quinta-feira, abril 03, 2008

senhor gama,

como já anteriormente expresso, em voz a sua secretária, antes da cena ou do cio montado que se passou a seguir para fazerem as normais inversões que os jornais deram conta, da senhora alegremente passada dos carretos, expressão do jornalista, ai fora bater na senhora esposa do seu chefe de gabinete e ao que parece tambem bateu na secretária que com ele andaria enrolada,

não pretendo eu proceder da mesma forma, mas é realidade que me estão a negar os direitos, como meus e de todos, representantes, na garantia de meus direitos e dos direitos de meu filho,

como presidente da ar, venho solicitar um encontro de forma a esclarecer estas matérias e saber de que modo a ar no ambito das suas competencias de fiscazlização irá actuar na defesa dos direitos de dois cidadões que são perseguido num processo cuja forma e natureza, não lembra o pior, nem no tempo do fascismo

paulo forte

anexo o lençol da ultima comunicação com a primeira comissão

rato do vaso n vaso do quadrado
sqvpaxm

boqbzgnn

bo quadrado sehundo zorro do gato nn
serepnte do quadrado do vaso p ax maior
ficzfeps

fi do circulo do zorro do forte ep ps
acabada de receber e respondida em baixo

Exmo. Senhor
Paulo Forte

Reencaminha-se resposta a todas as exposições remetidas por V. Exa. a esta Comissão.
Mais se informa que a última exposição de V. Exa. data de 05 de Março de 2008 e não 19 de Março 2008 como referido no email de V. Exa. recebido hoje.

Como poderá verificar, na resposta de 12 de Março de 2008, que reencaminho, encontra-se concluída por esta Comissão a apreciação da exposição de V. Exa. tendo sido arquivada.

Com os melhores cumprimentos,
A equipa de apoio à Comissão de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias


....

para além de aldrabões, manhosos como sempre desde a primeiro contacto, pedido de audiência, há mais de uma ano, a empatar,

para a um é maior de Alda br , onda sobre o circulo do oe espanhol, pe dido de au di en cia há mais de um ano

não é verdade que a minha ultima comunicação com a comissão por este meio tenha sido no dia cinco de março mas no dia dezanove como referenciei no mail enviado este tarde

mn homem primeiro vaso primeiro t imã com uni cação, co mo rato efe ren cie no mail, correio

está a minha resposta enviada no dia dezanove no topo de imenso rol com que pretendem fugir às responsabilidades que detêm e que perante os cidadãos são também garante

es t á min homem primeira rata es posta do en vi ad a no do Dia dez ano ovo, de c r z u em e , quadrado europeu pe ra teresa cida dão são cruz am e segunda gato ar ra muito teresa


colo as duas ultimas comunicações do extenso ping pong, sendo a primeria e anterior à minha de dia dezanove, a vossa de dia doze ,como e só neste, caso correctamente menciona, que porcaria é esta de atendimento, que nem o sabem fazerem, e qual a identificação de quem assim me responde sem responder, ou pensa, que não existe responsabilidade civil, profissional e criminal nestas matérias?!!!!

Vi os sa de dia do Zé, no dia doze, co mo e serpente do acento circulo nest, f a ze rato maior, rato es p ode dia inglês de rato ro vaso mat eri às

En vi ad a no dia dez ano ove de março de dois mil e oito, pelas, zero horas, e nove minutos

agradecia portanto em meu direito que me assiste a ter claras respostas, mais uma vez , de saber o que dizem então ter acontecido a esta minha ultima comunicação, foi apagada, se sim, por quem , e quem é o responsável por o controlo da comunicação que vos é endereçada por este endereço oficial

a gata ra dec cia porta ant circulo a ss sis teresa clara serpente, maior si vaso e zorro, de sa br circulo , r es ponsa ave el por c on t rolo da com uni cação

em segundo lugar, como hoje de novo na primeiro e mail que vos enviei, frisei, são os senhores obrigados por natureza da vossa comissão a velar pela garantia dos direitos e obrigações, liberdades e garantias dos cidadãos a quem representam

gato ar n tia dos di rei t os e o briga ç õ es , liber dad es

que parte é que não perceberam da parte da comunicação que agora vem conveniente dizer, que vos é omissa?

Achais que um cidadão que há três anos, que anda a apresentar queixas em todos os órgãos com competência para tal, nos conformes das leis e em todas , encontra em forma prepotente a porta fechada, não é caso de analise na vossa douta comissão?

Ac he is t r es há tres anos, o r goe es com co mp e ten cia para t al orgias

achais porventura que um pai a quem trazem o filho raptado, e sujeito a tortura, a quem enxovalharam por métodos que nem a pide lembra o bom nome e a honra de todas as formas e feitios, com apoios concertados de diversos meios de comunicação social, não trás os seus direitos infligidos?

Ac h a is por v en t u ar q eu prim eri o pai,me tod os co m uni cação

que porcaria é esta, meus senhores, terei que vos considerar a todos incompetentes, incapazes, cúmplices de métodos pidescos, fascistas, cúmplices de raptos de crianças e eventualmente abusadores, quem é que os senhores cobrem?

Cu mp li ce serpente de me tod os pi id es co serpente fascistas, cu mp li ce s de ra pt os de c r ian ç as e eve n t ua l que mente ab usa dores

se não cobrem, façam disso prova e cumpram vosso papel, e começam por se comportar com crianças mal educadas e mentirosas, e recebam-me como é meu direito, ou pensarão que alguém pensará que o argumento que usaram neste ultima fase do baile com mais de um ano, terá algum validade ou substância? são tolos ou quê!

P en s arão q eu al g eu mai ro pen sará


paulo forte

da te rá al gato uam

zz b zo

a y n l gg o u
a y nl gg circulo do vaso

paulo forte

e a anterior enviada



senhor osvaldo de castro,

não se encontra nesta resposta em seu nome, a primeira desta saga, que referencia um nome no seu conteudo, alguma resposta às questões prévias que foram colocados nos anteriores email, nomeadamente aquelas que se relacionam processualmente com o próprio atendimento de que fui alvo nesta comissão da ar até este momento, e sendo que tambem eventualmente algumas delas tambem imcorrem em processo criminal contra os senhores, na medida em que configuram situações de desvio de correspondencia e informações falsas, que ainda não provaram, nem fizeram demonstração alguma do que afirmaram, por parte do elementos que assessoram a comissão

e diz o senhor ou alguem em seu nome que as matérias que apresentei como base do requerimento de audiencia, são em vosso entender passiveis de procedimento criminal e que por via dessa razão, e de acordo com o principio da separação de poderes, não tem ela cabimento na comissão, e assim sendo, com base nesse entendimento, me negam o pedido

ora exatamente por essa razão nos termos em que a sustem, que eventualmente ela é passivel de procedimento criminal, e visto existir o principio da separação de poderes que é de meu conheciemento, não faz parte da minha intenção, na comissão, instaurar um processo crime, mas sim dar conta à comissão de como os direitos e garantias desses mesmos direitos são pelas entidades próprias, inclusive as de natureza judicial e criminal, negados, o que como concordará é inequivocamnte matéria de apreciação da comissão, assim sendo continuo por esta via e neste modo a insistir no pedido de audiência, que para continuar a me ser negado, o terá de ser feito em base de outra sustentação, de igual modo creio que tambem não competirá a comissão averiguar se sim, ou não, um determinado conteudo de uma audiencia, será ou não merecedor de procedimento criminal, e não é isso que como de novo expliquei quero na comissão abordar

paulo forte

slsbzde

sis sb zoror de

usjhqn

us serepnte principe qaudrado n
ao senhor marinho, na qualidade da função que na ordem carreia, continua sem resposta, o email que lhe enviei no passado dia treze de fevereiro do corrente ano, façam o favor de cumprir o que são por estatuto obrigados, ou querem sonegar a um cidadão o direito de queixa de elementos da vossa ordem, pois se assim for, terei que os entender como cumplices

paulo forte

hcqiqlvt
homem do circulo quadrado i do quadrado da primeira vareta do vaso da cruz

rato w do vaso do cn
na ausencia continuada de resposta da primeira comissão da ar, que tem como missão entre outras velar pelos direitos e liberdades da cidadania e dos cidadões, acabei de enviar este e mail


senhor osvaldo de castro, desde que lhe enviei a ultima missiva da longa correspondencia, em dezanove de março do corrente, que não tive mais nenhuma resposta, não tendo o senhor, ou quem não se identifica em toda a comunicação que dai emana, facto que já chamei à atenção, pois não é digno do respeito que os senhores devem aos cidadãos que aos senhores se dirigem, alguma resposta ou desenvolvimento como fiz clara prova em minha ultima resposta, os argumentos que foram invocados em seu nome, são falaciosos, e não correspondem às minhas intenções, e falácia, e mentira, é o que não tem faltado da vossa parte na condução deste processo todo
aguardo a vossa resposta mencionado quando me recebe3m, visto como sempre disse em forma clara, não me estão a ser garantidos os meus direitos de cidadania, e a vossa comissão por naturez e incumbência, destas questões trata e tem que tratar

ou terei que tirar conclusão que o senhor e os outros deputados da comissão são todo cumplices nesta injsutiça que tem como reflexo, tambem o sofriemento de meu filho?

paulo forte

ka do principe da vareta e circulo da coluna ss, dupla serpente ss , do sn primeira coluna do dv
a vossa hipocrisia é tremenda

dava hoje conta o jornal, que num encontro de umas quaisquer jornadas do sistema de injustiça que grassa nete país, o senhor que carreia as vestes responsave da ordem dos advogados dizia para um juiz, a proposito do que em seu entender , era o indeferimento sistematico e consecutivo, isto é despacho atras de despacho, negativo, para levar a desistência, de quem pede o esclarecimento que por direito e em direito tem deireito, entenda-se, era prática corrente e verdade o é, e assim sendo não é justiça


o senhor marinho, que criticava com justeja este aspecto da injustiça deste pais de brincar, desvela contudo possuir diversas balanças com diversos pesos e diversas medidas, pois não responde ele e sua ordem, ao que por escrito lhe pedi, que é só o uso de um direito que como cidadão me assiste, de apresentar queixa na ordem de um advogado corrupto, neste caso mais de que um

espanhol circulo rato tito priemiro homem pe di, co do mo da cida dão ,e as sis teresa. quadrado vaso europeu si ix a na Ordem, o pede

continua o senhor marinho, a fazer prova cabal da esquizofrenia reinanate, que é tambem nome de doença muito mais perigosa, corrupção, cumplicidade de corrupção, e defesa a todo custo dos corruptos, a razão, é neste caso muito simples, uma das senhoras pseudo advogadas, que são cumplices no rapto e tortura de meu filho, é senhora que foi da comissão de honra, imagine-se lá a palavra, e sua qualidade e justeja, aqui neste caso aplicada, da candidatura do senhor mário soares, patriarca dos socialistas

como é senhores, vai pela legalidade ou vai a tiro?!!!!

quero os meus direitos respeitados

cu mp li ce serpente do ni ra pt circulo do tiunfo dos porcos na cruz do circulo do tor cruz ur primeiro de me u fil homem do circulo

f ny c r homem da vara do primeiro angulo

e do quadrado do font, o rato ramon font

home duplo dk ms d
aqui fica a primeira leitura do que emergiu dos frames do video feito em londres, creio contudo vir a apresentar um trabalho mais completo e consequenteemnte mais claro sobre este assunto com imagens do video, que dêem assim mais elementos a quem as observe, só qe ainda não está terminado, bem como o texto do ultimo transito, que termina por assim no equinocio da primavera , mas cuja sequencia complexa de eventos e de inversões que pelo mundo se assistiu, se estendeu e ainda naõ está finalizado

leiam este texto como uma pré narração, se bem que muitos elemsntos da visão sejam correctos, outros relativos à estrutura da personagens e do enredo e das uas relações, noemadamente nas que aparecem em seu inicio, estão, creio eu mais claros no desenvolvimento da versão que mais tarde irá serpublicada, assim o espero




a menina do rei e da rainha branca pb que observa xadrez das peças vermelhas e branco
a me nina do rei e da rai n h a br anca pb q ue ob serva x ad dr e zorro das pe l c as vermelhas e br anco

a imperatriz de branco em sua chaise longue por cima do jogo de xadrez

a menina que para ela dança em vaso com isadora duncan
a m en ina q ue para e ça dan c a em vaso as circulo com, isa dora d un can

o tabuleiro do jogo das peças brancas e vermelhas que se defrontam, large selection chess set inside

o t ab vaso lei ro do j ogo d as pe ç as br ancas e vermelhas q ue se de fr on tam l ar ge sele c tio n ch ess set in sid e6

ao lado do jogo de xadrez os tinteiros da tinta de ouro e azul

a o l ad o do j ogo de z ad dr e zorro os t in te e ros da t in t a de o ur o e az u l

o homem africano com um anjo a seu lado observa os tinteiros e o jogo das peças do templo
o home af ric ano com um anjo a s eu primeiro ad circulo ob serva os t in te e ro se circulo jogo das pe ç as do te mp primeiro circulo

ao lado uma outra vestal dança na posição de ritual que se desvela no filme do oliver stone, sobre o bombeiro soterrado nas torres gémeas, que aqui foi outrora abordado

ao l ad o uma o u t ra vaso es t al dan ça na p o si são de r e t ua l q ue se d es vela no fim me do o li vi e r da pedra s ob reo bombe eri rio s ot te rr ad circulo nas to rr es g é mea s q ue aqui f o e ao vaso t ro do rá ab circulo rda ad circulo

a menina da alice, no ceu negro , um relampago de um cobra e prata se desenha, como um zipper
a me nina da al ice no c eu ne gato ro primeiro rato el am mpa pa gato do circulo de primeiro cobra e p rata se dia es senha, co mo primeiro z ip pe rato

a casa da alice se inclinou, ou na casa da alice a espada se inclinou
alice maggie, a l ce ma gg ie
a cc asa da al e ce se inc lino vaso no vaso na cas da alice a es sap pada se see e inc lino vaso

o rei do mundo ar minho es t o la

os pinheiros na cadeira do trono, os pinheiros no calice doirado,as espadas na varanda da igreja de paula

os pi n hei ro s na ca de ira do t ron o os pin hei~ro s no cali da onda ce~onda es spa padas na onda vaso ar ra n da igreja de p au la

7 alice, a cobra cuspideira, o motor de arranque do fósforo que fez fogo das ondas de sombra do espirito sobre a face do reisendo que nesta loja, estivera eu a primeira vez em princípios de noventa, com a cristina coutinho, e lá comprara uma peças, o veleiro north star e não sei ao certo, se as letras de imprimiria de madeiraal ice, a cobra c us pide ira, o m oto r de ar ra n q ue da.... a s o m bra s ob rea face do reis en do q ue ne st a l o j a, est iv e ra eu a pr i me ira v e z em pr inc ip i os de no v en ta, com a c r us t ina co u t in h o , e l a´ c omo pr a ra uma pe ç as, o v e lei ro no r t h st ar e n ão se ia o ce r to se as l e t ra s de i mp r em eri a da madeira

chá da alice preto e vermelhoc h á da a l ice pr e to eve r me l h o

olhos, horus e cruz

o pt c ian m ak e rato da cruz forte circuloo pt c ian m ak e rato da c ur z f o r te cir culo, ou chulo

10 t hor ley´serpentet hor l e y ´s, dez cruz hor leu a ps oto l o se rp pen en e cruz hor ley , pr ie miro e y ap os to fr o da serpente

11 localização wimbledon, castelo ao fundo , jogo de ténis entre dois homens cheio de bolas, r do y , triângulo de fogo branco sobre rectângulo vermelho , o parafuso falo de madeira, do outro lado da imagem tapado pelo homem, as bolas em linha vertical, como newton entre o ceu e a terra

11 l oca liza ção w im b l e don, ca s te l o ao fundo , j o g o de té ni s en t re do is homens che io de bo la s, r do y , t r ian gula de f o g o br anco s o br e rec tan gula v er m e l h o , o para f us circulo falo da madeira, do outro l ad circulo da mage tapada pe l o homem às do bo la serpente em linha , vaso eri tic a l co mo ne w t on en t reo c eu e a te rata rá

12 balões verdes , vermelho e laranja da câmara antiga de folebal õ es v e r d es , vermelho e lara n j a da ca mara ant i g a de f ole

13 da shop setenta e Set da s h o p set en t a e se t

o medalhão como o da igreja de paula, com cabeça, no jardim das necessidades ou do império

14
vela, escrita do veleiro e da velav e la, es c rita do v e lei ro e da v e la

15 barco inversão do F azul e brancobar co in v e r são do F az u l e br anco

16 uma imagem oriental da linha vermelha no chão da che s sea gal le rie espanhola sessenta e Seta u mage m ori en t al da linha vermelha no c h ão da che s sea g al le rie e s pan hola se s en ta e Se t

a minha bela rainha

a min h a b e la rai n h a

rato amarelo no ceu da vesica real , treceiro circulo do pe e kapa fr rea nossa selecção, bi s c u i ts que fez a sombra em forma de cunha na base da madeira
usa os rato, n vaso t brown radiance spe cia li ti es a cc o e ts on ly , estrela invertidan v as o t br o w n ra d i an ce spe cia li ti es a cc o e ts on l y , estrela in v e r tid a

o telefone preto e vermelho dos maços, e ouro dos...o te l e f one pr e to e vermelho dos m aç os, e o ur o do s...

master voice, john grey, picadilly curculo angulo usa , oxford sttret sagem as t r e vo ice, jo h n g rey, pi ca di ll y c ur culo angulo usa , ox o ford st r e t sage

do titanic de ny white star sherri x ford, presidentedo tita ni c de ny w h i te st ar she rr i x ford, pr esu d en te

o gato do comboio do rei
dos aneis de prata azul da estrela
prata e vermelhop rata e v e r me l h opeixe aviãope ix e a v i ão

das espirais de isis e das vesicas de plasticina de todas as cores
d as es pei rai s de i sis e das v e sic as de p l a tic ina de arco iris, co r es

que entram com as mochilas na lan de horus duplo infinito ao alto em oitenta e oito
eiro... que faz a cinza branca na asa prata da menina azul samsung, o saleiro que apanha o pássaro, coca, das cornucópias dos fosseis, rasta indianodo bo m bei ro... q ue f az a c in za br anca na asa pe t ra, pat ra da m eni na az u l sam s un g, o sa lei ro q ue ap anha o pa ss a ro, c oca, das co r n u c ó pi as dos f os se is, ra s ta in di ano


a menina de vermelho que vai pela rua abaixo a correra m eni na de vermelho q ue v a i pe la r ua ab a ix o a co rr e r

da flauta do andes do philips do v b GB seis noventa e nove, flores amarelas sobre vermelho do espia dos óculos escuros, o filipe que inclina o carro ford escort do angulo ao carroda f l au ta do an d es do ph i ll i ps do v b g b se is no v en ta e no v e, f l o r es am ar e la ss o b r e vermelho do e spi a dos o cu l os es c ur os, o fi l ipe q ue inc l ina o ca rr o ford es co r t do angulo ao car ro

da ...que leva a menina loira às costas e azul as ondas eda ...q ue l eva a me nina l o ira Às coast as e az u l a s ondas e

i ts la te

da serra dos andesda see ra dos and es

dos ferrinhos e dos tambores do bolbo do falo, a boca da vespa cinza doirada das penas negras do anjodos ferrin h os e dos tam bo ro es do bo l bo do falo, a b oca da v e s p a c in za do ira da das p en as ne g ra s do an j o

do juiz ot inclinado para a espadado j u i z ot inc l ina do para a e spa da

37 da tenda de horus, dois medidores de vento das asas sas, dez home do quinze, cento e quinze, sete seta do angulo rasgado ao cornetim, a trombeta, a rua da trombeta, bairro alto, a morte do vascoda te n da de horus, do is med id o r es de v en to das as a s sas, dez home do q u in ze, c en to e q u in ze, set e s eta do angulo ra s gado ao co r net im, a t ro m b eta, a rua da t ro m b eta, ba i rr o al to, a mor te do v as co

38 ip – dez, vinte e dois, treze, quinze, dez, doze, doze doze, indicativo deve ser quarenta e quatro, pois em video recente assim vi uma menina escrever em letras garrafais num braço de um fãip do forte do homem inglês de dez, vi n te e do is, t r e ze, q u in ze, dez, do ze, di ze d oz e, indica t iv o d eve ser q ua r en ta e q ua t ro, p o is em vi de o r e c en te as si m vi uma m eni na es c r eve r em l e t ra s g ar a rf a is n um br aço de um f ã

39 das mulas das três vesicas laranja e vermelha deitadas, da mascara amarela de jade da pena do anjo do bastão , the ghost, com a teresa a verdo tipografo dos libers , vesica deitada , terceira, da serpente invertida do x, mm, mxdas mul as d as t r ês v e sica s l a ra n j a e vermelha de it ad as, da m as c ra am ar e la de j ad e da p en a do a n j o do ba s tão , t he f h o st, com a teresa a verdo t ip o g raf o dos li be r s , v es oca de it ad a , te r c e ira, da se rp en te in v e r tid a do x, mm, m x

40 do martelo do A invertido no céu espalhado no santuário de Fátima, onda do sete inclinado do w do iman do segundo deitado do onze do gatilho do rato maior do xerife das esporas doiradas, da caneta da cabeça negra do bic vesica laranja filete branco e vermelhodo martelo do A in v e r tid o no c é u e spa l h ado no san t u á rio de f at ima, onda do sete inc l ina do d o w cd o i man do se g un do de it ado do on ze do g at i l h o do ra tp maior do xe r i f e das es pe o ra s do ira d as, da can eta da ca beça ne g ra do bic v es i ca lara n j a f ile te br anco e vermelho

41 do terceiro p deitado cruz do losango de quatro faces em forma de vaso de agua do rectângulo deitado da vesica do da depressão do lado do rectângulo vertical que assim vez uma seta ou um M deitado, vesica do homem do rato caido, ponto e da vartea azul e vermelha que caiudo te rc euro p dei ra do c r u z do l o san g o de q ua t ro face em f oma de v as o de agua do rec tan gula de it ado da v e zi ca do da d e press ão do l ado do rec tan gula v eri ca l q ue as si m v e z uma s eta ou um M de it ado, v e sica do homem do ra to ca id o, p on to e da v ar tea az u l e vermelha q ue ca i u

42 do angulo negro e verde do peão vermelho segundo de oitenta e dois quadrado europeu do triumph antigo da vespa negra laranjado a n gula negro e verde do pe ão vermelho se gun do de o i ten ta e do is q ua dr ado eu r o peu do t ru mp h ab t i g o da v espa ne g ra lara n j a

43 dos girassóis amarelos e verdes do vaso do forte fr, traço em cima do circulo da chaveta phone reflectido no taxi negro com três círculos encaixados m vermelho, azul e amarelo, do cruzamento do branco alemão com o francês verde e prata primeiro de noventa e cinco fr vaso de nove asas ou laminas, escrita p b, vermelho e azul, do bico branco sobre negro com dois botões da orelha do bule da menina do cachecol verde gold azuldos g ira ss o is am ar e l os e verdes do v as o do f o rr te fr, t ra ç o em cima do cir culo da ch av eta p h one r e f l e c tudo no t ax i ne g ro cm t r ês cir c u l os en caixa d os m vermelho, azul e amarelo, do c ru x am en to do br anco al e mao com o fr anc es verde e p rata pr i me i ro de no v en ta e co n co fr v as o de no v e a sas ou l a mina s, es cita p b, vermelho e azul, do bi co br anco s ob re ne g ro com do is b ot õ es da o r e l h a do bu l e, da me nina do c ac he co l verde g o l d az u l

44 a senhora que leva o saco doiro , três círculos prata à direita , dois sobre a esquerda, castanho e azul, que trabalha para o homem nike branco azul do cab azul das cunhas verdes lápis lazuli preto e vermelho, de duas ondas vermelhas triângulo que fazem levantar a pomba doze spe amarela e prata da palhinhaa s en h ro ra q ue l eva o s ac o do i ro , t r es cir c u l os p rata à di rei ta , do is s ob rea esquerda, ca s t anho e az u l, q ue t ra bala h a para o homem ni ke br anco az u l do cab azul das c un h as verdes l a pi s l a zuli preto e vermelho, de du as ondas vermelhas t r ian gula q ue f a ze m l eva n t ar a p om ba do ze s pe am ar e la e p rata da pa l h in h a

45 de ac doo ce la da estrela???

46

47 nadadora do mar verde de touca castanhan ad a do ra do mar verde de to u ca c a st anha

48 dos craques de futebol do pentagrama inglêsd os c ra q u es de f u te bo l do p en t a g ra ma in g l ê s

49 do jogador de futebol brancos , amarelo, com prata e vermelha da históriado jo g ad or de f u te bal br anco s , am ar e l o, com p rta e vermelha da h is tó r ia

50 dos caças biplanos, onde o hidroavião caiu, ou o avião que caiu ao mar, preto que faz sombra sobre o hidravião duas asas amarelasd os c aç as b ip l ano s, on de o hi dr o vi ão ca i u , o u o av i ão q ue ca i ua o mar, pr e to q ue f az s om b ra sp b reo h id ro vi ão du as a sas am ar e la sna tv de madrugada nas euro news, a notícia da mozarrela, o cabelo da bela rapariga porta voz da comissão, era semelhante ao do menino no galinheiro da assembleia da republica, como se a condenação viesse de roma, assim me pareceu ao momento entenderna tv de madruga d a na s eu ro ne ws, a n ot i c a da m oz a rr e la, o cab e l o da be la ra pa riga p orta v oz da co miss ao, e ra se me l h ante ao do m eni no n o gal in hei ro da as se m b lei a da r e publica, c o moo se a c on dena ção vi ess e de roma, as si m me par e c eu ao mo m en to en ten de r

51
52
este
53 circulo do sol da estrutura musical dos metálicos, p b mais doirado , duas ondas eléctricas solares, energia solar, do vaso de prata invertido de dois círculos das tabuinhas do vaso de prata invertido de dois círculos das tabuinhascir c u l o do sol da est ru t u ra mu sica l dos met a ´ li co s, p b mai s do ira do , du as on d as el e c t ric as solar es, ene r g ia s o l ar, do v as o de p rata in v e r t do de do is cir c u l os das t ab u in h as

54 dos dois chapéus de coco, dupond e dupont, mais um terceiro detective escondido , espião, dos círculos azuis e verdesdos do is ch ep e us de coco, d up on d e d up on t, ma is um te r ce ur o dec te t iv e es condi do , es pi ão, dos c ur c u os az u is e v e r d es55 chaveta branca da vaquinha p b m ni s sio n w da escola das crianças amarela na travessia da multidãoch av eta br anca da va q u in h a p b m ni s si on w da es cola das c r ian ç as am ar e lana t r ave ss ia da mul ti dão

56 dos livros, do folheard os l iv r os, do f o l he ar

57 do quadrado do carniceiro do cavalo com andas vermelho e brancodo q ua dr ado do car ni ce i ro do c av alo com and as vermelho e branco

58 cujo coice levanta o comboio do carro vermelhoc u jo co ice l eva n ta o co m boi o do car ro vermelho

59 dos dinky toys alemão e inglês metálicosd os di n k y to y s al e mao e in g l es mata li c os

60 e franceses azuis e americanos vermelho e beijee fr anc es e s az u ise am erica nos vermelho e bei je

62 das quatro câmaras de fole, ou ferreiros, da ra ck preto e castanhod as q ua t ro cam ra s de f ole, ou f e rr e ri ros, da ra ck pr e to e ca s t an h o

63 da menina dos esquadros, maçónicada me nina dos es q ua dr os, m aç ó ni ca64 da cobra grande dia terceiro p das perdizesda co b ra g rande dia te r c e u rio p das pe r di ze s

65 das caixas de pêras, morangos e uvas, tomates e espargos, deep penetration das rosas e dos lírios brancos holandeses, ff circulo da di do angulo da serpente , as do segundo homem rato west bo ur ne dr y c lea ne rato serpente a pp l ian ce di rec t t on e guy usa today ave da homem ala meat asian st o r es do arco íris ca rp e ts e c ur ta ins k h y be r tamn d oo ra serra lamina branca, preto e vermelho, do chinese restaurant rat ne w garden pizza paradiso toy s e t ravel land roxi, bea da casa do alfredo da kebad a lou un ak planeta homem rato serpente de rose fratelli da rapariga enforcada, sa le, da vareta p b, das arcadas muçulmanas, hospital psiquiátrico , do metro forte, k l fa gal l ery quatro f or l vinte g eta triângulo fr ee mini di sh a no di gi b ox do nat de west das cabines de telefone vermelhas, circulo dd bin, quadrado vermelho sobre o circulo dd bin do autocarro vermelho do prédio do rectângulo das serpentes dos traços no ceu, das cruzes, no balcão elevado das colunas das bomps brancas da w amarela carrinha com tecto negro, linha magnética, p ad din g ton west e rato quatro do duzentos e dois, t he origina tours alemanha, frança, itália, espanha, três asas deltas sobre moments , três pontos, cinco p , dois rectângulos, preto e vermelho, dois x, w est end a quatrocentos e dois, pico vermelho e branco em cadeira de rodas da pancada da vareta branca sobre ox ford tube, vermelho e branco, h y de par k , airport hotel connections hotelink mamma mac azul amarelo e branco do autocarro, odeon circulo vinte de setenta e dois , dupla tríade de noventa e cinco, dupla tríade serpente tops asia la b l estria well man de ar riva london r m l vinte e cinco de oitenta e nove lixo da meia noite, branco leão prata , azul g b, e vermelho, da carta do homem da cadeira de rodas da entrada do underground de park lane ap r m l vinte e cinco de oitenta e nove, vinte e um cortinas vermelho e prata, codima l primeiro vermelho azul e branco, as y s , quinto rectângulo meninas rosas, de burka, y s quatro rectângulos azuis de lava do vulcão, t rio mos ce l vo branco azul, vermelho, t quatro rectângulo azul, dos rectângulos no chão , a luva negra , no underground, saco azul e botas negras e tailleur beije, dos explosivos de demolição, gato seis do doze b ur vermelho e verde peão, e chá mec, je ko varte es f en dos s h o es ruivos, duas cruzes, chá lingerie negra, do peão vermelho do metro, first cam b ur h f , ca she onze y s anzol, k três e rato j menina doirada preto e vermelha das colunas , r m l de noventa, dupla estrela do primeiro ac preto e vermelho metroline, vareta amarela sobre p v h jardineira cinza, varão branco sessenta e seis prata do cabelo encaracolado de ruivo, tipo palhaço, e do rapaz de branco com bone branco da cobra negra e prata vermelho traço no ceu , triângulo de fogo vermelho sobre branco r v l dos pixeis vermelhos dos dois sis semi arcos vermelhos e negro encaixados da coluna branca + al noventa e quatro, virgulo seis, rectângulos laranja sobre vermelho, vesica azul das fu pe u rios amarela e branca do forte vermelho sobre amarela vesica da grelha de circulo de oitenta , zero, zero, zero, de vinte e oito v w in eu s coco uk três vesicas em linha vertical traço amarelo, vermelho e azul da guilhotina branca sobre a menina violeta francesa, duas colunas do traço amarelo pixies no deslizamento da lua no primeiro quarto crescente da ford, verde britânico e triângulo vermelho e branco, b ub ban de ch ange e we ch s f l retrovisor verde alface prata da grelha electrica shel. Três vesicas inclinadas amarela da mulher escalarte, a são josé da rtp, do zo das varetas inclinadas branco sobre vermelho digital, g seis do quatro de noventa e três t h x do rectângulo amarelo sobre o preto, emergency e x it p u ll h n ad le si tor nt re ta u d w ce v is maria vermelho com laço sobre amarelo londres, p u l cinquenta e seis head si circulo segundo do general de londres, p e v quadrado laranja p la x ton da descida para o metro do semi arco invertido azul e branco y s she onze, de três vasos invertidos de cruz de ferro por detrás da coluna azul ao lado do semáforo dois círculos pretos com peão vermelho em cima reflectido, nas janelas furadas das quatro garras, quatro traços de prata sobre negro da limosine branca, que deita a luz do y metroline, azul, vermelha , amarela e branca linha vermelha, sessenta e três gato pr, sh pope, st x k g do quadrado preto e vermelho rectângulo branco quando a limo vira à direita, e a menina vestida preto e prata saiu da boca de metro das duas cruzes da tuberculose, sobre o canteiro das flores da luz sobre a entrada ni te soon pr os sima ape r t ura fi r ts andrew t he b au ti f u ro ut vinte e três for sh o pp in g game oxford street for si see in g for st a tio n ns l et us love in peace atrás do gradeamento dos quadrados brancos no asfalto da cobra branca sobre azul que desce para o chão, das vesicas azul sobre vermelho, y er gato seis s e ce vareta be t te r t h an pat r cia no w son w en se n ine lis r, rapariga violeta e jeans deitada, três com um bebe elevado, e duas com dois bebes, vampiros de sangue vermelho da torre do cherne co sima rec t laranja vesica quarta verde claro sobre branco escocesas kilt vermelho, dois círculos de prata e negro, saco laranja , entrega saco branco preto e azul , adidas m harrolds p b e cab amarelo e cab preto prata e azul65 d as ca ix as de pê ra s, mora n g os e uvas, tom at es e e spa r g os, deep p ene t ra tio n das ro sas e dos lí rio s br anco s h ola n de se s, ff circulo da di do angulo da serpente , as do segundo homem rato west bo ur ne dr y c lea ne rato se r pen r e a pp l ian ce di rec t t on e guy usa today ave da homem ala meat asian st o r es do arco íris ca rp e ts e c ur ta ins k h y be r tamn d oo ra serra lamina branca, preto e vermelho, do chinese r es t au ra n t rat ne w garden pizza paradiso toy s e t ravel land roxi, bea da casa do alfredo da kebad a lou un ak p l ane t u homem rato serpente de rose fratelli da rapariga enforcada, sa le, da vareta p b, das arcadas mucul manas, hospital ps i q u iat r i co , do metro forte, k l fa gal l ery quatro f or l vinte g eta t r ian gula fr ee mini di sh a no di gi b ox do nat de w es r das cabines de telefone vermelhas, circulo dd bin, quadrado vermelho sobre o cir c u l oo dd bin do autocarro vermelho do prédio do rec tan gula das serpentes dos traços no ceu, das c u ze s, no balcão elevado das colunas das no m p s brancas da w amarela carrinha com tecto negro, li n h am a g né tica, p ad din g ton west e rato quatro do duzentos e dois, t he origina tours alemanha, frança, itália, espanha, t r es asas deltas sobre mo m ne t s , t r es pontos, cinco p , dois rec tan gulas, pr e tp e vermelho, dois x, w est end a quatrocentos e dois, pico vermelho e branco em cadeira de rodas da pancada da vareta branca sobre ox ford tube, vermelho e branco, h y de par k , a i x port hotel connections hotelink mamma mac azul amarelo e branco do autocarro, odeon circulo vinte de setenta e dois , dupla t riade de noventa e c in co ,dupla t riade serpente tops asia la b l estria well man de ar riva london r m l vinte e cinco de oitenta e nove lixo da meia noite, branco leão prata , ac u l g b, e vermelho, da carta do homem da cadeira de rodas da entrada do underground de park lane ap r m l vinte e c ii n co de oitenta e nove, vinte e um cortinas vermelho e prata, codima l primeiro vermelho azul e branco, as y s , quinto rec tan gula meninas rosas, de burka, y s quatro rec tan gulas azuis de lava do vulcão, t rio mos ce l vo branco azul, vermelho, t quatro rec tan gula azul, dos rec tan gulas no chão , a luva negra , no underground, saco azul e botas negras e tailleur bei ge, dos explosivos de demolição, gato seis do doze b ur vermelho e verde peão, e chá mec, je ko varte es f en dos s h o es ruivos, duas cruzes, chá lingerie negra, do peão vermelho do metro, first cam b ur h f , ca she onze y s anzol, k t r es e rato j menina doirada preto e vermelha das colunas , r m l de noventa, dupla e ts r e la do primeiro ac preto e vermelho metro k line, vareta amarela sobre p v h j ar din he ira cinza, varão branco sessenta e seis prata do cabelo en ca roco l ado de ruivo,, t ip o palhaço, e do rapaz de branco com bone branco da cobra negra e prata v e r me l h ado traço no ceu , t rai b gula de fogo vermelho sobre branco r v l dos pixeis vermelhos dos d o sis semi arcos vermelhos e negro encaixados da coluna branca + al noventa e quatro, virgulo seis, rec tan gulas laranja sobre vermelho, v e isca azul das fu pe u rios amarela e branca do forte vermelho sobre amarela vesica da grelha de circulo de oitenta , zero, zero, zero, de vinte e oito v w in eu s co c o uk t r es v e iscas em linha vertical traço amarelo, vermelho e azul da guilhotina branca sobre a menina violeta francesa, duas colunas do traço amarelo pixies no deslizamento da lua no primeiro quarto crescente da ford, verde br i ta nico e t rian gula vermelho e branco, b ub ban de ch ange e we ch s f l retrovisor verde alface prata da grelha electrica shel. T r es vesicas inclinadas amarela da mulher escalarte, a são josé da rtp, do zo das varetas inclinadas branco sobre vermelho digital, g seis do quatro de noventa e t r es t h x do rec tan gula amarelo sobre o p r e to, e mer g en c y e x it p u ll h n ad le si tor nt re ta u d w ce v is maria vermelho com laço sobre amarelo londres, p u ll cinquenta e seis head si circulo segundo do general de londres, p e v quadrado laranja p la x ton da descida para o metro do semi arco invertido azul e branco y s she onze, de t r es vasos invertidos de cruz de ferro por de t ra s da coluna azul ao lado deo s ema for ad e dois cir c u l os pretos com pe º ao vermelho em cima ref l ac tid o, na s janelas furadas das quatro garras, quatro traços de p rta sobre negro da l omo sin e branca, que deita a luz do y metroline, a x u l, vermelha , amarela e branca linha vermelha, sessenta e três gato pr, sh pope, st x k g do quadrado preto e vermelho rec tam gula branco quando a limo vira à direita, e a em nina vestida preto e prata saiu da boca de metro das di u as cruzes da tuberculose, sobre o canteiro das flores da luz sobre a entrada ni te soon pr os sima ape r t ura fi r ts andrew t he b au ti f u ro ut vinte e três for sh o pp in g game oxford st rr t for si see in g for st a tio n ns l et us love in peace atrás do gradeamento dos quadrados brancos no asfalto da cobra branca sobre azul que desce para o chão, das vesicas az u i l sobre vermelho, y er gato seis s e ce vareta be t te r t h an pat r cia no w son w en se n ine lis r, rapariga violeta e jeans deitada, t r es com um bebe elevado, e duas com dois bebes, vampiros de s ab g ue vermelho da torre do cherne co dima rec t laranja vesica quarta verde claro sobre branco es co ce za s kilt vermelho, dois cir c u l os de p rat e negro, saco laranja , entrega saco branco preto e azul , adidas m harrolds p b e cab aa m r e l o e cab preto prata e azulcarimbos b ne pt u no mandala, pt e mandala, a hélice que desenrola a corda da cruz, o golfinho, a baleia, a scoter, da maria, a faca das luvas rosa dos bicos do chapéu tricórnio francês do lis , a vareta de prata furada que liga os templários, a cinza no circulo da marinha grande, o gi ft , ou gift, o home do dinheiro que pôs o carimbo na folha branca, que dá a aprovação aos dois carimbos da mandala, a mafalda, a faca preta e verde que enrola os cabos amarelos e preto elásticos nas lanças das flores de lys da chavete a de alumínio do varão do vaso arão, do triângulo do Neptuno maçónico, a morte de vasco? Terá sido por isso que seu irmão depois morreu?, que aponta o reflexo do arpão e da anja que se amam à torre de londres, os dois galeões de pano vermelho que navegam sobre o ceu azul turquesa lápis lazuli e fez assim rasgar a folha branca , a vela a dois pescadores de pequenos barcosc ari m b os b ne pt u no man d ala, pt e man d a la, a he li ce q ue d es en rola a co rda da cruz, o gol f i n h o, a ba lei a, a s c ot te r, da maria, a f ac a das l uva s rosa dos bi co s do ch ap eu t ric or ni o fr anc es do lis , a v ar eta de p rata furada q ue liga os te mp l á ri os, a c in za no circulo da n ari n h a g ar n de, o gi ft , ou gift, o home do din he i ro q ue p os o car im bo na f o l h a br anca, q ue dá a pr o cação aos o is car im bo s da man d ala, a mafalda, a f ac a pr eta e verde que en rola os ca bo s am ar e l os e pr e to el stasi co s nas l an ç as das flores de l y s da ch av r tea de l u mini o do varão do vaso arão, do t rian gula do ne pt u no ma ç oni co, a mor te de v as c o? Te rá sid o por iss o q ue se u i r mão d e p o is mor r eu?, q ue ap on ta o r e f l e xo do ar pão e da j a q ue se am a à t ot rr e de londres, os do is gale õ es de p ano vermelho q ue n ave g am s ob reo c eu az u l t ur q eu sa l a pi s l a zuli e fez as si m ra s g ar a f o l h a br anca , a v e la a do is p esca do r es de pe q eu no s bar co s(a morte do irmão da mafalda da mandala, está tambem ligada ao surfista da linha das praias acima de lisboa, cujo pequeno carro aparecer numa leitura no local da realização do compromisso portugal, assim me desvelou o espirito em dia recentea mor e t do i r mao da mafalda da mandala, es t á t am b em li gado ao s ur fist a da linha das pr aia s ac i ma de lis boa, c u jo pe q eu no car ro ap ar e ce r numa lei t u ra no l oca l da rea liza çao do co mp romi ss o port u gal, as si m me d es v e lou o es pi rito em dia r e c en te)a id de quem o fez é calças brancas de ganga , três traços brancos em castanho da qual saiu a cobra branca para o chão que racha a pedra com duas betas caídas num dique azul, de quedas de agua, local, com caroço de pêssego e um filtro, uma pedra da uma cobra com heroina, uma escova de dentes, bas cores branca , preta e azul antiga , o circulo de prata que parte o espelho do arco inglês maçónico, à sombra da pedra de seth, ganga azul, atacadores deo vaso da cobra branca sobre sapatos castanhos, dos rectângulos da morte das duas garras negras sobre a vesica deitada de gel, e espuma branca e palácio tipo casa branca que pôs as cortinas pretas que fecharam o ceu, a moeda escondida no bolso do joelhos das calças negras, do palácio do folder dos arquivos antigos, com verdete do angulo branco da mala do carneiro invertido da u ra da serra branca e negra de cós da faca azul e branca das grades verdes e azul com musgo, dos lyz negro e azul do astrolábio e da luneta de cobre, bronze, do cavalo empinado no bule dos triângulos preto e branco do circulo de prata da ampulheta do tempo das esferas armilares, do vidro lápis lazuli da menina da escova de prata, a mão, o punho aponta as lanças negras de lyz do telefone antigo edison the master voice de ny da mascara de teatro, o oscar, peter do bar do itam do rapaz ruivo preto e branco da cruz da tuberculose da gal l ery na + dezanove eu vam rosa negro da vareta verde de prata.a id de q um o fez é cal ç as br anca s de g ana g a , t r es t r ra ç os br anco s em ca s t anho da q ua l sa i ua cobra br anca para o chão q ue rac h aa pe dr a com du as b eta s ca id as num di q ue az u l , de q eu d as de agua, l oca l, com ca ro ç o de p ess e g o e um fil t ro, uma pe d ra da uma cobra com h eri o ina, uam e c ova de den t es, bas co r es br anca , pr eta e az u l ant i g a , o cir c u l o de p rata q ue par te o es pe l h o do arco inglês m aç oni co, a s om b ra da pe dr a de set h, gan g a az u l, art ac ad o r es de o vaso da cobra br anca s ob re s a patos ca s t anho s, dos rec tan gulas da mor te das du as g ar ra s ne g ra ss ob rea v e isca de ita da de g el, e es puma br anca e pala cio t ip o ca sa br anca q ue p ô es as co r t ina s pr eta s q ue f e c h aram o c eu, a moe d a es condi da no bo l s o do joe l h os das cal ç as ne g ra s, do pal cio do f ol de r d os ar q u iv os ant i g os, com v e r de te do an gula br anco da m ala do carneiro in v e r tid o da u ra da se r ra br anca e me g ra de c ó s da f ac a az u l e br anca das g ra d es v e r d es e az u l com m us g o, dos l y z ne g ro e az u l do est ro l á bi o e da l un eta de co br e, br on ze, do c av a l o e m p i na do no bu le dos t r i a b gulas pr e to e br anco do cir c u l o de p rata da a mp u l he t ra do te mp o das es fera s ar mila r es, do vi dr o l á pi s l az u l o da me nina da es c ova de p rata, a mão, o p un h o ap on ta as l na ç as ne g ra s de l y z do te l e f one ant u g o edi son t he ma ter vo ice de ny da m as cara de t eta ro, o os car, peter do bar do i tam do ra p az rui vo pr e to e br anco da cruz da t uber c u l o se da gal l e ry na + de za no v e eu v am rosa ne g ro da v ar eta v e r d e d e pr ta.K ee ear da escrita electrónica do zo on preto e vermelho na menina loira com a lua em cima em quarto vermelho, cinto vermelho e prata , cinza e com a amiga de boné vermelho , da estrela seis da grelha p b + c h es da joecheria feita a medida judeu st a ll do nove verde kispo azul old costume jewe ll ery st a ll do nove, dois argolas à humanidade, designer watc master card da teia do tempo antique arca cento e cinco, oiro e verde pórtico, quatro tiros de prata, nas duas esfinges do vaso ge o ff ra , rey van cento e setes, três cam três pontos de prata em triângulo por cima delem the porto bello print, gal l ery dos dois querubins que sopram os sonhos no azul da good fair na ponte tibetana das ondas lápis lazuli, azul castanho preto das bolas no bastão, grego de TróiaK ee e ear da es c rita el e c t r ó ni ca do zo on pr e to e vermelho na me nina loi ra com a l ua em cima em quarto vermelho, c in to vermelho e p rata , c in za e com a amiga de bo m + é vermelho , da estrela se is da g r e l h a p b + c h es da joe c h eri a f e ita a me d id a dude u st a ll do no v e verde k i ps o az u l old co s t u me je we ll ery st a ll do nove, do is ar g ola s à h uma ni dad e, d es i g ne r w a tc m as te r ca r d da te ia do te mp o ant i q ue a rca c en to e c in co, o i ro e verde por tic o, q ua t r ti ro s de p rata, nas du as es f in g es do v as o ge o ff ra , rey van c en to e set es, t r es cam t r es p on to s de p rata em t r ian gula por cima del em t he porto be ll o pr in t, gal l ery dos do is q eu ru bin s q ue s o p ram os s on h os no az u l da g oo d fair t na p on te t ibe t a ana das ondas l a pi s la zuli, az u l ca s t anho pr e to das v ola s, bo la s no ba s t ão, g rego de t ro i aDas lâmpadas dos desejos que reflectem o tridente para o ceu apontado da pedra da idade da pedra sobe o arco íris no topo do mundo, para o ceu lançado, os dois ligando, cores vermelhas, padrão escocês, três vermelhos e azuis, amarelos, vermelho, branco, beije e verde e preto castanho beije cachecóis e r es j ge , cashmere. S tartan rug.s sh a w ls ar v es ran. s do homem do vaso com duas meninas, morena e loira das cores vermelho e branco, das duas colunas Astro Argentum, do cabelo da teresa, medeia, sai pano véu negro sobre as costas do sobretudo branco, um gancho de prata e negro sobre saco negro e verde P Y traço horizontal sobre o Y , com outro ao lado invertido verticalmente com o vaso para o lado direito , triângulos muitos st g seis w l e 8 amarelo q1uadrado sobre verde br, um pássaro branco no asfalto do lado das calças brancas da menina de sapatos castanhos com meias às riscas cinza e preto, a tete que pisa o pássaro cem como a ft y azul e amarelo ao lado do homem azul e castanho, verde e vermelho e branco , a sombra +e d ft y disney devices seta ao jumbo, v f 7 es do elefante que no centro do alvo em camisa de alças de uma estrela lança pesos, raf , dos vitrais da menina ruiva, flaming june que sonha com o cavaleiro co o escudo dos dois leões, doiro azul, da vela rosa, o santo templário azul e doiro do brit is h au to carro hélice de avi º ao quatro pás do cavalinhos castanhos de crina negra do hidroavião de prata, do autocarro vermelho que se cruza com o carro desportivo azul do cavaleiro branco en the sunDas l am p as d os dos sd es e j os q ue r e f l e c t e m o t rid en te para o c eu ap ao n t ado da pe d ra da i dad e da pe dr a s ob e o ar co i r is no t o p o do mundo, para o ceu lan ç ado, os do is li gan do, co r es vermelhas, pa dr ão es co c es, t r es vermelhos e az u is, am ar e l os, vermelho, br anco, bei je e verde e pr e to ca s t anho bei je c ac he co is e r es j ge , cas h mere. S t ar tan ru g. s sh a w ls ar v es ra n.s do h oe m do v as o com du as me ninas, mor en a e loi ra das co r es vermelho e br anco, das du as co l un as a s t ro ar g en t um, do ca belo da teresa, me deia, sa i p ano v eu negro s ob re a s os t as do s ob r e tudo br q anco, um gan ch o de p rata e negro s ob re s ac o negro e verde P Y t ra ç o e h ori zo n t al s o b re o Y , com outro ao l ado in v eri do v e r tic al e mn te com o av s o para o l ado di rei to , t r ian gulas muitos st g seis w l e 8 amarelo q1ua dr ado sobre verde br, um p as sa ro br aco no as fal to do l ado das cal ç as br anca s da me nina de s ap at os ca s t a n h os com meia s às r iscas c in za e pr e to, a tete q ue p isa o pa ss ar o cem co mo a ft y azul e amarelo ao l ado do homem az u l e castanho, verde e vermelho e branco , a s om bra +e d ft y d is be y de vi ce s s eta ao j um bo, v f 7 es do el e fante q ue no c en t ro dodo al vo em ca m isa de al ç as de uma estrela l ança ps es os, raf , dos vi t rai s da m en ina rui v a, f l a ming j un e q ue s on h a com o c av a lei ro co o es c u d o dos do is le õ es, do i ro az u l, da v e la rosa, o s na to te mp l á rio azul e doiro do brit is h au to carro h e li ce de avi º ao q ua t ro p ás do c av ali n h os ca s t na h s o de c r ina ne g ra do hi dr o vi ão de p rata, do au to carro vermelho q ue se c r uza com oo carro d es pe orti v f o az u l do ca v a l ei ro br anco en t he s unDiz a menina templaria loira montada em seu cavalo, now i got a rea son, and im still waiting at the berlim wallD i z a m en ina te mp l aria l o ira mo n t ad a em s ue cv alo, no w i g ot a rea son, and im st i ll w a i t in g a t t he berlim w a llA see e h is tory i g ot a r son ab le e co no my , pounds cinquenta, e nove,ponto do duplo circulo, i don t w a holiday the sun , cruz tuberculose, w anna to t he ne w s enA see e h is tory i g ot a r son ab le e co no my , p o un ds c in q u en ta, e nove, p on to do d up l o cir c u l o, i don t w a h o li day t he s un , c u r z t uber cu l o se, w anna to t he ne w s enA corrente posta na praia e na casa da praias, joão dos santos, posta na lapa, di dn ´t as k for g un sh ine and I f ot world war 3 i l oo k ed over the y wall and they looked at me , diz a cavaleira no almoçoA co rr e en te posta na p raia e na cas da p rai s, joão dos santos, posta na lapa, di dn ´t as k for g un sh ine and I f ot w o r l d w ar 3 i l oo k ed over t he y w a ll and t he y l oo k ed a t me , di z a c ava lei ra no al moçoT he y star ing all nigth and staring all day i h ad no rea son nd tó be there at allT he y st ar in g a ll ni g t h and st a ring a ll day i h ad no rea son n d tó be th e rea t a llBut no e f ot a rea son no real rea son to be at t he berlin wallBut no e f ot a rea son no real rea s on to be at t he berlin w a llParanoia will we fall claus t ro ph o bia too ma ny closetsPara no ia w i ll we f a ll c l a us t ro ph o bia t oo m a ny c l o s e t sA ch e ap holliday un ot her pe o p l es mise r yA ch e ap h o ll id a y un ot her pe o p l es m ise r yI w anna seis circulo ove r t he berlin w a ll e ap a logue eap s en ria l c ene r yCarro numero cinco de corrida, circulo branco sobre azul da rapariga que mostra o cinto das ligas da Y maçónica, em setembro vinte e três sh british nacional service autocarro verde e autocarro vermelho oitocentos e quatro t ra ns port b us l n w r moldura prata e oiro , mo flores templários as das ligas dos ovos vermelhos e brancos do bilhar cruzado e dos ténis vermelhos das mala russas matrioscas de carro d elvira do veleiro de meia lua p b azul e rosa setenta e cinco porto bello ro ad asiáticas pratas , salvas , castiçais o c ar de ar k e t u es p b, do homem, o primeiro que põem, a mão na bola sobre a linha da cassete do forte do ceu, o home qu está com as mãos no bolso na pista de tartan dos telefones, o home besta com duas cabeças, o botão do rato da vesica da professora f az no vi e m ak é rato vinte e um , quatrocentos e vinte e nove do forte inglês primeiro w in do ws mo vi e m ak e rat c l ip vi de o primeiro da chaveta segundaCar ro nu m ero c in co de co r rid a, circulo branco sobre azul da ra ap riga q ue mo st ra o c in to das li g as da Y m aç oni ca, em set em br o vi n te e t r es sh b titi s h nat i o n al service au t oca r ro verde e auto carro vermelho o i to c en t os e quatro t ra ns port b us l n w r mol d ur a p rata e oiro , mo f l o r es te mp l á rio s as das ligas dos ovos vermelhos e brancos do bil h ar c r uza do e dos t en is vermelhos das mas l a ru s sas mat rio s ac as de car ro d el v ira do v e lei ro de mei a l ua p b az u l e rosa set en ta e c on co porto be lio ro ad as iat i ca s p ratas , s a vv as , ca s t i ça os o c ar de ar k e t u es p b, do homem, o primeiro que p oe m, a mão na b ola s ob rea linha da ca s set e do f o r te do ceu, o home qu est á com as mãos no bo l s o na pi st a de t ar t an dos te l e f on es, o home b es ta com du as cab e ç as, o b ot ão do rato da ve isca da pr e o f ess o ra f az no vi e m ak é rato vi n te e um , quatrocentos e vinte e nove do forte inglês primeiro w in do ws mo vi e m ak e rat c l ip vi de o primeiro da ch av eta se gun d aO segundo é a besta que se enfia no homem azul e laranja , o segunda do portoO se gun do é a b e st a q ue se en fia no homem az u l e la ra n j a , o se gun da do portoSerpente zorro zapp, a pp na me do is p on t os mo vi em k ponto ex e s z a pp v e rato do is p on t os , dois , um quarenta, vinte , circulo s z mo dn na e do is h un gato a pp, s z mod v e r do is p on tos , de quatro círculos, o ff set : oito círculos, igual oitoSe rp en te zo r ro z a p p, a pp na me do is p on t os mo vi em k ponto ex e s z a pp v e rato do is p on t os , do is , um q ua r en ta, vinte , cir c u l o s z mo dn na e do is h un gato a pp, s z mod v e r do is p on tos , de quatro cir c u l os, o ff set : oito cir c u l os, u g ua l o i toAc co m uni o car os d eta l h es este r e la to rio de e r ros inc lui: infor mações s ob rea com di são do w in do w amo vi e maior av e ar to q ua w do circulo pr ob angulo ema oca rr en ponto e vi r gula ; a v e r são do sis t ema opera t iv o e o h ar d w ar e do co mp puta por u tili za do e o en do re ço ip , ch av eta pr oto c olo in te r net, f e v h a c h av e ta do cop u t ad o rTinha eu tentado mais um vez codificar o video, e dera erro, como está sempre a dar, sai e foi ao café do ritalinos ao chegar já meus olhos se arregalavam, pois ao lado na rua que vai para a casa do presidente, uma antiga transit cinza clara quase azul bebe, ali estava estacionada, e na porta de trás o símbolo celta dos carimbos que acabara no video de ver, as três espirais, e depois nele assim li, angulo segundo L b, circulo da estrela em noventa e nove, rato eva do angulo da amadora no seu interior uma outra placa ao contrário com o fecho do cinto em cima dela como a fazer a ligação, onde li cinquenta e seis r ne ou en re de noventa e dois , símbolo celta da três espirais, vesica azul preta ford, pneus triangular radial fi x, assentei isto num folheto da toy s rato us, dragon ball z j en ga a met e os mic ro machines vaso quatro my horse e me specttobe, três x dois pack cinco carros, personagens de cars, ad van ce hannah montana, de speed bike, fast lane ou dream dazzler,Tinha eu ten t ado mai s um v e z co di fi car o v id e o, e de ra e ero, co mo es tá se mp rea d ar, sai e foi ao ca f é do rita l in os ao che g ar j á me us olhos se ar r e gala vam, p o is ao l ado na rua q ue v ai para a c sa do pr es i dente, uma ant i g a t rna si t c in za clara q u ase az u l be b e, a li est av a es t a cio n ada, e na p orta de t rá s o s im b o l o c eta dos car im bo s q ue ac ab a ra no v id e o de ver, as t r es e s pei rai s, e d ep o is ne le as si m li, angulo se g un do L b, cir c u l o da estrela em no v en ta e nove, rato eva do an gula d a m a dora no s eu in te rio r uma outra p l ac a ao c on t rá rio com o fecho do c in to em cima de la co mo a f az e ra li g aç ao, on de li c in q u en ta e se is r ne ou en re de no v en ta e do is , s im b o l o ce l ta da t r ~ es e s pei rai s, v e sica az u l pr eta ford, pn e us t rai n g u l ar ra di a l fi x, as s en te i is to num fo l h e to da to y s rato us, dr g ao n bal l z j en g aa met e os mic ro m a c h ines v as o q ua t ro my h o r se e me spe c tt ob e, t r es x do is p ac k c in co car ro s, pe r son a g e ns de car s, ad van ce h anna h mo n t ana, de sp e ed bi ke, f as t l ane ou d rea m d az z ler,


xanzbbrb

xa muito zorro bb br rb
g homem w zorro homem p g i
mlinzv
mairo li n zorro do vaso
jfkam z v

principe poe, p oe, do forte kapa da manhã, zagalo do vaso ou jfk

a pt c gin


ne mx e quadrado do rato
p ze w bi g
p ze ddo dupla vaso do bi gato big