quinta-feira, outubro 02, 2008

Sai da spa e ouvi pelo espirito, temos o original, do livro, fora esse o sentido, o original é melhor, pois sem duvida que sim, mais uma vez a deixa , a confirmação de que o tem, ou ainda mais uma cobertura, ou um fumo

S aida a id a spa e o u vi p elo de dez do es pi rito, te mos o ot i gina al, do l iv ro, f o ra ess e o s en tid o, o ori gin al é me l hor, p o is se m du v id aqui da ue si m, masi uma ave za de ix a , ac on fi r maçao de q ue o te mo ua inda masi uma co be r da rt tura, circulo do vaso do primeiro forte do vaso do mo omo

Bum, bum, dois rebentamentos pela noite seguida, e um eco, claro e preciso aqui em portugal no norte, uma parede de tijolo de um pavilhão desportivo, que segundo disseram nas notícias, estaria rachado, e a precisar de ser composto, quando efectuavam a reparação em cima de um andaime, caiu, e lá se foram tres operários, por detrás da fiada dos tijolos vermelhos como os dos edifícios industriais do principio do século passado, ou como dos antigos armazéns das docas aqui em lisboa, ou ainda, na zona de alcantara, onde a pedrada das chuvas rebentou, nos tais edifícios novos construídos e vendidos antes mesmo de terem sido licenciados, pela administração do santana na cml, pela imagem no telejornal, a parede abriu em vesica, mostrando por detrás uma parede em cor forte amarela, que estranho como a cor era viva, se não tiver sido manipulado pela televisão, e depois a fiada de tijolos, como se um emparedamento se tratasse,

B u m, b um, do is r e b en tamen to s pe la no ite se guida, e um e co, claro e pr e c is o aqui em por ti gal no norte, uma ap rede de ti j olo, do falo, de um p avi l h a o d es port ivo, q ue se gun do di z s se ram nas no tic as, es t aria rac h ado, e a pr isa r de ser co mp os to, q u ando efe cta uva am a rp a raçao em c ima de um anda i me, ca i ue l á se f o ram t r es o p rá rios, por det ra sd a fi ada dos ti j olo s verme ç e h os co mo os dos edi fi cios industria is do p rin cip pi o do sec u dez passado, o u co mo dos e ti g os arma zen dd as docas q au i em l is boa, o u a inda, na z ina de al can tara, onda a primeira do pedrado, da sc h uva s r e b en to u, no s tais edi fi cios n ovo s c on t rui do se v en dido s ant es me s mo de te rm sid o fe i to s, pe la ad min s t raçao do santana na cm l, pe la i mage m no tele jo rna l, a p a rede ab rio em v e sic a, mo st r ando por det ra s uma p arde em cor forte am ar e la, q ue es t r anho como açor e ra v iva, se n cão ti v e r sid o m ani ip u l ado pela tele visao, e d ep o isa fida d ad de ti j olo sc omo se um ema par e damen to se t art at ra s se,

Tudo isto ressoou numa parede de um templo que ruíra, e depois as gentes correndo com o estampido, se esmagaram uma as outras, dizia o filho da puta do provocador nato e maluco dos cornos que manipula os trabalhos na mesa da assembleias gerais da spa, ao jornal do correiro de manha de quarta feira, em noticia com o titulo, perturbações na sapa., que fora adiada e suspensa, e cita-o a noticia, um dos cooperadores entrou numa agitação psico motora que obrigou à suspensão da assembleia, sis a lusa josé niza, o fascista, beduíno, sem ofensa aos verdadeiros de quem muito gosto, o beduíno cobra, e acrescenta a noticia que da ordem de trabalhos constava a proposta da repartição de direitos e calendário anual de distribuição, contestada desde logo pelos realizadores de cinema, esqueceu-se certamente porque assim lhes dá jeito, na senha persecutória e incriminadora, de dizer que pela voz e proposta escrita entregue na puta da sua mesa à puta em si mesma, o antonio pedro tinha proposta exactamente a suspensão e adiamento da dita, depois de fazer mais uma vez prova da sua profunda debilidade mental, tendo o beduíno cobra lido um parecer jurídico, que dançava em remissão deste para aquele artigo, e que com certeza ninguém na sala compreendeu, masi noventa mortos na maos destes cabrões na india, depois da palavra em texto anterior ter referenciado a morte de bhutto, e tres aqui se morreram os operários que não trago certeza

Tudo is to r esso u numa pa red e de um te mp dez q ue rui ira, e d ep o isas g en te s co rr en do com o est am pido, se es maga ram uma as o u t ra s, di z ia o fi l ho da puta do pro do ovo ca dor nat o e malu co dos co rn os q ue m ani p u la o dt ra ab l ç a ho na mesa da ss em b leia s ge rai sd a spa, q o a jo rn al do sir rei ro de manha de q u art a fe ira, e, m no tic ia com o titu dez per t u rb aç o es na s ap a., q ue f o ra ad dia ada e s us pen sa, e cita do traço do circulo ingles a no ti cia, um dos c oo pera dor es en t ro u n uma a gi t ac sao ps i co m oto ra q ue ob rig o u à s us pen sao da as s em b lei a, sis a l usa josé ni o za, o f as c ista, bed u ino, se m o f en sa ao s v e rda de iro s de q eu m mui to g os to, o ded u ino cobra, e ac rec s neta ano ti cia q ue da ordem de t ra sb l as h os co ns t ava a pro pr ot sa da r epa rt i çao de di rei to ze c al en d a rio na ual de distri b u i sao, c on testa ada de sd e l ogo p elo s real iza dor es de c ine ema, es q eu c eu do traço da inglesa se ce rta mente por q ue as si mm l h es dá je i to, na s en h a pr ess u co t roi ira en c rim ina dora, de di ze r q ue pe la v oz e pro posta es c rita en t r e g ue na puta da s ua mesa à p u ta em si me s ma, o antonio pedro tinha pro post a e x ac cat am n te a s us pen ds sao e ad ia men to da dita, d ep o is de f az e r masi uma ave z pro ova da s ua pe f un da de be li dade m en t al, t en do o bed u ino cobra do lido um ap rece r ju rid i co, q ue d na ç ava em r emi sao de ste para a q eu le ar ti goe q ue com ce r te z aa nin g eu m na sala com pr e dn eu, masi no v en ta mor to sn a maos de st es c ab ro es na india, d ep o is da pala vaso ra em texto ante i ro rt te r r efe r en cia ado am orte de b h u t to, e t r es ki se mor r e em os o pera rio s q ue n cão t rago ce rt e za

Ouvia o parecer elaborado pelo filho da puta do brochista mor do cinema português, que dizia que tinha sido gentilmente convidado pela direcção, que tinham reunido uma senhora advogada que muito sabia do assunto, e que laborarem um parecer, quando o beduíno cobra o leu, a imagem que me veio a consciência, fora, dronwing by numbers, assim tentavam eles o enjoo, com a agravante de quanto recebi a carta da convocatória da reuniao, não veio um documento que lá me pareceu existir com a proposta da direcção, como de costume a atestar as filhas da puta das manipulações destes cabrões

O u v ia o par e ce r el ab o ra ado pe elo dez di circulo do filho da puta do b roc h ista mor do c ine ema portu g u es, q ue di z ia q ue tinha si do g en til mente c on vi d ado pe la di rec sao, q ue t in ham r eu ni do uma s en hor a ad vo gado q ue mui to s ab iba do as sun to, e q ue lea ab o ra r m u m pa recer, q u ando o bed u ino cobra o l eu, a i mage m qu e me veio a co ns cie en cia, f o ra, dr o w ingles b y n um be r sas si m t en t ave m el es o en j oo, com a g rava ante de q u anto rec cebi bia c art a da c on vo cat o ria da reuniao, n cão veio um doc u m en to q ue l á me ap ar e ce u e x us u ot com a pr o sta da di reç sao, como de cos t u me a testa ra as fi l h as da puta das m ani p u la ça o es de st es c ab ro es

As minhas notas sobre o estampido no tempo indiano na leitura do peru, assim rezaram, at ponto da lea st de noventa die in indian te mp le sta am p le do ponto da ak do ponto da china e nepal circulo da estrela vermelha ne do e de del lui j aip da puta do ur do te mp le stamp, carimbo, sta mp, pede segundo ingles da bay o forte de e en gal ar da rabia da manha do mar, serpente e rato da ila anka co circulo de dc da vareta negra sobre o mar dos trezentos, ou seja brasil, mi do ml kapa maior ap serpenet do circulo do ur da ce espanhola ria ap do jo quadrado do homem da puta do ur india, en te rata par da te sis, rata europeia da te rata serpente do traço inglesa em lea st noventa people die e cento e cinquenta we rei em ju red duna as sta s cruz do tam mp pede dea cruz primeira do homem indu do templo em home do oeste, w es stern serpente tate do circulo do forte do raja, t homem e police as id quinta feira cruz vaso espanhol day, dia, ou seja referenciado no post de quinta feira

As min h as n ota ss ob reo es t am pido no te mp o in dia ano na lei tura do peru, as si m r e zara am, at ponto da lea st de n ove en t a die e nin di ian te mp le sta am p le do ponto da ak do ponto da c h ina e n epa l cir cu dez da estrela vermelha ne do e de del lui j aip da puta do ur do te mp le stamp, carimbo, sta mp, pede segundo ingles da ba y o f orte de e en gal ar da ra bia da manha do mar, serpente e rato da ila anka co circulo de dc da vareta negra sobre o mar dos t r e zen to s, o u seja brasil, mi do ml kapa maior ap serpenet do circulo do ur da ce es sa pn hola ria ap do jo q au dr ado do homem da puta do ur india, en te rata par da te sis, rata eu rop e ria da te rata serpente do traço ong l es a em lea st noventa people die e cento e cinquenta we rei em ju red duna as sta s cruz do tam mp pede dea cruz primeira do homem indu do templo em home do oeste, w es stern ser ep net tate do circulo do forte do raja, t homem e police as id q eu ina t fe ira c ru z vaso espanhol day, dia, ou seja r efe ren cia ado no post de quinta fe ira

Houve um estampido no corredor que dá acesso à sala quadrangular onde se fazem as reuniões e as exposições, nomeadamente onde eu vira o aqui descrito neste livro, na exposição com o vestido de Amália e das fotos de autores já falecidos, ao estampido mais à frente irei, pois foi a pedido do que creio ser o maior , ou um dos maiores, dos filhos da puta desta toda história

Homem do cic do circulo da uve primeiro do espanhol cruz da am pido no da corredora quadrado da eu, doca au dr ado à ac esso à sala quadrado da ua dr da primeira da un do gular onda se forte az ema serpente rato eu ni circulo espanhola se da reuniao, e as e x da p do circulo uk dez do circulo da siç do circulo espanhol da noe ema damen te onda eu vaso da ira circulo aqui de sc do rito nest do primeiro livro, na ex ps do circulo da sao de corte com ove espanhol da tid circulo da am do canto norte sul ia, ao espanhol cruz da am pido masi a fr en te e rei ip circulo is forte do circulo do ia do ped id circulo do quadrado da uec rei os ero maio ro do comboio maior dos maio r es, dos fi primeiro homem do os da puta do sta toda hi serpente do t ó da ria

Ao lado da noticia sobre a spa no jornal, mamma mia filme com karaoke, recortei eu o papel do jornal do café depois de pedir permissão ao senhor ritalinos, pelo corte do pedaço de papel, é visível a manha do quarta feira, do circulo do cento e dez ou seja do grupo onze, do segundo do circulo do oitava da cultura e espectáculos, quadrado da estrela pa da gina, primeiro da ar do fe cho, ou do cho, do beijo invertido da fé, no serpente dias quatorze, quim ze e dezasseis de novembro, televisão e media, o momento da verdade, mae do concorre do primeiro invertido, aspas estão fe com os do circulo do vaso o quadrado amarelo da família mantém-se unida e continua ad a polemica causada com revelações márcia bajouco, n te m lucília a inda

Ao l ado da no ti cia s ob rea spa no jo rn al, mam ma mia fi l me com ka rao k e, rec r te i eu o pap el do jo rn al do ca fé d ep o is de ped di r per miss sao ao s en hor rita l ino s, p elo corte do ped aço de pap el, é v isi v el a manha do q u a rta fe ira, do circulo do cento e dez o u seja do g rup o onze, do se gun dodo circulo do o i tva da cultura e es pe cta cu dez s, q au dr ado da estrela pa da gina, pr i e iro da ar do f e cho, o u do cho, do bei jo in v e r tid o da fé, no ser pen te dias q ua tor ze, quim ze e dez ase is de novembro, tele visao e media, o mo m en to da v e rda de, mae do com co r red o primeiro invertido, a spa s es tao fe com os do circulo do vaso o quadrado amarelo da f am i l ia man te m di traço da inglesa se uni da e conti n ua ad a p ole mica c au usa ada com r eve le ç o es mar cia ba jo u co, n te maior da lucília primeira inda

O outro bum, ressoara na informação previa na ordem de trabalhos sobre os cooperadores que no entretanto tinham falecidos, um de s miguel, acções, e uma explosão na aparência de gás numa casa em s miguel com duas jovens que entraram em casa e bum, queimaduras elevadas, transportados para salvo erro um hospital de lisboa, como a fazer prova do elo com s miguel, açores, e a morte do senhor

O outro bum, r ess oara na in for maçao pr e v ia na ordem de t ra b l ho ss ob reo s c oo pera dor es q ue no en t r eta n to tin ham f al e cid os, um de s miguel, aç o es caçoes e uma e x p dez sao na ap ar rec ni a de gás n uma cas em s miguel com du as j ove en ns q ue en t ra ram em c asa e b um, q eu ima duras el eva ada s, t ra sn p os rta ado spa ra s alvo e r ro um ho ps it al de l i s boa, como a f az e r p r ova do e dez com s miguel, aç o r es, e am orte do s en hor

Na alemanha, na reuniao magna, dizia a mao no aparelho de comunicações e gravações que fora o terceiro orador, ou seja o presidente da spa, o que saltou com o consentimento e certamente pré arranjo do beduíno cobra, a ordem de inscrições e que falara à minha frente, ontem a noite nem de propósito na antena dois, que tambem lá trazia a puta do josé nuno martins, ilustre provedor das putas e carreira de broches a esquerda e direita com incidência na esquerda, amigo as vezes de soares, outras zangado, num programa provavelmente em repetição, o josé jorge letria, a falar de um seu livro de investigação sobre humberto delgado, eu alucinava, falava o homem da coragem do general sem medo, de como pela sua serenidade, se tinha em sua opinião, evitado um tremendo banho de sangue, e pensava este cabrão está maluco, ou é profundamente mentiroso e hipócrita sem fundo, pois foi um dos que eu interpelei na reuniao, como bandido, que se tem comportado como um cobarde, fugindo a pedidos diversas de reuniões, e que nem mesmo ali na cara quando disto tudo o acusei, alguma coisa respondeu, e agora quem o ouça falar, pensará que este filho da tremenda puta, deve no mínimo ser um homem de coragem, serio, honesto e capaz de frontalidade


Na alda ema da manha, no grupo reuniao ma gn a, di z ia a mao no ap ar e l home da ode com uni caçoes e g rava ç o es q ue f o ra o t rec iro o ra dor, o u seja o pr es id dente da spa, o q ue s al to u com o co ns en tim en to e ce rta que mente pr é ar r anjo do bed u ino cobra, a or de m de i ns c rico es e q ue fala ra à min h a fr en te, on te ema no ite ne m de pro posi to na ante en a do is, q ue t am b em l á t ra z ia a puta do josé nuno ma rin ns, i l us t r ep do pro vedor das putas e car rei ira de b roc che es a esquerda e direita com inc id en cia na esquerda, ami goa s v e ze s de s o ar es, o u t ra s zan gado, num por g rama por v av le mn te em r ep peti sao, o josé jorge l e t ria, a f al ar de um s eu l iv ro de in v es ti g ac sao s ob r e humberto del gado, eu al u cina ava, f ala ava o ho ee m da cora ge m do g ene r al se m med o, dec o mo pe la s ua se r eni dad e, se tinha em s ua o pina o, evita do um t r em en do ban ho de s an g ue, e pen s ava est e c abrao est á malu co, ou é pro f un dame ne m en tir roso, p o is f o i um dos q ue e u ine t r ep e lei na reuniao, como bandido, q ue se te m com porta do como um cobra de, f u g indo a ped id os di versos de r eu ni o es, e q ue ne m me s mo al ina cara q u ando di s to tudo o ac use i, al g uam co isa r es ponde ue agora q eu mo o u ça f a al r, pen sara q ue est e fi l ho da t r em n da puta, de eve no mini mo ser um h ome de cora z ge m, se rio, h one st o e c a p az de fr on t al id ad e

Contudo uma outra mesa fora aqui pela visao e pela palavra convocada, uma mesa que se reunira na livraria pó dos livros, assim o terceiro que referenciava a gravação de som, que remetia para a spa, visto eu ter mencionado este aspecto, no post anterior onde comecei a narrar o lá sucedido, para a reuniao da sociedade apontava, visto que nem sei se a outra que vinha numa foto de jornal, fora ou não gravada em som, disse-me agora o espírito que sim, que tambem a gravaram, e sendo que mesa, aparecera ainda em post anterior, sendo mesa, equivalente neste texto a mesa de mesa de madrid, e mesa , a bando do poro que recentemente se manifestara num sincronismo, ou seja estamos perante o bando de madris, dos atentados, a questão em aberto é saber então ao certo quais os verdadeiros elementos do bando do ritual que se expressou tao claramente no rebentar do comboio em madrid, e sendo tambem que um flash se juntou, em relaçao ao choque de comboios na california, pois a locomotiva que aqui o representa, trás as cores espanholas, ou seja um dos toiros foi certamente espanhol

Contudo uma o u t ra mesa f o ra aqui pe la visao ep e la pala vaso do ra c on vo c ada, primeira mesa q ue se r eu ni ira na l iv ra ria p ó dos livros, as simo t rec e iro q ue r efe en cia ava a g rava sao de s om, q ue r e met tia ia para a spa, vi st o eu t re m en cio n ado este as pe ct o, no post ante iro ron de com e ceia de corte na r ra aro l á s u ce dido, para a reuniao da soci e dad e ap a on t ava, vi s to q ue ne ms e ise a outra q ue vinha n uma f oto de jo rn al, f o ra o un cão g rav ada em s om, di ss e do traço da inglesa me agora o es pei rt o q ue si m, q ue t am b ema g rava ram e s en do q ue mesa, ap ar rec ra a inda em post ante iro, s en do mesa, e q u iva le mente nest e texto a mesa de me sade mad rid, e mesa , a bando do po ro q ue rec en te mn te se m ani festa ra n um sic no mi s mo o u seja est amo s pe ra n te o bando de mad ri sd os at en t ado sa q u es tao em ab e rto é s abe r en tao ao ce rto quais os v e r dd e iro s el em en to sd o bando do rita u l q ue se e x pr s sao t aa o clara m nete no r e b en t ra do com bi oe m mad rise s en do t am b em q ue um fla s h se j u n to u, em relaçao ao c h o q ue de com boi os na cali for ni a, p o isa l oco m ot iva que aqui o r ep rata quatro sn t a, t rá sas cor es e s ap pn holas, o u seja um dos toi ro s f o i ce rta mente es pan hol

Mas o estampido que se deu na spa, foi ao acto e falar do to zé brito, portanto , este é sem duvido um dos principais implicados nestas histórias, ou seja será certamente um dos, dos bandos, que nem estava sentado na mesa do bando da livraria nem falou na spa, a não ser quando eu o interpelei directamente na mesa lateral onde se senta a direcção quando dei por ele ali muito quietinho a tentar passar despercebido, sendo que o rapaz trás uma estranha relação com a direcção da sociedade, pois não é da direcção mas um assessor não sei bem de que, a mim parece-me que assessora outro tipo de assuntos, por outro lado senta-se na mesa da direcção, que é onde estava sentado, como se dela fosse

Maso es t am pido q ue sede un primeira spa, f o ia o ac to do to zé brito, porta n to , est e é se m do v id o um dos p rin cip a is i mp li c ado s nest sta s hi s tó ria s, o u seja se rá ce rta e mn te um do sd os bando, q ue ne m est ava s en t ado na mesa do bando da l iv ra ria ne m f alo un a spa, e cão ser q u ando eu o in te rp e lei di r e cta mente na mesa l at e r la onda se s en ta a di rec sao q u ando de ip o r el e al i mui to ki eti n ho a t en t ar pa s sar de s per ce bid o, s en do q ue o ra p az t rá s uma e ts r anha r e l sao com a di rec sao da soci e dad e, p o is n cão é da di rec sao mas um ass esso rn cão se i b em de q ue, a me im ap rc e do traço da inglesa lea me q ue as esso rá o u t ro t ip o de as sun to s, por o u t ro l ado s en t a do traço da inglesa se na mea da di rec sao, q ue é onda est ava s en t ado, c omo se de la f os se

Este filho da puta, tem tambem muito aparecido no corte de muitas dos últimos textos deste livro, e me recordei, de ser ele tambem um do grupo do restelo, pois por lá alguns anos terá andado, quando estava a frente da bmg, e sendo que com ele ali no aqua parque onde as duas crianças morreram afogadas, a seu convite almocei, e recentemente aparecera um cio primeiro com a alberta fernandes no telejornal com uma imagem subliminar que me remetera para a sem vergonha através da qual ela se tornou conhecida profissionalmente, e para um outro grupo de meninos do restelo, que aqui apareceu no jardim do império em noite recente, com um omem de pauzinhos na relva, assim o espírito na altura mo desvelou

Este fi primeiro do homem do circulo da puta, te maior rc ur x cruz da am e segunda em mui to da ap da ar da rec id on circulo do corte de mui ta sd os vaso do primeiro tim os textos de st e livro, e me rec reco do circulo do rato de id espanhola ser ele tambem um dog do gato do rup do restelo leo, dor espanhola da t elo dez, puta do circulo do is por primeiro ao acento norte sul da gata da pistola un um ns ano serpente te rá anda do, quadrado do vaso ando est ava a fe rn te da bmg ge espanhola inglesa doca do quadrado da ue com el e norte sul ino do aqua parque onda primeira serpente do às do cir circulo elevado ça serpente mor rato e rata ram a f o gados, as eu do cn do vi da te da norte sul mo ce i, e rec en te mn te ap ar e ce ra do primeiro cio da p do rim prim e rio com a al be rta fe rna de sn no do telejornal com uma i mage ms ub li mina ina ar rata quadrado da ue mer en da te do ra para ase maior vaso e rato gato em homem da primeira em rave espanhola da quadrado da ual el e set tor no do vaso do circulo dc em home ingles da cida pro f is son da norte sul que mente, e para primeiro mo vaso da cruz do ro gato do rup da ode dos meninos do restelo, quadrado da ue aqui da ap par circulo eu do no jardim do e em mp e rio e no te rec da en te, com do primeiro omem de p au zorro em homem os na relva as simo espanhol do pei rt ton aa norte sul tura mo de serpente vaso ee lou


Continua, que pelos vistos ainda não tenho noticia nem de morte nem de confissão à policia nem de prisão

Oh meu filho da tremenda puta de hipócrita , cobarde e bandido de tó ze brito, sem obstar a que a ti em muito maior pormenor aqui volte em precisa e masi concreta acusação e demonstração, pois a tua confissão aumenta a cada dia que passa, não me disseste tu na noite da reuniao depois de assentares na tua agenda electrónica pda qualquer coisa, junta a mau peito, sabe-la toda, de magnetismo primário, o meu e-mail que me responderias no dia seguinte, que no entretanto já passou sem nenhuma notícia, a demostrar mais uma vez como és um verme sem palavra!

Circulo do homem da me do vaso do fil homem doc circulo da cruz rata da emenda puta de homem ip o circulo da rita , cobra de e bandido det acento no circulo do ze brito, se maior do ob st ra aqui da ue primeira da ti em mui to maio rp circulo do rato maior rm eno rac e vo primeiro da te em pr e cisa ema sic em rata eta do ac à usa sao e demo sn da cruz da raçao, puta do circulo dao isa sat cruz da ua circulo em fissão au homem en cruz primeira do ac ada dia quadrado da ue passa, muito cão me di ss este cruz da un ano it da te da reuniao quadrado da ep do circulo da is de as serpente en t ar espanhola na c irc ua p rim a ira gata en da el e ct ron i ca pda quadrado da ual do quadrado eu rc circulo do co isa, junta am au pei to, serpente ab es do traço da inglesa de la toda, de ma gn e cruz is mo pr imá rio, om eu ema mai primeiro quadrado da ue me rata espanhola ponde ria serpente sn do no dia da se do gui muito te, quadrado da ue no en cruz rato eta muito to j á p as serpente doc rc circulo da use maior do muito en homem da primeira no tic a , primeira demo st ra rata do mais uma ave z c omo és primeiro verme da se e maior pala do vaso do ra do quarteto cento e onze,

que vinha no tal jornal dos bandidos do dn no sabado passado a dizer a quem o lesse, que seria o epitáfio da tua tumba, cabrões a brincar com o fogo

o onze do quim zé,

j e quadrado x kapa