segunda-feira, fevereiro 19, 2018

2018 02 18


Must i as if one of the main criminal purposes on many of these recent illusions that are also and first crimes, is not the erasing and veil, of the recent major robbers that they have done, namely the old Portuguese newspaper supplement, BIT BIT, that as you all know, for a side, is a prof of the robber of the concept of credit cards, ATM, and also reflect by y analyses already published long time ago, aspects connected with the 911 itself.
 This newspaper has been robber meanwhile as I discovered recent, and was robber from my house, which means always the same Nazi criminal process with infections that facilitate these kind of robbers and of course, this robber also configures the existence of again criminal hidden agreement between the ones that robber it, and the ones involved on the robber of these concepts, one of the major concept’s robbery during all my life.
I still infected with pains as normally these Nazis does in these last already 11 years that this crime of international conspiracy is going on.
I demand these peoples in front of a court!

an extract of this video sinopse, incomplete

Da realidade nazi deste crime nos dias de anos de meu filho Francisco

De ontem dia 17 para hoje dia 18 de Fevereiro de 2018, dia ou dias do nascimento de meu filho Francisco de quem nada sei desde 2007, nem sei ao certo do dia do nascimento pois com vos disse creio que terão trocado a data na certidão de nascimento provavelmente para esconder os crimes durante o parto, que como sabeis passados todos estes anos continuam sem respostas e cobertos também pela ordem dos médicos que nunca responderam nem respondem a muitos outros crimes igualmente fundamentados.
Até o dia do nascimento de meu filho foi trocado, nestes crimes contra ele e a minha pessoa
Pois a certidão diz 18 e eu estou convencido que ele nasceu a 17, mas isto é normal num crime de conspiração internacional que sempre visou o roubo dele para entre outros objectivos obterem assim a minha escravatura e tudo me roubarem.
Dos crimes sádicos e de impedimento neste aniversário dele se vivo estiver
Passei o dia de 17 para dezoito a tentar por o sistema operativo a funcionar, talvez umas vinte reposições a partir da imagem de sistema, até terem dado cabo dela, pois um novo crime que nunca vira, foi feito no teclado, que como sabeis tem visado para me impedir nomeadamente de escrever, primeiro a tecla space e agora uma só letra que não funcionava, o, A, letra presente em quase todas as apalavras em português.
A tecla, A,no teclado ao lado do c ap do ps do lince, devo pressumir, encravada, ou sugestões de leituras feitas através e por crimes que mõem a vida, a paciência e matam, em soma
Sadismo, puro sadismo que são actos e crimes Nazis, que servem também para fazerem construções, pois a soma na luz dos assuntos em quadro não será a quem acompanhe meus escritos difícil de fazer, space, espaço, NASA e queda de aviões, e agora, A, a letra que no teclado Qwertz se encontra ao lado do caps locks, ou seja passível de declinar em cá, circulo da ap, do Porto, do PS da lock, ou locke, ou de uma fechadura, a ser esta a proposta de leitura resultante destes contínuos crimes, do lince, pois esta é a id que tem sido associada a fechadura, ou ainda primeiro do ângulo ck, ou Mercedes, ou ainda” mer ou “mar”, da CEDES”, ultimas linhas referentes à more de Belmiro, ou do circulo da serpente da Kapa, grupo de jornalistas filhos da puta como quase todos desta classe de vergados e criminosos e assassinos, ou do grupo das discos K.
Convêm aqui explicar para quem não esteja sujeitos a este elevado padrão de crimes informáticos, que teclas presas e teclas lentas, e de repetição, e outras variações fazem agora parte do sistema Windows 10, ou seja e como sempre ou montam eles mesmo a leitura ou terceiros assim as enquadrou ou enquadra como sempre em algo real, como estes factos que dão suporte ao enquadramento desta leitura, por assim dizer, ou melhor explicado, da lógica interna e sustentada dela.
Canalhas nazis sem escrúpulos, alguns ainda dirão aos pássaros, que é para me entreterem, com todas as construções meias fantásticas e na maior parte das vezes cheias de falsidade e de propósito de morte.
Num país onde ninguém me diz uma palavra desde 2007 que seja sobre o meu filho, se está vivo ou morto, passaram por cá ontem meus pais por um breve instante, muito abatidos os achei, e a única coisa que ele me disse é sempre a mesma merda do costume, mais um papelinho da EDP aparentemente a pedir leitura do contador, ou outras leituras que assim o obrigam a me trazer em forma de recados diagonais, visto que os crimes provados sobre a EDP e a EPAL, a essas acusações demonstradas sem margem de dúvida, ninguém responde, nenhuma linha, nenhuma justiça, mas como seria de esperar o contrário num país na mão de canalhas nazis!
E isto, sempre numa realidade deste crime onde até os filhos da puta nazis trazem controlo e acesso ilegal a minha rede eléctrica de casa e usam estas técnicas para tortura e criar dolo e danos físicos e neurológicos e pulmonares e de outras naturezas, como tenho vos mostrado ad infinito.

Sem comentários: