domingo, fevereiro 22, 2009

AC CN DA COSTA NA REAL NE EN NO DEDO LEDA N AU DA CIDADE

Antonio
costa
não

À
costa
Na
Realidade
Nenhuma
Costa
No
Desgoverno
Do
Leme
Da
Nau
Da
Cidade

Ant oni o do costa n cão dá à c s otan ar e la id ad en e muito homem do vaso do maco do sta no do d es g ove r no da dol e meda e au da cidade
O P É, PRO É Q UE S EN ANTONIO COSTA O V OUTRO GABI RU DO ORE È MES

O
Problema
É
Que
Sendo
Antonio
Costa
Ou
Outro
Qualquer
Gabiru
O
Resultado
É
O
Mesmo

O Pro ob l ema É Q ue S en do Antonio Costa O u O u t ro Q ua l q eu r Gabi ru circulo R es sul a td oe é O me s mo
IS Q UE SAO INC E CO E A BAN NE PR CISA PR OVA TODOS OS Q UE T ROME O S ABE

Isto
Que
São
Incompetentes
E
Corruptos
E
Bandidos
Nem
Precisa
De
Prova
Todos
Os
Que
Trouxerem
Memória
O
Sabem

Is toque ue São inc o mp pet en t es e co rr u o pt os E ban dido sn em pr e cisa de pr ova todos, do os do q eu T ru xe rem da Me mor ia circulo do sab em
N H DI DA DI FER EN NE EN PAR DO OS PARTIDOS PAT E SAO OM Al PAR RID OS, A COM NE

Não

Diferença
Entre
Nenhum
Partido
Pois
Os
Partidos
Partem
E
São
mal
paridos
não
parem
a
competência
necessária

muito cão homem á Difer ença en t ren en homem primeiro, partido, P o is os par id os P art em E a ps soto oto lo ser p en t delta e são m al pa rid os sn cão pa rem aco co pet en cia ne circulo do ess da ária
TAM AM TO V OS Q S AB Q UE EN SE D EVE DEL ES NA ES PERA AR DE DI S TINTO DA PRIMEIRA TÈ DO AGORA DA Al GUM AVE ZORRO FI ZE RAM DA P DO J DE TODOS DO ALTERNE, E O TE MP O PASSO VASO MAIS DOQUE PR OVA

tambem
todos
vós
sabem
que
não
se
deve
deles
nada
esperar
de
distinto
do
que
até
agora
alguma
vez
fizeram
pois

todos
alternaram
e
o
tempo
que
passou
mais
do
que
o
prova

tam b em todos v ó ss ab em q eu n cão sed eve del es n ada es pera r de di s tinto do que a té do agora al gum ave zorro do fi Ze ram p o is j á al te rn aram todos e o te mp o q ue p ass o u mais do q ue o pr ova
PC DOP TO DIAS Q UE SAO CAO CAR NAVAL

por
cima
dos
ovos
podres
de
todos
os
dias
que
não
são
de
carnaval
TE PRIMEIRA DA JUST ILA l EVA LEA aV D AP DO POR CD CO RR PT OS BAN DIDO S

temos
uma
justiça
levada
por
corruptos
e
bandidos
IS TO È PR F AC TO DA ORDEM DOS F AC TO S IN DI SC T IV EL

isto
é
um
facto
da
ordem
dos
factos
indiscutível


por cima dos ovos p odres de todos do os do Dias q eu n cão da são de carnaval, cap car da naval , t emo s um a ju s ti ça l eva da por co rr u pt os e ban dido sis to é um f ac to da o red em do s f ac to sin di serpente cut iv el
EL VASE SE P ASS AR ,PRIMEIRO C RIME E STA NA EMI NE EN CIA DE AC ON T EN SER

em
Lisboa
vai
se
passar
um
crime
um
crime
está
na
iminência
de
acontecer
PRIMEIRO TERRI IV EL C RIME COM SO NS Q UE EN CIAS S FUN EST AS PARA DOS MILHOES

um
terrível
crime
com
consequências
funestas
para
milhões
C HAMA TRAÇO INGLESA SE, PRIMEIRA DO IS TO CONTRA A H UMA NI DADE E PRIMEIO C RIME CONTRA A VIDA

chama-se
a
isto
crime
contra
a
humanidade
e
um
crime
contra
a
vida


em lie da boa, cobra grande, eva primeira do ise p ass ar primeiro c rime e stá na emi ne en cia de ac on tec e rato do rum terri vaso do el do c rime com do co nse q u en cia s
f une sta serpente do para dos milhões, banco, chama do traço da inglesa se primeira do mar do is to do circulo do rime do contra da primeira da humanidade, c rime do contra da primeira do vaso da id a

ESTES BAN DIDOS Q UE MAN TE EM L IS BOA NO PRIMEIRO PER MAN EN TE S EM NE XO CO NSE CA NON EN MACONICA CIA NE EM SEGUR ANCA

estes
bandidos
que
mantém
lisboa
num
permanente
estaleiro
sem
nexo
nem
consequência
nem
segurança
Q UE EN CHE EM ASS SI EM A HAMA DAS DER RA PA GE NS OS BO L S O SAO S Q UE SEREVM E SAO SER V IDO S

que
enchem
assim
nas
chamadas
derrapagens
os
bolsos
aos
que
servem
e
são
servidos
AC DA UAL LI DADE DE VIDA DO S Q UE KI H AB BIT AM E DA SEGUR ANCA

à
conta
da
qualidade
de
vida
dos
que
aqui
habitam
e
da
sua
segurança
ES TAP TAO CIRCULO NA EMI N EN CIA DE D AR PRIMEIRO TERRI IV EL PASSO, E SE TOR NA REM AS SAS SIN OS EM IT

estão
na
eminência
de
dar
um
terrível
passo
e
se
tornarem
assassinos
em
massa
NO S CASOS EM Q UE A INDA O SAO COM O PRO OVA DO MUI TO S O TE MAIOR SI DO E NE EN A TE MO R ES PONSA

nos
casos
em
que
ainda
não
o
são
pois
como
provado
muitos
o
tem
sido
e
nenhum
foi
até
ao
momento
responsabilizado

est es ban dido s q eu man te ml is boa nu primeiro per do mane en te est al e iro s em ne xo ne mc on seque en cia ne em segur anca q eu en ch em ass em na sc hama da s der ra pagens do os dos bolsos a os q eu ser v em e são ser v ido sá conta, da q ual id ad e de v ida do s q eu q au e h ab bit do tam da manha e da s ua segur anca s es tao na emi ine en cia de d ar um terri v el passo, louco, e se tor na rem as sas sin os do no s casos em q eu a inda n cão do circulo da são poris com o pr ova ado mui to s ot e m si d oe n en h um f o ia té a om o men to r es pons bil iza do
DI ZE AS BEST AS AS SAS SIN OS EM IT Q UE DO VAO F AZ E RATO OB BRAS RA SERPENTE DE MEL HOR DO T RATA DAS AGUAS E DOS CONDOS D ES CARGA DO NO DO RIO TEJO

dizem
as
bestas
assasinos
em
massa
que
vao
fazer
obras
de
melhoramento
do
tratamento
das
aguas
e
das
condutas
de
descarga
no
rio
tejo
É AUI KI Q UE S STA COM O TODOS, J AS AB EM CIRCULO CRIME, CONTRA A H UMA NI DADE

é
aqui
que
está
como
todos

sabem
o
crime
contra
a
humanidade
P O IS OS SERES H UMA ANO S N CAO H AB BIT AM NA SG AU S D OS RIO S D OS MARES

pois
os
seres
humanos
não
habitam
nas
aguas
dos
rios
e
dos
mares
ES JECT OS D EVE PE REGRA FI CAR ONDA V IV COM ACONTECE A T ES IRMAS

e
seus
dejectos
devem
pela
regra
ficar
onde
vivem
como
acontece
a
todas
as
espécies
irmas


di Ze ema do serpente best as a sas sin os em massa, it, q eu do vao, mario soares, ps e companhia, f az e ro do ob bras de mel hor am en to do t rata men to da serpentes das aguas e d as dos condo t as dede sc arga no do rio no tejo, é primeira do qui do q eu e stá com do circulo, todos do principe do primeira acento do ab emo do circulo do rime c on t ra primeira homem primeiro da ani dade p o is os ser es homem da ua mn os sn cão do homem do ab da it do bit da am nas aguas dos rios e dos mar espanhol e se us de ject os quadrado eve em pe la regra fi car onda vaso do iv em com do circulo do acontece, a todas as espanholas pe cie espanhol do sir mai ro as

PE ESTE F AZ E RAT Q UE SE S ABE, M Al T RA S CO NSE CA NON EN MACONICAS CIA S DE M ORTE PARA OS PEIXES E FLORA MAR TIM TIM A



pois
este
fazer
que
se
sabe
mal
feito
trás
consequências
de
morte
não
so
para
os
peixes
nem
so
para
a
flora
marítima
mas
tambem
a
nós
e
cada
vez
a
agua
que
bebemos
e
usamos
mais
perigosa
está
e
mais
as
doenças
aumentam
por
essa
via
e
esse
mal
fazer

p o is est em al f az e r q ue se s abe em al feito t rá s co ns q eu en cia sd em orte n cão s o para do os dos peixes ne ms do circulo do para da primeira for mula one ra da form mula one rosa marítima mas t am b ema dos nós e circulo da ad ave zorro da primeira agua q ue bebe emo se usa mo s mai s per i gos a e stá ema si as do en cas au men tam por ess av ia e ess ema al f az e rato
F AZ IS EM FORMA SI DE E XPO DI, É POR NO S SA MER NO COP O DA AGUA Q UE BE EMO S
fazer
isto
em
forma
simples
de
explicar
ou
dizer
é
por
nossa
merda
no
copo
da
agua
que
bebemos

isto não é s ó lou cura é c rime c on t ra a h um ani dade f az e r is to em forma si mp l es de e x p li caro u di ze r é por no s as mer da no cop o da agua q eu bebe mos is to n cão é s ó lou cura é c rime c on t ra a h um ani dade
DU AS VIAS AQUI SE C OLO CAM NUMA DA TRECEIRA Q UE SE MP E STA
duas
vias
aqui
se
colocam
numa
terceira
que
sempre
está
SE C OLO CAM AWUI NEST E X MP IO COM EM MUI MAIS
se
colocam
aqui
neste
exemplo
como
em
muitos
mais
PS SE SEA A JUSTIÇA N CAO É, JU ST TICA O Q UE PRIMEIRA CON NS TATA SAO

pois
se
a
justiça
não
é
justiça
o
que
é
uma
constatação
SOR DO IS CA MINHO OO DA DE CIVIL


resta
dois
caminhos
a
guerra
ou
o
da
desobediência
civil
POR A A K MAR CALA T CLARA MENTE DA DEC ISA

por-se
a
margem
claramente
da
decisao
DE É GARA TIR S OB VI VEN CIA DE TODOS

desobedecer
é
garantir
a
sobrevivência
de
todos
Q UE DE EN TAO DE PA G AR Q UAL Q UE R CO AC TUA A CA SEA DO EL DO ESTE MAL FAZER

que
todos
deixem
então
de
pagar
qualquer
e
toda
contribuição
actual
a
câmara
se
assim
ela
este
mal
fazer
ME DI IRAO N CAO RATO

me
dirão
não
resolve
V OS RATO EM VERDE DADE P O IS N CAO

vos
responderei
em
verdade
pois
não
MAS N CAO F AZ DEC AD A UM CU DE PRIMEIRO CRIME C ON T RA H UMA NI DADE PRIMEIRO H OLO C AU STO

mas
não faz
de
cada
um
cúmplice
de
um
crime
contra
a
humanidade
um
holocausto


du as das vias aqui, da se do c olo cam nu ma y da terceira q eu se mp rato ee stá se c olo cam aqui nest e e x em mp primeiro do circulo de dez com do circulo em mui ts do os dos mais, p o is sea justiça n cão é ju s tica o q eu é uma com ns tata são s ó r e sta do is dos ca do minho sa da guerra, ouo da de s o bid en dica c ive e primeiro por do traço da inglesa se a mae r g en clara mente da dec isa o de s ob e dec e ré
gara n tir a s ob re v iv en cia de todos q eu todos de ix em de pa g ar q ua l q eu re
toda c on ti b ue são ac tua al primeira da câmara se ass em el p ria mira de este
mal fazer, ma al f az ze rato, me di irao n cão r es sol v evo s r es ponde rei em
verde, p o is n cão mas n cão f az dec ad a um cu mp l ice de primeiro c rime
c on t ra a h um ani dade do primeiro do homem do falo do duplo circulo do casuto
AS CE J V OS E X P LIC UE É
a
solução
certa

vos
expliquei
qual
é

a sol vaso da lu são da certa do j á vaso do os e x p lic do quadrado da eu e quadrado da ual, é
ao tribunal penal internacional e ao tribunal que se chama indevidamente dos direitos humanos, esquecendo que direitos tem todos os que vivem na una terra e que trazemos nos grande dano acumulado, e consequentemente maior responsabilidade, peço uma providencia cautelar contra esta acção, e a demissão das bestas que dizem conduzir os assuntos da câmara, , mas que afinal são assassinos em massa como aqui em forma sumaria se fez a demonstração, com condenação nos termos de impossibilidade futura de desempenhar qualquer cargo ou função publica

ao t rib un al p en al inter na cio n al e ao t rib un al q ue sec hama inde vi dam en te do s di rei to s h u manos, es qu e c en do que direito serpentes, universidade, te maior de todos os q ue v iv e mna un primeira terra e q ue t ra ze emo sn os sg rande dan o ac u mula ado, e cin s eu 2 q u en te mente ma sio r r es ponsa bil iade, pe co uma pro vi den cia c au tela ar c on t ra e sta ac sao, e a de emi s sao das bea st q ue di ze em c on du zi r os as sun to sd a ca mara , nma s q ue a fina l são asas sin os em massa com o aqui em forma sum aria se fez a demo sn t raçao com dc o in dena sao no s te r mos de i mp ps o sibil l ia de fur ur a dede se mp penha ar q u q l q e ur da cargo o u fun sao da publica