vi de p o is no y a homem da dp, nu ma ca rta de nascimento, o  da angel ina da jo da lie primerio ie, as si mc om as conte tela aç o es c omo um mapa em per sp e c t iva e as si maior do os ratos dela , do ac cio ne ei com do circulo do te rr e iro

depois era como se estivesse dentro da estátua, e lá fosse uma livraria, e depois quando ia a sair, pela frente do que seria o pedestal, de novo o nevoeiro, aquilo não tinha degraus, e eu como que ficava uma figura de proa de um navio, trazia um saco de compras que me caia naquele momento, e ao acordar, me lembrei então do que comprara, assim me reza

d ep o is e rac ac omo da se est iv do esse , dentro, roda es tatu a, e l á da fosse uma da livraria, e d ep o is qa un dó do ia primeria serpente air,  p dela fr rn te doque se da ria do circulo do pede st rato ps da al, de n ovo do circuklo one  nevoiro, a qui lo n cao da tinha de g ra use europeu c omo q ue fi c ava uma figo ur a de pr o ad de um do navio, t rai iza um s ac code com pr as q ue da me c aia na q vaso  le moe maior nt o, é cao acor da ar, me lem brei en tao doque com pr ara, as si maior  mer,  é za

treze do percentil, per circulo do en til nescafe terceiro de setanta e nove, se is do per c en til pao da avo kapa gato fm f , circulo de setenta e tres, se is per c en til da banana impot cor qaudrado circulo terceiro de oitenta e qutro, x, circulo de noventa e nove, circulo treceiro infinito, se is pera da rocha circulo cento e noventa taxi, x, primerio de quarenta e nove, , circulo do maestro, eugenio dos santos, alvalade, roma, se is per c en til leite p espanhola vaso maior do bar do ra mg primeio do angulo, circulo de setenta e nove, se is do qaudrado do principe em men t al do frances, segundo do vinte e tres, vinte e um , psd, sacos plasticos, , circulo da di da visao do segundo, tota , banco primeri de oitenta e dois, segundo vol vaso mes sete euro dez dp cruz roco primero de setenat e oito, a ten dd circulo da  por,  isabel frenandes

 t rato é  ze do per c en til, per circulo do en til n es cafe maior cruz rato onda ~erc e iro de set anta en ove, se is do per c en til pao da avo kapa gato fm f , circulo de sete nt a e t r es, se is per c en til da ban na imo p ot cor q au dr ad o c irc culo do terceiro de o it eta eq vas cruz rato circulo do dr do  x, circulo de noventa e nove, circulo t rec e iro in fi ni to ze da is da pera da rocha, campo ourique,  c irc culo c en to e n ove en t a taxi, x, prime rio de quarenta e nove, ,  circ u lo do maestro, eu ge bn io dos s ant os, al vala lade, roma, se is per c en til leite p es pan hola vaso maio rato do bar do ra mg primeio do angulo, c irc u lo de sete nt a e n ove, se is do q au dr ad o do prin c ipe em men t al do frances, segundo do vinte e tres, vinte e um , psd, s aco sp l as tic os, , c irc u lo da di da visao do segundo, tota , banco prime ride deo de oitenta e dois, segundo vol vaso mes sete euro dez dp cruz roco prim ero de sete na te o it o, a ten dd circulo da  por,  isabel fr en andes es

ao acordar me lembrei de onde era essa imagem na posição onde ficara nessa estátua que me remete também para  padrão dos descobrimentos, pois dentro desse momento, que é uma espada, é que  existe um local de exposição, onde encontrara há muitas luas uma rapaz que creio também estar ligado ao nuno artur silva que ali trazia ao que parece uma exposição video, e que encontrei em campo de ourique a quem contei a situação do roubo de meu filho

cao acor da ar,  me lem brei deo da onda e ra dessa, da imagem na posi sic são es da onde fi da cara ness da primeira es tatu a que me reme mete tam am tambem para  pad rato ps  ad o dos descobrimentos, p o is dentro de esse mo mu neto, q ue é uma es pada, a ps oto lo serpente + eq ue e xis te um l ocal de e x ps oiço es, onda en c on t r ara h á mu it as luas,  uma ra ap zorro q ue c rei o tam am tambem es star liga gado cao nuno artur silva q ue ali , algrave, t r az ia cao q ue pa rece uma e x posi ie sao es id deo, e q ue en c on t rei em cam pode o urique a q ue maior conte ia s it ua sao es , o do roubo de meu filho

essa imagem, é uma imagem de um álbum de historias do manara,a marie claire, a historia que se segue a da inquisição relacionada com o vaticano, que uma ve aqui contei e que as putas espelharam numa imagem da rapariga que agredira  um cardeal,  na que outrora fora queimada na inquisição, e que aqui contei, 

es sa da imagem, é uma ima ge mde um al bum de hi s toiras dona mar a,a am mr rato rie ie da marie claire, primeira da historia,  q ue da se se g ue ad da primeira da inquisiçao,  inq ui s sao es rata dela , a do ac cio n ad a com do circulo do vaticano, q ue uma vaso e a qui aqui,  conte ie q ue ás das putas ep pse el homem  aram nu ma ima ge mda da rapariga q ue a g red ira  um car dela,  naque de outrora for a quim mad ad dana inq u isi sic sao es cao, eq ue a qui aqui co nt ei

a rapariga em neglige, recebe um telefonema do antiquário, rocca , que lhe diz que lhe quer trocar um móvel do xvll eme, por uma outro semelhante pois se enganara, , e lhe diz para não o abrir entretanto,  mas ela o abre e la de dentro sai um pirata que a leva a passear nu caravela fantasma, do que parece uma cidade como ny ou outro, e a cora como rainha , depois parece mais la, e por fim se escapa do navio que trás a figura dela na proa, fazendo surf pelas estrelas com um móvel, assim parecido com a peça que agora encontrei ao lado do carro, aqui narrada em dia recente, no passeio ao rio e do encontro com o ferrari francês negro, au diable des rossi, diz ela ao marido industrial que chega no entretanto a casa e lhe lembra que tem um jantar, ela guarda a coroa de rainha no móvel e diz ao marido para dizer ao antiquário que fica com aquele  móvel,    


a ra ap riga em ne g lige, re cebe um tek le fon ema do anti q ur io, roc ca , q ue l he di z q ue l he q ue r t rocar um m ove l do x v do ll eme, por uma outro semel h an tg e p o is da se en gan ara, , el he di z para n cao o ab r i r en t r eta nt o,  mase dela circulo  ab r e e lade dentro sa i um pira rata rta tam am q ue a l eva,  a a ps sea rato nu cara r v le fantasma, doque pa rece uma cida de c omo ny o u outro, é primeira cora c omo rai n ham , d ep o is pa rece mais la, é por fi maior da  se esca capa pado na c io q ue t  r as a figo ur adel a na pr o a, do fazendo s ur rf p delas e ts ratas elas com um m ove l, as si maior pa e c id o com da priemria  p eça q ue do agora en c on t rei cao lado do ca rr o, a qui aqui  na rr ad a em dia re cente, no p as seio cao rio é do encontro com do circulo do ferrari do frances negro,da  au do diable des rossi, di zorro  dela cao mar id o indu s t ria l q ue chega no en t rta nt o a c asa e l he lem br a ue te maior,  um jan t r a, dela g ur ad a a cora de rai n h ano m ove l e di zorro  cao marido para di ze rato do cao anc tiq u ari q ue fi ca c om o m ov el,

é uma bela ruiva, assim muito belluciana

olho a contra capa agora, e leio himalaya, hi ima mala ala al da aya, editora, a unha do himalaya, assim parece se esclarecer

olho da primeira da contra capa do agora, e le io hima laya, hi ima mala ala al da aya, e di tora, a unha do hima laya, as si maior  pa rece da se esc clare rex ser

     

mais uma matança e prova do envolvimento portugues nela

massi,  uma da mat ança es e por v ado en vol vim en to porto vaso do gues nela

Depois de ter de novo emergido uma relação com a republica dominicana, e londres também, ou seja anos de noventa e dois, me dei conta de mais uma matança de foice larga, pois não fora afinal só um problema com a capa do motor dos rolls royce no avião da quanzas, um outro caiu, nas caraíbas, em cuba, o nome do local, é claro na indicação do nome, de um dos bandidos da rtp, diversas vezes já citado, o simas, que era do grupo do jorge rodrigues com quem eu a cristina coutinho depois estivemos em londres na volta da republica dominicana, ou seja o passe lá tera sido feito com esse grupo ou através do grupo da rtp, pois no entretanto ao aparecer o rapaz do face book, e depois de ter comentado no primeiro video estes tipo de aplicações como também o bloggers e os googles, e depois de ter ainda também contado a imagem da perinha que comera e deslizara sobre matriz, foto aqui publicada, onde se ve uma forma do tal banco antropormofico da republica dominicana como lhe chamei, que de seguida vi no trailer apresentado pelo joao lopes, no dn, sobre o filme que fala desse mesmo grupo, e sendo o rapas de origem judia, ou assim o senti, me lembrei do tal senhor americano fabricante de calças de jeans que por lá encontrei como aqui narrado, e me fico a perguntar se não será o pai dele, o do face book

D ep o is de teresa de n ovo e mer gido, uma do tribunal da relaçao com da primeira da republica dominicana, ou seja da cc, é londres tam am tambem, o vasp seja ano serpente dd sd e n ove en nt e do is da me dei conta, de ema mais, uma mat ança es de fo ice l arga, p o is n cão for a a fina l s ó um pro ob l ema com da primeira da capa , pado do mo tor dos ro ll s roy c en o avia circulo da qu anz as, um outro roca eu, nas cara iba serpentes, em cuba, circulo do nme, no med o l ocal, é c al rato circulo dona indica do caçao do n o mede de um dos bandidos da rtp, di ver sas v e ze es sj á c it ad o, circulo do simas, q ue e ra do g rupo do jorge rodrigues com q ue me ua da cristina depois, est iv emo serpente em londres na vol t ad da primeira da re pub lic a do mini cana, o vaso do seja do circulo cup circulo do passe l á teresa ra s id o , feito, com esse g rupo o u a t r ave es do g rupo da rtp, p o is no en t rat tnt circulo do cao ap ar recer ero ra p az do fac e b ook, é d ep o is de teresa com en t a dono pr im eiro v id deo de estes t ipo pode , o das aplicaçoes, ap lic caçoes es, circulo do omo tam am tambem o do blog ger se os dos googles, é d ep o is de teresa t am tambem c on t ado da primeira ima ge mda da perinha q ue co mer a e d es liz ra s ob re am t rato e zorro da foto a quadrado do vasp pub lic ad, onda da se vaso e , uma fom mr ra do tal banco , antro rop por mo fic o c omo l he c ham ei, q ue de se guida v ino t rai da ler ap resen en a td o p elo do joao lopes, no do dn, s ob reo circulo do filme q ue da fala desse mesmo, g rupo, é s en do do circulo do ra p as de o rig em judia, o u as si mo s en ti, me lem, brei do t al s en hor am mer cia ano fabrica ante de c al ç as de je an se da me fi coa primeira per gun tar se n cão se rá do circulo do pai dele, o do face b ook

a forma do banco como é visível na imagem, foto aqui publicada, é idêntica á parte de trás do plasma onde no filme o grupo dos rapazes, como espantados estão a ver alguma coisa, logo no inicio do trailer

primeira forma do banco com do circulo omo é vaso isi v el na ima ge maior da f oto aqui pub lic ada, é id en tica primeira p arte de t rato as dop primeiro da asma mao, onda no fil meo gato rupo dos rapazes, circulo omo es pea nt ad os s est cao ap da primeira ave rata al gum aco isa, lo gon o in cio do 11 do cod circulo dt da ot da rai , a da revista ou grupo da ler


O vo da dp deo de 83 3 , o medico, e ra o do circulo do último a p art tir de santiago dec x ub a ant es da chega da gada do furacão Tomás, pai tomas, missisipi, miss siis sip ip do pi

  Aero Car iba do bean, guasimal, gato ua sima pri mr io, 

e uma outra matança antes,
 O acidente com o A T Rato trço ingles de 72, um avi cão pro d uz id o por um c on s ó r cio italo ingles fr anc ês, é o mais g r ave em cuba de s dea da prime ria da queda de um I l y u c h ine-62, a 3 de Setembro de 1989, pouco depois de ter l eva van t ad o do aero rop do porto,  de H ava ana do cubano, . No ac ide acide dente mor r e ram do  115 , serpente s apulo, p ass a g ei rose t r ip ul ant es, mais 40 cu ban anos os no do solo. cosmo, a da queda do aparelho de fabri co do russo é at ri bu íd a cao vento fo rte e c home da uva , mulher de durao, int en sade de uma da tempestade, loja mne,  t r op ical que, no momento da d es cola lage maior, masso lava ad da primeria dao da capital dicoteca,  cu ub ban ana  

como te disse, amada estive limpando a casa na expectativa de chegares, teu prato esta na mesa te esperando, e agora depois de publicar olhei e vi o pato grande da republica dominicana cujo bico aponta a quarta anca de seis da asa esquerda destea mesa, onde em cima esta o debussy images de la apres midi de un faune que recentemente aqui foi comentado , do pierre da boule do zorro


c omo te es di s se, am ad a es ti teve l im p ando da primeria  c asa ana e x pec tat iva de chega ares, t eu pr ato e sta na mesa, madrid,  te es pera n do, é agor d ep o is de pub lic da ar o l hei e vi circulo do pato g rande da r e publica do mini cana cu jo bico ap ponta primeira da quarta,  anca dd cade de se is da asa esquerda d este primeira da mesa, onda em c ima e sta do circulo do de buss y i mg es dela ap r es mi di de un f au nec q ue rec en te mne maior net a qui fo oi co men t ado , do pie r red a b o u ledo zo rato rr rc irc culo 


na asa tenho leio ainda, debussy, tendo ao lado o feiticeiro gandalf, ou seja o feiticeiro frances,depois a pedra colorida das asas coraçao vermelho, o anao aponta com o machado, a cabeça do crocodilo da faca da republica dominicana cuja lamina aponta a pata do dragão, e cujo bico se vira a um templario que tem a aguia ao lado,  e um vaso da vela de natal, e dois pratos juntos como transmissao, os das moedas e um outro com os bolas, como na casa da rua do mne, as de tipo de madeira, onde se destacam duas penas


na asa ten ho le io a inda, d e bus s y, t en do cao lado do circulo 101  fei tic eiro do gan da l fou  use seja do circulo  feiticeiro frances, d ep o isa da primeira  pedra color rid id da primeira, col rato do rid ,  id da primeira  das asas co raçao verme primeiro do  ho , o ana circulo da pao nt a com do circulo do machado, a cab dela , lado c roco di lo da f aca da r e pub kapa lic a do mini do caa , caralos cruz, ped filos, cu ja lam am mina ina ap ponta da primeira  pata do forte da draga, entre rios,  dr a pr ie emi mira do homem  cao, é cu jo bico se eva do vaso da ira da a um templario,  quadrado da ue da cruz  ema aguia cao lado,  é um vaso da ave da vela de na t al, e do is pr rta s j un t os c omo t ra n sm miss sao, os das moe da se de umo de um outro, roco com os b olas, c omo mona ca sada da rua do mne, as de t ipo pode mde ria, onda da se d es t acam du as das penas

na verdade a linha de cuba vem já de tras desde uma capa do jornal dos bandidos com aquele rapaz que o raul continua com muitos a manter preso, e que parece ser quase um esqueleto, o tal que antes dissera uma coisa que me ficara a ressoar, os da primeira vaga, pois tal me remetera para invasoes extra terrestres, como na serie do guam, ou como lá que  rapaz se chamava 


na verd ad dea primeira da linha de c ub a ve maior jade acento  t rato as de sd e , uma ca pado do jornal dos bandidos com daquele rapaz , q ue o rato ps do  au c on tin ua com mu it os a manter pr es o, eq da ue pa rece ser q ua ase , um es q ue le to, o t al q ue ant es di ss e ra uma co ia serpente q ue da me fi cara , a r ess circulo da ar, os da prime ira da ava da vaga, p o is t al da me reme teresa ra para in vaso es da extra, in fat nt e sa bn to, infante santo,  te rr est r es, c omo na se rie do g uam, o u c omo lá q ue  ra p az se chama ava

recentemente aparecera de novo na capa, e os objectos dispostos na foto, os reflectiram na loja do temporal, ao lado do mne, que me remeteu também ao ve-los para a mantinha da menina das socas e do pintainho da pa e do balde do moinho holandês, que se encontra nessa altura dentro da asa da direita de frente do móvel do skull and bones, onde uma marca recente, do bastão do lavatório da casa actor joao rosa, recentemente aqui comentado, com um pedra , roca, negra, trás uma marca, que depois de olhar me pareceu ser também ao lado de uma borboleta, ou seja ainda a imagem recente do point de vue também 

rec en te cente,  mente,  ap ar e cera de n ov na capa, é os ob ject os di sp oto s  na f oto, os r efe ck le t iram na loja do temporal, cao lado do mne, q ue me reme t eu tam am tambem cao ove traço ingles l os para da primeira man tinha da menina das soc as e do pin tainho da pa e do bal dedo do moinho h ola lan de dez, q ue da se en  c on t rato ps av ness a al tura d en t roda a sa sada da direita de fr en te do m ov el do sk u ll and b one es, onda uma ma rca rec en te, d o bas tao do lava tori o da casa ac tor do joao da rosa, rec en te maior nt e a do qui aqui, com en t ad o, com um da pedra , roca negra, t rato as uma ma rca, q ue d ep o is de o l homem da ar da me ap receu ser tam am tambem cao lado de uma borboleta, o use ja a inda aima mage m r e cente do p o int de v ue tam am tambem  

ao ver aquilo tieir a manta, tera sido masi ou menos quando te disse que dormia com as duas, na veradade tambem a branca de penas a lá pusera nestes meses de verao,

cao vera qui lo tie ira da primeira dama dam da manta da teresa ra  s id o ma sio vaso men os qua n do da te di s sec q ue dor mia com as das duas, na vera ad ad e ta tam am tambem primeira br anca dc cade dede penas a l á p use ra nest es mes es de vera circulo 

depois foi quando o chaves por aqui passou, o tal carteiro que disse ser da america latina, e que portanto era um passe , visto que conheço os que aqui vem e sao portugueses os dois, ou seja com o conluio mais uma vez das terroristas que se dizem autoriedades portuguesas, e quando lhe vi a face vi tambem nela se bem que mais baixo de estatura , assim me pareceu pela proporção do corpo,  o senhor preso em cuba que aparecer de novo na cap do dn
  
d ep o is fo oi qua n dó circulo deo de chaves,  por a qui  ip puta ass o u, o ta l car te iro que di s se ser da am mer cia la t ina, eq ue porta , cds, nt  circulo , e ra pri e mr io  passe , vi s toque ue c on he ço os q ue a qui aqui  v e me sao port gueses os dos dois, o vaso do seja com do circulo 101do  conluio mais, fr,  uma v e zorro das te rr o ratas  istas q ue se di ze m au tori ed ad es portuguesas, e qa un dó l dol he via primeira da face vi ta do tam am tambem nela da se be maior do q ue mais, fr,  ba e xo de est a tura do circulo do s en hor pr es o em cu bac q ue ap a recer de n ovo na c ap do dn , o por porcao do cop o   
 

e depois  ainda o o luis dos trovantes, amigo pessoal ao que parece de fidel,  e também o nuno artur silva, o guionista,  num qualquer passe no jornal dos bandidos, curioso , pois ao evocar a bela banshee depois, ele me aparecera, e como sabem tras ele desde muito tempo atras ligaçao a cuba, e sendo que cuba esta de alguma forma tambem  envolvida no tal passe em cabo verde, doença, e do tal encontro de primeiro grau com o tubarão, que agora ecoava nesse tal osorio em londres tambem aqui comentada, ouvi eu pelo espírito que já se sabia do quadrado da porcaria na city, o sentido que lhe atribui, foi de city de londres, ou seja bancários, sendo que nuno artur silva é também nome de um banqueiro português

e d ep do posi a inda dp do  luis dos trovantes, am i go p esso al cao q ue ap r ee de fi del,  e tam eb maior do circulo do nuno artur silva, n um quadrado da ual q u e rato rp da p asse no jornal dos bandidos, cu rio serpente do circulo  , p o isao evo cara da primeria bela ban sh ee d ep o is, dele da me ap rec cera, é circulo  omo, sabem,  t rato as dele desde muitos tempo at r as liga sao da es primeria dea de cuba, é s en doque eu cuba e sta de al gum a forma tam am tambem  en vol iv id ano do tal passe em cabo verde, doença, e d o t al en c on t rode pe rim eiro g ra us tubarao, q ue do agora eco ava ness t al os o sir o em londres tam am tambem a qui aqui, com en t ad a, o uv i eu p elo es pei rt o q ue já se sa bia do q au dr ado da porcaria na city, o s en t id q ue l he a t rib ue, fo ide city de londres, o vasõ do seja  dos bancarios s en doque do nuno artur silva é tam be no me de um ban q ue iro portu gues

a historia do artur silva, o da televisao, das produçoes fiticias, uma bestinha ladraozeco, de merda e brochista, ora curios pois nel lera, a apreera um dia com uma cara de contente como se tivesse ganho algum jogo e no dia seguinte como se tivesse perdido, o que aconteceu, embora nao saiba o que, pois os mentirosos sempre perdem mais tarde ou mais cedo, o problema é que geralmente morrem muitos inocentes no entretanto, quando a justiça está vergada por estas bestas politicas de merda que os cobrem e que nas vezes participam em forma directa nos crimes

primeira da historia do artur silva, circulo da televisão, o das produções fictícias, uma bes tinha do ladrao ze co, de merda e bro roc homem di ista, o ra cu rio sp o is ne l ler a, a ap r ee ra um do dia com uma da cara de c on t en te c omo se t ive esse gan ho al gum jo ge  do no do programa do dia seguinte c omo set iv esse per dido, o q ue ac on teceu, em bora n cao sa iv bao, tv cabo,  q ue, p o is os men tori os se mp re per dem mais, fr,  t arde o vaso mais ce dó circulo do por rb l ema é q ue ge rale lem nt e mor rem mu it os in nic en  tes no en  t r eta ant o, q u qa n do da primeira da justiça , é sta da vergada por e stas das bestas pol it tca s  de merda q ue os cobrem e q ue nas v e ze es p art tic ipam 

se leram a noticia do dn sobre esta queda ou pretensa queda deste avião de agora, nomeadamente o paragrafo que acima transcrevi, ele é manhoso por si mesmo, pois fala de um aparentemente agora, e depois conclui com o numero de mortos dessa antigo russo, ou seja a conversa é toda uma outra como de costume, e como aqui se provou, e estes filhos da puta que se dizem jornalistas, são fora das leis e ninguém os prende vez, morrei todos então, seus filhos da puta de merdas !!!!

sele le ram primeira mia ano ano  not i cado dn s ob re e sta da queda o u pre ten sa queda de este avia , o de agora, no me ad dam am , que mente, do circulo do para g rf cao q ue ac ima t ra sn c r evi, ele é manhoso por si me sm o, p o is da fala de um ap ar ren te maior nt e agora, e d ep  ois c on circulo do  lui c oi on um mer ero de mortos de s sa do antigo russo, o vaso do seja da primeria da conversa,  é toda uma outra cm mode cos t um me, é c omo aqui se por v o ue destes filhos da puta , q ue se di ze maior dos  jornalistas, sao for ad as das leis e ni bn gume os pr en de v e z , mor rei todos en tao, se us filhos da puta de merdas !!!!  

como estou farto de fazer porva, so cirmes grandes se podem esconder quando uma conspiracia contra um pai e um filho é feita desta forma sistematica e continuada, nomeadamente pelos filhos da puta dos terroristas da rtp, que como provado me roubam, e pelos vistos como agora se desvela, sao responsáveis por crimes de muito maior monta 

c omo est o u f art o de f az e r por v a, s o  cir mes g rand es se pode maior es conder qua n dó,  uma da co ns pira rac ac da cia contra um do pi e de um filho é , feita,  de sta da forma sis t ema tica e c on tin ua ad a, noe ema mad dame dam am , a que mente p elso , dos filhos da puta ds os te rr ori sta s da rtp, q ue c omo por v ad o me ro u bam, e p el s o visto serpente sao r es p os na ave is por c rim crimes es de mu it o maio raro da maior damo da  monta 

se bem entendi nas entrelinhas de outra noticia do dn, iam  já em quarenta os medicos a prestar declarações sobre os passes que me tem feito no dominio da saude, é isto verdade seus estapores, pretendem assim mais uma vez brincar a pseudo justiça, seus caralhos de merda!!!! 

se be maior en ten dina s en t r e li linhas de outra do ano do not ti da cia, sao já ac en r t o qua renta os medicos, primeria pr es star dec lara ço w es s ob re os p ass es q ue da me team am miro,  feito,  no do mini o da saude, advogada ladra,  é is to verd ad e se us est ap o r es, pre ten de massi maior am mais uma v e zorro br inca ra ps e u dó da justiça, se us cara alhos de merda!!!! 


pois continuo sem a resposta alguma  da ordem que os obriga por lei!!!

p o is c on tin ua se ema primeira r es ps ota f ical do quadrado da ordem q ue os ob riga por da lei!!! 


o desenho do ultimo video, assim ficou na digitalização como a sugerir, se calhar expressamente, por quem assim fez um script, que corta a bola de râguebi, que aqui em casa esta numa chaveta dos kits do icep lisbon expo sed, com

cores br e a faz parecer uma piranha, dois elementos juntei depois, ao desenho como podem comparar com o do video, o de s en ho do  u l t imo v id deo, as si m fio cu na di gi tali iza ac sao es c omo a su ger i r, s e cala homem rato expressa e maior t ne, por q ue massi maior de fez , um sc r ip pt, q ue co rta primeira bola de ra g ue bique

eu aqui em casa , e sta numa c h avena dos ki ts do icep lisbon, é xp o sed, com cor es do br, é a primeira f az par ee rum primeira  piranha, dois dele lem en nt os jun t ei depois, cao desenho c omo pode maior com par da ar com do  circulo dodo v id dd deo,

o desenho do ultimo video, assim ficou na digitalização como a sugerir, se calhar expressamente, por quem assim fez um script, que corta a bola de râguebi, que aqui em casa esta numa chávena dos kits do icep lisbon expo sed, com cores br e a faz parecer uma piranha, dois elementos juntei depois, ao desenho como podem comparar com o do video,

o de s en ho do  u l t imo v id deo, as si m fio cu na di gi tali iza ac sao es c omo a su ger i r, s e cala homem
rato expressa e maior t ne, por q ue massi maior de fez , um sc r ip pt, q ue co rta primeira bola de ra g ue bique  eu aqui em casa , e sta numa c h avena dos ki ts do icep lisbon, é xp o sed, com cor es do br, é a primeria f az par ee rum primeira  piranha, dois dele lem en nt os jun t ei depois, cao desenho c omo pode maior com par da ar com do  circulo dodo v id dd deo,

râguebi me remeteu para os lobos, o irmao do durao barroso e de uma cena de pugilato na america latina
e ao contar a historia dos cães que a monica me disse uma noite terem caído num buraco, me veio depois a consciência que anda aqui nesta linha um guião, alguém que  fez, e me veio a consciência um rapaz do teatro que vi uma noite numa visão pela zona da rtp, aqui narrada

rag ue bi me reme met eu para os dos lobos, circulo do irmao do durao barroso , é de uma cena de pu gil ato na am erica la t ina, é cao c on tar daa primeira historia dos cães,  q ue primeira da monica me di s se,  uma ano noite  teresa rem ca id o nu maior b ur aco, me do veio, jason,  d ep o~is a co ns ciên cia q ue da anda aqui nest a da linha , um gui cao, al gume mec ue de  fez, e me do veio da primeira co ns cien cia,  um rapaz do teatro q ue vi uma  do ano da noite numa da revista visao p dela , a zon ad da primeira da rtp, aqui na rr ad a

a bola de raguebi é dos tais jogo de casa 101, que a puta que me tras o filho roubado comprou outrora para o francisco ou que lhe tera sido dado pelos tais dos compromisso portugal, como aqui uma vez descrevi,   e ainda uma corrente no convento do beato, e um carro de surf ardido, vide notas,


a boa al de rag ue bi é dos tais , jo gode dec c asa do 101, q ue da primeira  puta que me tras o filho, da teresa,  rato circulo do vaso da bdo com por u outrora para do  circulo do fr anc s cic coc uk l he teresa ra s id o dado p elos tasi , dos com pro romi ss o portugal, c omo a qui ua v e zorro d es ce rato vi uma s emel homem ança es, e a inda uma cor ren te no c on vento do be ato, é um do carro de surf ardido, vide not as,

dentro da chávena do jose de guimaraes, vaso verde e asa amarela,  esta um botao branco, um parafuso de estrela de tres pontas vaso, e moedas falsas de prata da coleçao do jornal dos bandidos, o dn,  e de novo o que simboliza tambem a pestana

d en t roda da c h ávena do jose de gui mara es, vaso verde é asa am ar dela,  e sta um bota circulo do branco, um par au sode estrela de  t r es pontas vaso, é moe d as f alsas de p rta da c ole sao es do jornal dos bandidos, circulo do dn,  é de n ovo do circulo do que si mb o liza tam am tambem da primeria pestana, pest este ana

curioso ao bocado fui a estaçao comprar cigarretes e no final da rua a rapariga do mini pb trinta e tres, dele saia sem sapatos, quando voltei, outros dois entram no carro e partiram

cu rio s o cao b o cado fu ia e ts s aç sao es com prara cigar r e t es e no fi n ak l  da rua a ra ap riga do mini pb trinta e tres, dele s aia se maior sa patos, qua n fo vol t ei, outros do is en t ram no do carro e par rt iram,

aqui a porta, dois maços de cigarros meus, um lucky strike e um sg, o tal ajax do estranho passe dos ratos, uma id de frigorifico com o que poderia ser um numero de telefone, e uma indicaçao de quinto andar, ou seja se confirma o passe para me foderem os pulmoes, 

a qui da primeira da porta, dois dos maços dei gatos do aro serpente  me us, o t al a j ax do est rato do anho do passe ds ratos, uma id de fr igor if coc omo q ue pode da ria ser um nu mer ero de tele fone, é uma indica caçao de quinto andar, o vaso do si do seja se c on firma do circulo do passe para me foe rem os pul moe es,
love is indeed the most exquisitive beatifull and strange place