terça-feira, dezembro 01, 2009


this is a martelo, i say chowingh it in vertical position as a cross, behind the table, mesa, madrid, and also behind the italian sofa of two red wings after showed it in a bed position, close to the lens of the camara canon xl one
t hi is isa sa am sam mar tel circle, isa delta cho double vase un man, it tin see tic al, posi it ton asa cross, circle rat ps ro os behind, be hi ind, t he t ab beá, fr, mesa , mad rid, id dand and al serpente cirle also, be hi ind dt he it t ala alain serpente circle fortress first, of two, ft douvle vase circle red wings, w ing s, a ft teresa rat s ho we di it tin ina bed ps ot ti on vin circle lio se circle ft he, he le en ns o ft , tot, he cam ar a , canon, x l one
this is a mat mar , sea, rell time, tel, rte tele, telephone, communications, el do elo, the one of the limk, sate lite, dsa sat el lite it teresa,
this is a hamer
the man of the morning ham of the sea, or the hamer, of sea morning ham, two thousands and five, give me five
this martelo, had a name on it, santana, lopes.
o quadrado do perfeito, ou seja o quadrado do antonio, o costa, p mar tel circulo do ham da manha do mar da manh'a es
o quadrado do p e rf e it o, o u seja o quadrado do anton t io do costa, p mar tel circulo do ham da manha do mar da man homem da primeira espanhola
....
ouvi eu ontem pelo espirito que tinha dado pelo espirito , a hd, da id do ur de dc, sendo que dois serao em principio os candidatos, o primeiro, o tal do passe da voz gravada no filme, blow up, sobre o qual o espirito me confirmou, estar mesmo gravada, a demonstrar como sao estupidos para alem de bestas, e sendo que ontem nada ouvi sobre o seguimento dest acusaçao, a fazer prova mais uma vez do conluio e cumplicadade das autoriedades portugieses nestas desgraças, e no incendio que depois nessa madrugada em londres se deu, outro que me apaerceu de seguida na tv, em dia seguido, foi a puta dos concursos, o malato, ou lá como a puta se chama, curiosamnete, encaixava tambem, isto na tal conversa do pograma do procurador da tv, onde discutiam na aparecnia a porgramaçao da dita, a outra possibildidade, de id, relativa a dc, se prende, com a imagem da capa hipocrisy is the great luxury, hipo ip p criz dec espanhol, delta, cat rea ra cross lux u x ux ury, russian name, also, e sendo quea serra de madeira , que remete para timberland e tambem canada, que lhe sai da cabeça, na capa, se reflecte ainda no fio da id do cozinheiro, visto que uma dos adere4ços do icaro, era de alguma forma semelhante, a uma serra, como dentes em triangulos de fogo rotativos

o uv i e eu on te mp elo es pi rito q ue da tinha do dado, poker, p elo es pi rito , a hd, da id do ur de dc, s en doque dois, se ra o em p rin cip io os candida atos, o prime iro, o t al do p ass seda v oz g r ava do quadrado do ano do filme do blow up, el eva sao, s ob r o q ual do circulo do once, es pi rito tome c on fi r mo u, es star me sm o g r ava ada, a demo ns t r ar com o sao est u pido s para al lem de bestas, e s en doque on te mna dao uv iso ob br reo se gui men to d est acusaçao, a f az e r p pro rat da ova mais, fr, uma ave z do c on lui io oe cu mp lic ad a de das au torie dad es portu gi eses nest as desgraças, e no inc en di io q ue d ep o is ness a m mad ad ru gada em londres se d eu, o u t roque me ap ae rc eu de se guida na tv, em dia se guido, italia, f oi a puta dos concursos, o malato, o u l á com o a puta se c ham a, cu rio sam nete, en caixa ava t am tambem, is to nata al c on ver sado pog rama do procurador da tv, onda di sc u ti am na ap ar rec ni a ap o r g rama maçao da dita,sado maso, a outra, p os sibil di idade, de id, r el at iva a dc, se pr en dec om a ima ge made ria da capa hipo cris y is t he g rea t l ux ury, h ip o ip p criz dec es pan hol, delta, cat rea ra cross lux u x ux ury, russian na me also, e s en do que primeira da serra de madeira , q ue reme te para tim be r lan d e eta am tambem no canada, q ue l he sa id aida cabe beça, na capa, se ref for mula one le ct e a inda no fi, o da id do c oz in he iro, v is to q ue uma dos ad der e 4 ç os do ica aro, e ra de al gum a forma s emel h ante, a uma serra, com o dentes em t ria ian gulas de fogo rota t ivo s, he lic cop pt t ero

o curioso da imagem da capa deste cd, e que a imagem do bater, que lança chispas como uma serra de corte circular, remete para o generico dopop off, e conseuqentemnte para a zona onde essa imagem fui filmada em noevnta e um, assim e memoria creio, numas obras de manutençao das linhas do electrico, ali ao pe do palacio de belem da presidencia, da esquadrad da policia, e de uma pensao, com escadas em caracol, que pela primeira vez nesssa noite reparei, como eram belas

o c uri osso, da ima ge made ria da capa, revista, de este cd, e q ue a ima ge made ria do bate teresa rato, ps , q ue da lança anka es, chispas, com o uma serra de c orte c irc cu l ar, reme te para o g ene rico dop o p o ff, e co nse eu q en te mn te para a zon, a do dao da onda do quadrado dessa cobra, ima ge made ria f u i fil mad a em noe v n t a e um, as si me emo me mor ia c rei do io, nu ma s o bra s de manu t en sao das linha sd do criculo do electrico, al ia circulo do pedo do palacio de belem da presidencia, da es q ua d rato ad da policia, e de uma da p en sao, com es c ad as em cara roc co l, q ue p el a p rime ira ave z ness sa noite r ep ar rei ei, com o e ram de belas, local, l ocal
continua....
..
.
no
centro
da
teia
casa
habitual
da
aranha
o
homem
da
garra
e
dos
mercedes
de
parta
como
um
que
aqui
no
andar
de
cima
parava
.
..
no do centro, cds, doc c en t ro da ot da teia ad da teresa do is, csa, h ab abi u t al dada aranha
do circulo do homem da garra, é do os mer cede es de p a rta com o um q ue a qui, no anda ar
de c ima para ava
.
..
no
extremo
da
teia
que
o
jornal
sol
trazia
a
puta
mor
socrates
.
..
no e x t remo emo dada ceia do socrates
ne dt q o jr s t ap da puta mor do socrates
oo aa eo ll aa ar socrates
no oe é x cruz remo da te do ia quadrado europeu do circulo do do jornal sol , cruz ra az zorro do ia , a primeira puta mor de socrates
..
.
dele
amigo
como
tambem
vitorino
depois
de
seguida
como
parte
interessada
se
desvelava
..
.
del le dele am mig circulo c omo t am tambem vitorino, vito rino, vaso it circulo do rino do ino, do ep o is de se vaso id da primeria com circulo da p da arte inter ess sada se do quadrado espanol vela lava da primeira ava
d ac tv dd s cp pi is sd quadrado
é o p, os e primeira circulo da te, pro primeira é a primeira
..
.
estarao
bem
defenidas
as
faces
na
teia
..
.
est arao b em d efe nid as às f ac es na teia
e
bd a f n t
om ss sa primeira teia
.
..
ou
nao
sera
on se ra
u circulo da primeira
circulo vaso n cao se ra
.
..
que
quem
manda
sao
os
que
aparecem
nas
bordas
sufecientemente
conhecidos
para
nao
ocuparem
o
centro
da
acçao
embora
a
determinando
.
..
q ue quem manda, sao os q ue ap par rece em e na mna sb o rda s sufe cie en te mn te
c on he c id os do para n ao o cup ar rem do circulo do cds, c en t roda, india, ac dag cao
em bora, a d e te r mina ina anda do circulo
.
..
a
realidade
operativa
das
teias
de
corrupçao
assim
o
demostram
que
quem
oculto
está
é
geralemente
o
mandante
..
.

a ar rea al id ad e p c irc uk lo homem ave eta e rat iva dd das teias d c o r rup dag ap as simo demo st ram
q ue e sta capa circulo do home ave eta e eve ze ira no man do quadrado da ar f az e rato ps
a r rea l id ad é opera rat t iva das teias de corrupçao, as si mo imo demo st ram q ue q ue em emo circulo do oculto
e stá é ge r al lem que mente, do circulo do mandante, home dante
..
.
uma
relacao
de
negocios
indirecto
o
bastante
o
irmao
de
socrates
salvaguarda
om
so
laço
de
sangue
ou
uma
capa
uma
proteçao
..
.

uma do tribunal da relacao, de meg o cio sin di rec ct antonio circulo , o ba st ante do
iram mao circulo hoemm ave eta é s al v a guarda, o us o um la dag o de sangue
pro te sao, uma da capa, uma do circulo do circulo de sangue, del priemrio aço, serpente do circulo do om, s al vaso da guarda, de socrates, de irma mao circulo , circulo ba st ante circulo in di rec to, negocios dente juiz circulo, ft, tf de uma da relaçao
..
.
uma
investigacao
séria
se
a
houver
provara
se
houve
eventual
beneficio
directo
ou
indirecto
..
.

uma in v est tiga ac cao sé ria se da sea da primeira do homem circulo uve rato pro da ova do vara, se homem circulo uve rat eve en tua al , b ene fi do cio do io di rec ct circulo antonio, circulo do vaso indi rec to, hp ps se h e b d o u, ra e el do elo do duplo, oo, do vaso do circulo
..
.

mais
recente
ainda
um
outro
fio
da
natureza
das
provas
se
acrescentou
..
.

mais, fr, rec cente , c en te, a inda, um outro fi do io da ana natureza, das serpentes das porvas, pro ovas ss , ps, sea ac rato ps es sc en t circulo do vaso, au o f dn dp sa, as p dn d f o ua, am amo mo, o a as ss vaso, se a um de um outro, o da as sé eva vaso , mr a um de outro fio dana ur e rato za ad as por ovas se ac rato es sc c en to vaso
..
.
uma
transacao
financeira
com
outro
partido
a
fazer
prova
de
que
a
teia
é
como
sempre
o
disse
..
.

uma t ra ns ac cao financeira, com do outro partido, a f az e rp pr rato pro da ova, de que da priemria da teia, circulo homem ave eta, é cp, renfe, p, cp com o se mp reo circulo di iss se
..
.
da
alianca
entre
diversos
de
distintas
casa
politicas
e
outras
..
.

da al ian anca en t re d iv e r s o s d e di s t i n t a s c asa politicas e outras
aa e dd dc pe o
oe pc dd dea ad
aa e oe sa se es s
s e s ase sea a
..
.
e
de
ramos
diversos
que
cruzam
todos
os
generos
de
negocios
financeiros
..
.

e de ramos, di ver s os q ue c ru uza z am, todos, o s g ene eros reo os de negocios, fina anc e iro serpente
e d r d q c t o g dn f
fn fg o t c q d r d e
e es se ms ss é ss
ss es ss me s s e e
..
.
reedicão
da
velha
linha
da
cobra
capelo
do
leite
do
rego
..
.

ree di cp a da velha, da linha , da cobra c ap elo do leote, do rego, ao pé do chile, primeria do circulo do pedo do doc do chi da ile le
r d v l dc cd l d r
r dl dc cc cd di gita al dc cd primeiro, o do quadrado da ar
..
.
assim
assnaram
eles
mesmo
a
propria
confissao
quando
criaram
a
capa
da
transacao
..
.

as si em ass na aram ar ram deles, del es, me sm o a pro rop da pr ia c on f iss sao
qua ando c ria ram primeria capa da t ra ns ac cao da transaçao,
aa e ma pc q c a c d t
t d c ac q cp a m e aa
mm , s mar tie es, s o aa o om a aa o
o aa am oo a aos sm mm
..
.
temos
então
de
um
lado
o
ps
do
outro
lado
ainda
o
cds
..
.

t emo os ps de então, de um lado, o ps, do outro rol l ad o da pr ie emi mira inda do circulo do c cds dc
..
.

o
primeiro
que
teria
dado
dois
cheques
de
vinte
mil
euros
cada
um
ao
cds
..
.
pro da rop do primeiro, q ue teresa ria dado, poker, ap posta, do is dos dois che q ue e s de vinte, maconio, mi ile ur os
c ad a um, priemira do circulo do cds
op q td dd dc d v m e c u a c
c a u e m v dc dd dt q p o
o oe a os se el da sa da am sam mo s
..
.
o
rapaz
de
ar
clarasil
na
tv
em
seu
dizer
provava
o
contrario
do
que
afirmara
..
.

circulo do ra ap da p do ax de ar clara si l na tv e m s eu di ze r p pro ova ava do circulo do c on t ra rio
doque a firma mara, fi rato mar ar da primeira
o rda ac cn t es sd dp poc cd qa
a q d c o p d s e t n c a d r o
o z e r l a t m u r a oo oe a
..
.
pois

trazia
a
manha
montada
e
combinada
com
paulo
portas
como
se
viu
do
alinhamento
das
duas
declaraçoes
..
.

p o is sj a t ra z ia ap da primeira da am manha montada, e com bina ad a c om paulo portas, c omo
se vi u , do al in h am en to d as du as dec lara dag o es
pj t a am mm me cc pp s vaso do al dd dec lara , russia, ar da raçoes
..
.
que
se
o
dinheiro
tivesse
sido
dado
ao
partido
teria
sido
dado
ao
partido
no
local
..
.

q ue da se do circulo do dinheiro, t iv esse s id o dado, poker, ap posta, primeria do circulo do partido
te ria s id do circulo do jogo, a o p art id o do no l ocal
q s o d t s d a p t s d a p n l
l n p a d s tp ad st td do os sec
..
.
nem
sim
nem
nao
..
.

ne ms si mne em n cao
ns nn
n ns n
mm mo
om mm
s mar tie es
..
.
e
sem
mesmo
explicar
entao
porque
trazem
partes
da
contabilidade
nao
integrada
no
todo
..
.

e s se em me sm o e x p lic ar en tao por q ue t ra az ze em p aret ts da contabilidade, n cao
ine te g rat ad da primeira do ano, to do
esme mex ep pt tp dc nin no t o do quadrado do circulo
emo rat oe em m s a eo a oo
..
.
visto
que
existem
regras
a
que
sao
obrigados
pela
lei
do
financiamento
.
..
vi st o q ue é xis te em mr e g ra sa asa q ue sao ob br rig gados p el a l ei do fina anc cia ia am men to
v q e r a q s o p l d f
f dl p os q a r e q vaso
oe ms a e os a io do circulo do financiemento
.
..
e
grande
a
festa
local
certamente
.
..
é g rande, primeira festa , f es sta l ocal ce rta tam am que mente
e g a f l c
c l f a g e
elaa ee
ee a al e
.
..
parece
aqui
exisitir
.
..
par rece cea da primeria do ki aqui, é e xis it tir
pa e
e ap
ei rato
rato ie
.
..
forte
indicio
entao
de
por
as
contas
nao
estarem
em
ordem
mais
sejam
as
rubricas
ainda
nem
detectadas
f orte in di cio do io en tao de por às das contas, n cao
est ar rem em ordem mais, fr, sej am às ru ub bric as a inda ane em det tec t ad as
fi ie é quadrdo dp , p ac cm me é circulo do onze da ms ar a n d
e o oe r s s o mm ms ms s a m s
sm as sm sm mm os s r e o oe
paulo
portas
dera
antes
um
preciso
retrato
do
ladrao
orgulhoso
que
é
paulo prtas der ra ant es im pre ,olotar ciso, dente juiz p. re t rata do ladrao orgulhoso, qi ie c h ave eta e
paulo portas der ra aa primeira ant es de um pre do ciso, juiz dente, rato ps eta tata rata, dol ad ra circulo do ladrao , circulo rato do aro gata vaso primero osso, quadrado do ki do ie, circulo home ave eta é
pp d a u p r d l o quadrado, é
é e ooooo, circulos da ester l, om ms as circulo
depois
da
palavra
ter
interpelado
sobre
a
vossa
funcao
logo
alguns
comecaram
a
receber
parceiros
sociais
d ep o is sd a pal av ra teresa rato inter rp el ad o s ob rea av os sa fun cao do logo al gun ns com meca eca caram
priemira a receber, rece b e rato parceiros sociais, rato par rc eiros ei os soc cia is
dd dp pt it sa vaso for mula one do ac car da ar do ps
no
final
de
uma
no fina al de uma, n f d c, o l e primeira
nao
se
coibiu
de
chamar
sua
do
cds
a
proposta
de
avaliacao
n cao da vesica se c oi bi u de c ham mar ar s ua s ia do cds, ap rop ps sta de ava lia ac cc cao
n s c d c s d cap quadrado da primeira
oe ue ra o s a a é circulo
cuja
pertenca
historica
a
muitos
cabe
cu j ap p per rt en ca hi st toi rca a am mu it os c abe
cp h a m c abe
es aa aa
aa aa se
cm a hp cu j a
e
nao
recordo
eu
pelo
contrario
naqueles
tempos
idos
de
alguma
vez
o
cds
ter
defendido
os
conselhos
pedagogicos
e n cao record o eu p elo conta ar rio rato do io naqueles tempos, id os de al g dag uma ave zo cds
teresa d efe en dido, os co nse sel ho os ped dag o gi cos
en rep cn t i d av o c t d o cp
ss so r s za é ss s oo u o oe
e oo u oo sss e az o s r os ss
como
reguladores
por
excelencia
da
escola
com o reg gula ad dor es por e x cc cel el en cia da es c ola
c r p pede
e d ep reguladores circulo
oes ra aa
aa ar serpente circulo
da
mesma
forma
que
nao
oiço
da me am me es ma for dag a q ue n cao do oico, ong
d m f q no
on q fm d
aa a e oo
o oe aa a
ninguem
dizer
se
esta
contemplado
nin gume di ze rato se e sta cin te mp l ad o
nd sec
ce sd nin
é rea circulo
o
obvio
em
quem
nele
tem
direiito
de
pertencer
inteiro
e
decidir
na
autonomia
das
escolas
o ob ivo em q ue em nel te m di rie it o de per t en cer o inte rio e deco do d ar dec id i rn a aton om ia
da s es c ola serpente
circulo ob vaso do io em q ue maior nele, te made ria direito, fac, di rei ei it circulo, de per rt ten ser inte iro e dec id di rato rna at ton om mia ia
ou
esqueceis
e
preferis
nao
responder
vossos
proprios
filhos
segando
que
eles
sejam
capazes
de
avaliar
cada
um
a
sua
maneira
os
seus
professores
o u es q ue ce is e pre efe r is n cao r es pe it ar v ossos pro p r io s fil h os ne gan doque deles, d el es, sej am
c ap az es de ava al ia ar c ad a um, à s ua mane ira os se us pro rof esso rato es
c ur rio io sam am que mente do circulo do ra ap da p az, o da fr en top tinha pro rof e rid , i d circulo, uma
eni gm a tica dec lara dag cao, rui, russia
que
o
fogo
poderia
emergir
de
novo
q ue do circulo do fogo, pode der ria em mer gi r de en ovo
q do circulo do da fp do pe do dn
n de ep p f o q, foc
e oo ar reo circulo
como
mais
tarde
nos
pauzinhos
do
viaduto
em
espanha
c omo mais, fr, t arde ns o p au z i on h os do via ad u to em espanha
cm t n p d v e e
ee v dp n t mc
os es s o m a
como
se
oferecesse
paz
dizendo
e
relembrando
que
tinha
isqueiro
e
pelos
vistos
alguem
o
acendera
c omo se o fere c esse p az di zen d oe r el em br a b d o, brando, q ue da tinha do isqueiro, é oe p dos elos
vi st os al k g u emo ac en der ra a
c s o p der q tie ova vao ps a
a o a v oe it q r e dp o s c
oe e zo e oe a oe es ss sm mo a
assim
vai
a
guerra
a
ausencia
de
um
estado
de
direito
..
.
as si em v aia prmeira guerra, a au use en cia de um estado, o de direito
av ava priemira gata da ad do quadrado da ue dd
dd é um da a g ava
mia aa a em mo e o
oe om e a a aa em
..
.
guerrilhas
acertos
vingancas
de
sangue
..
.
guerrilhas, g ue rato rr ilha s acertos, ac e rt os das vin gan ancas e san g ue
g av ds
sd v a g
ss s e e
e es ss
..
.
depois
a
linha
do
financiamento
introduzira
um
terceiro
personagem
..
.
d ep o isa primeira da linha,, do fina anc cia ia am men to int rod uz ira um te rc e iro persona ge m
d al d fi vaso tp
pt u e f dl ad
sa
a oo am om
mo ma oo a as
a vesica ov, isi isso da nata al natal
coissora, co oi iss sora
..
.
destacado
centrista
que
recebera
dez
mil
na
qualidade
de
advogado
do
arguido
cujo
nome
vem
das
pedras
..
.
d est ac cado, br, c en t rato do ista, q ue rec se be ra dez mi l na qua li dade de ad vaso do gado
do ar guido cu jo no me eve vaso em made ria das ped ra serpentes
dc quadrado rato dez mi primeria n quadrado kali de ad dd ar guido cu jo no vaso dp
..
.
o
penedo
..
.
circulo do pen ene ned circulo
op oo
..
.
talvez
mesmo
da
zona
da
familia
da
teresa
..
.
t alvez me sm o da zon ad a familia da teresa
cruz al vaso e zorro me sm moda da az zon ad da primeira f am milia da teresa
cruz maio quadrado zorro do quadrado da familia a teresa
zo aa aa aa
td f d z d m t
tm d z d f dt
..
.
do
que
se
pode
deduzir
..
.
do que da se da pode dedo vaso uz zorro da ira ia ar do rato
..
.
temos
uma
relacao
entre
o
ps
e
o
cds
protagonizado
por
socrates
e
pelo
paulo
portas
tendo
o
cds
recebido
dinherio
pelo
operacional
dos
dois
..
.
t emo s uma do tribunal da relacao, en t reo circulo do ps é do circulo do cds, pro ota tag oni iza ad o
por do socrates, e ep do elo de dez do paulo portas, t en do do circulo do cds rec cebe bid id do circulo do
dinherio, p elo pera rac cio em al do os dos dois, socrates e paulo portas
..
.
e
o
pagamento
a
um
do
cds
na
aparente
qualidade
de
advogado
..
.
é circulo do pagamento, a um , do cds, na ap par rene en net qua kali li dade, de ad vaso do cio do circulo do gado
e o p a u d c n a q d a
ad q a n c d u a p oe
e oo am o sa ee é o
..
.
para
quê
pois
presume
se
que
a
representacao
alvo
desse
pagamento
foi
anterior
a
esta
acusacao
..
.
para do quadrado ue maconico cop oi is pre es s um me se q ue da primeira ar da ep pre es s en tacao, alvo, do quadrado da cobra desse pagaemnto, fo, do oi ante rato ior, antonio costa, ra, priemria desta sa do ac da acusaçao es , s ap pan hi da ola
..
.
que
problemas
teve
entao
o
homem
que
financia
o
cds
e
faz
aparentes
negocios
com
o
irmao
de
socrates
para
necessitar
de
um
advogado
que
recebe
dele
como
o
seu
partido
recebeu
..
.
q ue pro ob l ema serpentes da teve, cruz eve, en tao do circulo do homem, q ue fina anc ia do circulo do cds
e f az ap par ren t es negocios, com do circulo do irmao, de socrates, para ne c ess sita it tar da ar de de
um ad vaso do circulo, o do gado , q ue rec cebe dele, c omo o s eu p art id o erc se do beu, cao do segundo europeu
quadrado da p da pt teve, da cruz eve do en do circulo do homem quadrado do ue fina, it, ac ds se f az ap dos negocios com do circulo do irmao de socrates pn citara de um da ad quadrado da ue rato, dele, del el le do cos pr
..
.
de
que
se
fala
exactamente
aqui
de
que
genero
de
transaçao
que
nem
de
preposito
como
de
costume
nestes
veus
destas
putas
ficou
escondido
na
informaçao
sobre
o
assunto
..
.
deque da se do sef ala do fala,es, e x ac cta tam am que mente, prmeira do ki aqui, deque do g ene ero
de transaçao, q ue ne made riade pr ep posi si it to c omo mode ode cos t um me nest es dos veus, vaso eu us sm do quadrado das etas serpentes destas putas, fi co vaso es conde dido na e em in fom oma maça om, s ob br reo do circulo do assunto, ass s un to, cruz circulo
..
.
caiu
a
ponte
de
entre
rios
tendo
no
inicio
deste
texto
aparecido
a
palavra
arieiros
..
.
ca e ua da primeria da ponte, de en cruz re rio os cruz en do no do quadrado de este te x to ap pare rec id circulo da priemira da ap pal av rato ari ei irs iro serpente
c ap de r t n i d t a ap a
ap a a t d in t r e d p ac
ua ee es oo oe oo a as
..
.
agora
caiu
uma
outra
que
espelha
nomes
do
aparelho
do
ps
e
de
ex
ministros
..
.
agora
caiu
uma
outra
que
espelha
nomes
do
aparelho
do
ps
e
de
ex
ministros
..
.
agora ca eu uma outra, rac quadrado da ue es sp p el homem da primeria , no om me es do ap par ar rato ps el ho , o do ps, e de é x ministros, min is st rato os
ac u o quadrado do en quadrado da ad do pede maio
au aa e as oo os se e x serpente , dez
..
.
e

sobre
socrates
usando
a
mesma
capa
o
irmao
se
levantaram
suspeitas
..
.
é j da acento da primeira serpenet ob br rato socrates, s usa sand circulo da priemria am es sm ma primeria ac da capa, circulo do irmao, se revista, se l eva van t aram s us sp pe it as
e js s ua mc circulo iramao, s l s, sis, serpente pr ie emi mira ad da dupla
..
.
que
deveriam
ter
sido
esclarecidas
em
toda
a
sua
extensao

muito
tempo
atras
..
.
q ue do d eve ria am teres rato s id o es clare rec cidas em toda da primeira s ua e x t en sao, cab elo s, h acento primeria mu it circulo atras, te mp cio circulo ar ra serpente
q d t s e e t s e h m t a
quadrado di ina mi c t rac kin g ts see e cruz se homem hm cruz primeira
..
.
recordai
vos
freeport
outlet
mr
smith
londres
bombas
outra
margem
alcantara
dentes
dentadura
branqueamento
e
muitas
outras
linhas
aqui
constantes
no
Livro
da
Vida
..
.
rec cor rda ai vaso os fr ee ep p o r t o u t le t do mr sm it h de londres bombas, o u t ra mar ge em ema
al can tara d en t es dentadura, quadrado en t ad ur rato br anq ue am en t oe mu it as de outras linhas, saqui
sa da priemria do ki aqui, co ns st ant es no L iv roda david primeria
r v fr o m r sm londres bombas, oma mar al can tar primeria ad dos dentes e da d en t ad ur a
br anq ue am en to em mu it as outras linha s a qui co ns t ant e s no L iv roda V id a
rato vaso fom serpente primeiro b om oma ad dd db be emo mol ola la ac cn l d v
vaso quadrado angulo co digital z ero, um z ero, om me ba ad dd am amo b priemrio sm mo f ur
is tt, is ++ rato home ss am asa oe ss s iso o aa
..
.
o
que
prova
que
a
teia
está
bem
blindada
coberta
necessariamente
por
muitos
..
.

o q p q a t e b b c n m
m n c bb e t a q p circulo
oe a e a a acento primeira me a es
circulo do q ue do pro da ova do quadrado ei europeu da primeria da teia, te ia, e sta acento primeira da segunda em blin dada, co ob berta segunda rta, ne c ess saria ria am que mente por muitos, por mu it os
..
.
e
da
substancia
dessa
imagem
retiro
eu
a
infiriçao
da
possibilidade
que
seja
o
que
esteve
na
base
desta
acusaçao
..
.
é do quadrado da primeira da substancia, veneno, s ub st tan cia circulo ia de ess primeria ema ge mr e tiro, cruz iro, eu da primeira em fi ric rato da sao, da p os sibil bil li id ad e quadrado europeu do seja, o que esteve na base desta acusaçao, circulo do que es teve na b ase de sta da acusaçao, ac cu da usa ac cao da acusaçao
e d s i r e a i d p q s o q e n bd a
é quadrado ds sir ire rea id dp quadrado serpnete soc circulo do quadrado en bd a, banda de s en h ad a, ap da primeira
..
.
contudo
e
sem
nada
nao
habati
eu
nenhum
sobreiro
..
.
circulo em tudo, é es se mna ad da priemira ana circulo n cao hoem aba ba ti, europeu ne en homem primeiro sobreiro, serpente ob br reo do circulo do ei iro da en gui a
c e s n n h en s
sn e h n n s e c
oe mao e u omo
om u io am me é circulo
..
.
a
minima
inteligencia
dita
e
mostra
sempre
que
quem
isto
manda
e
ordena
o
acto
por
via
de
terceiros
..
.
priemria am mini ima intel lige en cia da dita, é ms ot ra se mp rec ue q ue mi st o
man d a e o r dena o do acto por via det te rc ei rato ps do os
am id é ms qq do ki, me o o ap vaso dt
td vaso p a o oe m i c q s m e dita intel min primeria
..
.
assim
tentam
os
bandidos
a
sobrevivencia
até
serem
demasiaos
os
cadavares
que
aparecem
a
boiar
..
.
ass si em t en tam am os ban didos, quadrado id os, primeira seprente ob br e vaso iv vaso en cia , primeria te acento,se rem de ema si ia os os ca ad ava ares rato es q ue ap par rec cem ema ab boi ia da ar
a t iba s a s d o c q a ab
ba a q co d s a sa bota
mm s sa a é ms s s e ma r
..
.
continua....